Vous êtes sur la page 1sur 2

Tá chegando

a hora
1

Foto Shutterstock
Nos dias que antecedem o parto, você pode ficar
mais inquieta e sentir desconforto para dormir.

2 Às vezes ocorre também um leve desarranjo


intestinal, que não chega a ser diarreia, mas que
pode levá-la várias vezes ao banheiro.

3 A pressão que o bebê passa a fazer na parte de

Não se
baixo do útero pode provocar a perda do tampão
mucoso, uma geleia transparente, que às vezes vem
com traços de sangue.
preocupe
4 Você começa a sentir contrações mais intensas
(barriga endurece), que podem ser doloridas ou
não. A sensação é parecida com cólicas menstruais.
É normal sentir-se insegura em
relação ao seu bebê, ter medos e
fantasias. Isso significa apenas a

5 Essas contrações, ainda sem regularidade,


indicam que a hora está se aproximando, mas
ainda não constituem o trabalho de parto.
adaptação a um novo membro da
família e ao seu papel de mãe.

6 Você pode ter a sensação de vontade de ir


ao banheiro. É um sinal de que o bebê já está
encaixado, e que o parto deve acontecer em até
4 semanas.
É importante
7 A bolsa pode se romper: nesse caso, a sua roupa
ficará molhada. Por um momento, pode pensar
que urinou, mas o líquido amniótico normalmente
buscar orientações
sobre os primeiros
é incolor e escorre sem parar. Se a bolsa romper, vá cuidados, a amamentação
O programa Primeiríssima Infância é uma iniciativa que tem o objetivo para a maternidade imediatamente.
e os seus direitos,
02
de melhorar a qualidade de atendimento às gestantes e às crianças até os

8
3 anos de idade. O programa busca mobilizar a prefeitura, os profissionais
e a comunidade para a importância dos primeiros anos de vida. Está na hora: a barriga endurece e as contrações dentre eles o de ter um
acontecem a cada 10 minutos, ritmicamente.
acompanhante durante
Gestação
Programa Primeiríssima Infância. Vale uma vida toda.
E uma nova cidade. Podem ser dolorosas ou não, depende de cada mulher.
Este folheto pode ser reproduzido livremente. Quando o intervalo entre elas for de 5 minutos, é o parto e a licença
Para ter acesso aos arquivos, entre em contato com a Fundação Maria sinal de que já começou o trabalho de parto. Nesse maternidade.
Cecília Souto Vidigal: www.fmcsv.org.br
momento, também se inicia a dilatação do colo do Informação para os nove meses
Para mais informações, procure os serviços de Saúde de sua cidade. útero e da bacia. Hora de ir para a maternidade! mais importantes da vida

02_Gestacao2014.indd 1 8/15/14 9:57 PM


1º trimestre 2º trimestre 3º trimestre Como o bebê
O que muda no corpo O que muda no corpo O que muda no corpo se desenvolve
↳ SONO: você pode sentir sonolência durante o ↳B
 ARRIGA E SEIOS: a chamada altura uterina, ↳ “Meu bebê está se mexendo menos”: Nesse 1ª à 6ª semana: o embrião sente as condições
dia, o que é normal. Isso acontece por causa dos medida pelo médico/enfermeiro no consultório período, o bebê se mexe menos por ter menos espaço. físicas e emocionais da mãe. Sente a voz dela e os
hormônios da gestação. com uma fita métrica, aumenta. Os seios Ele vai se encaixando para nascer e a mãe, mais batimentos cardíacos.
crescem bastante. acostumada com a gravidez, já não o percebe tanto.
↳ E NJOOS: às vezes, as náuseas e vômitos começam 7ª semana: apresenta dois hemisférios cerebrais,
a partir do segundo mês, quase sempre ↳M
 OVIMENTOS DO FETO: ajudam a mulher a ter ↳A
 larme falso: a mulher pode confundir as braços, pernas e fendas nas mãos e pés, que
pela manhã. E costumam acabar quando as certeza de que o bebê está bem e ativo. contrações preparatórias com as contrações de serão os dedos. As estruturas do ouvido também
modificações corporais ficam mais evidentes. trabalho de parto, que são mais fortes e frequentes. estão em desenvolvimento.
Caso os vômitos sejam muito frequentes e O que muda na cabeça
intensos, é preciso procurar ajuda médica. ↳ Sono de novo: no final da gravidez, o sono em 10ª semana: é considerado um feto e tem vários
↳R
 eação ao chute do bebê: pode ser gostoso, excesso costuma reaparecer. órgãos presentes (cérebro, pâncreas, intestino,
O que muda na cabeça mas também pode gerar certo incômodo. apêndice, rins, fígado, pulmões), mas não
↳ Hora de diminuir o ritmo: inchaço nas pernas completamente desenvolvidos.
↳ “ANDO MEIO DESLIGADA”: você pode ficar ↳M
 ais temores: preocupação natural e cansaço quase sempre obrigam a grávida a
mais retraída, voltada para si mesma. Isso é em relação ao bem-estar do bebê e riscos reduzir um pouco as atividades. Aumenta a 12ª semana: mede cerca de 6 centímetros e pesa
bom porque garante o repouso necessário ao determinados pela gravidez. frequência de idas ao banheiro e é bom dormir por volta de 14 gramas. Tem rosto com olhos,
organismo e representa uma oportunidade de de lado com almofadas entre as pernas. nariz e boca definidos. Os dedos estão separados.
conectar-se mais com o seu bebê. ↳ “ Sou eu no espelho?”: há um descompasso
entre a imagem que a mulher tem de si e as O que muda na cabeça 16ª semana: o feto mede cerca de 10 centímetros
↳ INSÔNIA: aparece às vezes como expressão mudanças no corpo. Ao movimentar-se e tentar e pesa em torno de 80 gramas. Seus órgãos
de ansiedade causada pela gravidez. vestir roupas usadas antes da gravidez, você ↳ Preocupações: estudos indicam que as continuam a se desenvolver e o sistema
percebe que o corpo mudou de fato. principais preocupações com o bebê são relativas circulatório se aperfeiçoa.
↳ TEMORES: é comum ter receio que ao nascimento prematuro. Se essa também
a gravidez resulte em problemas com o bebê ↳A
 descoberta do sexo do bebê: as é uma preocupação sua, converse com o seu 20ª semana: já tem aproximadamente 16
ou com você mesma. expectativas do casal, de ter uma menina ou um médico, que poderá tranquilizá-la. centímetros e pesa em torno de 260 gramas. Seu
menino, provocam sentimentos variados. Caso corpo é coberto por uma substância oleosa e
↳ REVENDO AS RELAÇÕES: muitas mulheres a criança não seja do sexo desejado, existe um ↳ Medo do parto: a proximidade do parto traz branca, que protege a pele e facilita a passagem
repensam a relação com a própria mãe, período de ajuste. É bom lembrar que sempre preocupações quanto a riscos e dificuldades no pelo canal do parto. O bebê suga o dedo e
analisando aspectos negativos e positivos. é possível optar por não saber o sexo do bebê parto. Conhecer as fases do trabalho de parto movimenta-se ativamente.
antecipadamente. ajuda muito a passar por elas.
↳ ENTENDENDO-SE COM O BEBÊ: entre o 2º e 3º Ao final 24ª semana: mede cerca de 30
mês, algumas gestantes passam pelo processo ↳C
 urtindo a gravidez: a diminuição do ↳ “Será que vou conseguir?”: o desejo e a dúvida centímetros e pesa em torno de 1 quilo. Todas
de aceitar a presença de outro ser dentro de si. desconforto físico (sonos e enjoos) proporciona sobre a capacidade de cuidar da futura criança são as principais estruturas já se desenvolveram.
Por um lado, sentem-se fortes e poderosas, por a você uma maior tranquilidade. Você também emoções que se intensificam no final da gestação. Agora só precisa crescer, aumentar de peso e
outro, assustadas. Com a evolução da gravidez, já estará mais acostumada com a presença do amadurecer os órgãos.
essa convivência vai se harmonizando. bebê, se sentindo mais autoconfiante e plena. ↳ “O bebê está chegando”: o enxoval, as reflexões
sobre o nome e o rosto do bebê são pensamentos Uma gestação normal dura, em média,
presentes. Aproveite todos os momentos. 40 semanas.

02_Gestacao2014.indd 2 8/15/14 9:57 PM