Vous êtes sur la page 1sur 15

BIOMEDICINA

Su 03

04
Introdução

Mercado de trabalho


06 Perfil do profissional

08 O curso

10 Possibilidades de especialização

rio
12 Onde buscar inspiração

13 Conclusão

14 Sobre o Unianchieta
Introdução
A Biomedicina é um ramo da Saúde que associa a Medicina e a Biologia. Considerada uma das profissões do futuro, promete revolucionar tanto a área de Saúde quanto a
Alimentícia, entre outras.

O biomédico possui, atualmente, 37 áreas de atuação. Entre elas, estão as indústrias químicas e biológicas; as análises clínicas, ambientais e bromatológicas; a biologia molecular;
a genética; e a reprodução humana.

A maior participação do profissional está nos laboratórios de pesquisa, onde analisa amostras biológicas em busca de novas informações que possam contribuir para a saúde e o
bem-estar da população. Dessa forma, o biomédico pode atuar no desenvolvimento de medicamentos, no melhoramento genético de rebanhos, no aumento do valor nutricional
dos alimentos e até na cura de doenças.

Curioso para saber mais a respeito dessa profissão? Neste e-book, você encontra uma série de informações que vão ajudar na escolha da sua carreira: mercado de trabalho, perfil
profissional do biomédico, detalhes sobre a graduação em Biomedicina do Unianchieta e muito mais.

Fique conosco e boa leitura!

3
Mercado de trabalho
Os biomédicos possuem muitas oportunidades de carreira e um mercado de trabalho amplo e
diversificado. Há a possibilidade de atuar em laboratórios, clínicas e hospitais particulares ou públicos,
além de centros de pesquisas.

É comum também trabalhar com pesquisas em universidades e em órgãos públicos de saúde, além
da docência em cursos superiores. De acordo com o Sindicato dos Laboratórios de Análises e Bancos
de Sangue no Estado de Goiás (SINDILABS), as remunerações médias são de R$ 2.600.

Em alguns casos, os biomédicos podem ganhar mais de R$ 10 mil, dependendo da experiência e


do cargo. Entretanto, ainda não há um piso salarial unificado no Brasil e os salários podem variar
bastante de acordo com o Estado em que o profissional atua.

O jornal Extra destacou que a área de Biomedicina será bastante promissora nos próximos anos e a
demanda por profissionais deve aumentar consideravelmente. Isso ocorre devido ao investimento do
governo em pesquisas e o avanço acelerado da tecnologia.

Uma área que exige bastante biomédicos é a de Análise Forense. O profissional atua como perito
criminal e analisa o material biológico e químico para encontrar prova material em ambientes diversos
que envolvem crimes.

Grande parte dos biomédicos atua com pesquisas em institutos voltados para análises e trabalhos
científicos em biologia molecular e células-troncos, por exemplo. Há a Fundação Oswaldo Cruz, no
Rio de Janeiro, e o Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo, que contratam muitos biomédicos. Mas há
órgãos espalhados por todo o Brasil.

4
Os profissionais podem atuar também com análise de qualidade de alimentos em indústrias
alimentícias. Cabe ainda, ao biomédico, fazer análises físicas, químicas e de micro-organismos do
meio ambiente. Assim, confere como está a poluição do ar, água e esgoto.

Outras áreas de atuação bastante promissoras são a de Estética, onde realiza procedimentos estéticos
de rejuvenescimento facial, e a de Vigilância Sanitária, onde atua diminuindo os riscos à saúde da
população, prevenindo epidemias e doenças devido a problemas sanitários.

A indústria farmacêutica é outro mercado onde o biomédico pode atuar. O desenvolvimento de


medicamentos e tratamentos é uma excelente oportunidade para o profissional.

Na agroindústria, o biomédico é requisitado para trabalhar com o melhoramento genético de animais


e também no combate a pragas, desenvolvendo sementes mais resistentes. Possibilidades não
faltam!

5
Perfil profissional
A carreira em Biomedicina alia as atividades das áreas de Medicina e Biologia, por isso é importante ter afinidade com ambas. Outra característica fundamental é ter um perfil
investigador, já que o profissional atua com pesquisas e novas descobertas científicas.

É necessário preocupar-se em cumprir as normas de saúde e de segurança, principalmente se as questões estiverem ligadas à higiene e à legislação sanitária. Diante disso, o
profissional deve ser bastante observador e possuir capacidade de análise crítica, propor soluções e acompanhar os resultados.

O biomédico precisa dominar a tecnologia, pois lida com equipamentos complexos e modernos diariamente, além de ter na Bioinformática uma de suas melhores oportunidades
de atuação.

Justamente por trabalhar com análises, o profissional deve desenvolver conhecimentos apurados de bioestatística e dominar softwares específicos da área, que facilitam o dia a
dia de trabalho e permitem análises mais aprofundadas.
6
Fluência em inglês é um pré-requisito básico, afinal, boa parte da literatura da área está escrita neste idioma. Participar de congressos internacionais ou especializações no exterior
contribui para sua formação e atualização profissional.

O trabalho em equipe é uma realidade para o biomédico, uma vez que trabalha com times multidisciplinares, que englobam profissionais de Medicina, Farmácia e Biologia, entre
outros.

Atualização constante, seja por meio de participação em eventos específicos, grupos de pesquisa, cursos de extensão ou pós-graduação é fundamental, uma vez que a Biomedicina
é uma das áreas com maior velocidade de atualização do mercado atual.

7
Com duração de 8 semestres, o curso de Biomedicina do Unianchieta oferece um ambiente adequado para que os alunos

O curso pesquisem as doenças, as causas e também formas de resolver problemas ligados à área.

A instituição disponibiliza laboratórios equipados e modernos para que os estudantes coloquem em prática o que aprendem
em aula. Também possui biblioteca com mais de 90 mil livros e revistas para atualização e estudo.

O aluno de Biomedicina aprende logo no início do curso sobre biologia molecular e genética, além de como realizar uma
investigação científica. Ganha conhecimentos em questões éticas, psicologia, saúde e políticas públicas.

O corpo humano e seu funcionamento são bastante detalhados nas aulas. Por isso, o estudante adquire conhecimentos
em relação aos sistemas que formam o organismo e principalmente o sangue e seus componentes. Durante as aulas
práticas, realiza hemogramas e outros testes que envolvem o sangue, além de aprender a realizar laudos e diagnósticos.

Há aulas que abordam as questões genéticas e como funcionam o DNA, RNA e as proteínas, além de doenças. A defesa
do organismo contra agentes externos, como infecções, também está presente no conteúdo programático.

Como o profissional lida com exames de imagens, durante as aulas o aluno aprende a trabalhar com aparelhos específicos
de medicina nuclear, tomografia computadorizada, PET-Scan ou PET- CT, assim como a realizar laudos e pareceres.

Para fazer um diagnóstico preciso, o estudante aprende a focar em investigação de moléculas, células e análises
microscópicas. O aluno também estuda quais são os mecanismos que desencadeiam o surgimento de várias doenças, a
fim de encontrar meios de combatê-las.

8
O futuro biomédico também realiza, durante a graduação, diversos cálculos e aprende as técnicas de estatísticas para

O curso chegar a resultados por meio dos dados coletados nas pesquisas. Durante o curso, há aulas que focam na parte estética
dos indivíduos e por isso são abordadas as principais técnicas de rejuvenescimento facial e corporal, como botox.

O estudante fica apto a fazer relatórios de análise ambiental. E também a lidar com questões de biossegurança. Outros
temas frequentes nas aulas são reprodução humana e o reconhecimento de vírus e parasitas para ajudar no diagnóstico
de diferentes patologias, além de propriedades de medicamentos.

Para tornar o sonho possível de realizar essa graduação, o Unianchieta oferece algumas possibilidades de financiamentos
e bolsas. Entre eles destacam-se o Fies, que é o Financiamento Estudantil e o Prouni (Programa Universidade para Todos).

9
Possibilidades de
especialização
Após a graduação, é fundamental que o biomédico continue seus estudos e faça uma especialização
para se tornar um profissional apto a atuar em uma determinada área. Como há 37 áreas em que o
biomédico pode se habilitar e trabalhar, listamos abaixo as principais:

Acupuntura: o profissional passa a conhecer a técnica oriental detalhadamente e a praticá-la para


tratar problemas físicos e emocionais dos pacientes.

Análise ambiental: com essa pós-graduação, o profissional aprende a realizar as análises químicas e
microbiológicas do meio ambiente, como água, ar e esgoto. Sendo assim, pode atuar com inspeções
ambientais, licenças e implantar projetos para diminuir o impacto da ação humana sobre a natureza.

Análises clínicas: o biomédico fica apto a realizar exames técnicos com segurança e eficiência, além
de assumir a responsabilidade técnica de resultados e procedimentos. Consegue assim, avaliar,
interpretar e analisar os exames e a diagnosticar as doenças.

Docência e Pesquisa: para quem sonha em lecionar em universidades públicas e privadas há a


possibilidade de realizar diversos cursos de mestrado e doutorado. Além disso, é possível realizar
pesquisas e trabalhar no meio acadêmico ajudando estudantes na iniciação científica.

10
Estética: o profissional aprende a praticar diversas técnicas que envolvem a beleza e tratamentos
estéticos. Por conhecer bastante o corpo humano, consegue atuar em centros e clínicas de estéticas.

Genética: especializa-se em questões genéticas como doenças e o funcionamento do DNA e RNA,


além da hereditariedade. Com isso, desenvolve pesquisas e previne algumas doenças.

Citologia Oncótica: habilita-se a trabalhar com análises microscópicas das células para detectar
tumores. Cabe ao profissional fazer a coleta de materiais do organismo e realizar um diagnóstico.

Imagenologia: o biomédico especialista na área ganha conhecimentos para trabalhar com exames de
imagens como ultrassonografia, tomografia, medicina nuclear, entre outros. Também lida diretamente
com os pacientes e aplica os medicamentos para realizar os exames.

11
Onde buscar
inspiração
Além de estudar bastante e manter-se atualizado na área, os biomédicos podem buscar inspiração em diferentes profissionais,
além de ver bons filmes, documentários e livros que estimulam a continuar atuando. Seja para relaxar ou ganhar conhecimentos,
veja nossas dicas a seguir:

Quem gosta de séries não pode deixar de assistir House M. D. A série conta a história de um médico que se especializa
em investigar doenças raras ou de difícil diagnóstico. Para tanto, forma uma equipe de profissionais que têm como desafio
diagnosticar patologias raras e consideradas sem solução. É interessante por mostrar o ambiente de um hospital e ao mesmo
tempo laboratórios de pesquisa.

No site Biomedicina Brasil é possível acompanhar o que há de novo na Biomedicina. Por lá, o biomédico consegue ver diversas
opções de cursos, informações relevantes, artigos e também congressos e eventos de atualização.

No livro A Vida Imortal de Henrietta Lacks, a autora Renée Elise Goldsberry conta a história de uma mulher pobre e quase sem
instrução, que foi doadora involuntária de células cancerosas. Elas foram armazenadas pelo cientista George Otto Gey.

Assim, esse especialista criou a primeira linhagem celular imortal da história. Com isso, iniciou-se um grande avanço para a
Biotecnologia. É importante para analisar o desenvolvimento da ciência e também as questões éticas que envolvem a profissão.

O biomédico Onicio Neto desenvolveu uma ferramenta de vigilância epidemiológica participativa para o Ministério da Saúde.
Com o Guardião da Saúde é possível identificar os surtos de doenças da forma mais rápida. O aplicativo pode ser baixado pelo
celular. Ele ganhou vários prêmios pela inovação e contribuição para a saúde pública.

12
Conclusão
O dia a dia do biomédico é bastante dinâmico e geralmente está ligado à área da pesquisa em saúde e
diagnósticos. São várias as possibilidades de atuação e seu papel é fundamental para a sociedade. Isso
porque ele contribui com pesquisas científicas que podem salvar vidas ao prevenir doenças e garantir
o bem-estar das pessoas.

A carreira está em expansão e exige uma demanda de profissionais capacitados, além de ofertar salários
atrativos. Existem empregos no setor privado e público e em diversas partes do país. O profissional
precisa estar atualizado constantemente e realizar especializações para se destacar no mercado.

O aluno de Biomedicina aprende muitas teorias, mas coloca em prática com aulas em laboratórios. Lida
diariamente com o corpo humano e seu funcionamento e equipamentos cada dia mais tecnológicos,
que facilitam sua rotina de trabalho.

Esperamos que suas dúvidas sobre a área de Biomedicina tenham sido esclarecidas com esse e-book!
Entre em contato com a gente para saber o que podemos fazer por você!

13
O Centro Universitário Padre Anchieta dá continuidade à tradição das Escolas Padre Anchieta, com mais
de 70 anos de trajetória no cenário educacional brasileiro.

Sobre o
Situado em Jundiaí, o Unianchieta preza pela formação alinhada ao mercado de trabalho e oferece
aos seus alunos a melhor infraestrutura educacional da região, investindo em campi equipados com
bibliotecas, laboratórios, núcleos de prática jurídica e de empregabilidade, clínicas de saúde e psicologia

Unianchieta
aplicada, entre outros recursos essenciais para a formação de profissionais competentes e cientes de
seu papel como cidadãos.

Se você busca por um futuro promissor, busca pelo Unianchieta!

14
0800 772 8445