Vous êtes sur la page 1sur 3

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ-IH)

Disciplina: História do Trabalho no Brasil - Novas abordagens e desafios (2019-1)


Prof. Dra. Flavia Veras
Horário: Segunda Feira, 18:00 – 21:00

Ementa
O curso objetiva apresentar as novas frentes de pesquisa que têm sido incorporadas ao campo da história do
trabalho. A influência das abordagens da história global e transnacional, aliado à emergência na historiografia
de novos sujeitos como trabalhadores tem provocado longo debate e revivamento no campo de estudos da
história social do trabalho no Brasil. O curso abrangerá a discussão dos seguintes pontos: o trabalho livre e
escravo, o pós abolição, o trabalho urbano e rural, os debates acerca do populismo, a interseccionalidade de
gênero – raça/etnia – classe - sexualidade, a flexibilização das relações de trabalho e o trabalho análogo a
escravidão na contemporaneidade.

Programação

Unidade 1 - ASPECTOS TEÓRICOS - O campo da história social do trabalho: E. P Thompson, História


global do trabalho, pós-abolição e insegurança no mundo do trabalho.

Unidade 2 - A experiência dos trabalhadores


a) Escravidão e liberdade
b) Gênero e trabalho
c) Populismo/ trabalhadores rurais e urbanos
d) Desindustrialização/ Trabalho análogo a escravidão

Avaliação: Prova no último encontro do curso (5,0 ptos) + Resenha de um livro a escolher (5,0 ptos)

Bonificação de até 1 ponto for frequência e participação (leitura e debate dos materiais propostos)

11/03 Semana de calouros


18/03 Introdução do curso
25/03 THOMPSON, E.P. “Economia Moral da multidão”. In:_________ Costumes em comum, São
Paulo: Companhia das Letras,1998. P. 150 – 202.
01/04 LINDEN, Marcel van der. Rumo a uma nova conceituação histórica da classe trabalhadora
mundial. História, Franca, v. 24, n. 2, p. 11-40, 2005.
08/04 HIRATA, Helena. “Gênero, classe e raça interseccionalidade e consubstancialidade das relações
sociais”. Tempo soc. vol.26 no.1 Saõ Paulo Jan./June 2014.
15/04 SAVAGE, Mike. SAVAGE, Mike. Classe e História do Trabalho. In: BATALHA, Cláudio;
SILVA, Fernando Teixeira da; FORTES, Alexandre (orgs.). Culturas de classe: identidade e
diversidade na formaçaõ do operariado. Campinas: Editora da UNICAMP, 2004. p. 25-48.
22/04 FERIADO – Descobrimento do Brasil
29/04 NASCIMENTO, Álvaro Pereira. Trabalhadores negros e “paradigma da ausência”:
contribuições à história social do trabalho no brasil. Estudos Históricos Rio de Janeiro, vol. 29,
no 59, p. 607-626, setembro-dezembro 2016.
06/05 FORTES, Alexandre. O processo histórico de formação da classe trabalhadora: algumas
considerações. Estudos Históricos Rio de Janeiro, vol. 29, no 59, p. 587-606, setembro-
dezembro 2016
13/04 FERIADO – Abolição da escravidão
20/05 Entrega de RESENHA

REIS, J. A greve negra de 1857 na Bahia. Revista USP, n. 18, p. 6-29, 30 ago. 1993.
27/05 FRACARRO, Glaucia. O direito das mulheres: feminismo e trabalho no brasil (1917 – 1937).
Rio de Janeiro: Editora da FGV, 2018. P. 35 – 85.
03/06 SMITH, SARA R. Queers are Workers, Workers are Queer, Workers’ Rights are Hot! The
Emerging Field of Queer Labor History. ILWCH, 89, Spring 2016. P. 184 – 194.
10/06 SANTOS, João Marcelo Pereira dos. Eletricitários: toda energia é pouca. In: Cad AEL. V.11 n.
20/21. 2004. 173 – 205.
17/06 RIBEIRO, Felipe Augusto dos Santos. “Quem é mais útil ao país: aquele que planta ou o que
fica na cidade só comendo?”: os trabalhadores rurais fluminenses e a luta por desapropriação
de terras (1962-1963). Estud. hist. (Rio J.) [online]. 2015, vol.28, n.56, pp.305-322.
24/06 OREIRO, José Luis; FEIJO, Carmem A.. Desindustrialização: conceituação, causas, efeitos e o
caso brasileiro. Rev. Econ. Polit., São Paulo , v. 30, n. 2, p. 219-232, June 2010 . + Exibição do
filme Rio Fabril.
01/07 GOMES, Ângela Maria de Castro. Repressão e mudanças no trabalho análogo a de escravo no
Brasil: tempo presente e usos do passado. Rev. Bras. Hist. [online]. 2012, vol.32, n.64, pp.167-
184.
08/07 PROVA
15/07 (2ª Chamada)

Sugestões de livros para resenha:

CHALHOUB, Sidney. Trabalho, lar e botequim: o cotidiano dos trabalhadores no Rio de Janeiro da Belle
Époque. São Paulo: Brasiliense, 1986.

FRACARRO, Glaucia. O direito das mulheres: feminismo e trabalho no brasil (1917 – 1937). Rio de
Janeiro: Editora da FGV, 2018.

FONTES, Paulo Roberto Ribeiro. Trabalhadores e Cidadãos. Nitro Química: a Fábrica e as Lutas
Operárias nos Anos 50. Saõ Paulo, Annablume, 1997.

FORTES, Alexandre. Nós do Quarto Distrito. A classe trabalhadora porto-alegrense e a era Vargas. Caxias
do Sul: Educs; Rio de Janeiro: Garamond, 2004.

FRENCH, John. Afogados em leis. São Paulo: Perseu Abramo, 2002.

GOMES, Ângela de Castro. Invenção do trabalhismo. Rio de Janeiro, Editora FGV, 2005.

GREEN James. Além do carnaval. A homossexualidade masculina no Brasil do século XX. São Paulo:
Editora UNESP, 2000.

PEREIRA, Leonardo A. M. Footballmania: Uma História Social Do Futebol No Rio De Janeiro, 1902
1938. Rio de Janeiro, RJ, Brasil: Editora Nova Fronteira, 2000

REIS, João José. A rebelião escrava no Brasil: a história do Levante dos Malês (1835). São Paulo: Cia. das
Letras, 2006.

SCHETTINI, Cristiana. "Que tenhas teu corpo": uma história social da prostituição no Rio de Janeiro
das primeiras décadas republicanas. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2006.

THOMPSON, E.P. A formação da classe operária inglesa. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1987 (volume 1).

Leituras complementares

CORREA, Larissa. “As falas de Jeronimo”: Trabalhadores, sindicato e a historiografia da ditadura militar.
In: ANOS 90, Porto Alegre, v. 23. Jul 2016. P. 129 – 151.
CUNHA, Maria Clementina Pereira "Naõ me ponha no xadrez com esse malandraõ . Conflitos e identidades
entre sambistas no Rio de Janeiro do inić io do século XX.” In: Afro-Ásia, núm. 38, 2008, p. 179 – 210

FINK, Leon. Workes across the Americas. The transnational turn in labor history. New York ; Oxford:
Oxford University Press, 2011.

GUIMARÃES, Valéria L. O PCB cai no samba: os comunistas e a cultura popular (1945- 1950). Rio de
Janeiro, Arquivo Público, 2009.

HOBSBAWM, Eric. Mundos do Trabalho. São Paulo: Paz e Terra, 2005.

PANDULFI, Dulce. Camaradas e Companheiros. História e Memória do PCB (1943 - 1964). Rio de
Janeiro, Relume Dumará, 1995.

SANTANA, Marco Aurélio; RAMALHO, José Ricardo. Além da fábrica: trabalhadores, sindicatos e a
nova questão social. São Paulo: Boitempo, 2003.

SENNETT, Richard. A corrosão do caráter – consequências pessoais do trabalho no novo capitalismo. Rio
de Janeiro: Record, 1999.

Centres d'intérêt liés