Vous êtes sur la page 1sur 6
ae MALINOWSKI de dez mil, enguan cerca de vinte veres mals objtos 1s, Trobriand lependente na cade, por om fo jd nos remete pata o Kua oriental, CAPITULO Xx. Expedigées entre Kitiwina e Ki 1 © assunto deste livro 0 material a nossu dsposigdoestdo quase esgotados ‘Ao descrever o ramo sul do Kula (entre Sinaketa e Dobt dle suas regres © aspectos esociados,e quase tudo 0 que fo dito enti rete ‘80 Kula como um todo. Portanto, a falar sobre 0 ramo notdeste do Kula, de divergéncia que exigem atengio espe Iie ctumado soulanade um conte de Ft M6 MALINOWSKI ARGONAUTAS DO PACIFICO OCIDENTAL. ar norte que esperivamos fosse dus 3 Kitava e W deste que € pre ante nessa época. A mio do eaminho para nosso objetivo, 9 vento, mudou para meu grande Dequenos eesios de mio; esteiras weno especialmente tos com fragmentos da conche Co nus certs. tipos. de embora de qualidade turados ou encontrados No entanto havia um srtigo que, antgamente, era de enorme utilidede para 140 da ha, cuja 8 ds thas Trobriand e que s6.podia ser abtido em c melt nds oes, un ou diay eae este originariamente ainda mais do Marua (ha de Woo a grande expedicdo de que me ukumali ov pedacos de diorito grosseiramente modelos, que i 0 wala que devia partic em abril ou maio de 1916, de polidos nas ilhas Trobriand. e usados como instrumentes de ‘pe para o lest. F ito grandes e finos ¢ extremamente bem pal indo 0 curso deste wolaku. O. primero pritico de utenslios de pedra indicio de_que 0 wvalake ser organizado ocorreu logo depois de introdugio do ago © do ferro, © tine das i ‘Burante a verdade, até aumentow desde que os mercadores brancos tém de usi-los pare adquirirem as pérolas dos nativos. E importante observar que embora todd : ‘exes utensios e objetos preciosos de pedra prevsesse set ay 08 artigos acabados eram e sho reexportados novamente, € 0 principal distrto onde se faz o polimento. maneira pela qual a troca era feita entre os habitentes de Kisi- ‘Kitava, tudo 0 que anteriormente sobre a trocaintertibal arte dos produtos levados era dada como presente, parte era ‘embora ele eostumasse tomar i toed tom nio-parceos © alguns eam presents reeids Gos preeios importantes, 380 408, Partda. ‘oeasido da qual estamos em contradicao com os des fazer 0 uvalaku em cerca de seis meses. Logo depois, ¢ , ou reforma das canous comesou, da maneire des rum wolatu, qu toa grande ‘movimentacio do mwali. Quando kana € os lideres. das outras Voltando a To'uluva e seus companheitos, & medids que o tempo passava ‘aumentava a agitagao nas aldeias. Como ¢ habitual, todos os tpos de plaror Ambiciosos foram feito, © os membros jovens do grupo experavam aleangat Muyuwa (ou Murua, iha de Woodlark) onde ni faziam @ Kula, mas onde as Dedigdes de Kiriwina ds vezes iam para presenelarcertasfestividades. A respalo Bagido's, o mais velho dos herdeiros de Omarakar ‘como foi dito no capitulo anterior, nunca sucedert seu Go, tinha suas proprias ra contar. Quando menino, navegou para Hi com um dos grendes ‘de Omarekana, seu av6 materno. Foram & Suloga, lugar onde se extaia : aut Snakets © Body, © Soni. som uma nica excgto mut inpomante, af & tie do comér subsidid ¥ ox abrigo (este ell € chamado Kutulale gm Mya) de Sulog cra ost la © ;portam das ithas me spéci de sia de fibre sas MALINOWSKI ariamos nossos vaygu'a (ebjetos preciosos) em troca. Ao partimos nos ‘aria mals kukumell como fal! (presente de despedida).” Deve ser Inbred, ao coment ests nara, que quando Bago © 0 ago 6 havi ARGONAUTAS DO PACIFICO OCIDENTAL eo sopercalment pelo menos, sho mantdoscuadoramente como tive opt nidade de tage ate as duas ausénci do To'uluwa. A noitinha, vasu'a, que no participate da expedigio, ego in flagrante delicto de adulério com & muller mals jovem do velho chefe de Kasana' O povo desta aldea ficou bastanie ilamado, no sem uma sis ain dee, Un de gu vam io xs de Omer {duas noites antes pegou um bizio cujo som anunciou ao mundo a vergoaha 0 eactndalo de Onurkana. Como um bizo $6 tocado ent ocanées mult isso foi uma bofetada no rosto da comunidade su nsura a sua hipocrisia. Um homem de Kasans', Talando em voz alta, dirigt-se 20 povo do Omarakana: amam-nos de adslteros amigos. E olher aqui, stravessar 0 mas efi poucas horas e chegar a Kitava. Seu modo de naveger, a disposigho dos homens na ceanoa € 0§ tabus de nevegagio so of mesmot de Sinaketa, Meu conhecimento de sus mapia da canoa & muito menor do que o correspondente da parte sul {de Boyowa, mas acredito que eles tém muito menos rites. A favepacko nestes laguna; rochas abruptas & alta ve