Vous êtes sur la page 1sur 7

MATERIAIS CERÂMICOS

DEFINIÇÃO
Compostos sólidos, formados pela aplicação de calor, algumas vezes calor e pressão,
constituídos por ao menos um elemento metálico e não metálico, ou dois não metais.
Exemplos: Na2O, MgO e Al2O3.

CERÂMICOS TRADICIONAIS
As cerâmicas podem ser divididas em cerâmica tradicionais, englobando produtos silício-
aluminosos, de baixo custo, que são elaborados a partir de matérias primas naturais.

 Cerâmica Vermelha (argila expandida)


 Materiais de Revestimento (Piso)
 Cerâmica Branca (Louça Sanitária)
 Refratário (Revestimento de Forno)
 Fritas e pigmentos
 Abrasivos
 Vidro, Cimento e Cal

CERÂMICOS VERMERLHA
São os materiais de coloração vermelha, com presença de oxido de ferro, empregados na
construção civil (tijolo, blocos e telhas).

MATERIAS DE REVESTIMENTO
São os materiais aplicados na construção civil para revestimento de paredes e piso

CERÂMICA BRANCA
São obtidas através de argilas quase isentas de oxido de ferro, compostas por feldspato,
caulim e quartzo, dando a coloração entre branco a rosáceo. São aplicados em louça
sanitária e decoração.
REFRATÁRIO
Este grupo tem como finalidade suportar altas temperaturas em condições específicas de
processo e operação, podendo ser aplicados em cimentos, ligantes e massa de socar e
plásticos. São classificados pela sua composição química, forma e transmissão de calor.

 Refratários Isolantes (Densos >1435c)


 Isolante térmicos não refratários (Leve <1100c)
 Fibras ou lã cerâmica

FRITA
É composta por vidro moído, a partir da fusão da mistura de diferentes matérias primas,
para compor esmalte cerâmico.
Observação: o vidrado ocorre a partir da fusão do esmalte.

PIGMENTOS
São pequenas partículas que são insolúveis no meio ao qual é incorporado, dando-lhe cor.

ABRASIVOS
São usadas para desgastar por abrasão, esmerilhar ou cortar outros materiais, os
principais abrasivos encontrados são o diamante e o carbeto de silício.

VIDROS E VITROCERÂMICOS
Os vidros são compostos por óxidos (SiO2, CaO, Na2O);
Os vitrocerâmicos são vidros que foram transformados de um estado vítreo para um
estado cristalino (50% a 90%) mediante a tratamento térmico em altas temperaturas, e
a esse processo dá-se o nome de Desvitrificação.

VIDROS E VITROCERÂMICOS
O vidro é uma substância inorgânica, homogênea e amorfa, obtida através do
resfriamento de uma massa em fusão. Suas principais qualidades são a transparência e a
fácil higienização.
Os vitrocerâmicos são vidros que foram transformados de um estado vítreo para um
estado cristalino (50% a 90%) mediante a tratamento térmico em altas temperaturas, e
a esse processo dá-se o nome de Desvitrificação.

2
CIMENTO E GESSO
Composto por clínquer (calcário e argila) e adições de gesso, escoria, pozôlonicos e
carbonáticos.

CERÂMICOS AVANÇADA
Materiais feitos a partir de matérias primas sintéticas de altíssima pureza (alto valor) e
por meio de processos controlados. As suas características são:

 Possuem alta resistência à corrosão e à abrasão;


 Suportam altas temperaturas sem deformação;
 Supercondutividade;
 Propriedades nucleares;
É aplicado em componentes de foguetes e implantes ósseos e dentários.

MATÉRIAS PRIMAS
Os materiais cerâmicos são fabricados a partir de matérias primas classificadas em
naturais e sintéticas.

NATURAL
As matérias primas naturais são extraídas da natureza e submetidas a algum tratamento
físico para eliminação de impurezas indesejadas, sem alterar a sua composição química e
mineralógica. São utilizadas para fabricação de tijolos, telhas e algumas porcelanas.
Exemplo: argilas em geral, talco, feldspato e quartzo.

SINTÉTICOS
As matérias primas sintéticas são aquelas que individualmente ou em mistura foram
submetidas a algum tratamento térmico, sendo calcinação, sinterização, flotação para
remoção de impurezas. São divididas em:

 Minerais Industrializados (85% a 98% de pureza): caulim, talco, feldspato e


quartzo.
 Produtos químicos industrializados (98% a 99,9% de pureza): Al2O3, MgO
 Produtos especiais (>99,9% de pureza): sílica gel – cerâmica avançada

3
ARGILA
São matérias primas naturais, de textura terrosa, são utilizadas como argilas refratarias
ou fundentes, constituída essencialmente de argilominerais e impurezas, essas impurezas
são:

 Quartzo (estabilidade dimensional)


 Carbonatos
 Feldspato (fundente)
 Micas
 Sais
 Matéria Orgânica

ARGILOMINERAIS
São essencialmente silicatos de alumínio hidratado que, podem ser dispersos em
partículas finas e que desenvolvem plasticidade. Exemplo: caulinita, montmorillonita,
ilita e esmectita.
Observação: A plasticidade nas argilas é uma propriedade que permite que um material
quando misturado com a água, mude sua forma sem se romper, ao se aplicar uma força
externa e manter essa forma quando o esforço é cessado.

4
REGRA DAS FASES

F + N = C+2
F + N = C+1

F = Número de fases que coexistem em um determinado sistema;


N = Número de graus de liberdade (pressão, temperatura e composição);
C = Número de componentes do sistema (Exemplo diagrama Fe-C, são dois
componentes)
2 = Variáveis que não são relacionadas a composição: Diagrama de pressão vs
temperatura;
1=diagramas de composição versus temperatura;

5
INTERPRETAÇÃO DOS DIAGRAMAS
Interpretação do diagrama para ponto onde coexistam mais de uma fase:

Figura 1 - isto é 81,48% e liquido e 18,52%

6
7