Vous êtes sur la page 1sur 2

1- Problematização

A análise que está sendo proposta é a partir da problemática da prisão do Ex-


Presidente , Michel Temer e mais nove aliados na Operação Descontaminação
,noticiado em dois jornais do grupo R2, o Diário de Pernambuco e o Aqui PE nos
dias 22 e 26/03/2019.

Será que os jornais do mesmo Grupo de Comunicação informam do mesmo


modo ? Os meios de Comunicação são imparciais quando tratam de uma prisão de
um politico ? Será que a mídia é sempre parcial ?

Segundo Nelson Traquina (2005), a Imprensa não julga, nem comenta as


ações do Governo, pois este não é impune aos atos que seus membros cometem.
Porém desde o início da Lava-Jato em 2009, vários políticos foram presos como o
Ex- Presidente Lula em 7 de abril de 2018. A mídia nesses tempos foram noticiando
os casos , porém que algumas noticiam com uma certa notoriedade, outros veículos
de comunicação não fazem o mesmo.

A prisão do Ex-Presidente Temer, teve um destaque nacional e internacional.


De acordo com o Ministério Publico Federal, Michel foi alvo em dez investigações ,
entre elas foi acusado de ter participado de esquemas de corrupção que são
envolvidos R$ 1,8 bilhão . O Diário de Pernambuco e o Jornal Aqui PE noticiaram
este fato com um valor-noticia de relevância pública , porque para Traquina o
jornalismo deve ser democrático. De acordo Com Christians, Ferre e Falclker(1993)
citado por Nelson Traquina(2005, p. 129) “…Deve ser um veículo de informação
para equipar os cidadãos com ferramentas vitais ao exercício dos seus direitos e na
voz de expressão das suas preocupações”.
O Diário de Pernambuco, via Agência Estadão tratou do tema como manchete
do jornal, sendo "Temer deixa prisão, mas tem R$ 8,2 mi bloqueados", dando um
grande destaque de uma página inteira e uma coluna comentada por Marisa Gibson.
A Prisão de Temer , foi noticiada no jornal de maneira imparcial, aprofundada ,no
qual a página A3 do jornal; há uma coluna dando o resumo ao leitor para que fique
mais por dentro do assunto apurado.

O Jornal Aqui PE, porém deu um pequeno quadro na capa , não sendo a
matéria principal. Naquele dia a manchete : "Uma lista de Crimes que vai daqui até o
inferno", foi o destaque do jornal. O Aqui PE com um público-alvo de Classes Sociais
"C,D ,E"; traz uma leitura mais curta e rápida. O que mais chama a atenção deste
jornal é sempre a sátira ou ironia em suas capas. No dia 22/03/2019, o Aqui PE usou
este tipo de linguagem em sua capa tratando da prisão de Michel Temer ,cujo a
manchete foi seguinte "E Temer Tchau , Temer Tchau, Temer Tchau, Tchau, Tchau".