Vous êtes sur la page 1sur 12

SINTAXE

Uma breve Revisão:

Frase:
Todo enunciado de sentido completo capaz de estabelecer
comunicação.
Ex: Todos os alunos saíram cedo.

 Frase Nominal: Quando construída sem verbos.


Ex: Esse jardim é belíssimo!

 Frase Verbal: Quando construída com verbos.


Ex: O balão subiu!
Oração:
Enunciado que se estrutura em torno de um verbo ou locução
verbal.
Ex: Rosana terminou a leitura do livro.

Período:
Período é a frase organizada com uma ou várias orações.

 Período Simples: Formado por uma oração.


Ex: Uma forte chuva cairá daqui a pouco.

 Período Composto: Formado por duas ou mais orações.


Ex: O sol surge radiante e anuncia um novo dia.
Sujeito e Predicado:
Termos essenciais da oração
 Sujeito: É o termo da oração sobre o qual se declara
alguma coisa.

 Predicado: É aquilo que se declara a respeito do sujeito.

1. A Cirurgia foi um sucesso.

2. Antônio correu na maratona anual.


Estudo do sujeito:
Núcleo do sujeito:
Quando o sujeito é formado por mais de uma palavra, damos o nome
de núcleo à palavra mais importante, aquele que constitui a base do
sujeito.

Ex: Um bando de pássaros sobrevoava a cidade.

Ex: Os jovens usam muitas gírias.

Ex: Eles foram embora bem cedo.

* O núcleo do sujeito pode ser um substantivo um pronome. *


Classificações do Sujeito:
 Sujeito Determinado: quando é possível determinar que
elementos da oração funciona como sujeito.

 O Sujeito determinado pode ser:

 Sujeito Simples: Quando apresenta um só núcleo.


Ex: As enfermeiras atenderam à emergência.

 Sujeito Composto: Quando possui dois ou mais núcleos.


Ex: Enfermeiros e médicos trabalham em conjunto.
Classificações do Sujeito:

 Sujeito Desinencial: Quando o sujeito pode ser


identificado pela desinência dos verbos.

Ex: Cheguei em casa!


Ex: Estou livre!

 Sujeito Oculto: Quando o sujeito pode ser identificado


pelo contexto.

Ex: O menino desceu do ônibus, entrou em casa e ligou a tv.


Classificações do Sujeito:
 Sujeito Oracional: Ocorre em períodos compostos em
que uma oração desempenha a função de sujeito de uma
outra oração.

Ex: Comer demais faz mal.

Ex: É necessário que você fale a verdade.


Classificações do Sujeito:
 Sujeito Indeterminado: Quando o verbo está na 3º
pessoa do plural, sem indicação de sujeito na própria
oração ou no contexto.

Ex: Mexeram nas minhas coisas na hora do intervalo.

Ex: Picharam o muro ontem a noite.


Classificações do Sujeito:

 Verbo na 3º pessoa do singular

Se
(índice de indeterminação do
sujeito)

Ex: Precisa-se de um professor de violão.

Ex: Vive-se bem no sul do país.


Classificações do Sujeito:
 Oração sem sujeito: Tem apenas predicado e é formada
por verbos que indicam fenômenos das natureza e
tempo decorrido, além do verbo haver, com sentido de
“existir” ou “acontecer”.

Ex: Amanheceu!
Ontem, choveu o tempo todo.

Ex: É meio dia.


Faz cinco horas que não o vejo.
São 6 horas!

Ex: Há vários convidados no salão.


Houve manifestação nas ruas.
Estudo do Predicado:
O predicado de uma oração, conforme o tipo de verbo que
o compõe pode ser:

 Predicado verbal: É aquele que tem como núcleo um


verbo significativo (transitivo ou intransitivo).

 Predicado Nominal: É aquele que apresenta verbo de


ligação e predicativo do sujeito. Seu núcleo é um nome, o
predicativo, termo ligado ao sujeito.

 Predicado Verbo-nominal: É aquele que possui dois


núcleos: um verbo e um nome, o predicativo.