Vous êtes sur la page 1sur 17

CURSO

Prevenção e
Controle do Fogo
na Agricultura

Este curso tem


20 horas
©2015. SENAR - Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - Administração Central.

Todos os direitos reservados.

A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte, constitui violação

dos direitos autorais (Lei Nº 9.610).

Informações e Contato
SGAN 601 –Módulo K

Edifício Antônio Ernesto de Salvo – 1º andar

Brasília – CEP 70830-021

Telefone: 61 2109-1300

www.senar.org.br

Prevenção de Queimadas

Presidente do Conselho Deliberativo


João Martins da Silva Júnior

Entidades integrantes do Conselho Deliberativo


Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil - CNA

Confederação dos Trabalhadores na Agricultura - CONTAG

Ministério do Trabalho e Emprego - MTE

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA

Ministério da Educação - MEC

Organização das Cooperativas Brasileiras - OCB

Agroindústrias / indicação da Confederação Nacional da Indústria - CNI

Secretário Executivo do SENAR


Daniel Klüppel Carrara

Chefe do Departamento de Educação Profissional e Promoção Social


Andréa Barbosa Alves
Sumário

Abertura do curso.................................................................................................... 04

Módulo 01: Efeitos do Fogo sobre o Meio Ambiente...................................... 04


Aula 01: Ecologia e Conceito do fogo............................................................................................. 08

Aula 02: Efeitos do Fogo no Meio Ambiente.............................................................................. 12

Atividade de Aprendizagem............................................................................................................. 15
Abertura do curso
Olá! É muito bom recebê-lo(a) para o Curso Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura.

Para começar, queremos apresentar algumas informações para que você se ambiente com o tema do
curso e perceba a importância de explorar seus conteúdos.

Você sabia?

No Brasil, são detectados cerca de 300 mil focos de incêndios, queimadas ou nuvens de fumaça
anualmente. Eles são responsáveis por devastar, em média, 15 mil km² de florestas naturais e
áreas localizadas em propriedades rurais particulares.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Apresentação 4


Esses incêndios podem se originar de diversos fatores, sendo que alguns são pouco controláveis:

Acidentes de trânsito com


Efeitos Naturais
materiais inflamáveis.

No entanto, outros fatores poderiam ser controlados ou evitados se fossem adotadas técnicas corretas
para a realização de queimadas ou se fossem tomadas medidas de prevenção e controle de incêndios.

Nesse sentido, a falta de informação acaba sendo uma das principais


causas de incêndios.

Além disso, apesar de o uso do fogo ser uma prática legalmente permitida, acaba resultando em efeitos
negativos tanto para a saúde do homem quanto para o meio ambiente: a poluição do ar, o empobreci-
mento gradual do solo e a perda de biodiversidade são apenas alguns exemplos desses efeitos.

Por isso, essa prática deve ser adotada somente em último caso e me-
didas alternativas devem prevalecer sempre que possível.

Foi diante desse cenário que idealizamos e desenvolvemos este curso. Nosso principal objetivo
é o seguinte:

Objetivo
Capacitar pessoas interessadas nas questões relacionadas ao uso fogo, de
modo que construam conhecimentos para utilização de tecnologias que
substituam esse uso nos principais sistemas de produção agropecuária.
Propõe-se, ainda, o aprendizado para o controle do fogo e a diminuição das
queimadas, o que trará benefícios para o meio ambiente e a sociedade.

Para que esse objetivo seja atingido, seu curso está estruturado em oito módulos, cada um com seus
temas e objetivos específicos. Veja só!

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Apresentação 5


Módulo 1: Efeitos do Fogo sobre o Meio Ambiente

No primeiro módulo, você receberá insumos para conceituar o fogo; identificar os componen-
tes químicos do fogo, suas classes e seus tipos; e conhecer os efeitos negativos dos incêndios
no meio ambiental

Módulo 2: Manejo Integrado do Fogo

Aqui, você conseguirá identificar os objetivos do manejo integrado do fogo, seus conceitos, os ele-
mentos do seu triângulo e como planejá-lo. Também verá como implementar e monitorar as ativ-
idades de queima dentro da sua propriedade, avaliando os efeitos positivos e negativos do fogo.

Módulo 3: Comportamento do Fogo

Ao final deste módulo, você será capaz de identificar os elementos do triângulo do fogo, as fases da
combustão, os mecanismos de transferência de calor, os tipos de incêndios florestais e suas respec-
tivas partes, a coloração da fumaça e todos os fatores que podem influenciar no seu comportamen-
to, podendo avaliar e planejar suas ações futuras envolvendo uso do fogo.

Módulo 4: Equipamentos de Proteção Individual, Ferramentas e Equipamentos de


Combate ao Fogo

No quarto módulo do curso, você conhecerá: todos os equipamentos de proteção individual exigi-
dos nas atividades de prevenção e combate aos incêndios florestais; as ferramentas e os equipa-
mentos utilizados para essa finalidade; os meios de transporte aplicados; e os cuidados para evitar
acidentes no transporte e uso desse material.

Módulo 5: Legislação Aplicada ao Uso do Fogo

Neste módulo, traremos algumas legislações federais relacionadas ao tema fogo. Não coloca-
remos todos os textos relacionados às leis na íntegra, mas compartilharemos algumas leituras
complementares para que você se familiarize e conheça as normas ligadas ao tema.

Módulo 6: Alternativas ao Uso do Fogo

O módulo reforça os motivos para a utilização de alternativas ao uso do fogo, apresentando algumas
opções que podem ser desenvolvidas nas propriedades e os resultados esperados dessas alternativas.

Módulo 7: Métodos para Realizar a Queima Controlada

Ao final deste módulo, você poderá definir o que é queima controlada, avaliar e escolher o tipo de
queima para cada realidade e diferenciar os tipos de aceiro.

Módulo 8: Ações para Combater os Incêndios

No último módulo, você será capaz de descrever o combate terrestre e suas fases, as características
da linha de defesa e os métodos aplicados para construção dessas linhas.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Apresentação 6


Durante o curso, serão apresentados alguns personagens e suas histórias.

Primeiramente, você conhecerá o Jair


e a Rosa, que possuem uma pequena
propriedade e já tiveram algumas ex-
periências com as queimadas.

Tem também o Virgílio, um médio produtor rural, que nasceu e cres-


ceu no campo e, após herdar as terras do seu pai, mudou bastante o
seu pensamento sobre a prática das queimadas na agricultura.

E, por fim, você conhecerá a Carolina, que possui uma grande pro-
priedade rural e cuida dos negócios da família.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Apresentação 7


Módulo 01
Efeitos do Fogo sobre o Meio Ambiente

Como já vimos, neste módulo, você receberá insumos para:

Objetivo
• Conceituar o fogo.

• Identificar os componentes químicos do fogo, suas classes e


seus tipos.

• Conhecer os efeitos negativos dos incêndios no meio ambiental.

Isso acontecerá ao longo de duas aulas: Aula 1: Ecologia e Conceito de Fogo e Aula 2: Efeitos do
Fogo no Meio Ambiente.

Na abertura de cada módulo do curso, veremos um pouco o que nossos personagens têm para nos
contar sobre suas experiências em suas propriedades.

Acompanhe a primeira história dessa série!

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 8


Siga para primeira aula do módulo.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 9


Aula 01
Ecologia e Conceito do fogo

Historicamente, o fogo sempre exerceu grande atração sobre os seres humanos – tanto que a
evolução da nossa espécie está diretamente ligada a ele. Com o passar do tempo, aprendemos muito
sobre sua utilização:

Desde que o homem Em épocas passadas, Nessas descobertas, o


descobriu que o atrito os homens verificaram ser humano percebeu
de dois galhos, duas que uma fogueira acessa que possuía controle
pedras ou de piritas de constantemente em um sobre essa fonte de
ferro com uma pedra acampamento mantinha energia e, hoje, não é
provocava fogo, ele o os predadores afastados, mais preciso esse atrito
tem utilizado para muitos o que aumentou seu de materiais encontrados
benefícios e atividades poder de mobilidade para na natureza para se
no seu dia a dia. diversas regiões. conseguir o fogo: temos
fósforos, acendedores
automáticos e isqueiros.

Mas, ecologicamente, o que é o fogo?

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 10


O fogo é um processo químico que libera luz e calor com a presença
de três reagentes: calor, combustível e oxigênio. Em outras palavras, o
fogo é o calor e a luz produzidos pela combustão, que produz chamas
e solta vapor de água e dióxido de carbono.

Para aprofundar um pouco mais sua compreensão sobre o assunto, classificamos os tipos de fogo
quanto ao material combustível e quanto ao agente causador.

Material combustível Agente causador

Classe A: ocorre em materiais de fácil com- Natural: provocado pelos raios.


bustão, que queimam em sua superfície e
Antrópico: causado pelo homem de forma
profundidade, deixando resíduos: tecidos,
acidental ou intencional.
madeira, papel, fibras etc.
Controlado: autorizado legalmente e man-
Classe B: ocorre em produtos inflamáveis,
tido sob controle.
que queimam somente em sua superfície,
não deixando resíduos: óleo, graxas, vernizes, Sem controle: não mantido sob controle.
tintas, gasolina etc.

Classe C: ocorre em equipamentos elétricos


energizados: motores, transformadores,
quadros de distribuição, fios etc.

Classe D: ocorre em elementos pirofóricos,


ou seja, aqueles que se inflamam esponta-
neamente em contato com o ar: magnésio,
zircônio, titânio etc.

Vistos os conceitos mais básicos relacionados ao fogo, vamos para uma questão prática: seus efeitos
no meio ambiente. Siga para a próxima aula!

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 11


Aula 02
Efeitos do Fogo no
Meio Ambiente

Como dissemos no começo da aula anterior, o fogo exerce atração sobre as pessoas. Ao mesmo tem-
po, desperta medo pelo efeito devastador que pode ter: quando utilizado de maneira inconsequente,
pode destruir plantações, florestas e casas, matando pessoas e animais.

Além dos riscos apresentados, que se desdobram num âmbito particular, o uso inadequado do fogo
pode causar um desequilíbrio na natureza, que pode ser percebido em âmbito global.

°C

°C °C

Nas últimas décadas, Esse fenômeno tem Essas consequências


ocorreu um significativo provocado o derretimento estão ligadas às
aumento da temperatura de gelo das calotas polares, mudanças climáticas,
mundial, fenômeno o aumento no nível de que estão ligadas ao
conhecido como água dos oceanos e o aumento da poluição do
aquecimento global. processo de desertificação. ar, que está ligado ao uso
inadequado do fogo.

Veja, a seguir, os principais efeitos negativos dos incêndios nas mais diversas esferas:

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 12


• A fumaça e as fuligens causam e/ou agravam doenças respi-
ratórias como bronquite e asma, além de provocarem dores de
cabeça, náuseas, tonturas, conjuntivites, irritação na garganta,
tosse e alergias na pele.

• Problemas gastrointestinais.
Saúde humana
• Complicações em pacientes com doenças cardiovasculares e/ou
pulmonares.

• Efeitos sobre o sistema nervoso.

• Intoxicação e morte por asfixia.

• Aumento de atendimento hospitalar e gastos com a saúde.

• Interrupções no fornecimento de energia elétrica.

• Problemas com abastecimento de água.


Economia e
sociedade • Queda da produtividade agrícola devido à desidratação do solo.

• Mudanças climáticas, como secas, inundações e tempestades.

• Segurança e funcionamento do transporte aéreo e rodoviário


prejudicados devido à redução da visibilidade.

• Morte da biota (plantas e animais).

• Eliminação dos predadores naturais de algumas pragas.


Ecossistema
• Assoreamento de nascentes.

• Contribuição para o aquecimento global.

• Perda da qualidade do ar em função do excesso de partículas e


de gases tóxicos que saem das partes queimadas da vegetação,
Atmosfera principalmente CO2.

• Alteração na formação das nuvens e nos ciclos das chuvas.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 13


• Perda da fertilidade e da produtividade a partir da segunda
colheita devido a:

• redução na quantidade de matéria orgânica que cobre o solo;


• eliminação dos micro-organismos;
• perda de minerais do solo;
• perda da capacidade de “guardar” água;
Solo
• intensificação do processo de erosão e desertificação.

• Transformação dos nutrientes contidos nos vegetais em gases


e perda para a atmosfera.

• Transformação dos nutrientes contidos nos vegetais em cinzas,


que podem ser perdidas pela ação dos ventos ou da água das
chuvas.

Concluímos o conteúdo deste módulo. Que tal testar seus conhecimentos? Avance!

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 14


Atividade de Aprendizagem

Neste módulo, exploramos os conceitos ecológicos e as principais consequências do fogo.

Atenção

Será necessário que você acesse o Ambiente de Estudos ou entre em contato com a equipe
de atendimento para registrar suas respostas no sistema e também para verificar as explicações
de cada questão. O próximo módulo só será liberado após o registro das suas respostas.

Caso você ainda tenha dúvidas ou se sinta inseguro com relação a algum dos conteúdos abor-
dados, retome seus estudos e/ou entre em contato com nossa equipe de apoio.

1) Qual é a definição correta de fogo?

a) É um processo químico que se transforma e libera oxigênio e calor.

b) É um processo atmosférico que se transforma e libera luz e calor.

c) É um processo químico que se transforma e libera luz e calor.

2) O fogo antrópico é aquele...

a) provocado por raios.

b) causado pelo homem de forma acidental ou intencional.

c) sobre o qual não se tem controle.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 15


3) Embora só estejamos começando a trabalhar com a temática do fogo, você já construiu
alguns conhecimentos necessários para compreender os efeitos negativos dos incêndios
florestais. Então, cite pelo menos um exemplo desses efeitos na saúde humana, na econo-
mia e sociedade, nos ecossistemas, na atmosfera e no solo, usando o espaço abaixo.

Prevenção e Controle do Fogo na Agricultura | Módulo 01 16