Vous êtes sur la page 1sur 33

MAIO

25, 26 e 27
sábado, domingo e segunda-feira

CLIPPING
25, 26 e 27| Maio | 2019

Hospital do Marajó integra campanha para redução de acidentes de trânsito


A diretora execu va do hospital, Rejane Xavier, acredita que as ações de educação em saúde são muito importantes para
chamar atenção da necessidade de obediência a legislação do trânsito.
26/05/2019 10:37h
O Hospital Regional Público do Marajó (HRPM), em Breves (PA), aderiu a campanha nacional do “Maio Amarelo”, com o
obje vo de es mular a reflexão sobre a responsabilidade de todos para um trânsito mais seguro e com menos acidentes
e mortes. Ações de educação em saúde foram realizadas para colaboradores, usuários e seus acompanhantes nas áreas
de atendimento do hospital, que é referência no arquipélago do Marajó em média e alta complexidade 100% Sistema
Único de Saúde (SUS).
Com elevado fluxo de atendimento, somente no período de janeiro a abril deste ano, a equipe realizou cerca de 1.500
atendimentos ortopédicos e mais de 180 cirurgias dessa especialidade, sendo a maioria mo vada por acidentes de
trânsito. Es ma-se que, anualmente, quase 40 mil brasileiros têm sua vida perdida ou prejudicada devido a esse po de
tragédia.
A dona de casa Brígida Ramos, 44, entrou para as está cas há dois anos quando foi ví ma de um grave acidente de
trânsito, que lhe causou não apenas fraturas, como também abalou seu psicológico, sua vida pessoal e profissional ao
perder seu emprego e, ainda, enfrentou preconceitos por ter ficado com sequelas no braço.
“Minha vida virou de cabeça pra baixo, meu trabalho, eu não conseguia nem fazer meus afazeres domés cos, sofri muito
com dor, com preconceito, pois meu braço ficou muito torto. Cheguei ao ponto de quase entrar em depressão. Isso
abalou muito meu psicológico”, disse a usuária, que foi operada recentemente pela equipe do HRPM. A cirurgia foi
realizada pelo ortopedista Paulo Gladistone, que conseguiu restabelecer as funções de seu braço.
“A cirurgia da Brígida foi delicada. Ela chegou com uma grande deformidade angular no antebraço, além do
encurtamento do membro. Sen a muitas dores, mas conseguimos recuperar tanto o comprimento do antebraço quanto
o seu alinhamento. O procedimento cirúrgico restabeleceu todas as funções ar culares adjacentes a lesão, ou seja, ela
passou a ter mobilidade 100% do punho e do cotovelo. Pode-se dizer que, com essa cirurgia, a recuperação dela foi
total”, afirmou o cirurgião.
Para a diretora execu va do HRPM, Rejane Xavier, as ações de educação em saúde são muito importantes para chamar
atenção da necessidade de obediência a legislação do trânsito e manter um comportamento prudente, com uso de
acessórios de segurança em todos os pos de veículos. Assim, é possível garan r uma mobilidade cada vez melhor e sem
acidentes. “É importan ssimo destacar o abalo que os acidentes causam, fora as famílias que são destruídas em
decorrência de perdas de entes queridos e amigos” completou a gestora.
Ações de educação – Material informa vo, palestras e repasse de informações sobre o tema em todos os setores do
hospital são algumas das ações realizadas ao longo do mês, com a parceria de ins tuições. No úl mo dia 17, o agente de
trânsito Luiz dos Santos Rodrigues ministrou palestras para colaboradores e usuários, no auditório do hospital, que
contou com cerca de 50 par cipantes.
“Todo ano, temos campanha educa va de trânsito, não só em novembro, mas em maio também, devido à grande
demanda de índice de acidentes em nível mundial”, destacou o agente.
Dados de acidentes – De acordo com Ministério da Saúde (MS), em 2015, foram registradas 38.651 mortes em vias
públicas, patamar que coloca o Brasil na quinta colocação entre os países com maior número de ví mas de transito.
De acordo com Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, mais de 37 mil mortes de
trânsito foram registradas em 2016 em todas as cidades do Brasil, não apenas as capitais. O número é 14,8% menor do
que o registrado, por exemplo, em 2014, quando ocorreram 43.870 óbitos no trânsito brasileiro. A meta do país, em
2020, é não ultrapassar o número de 19 mil ví mas fatais por ano, obje vo que, de acordo com o agente, ainda está
longe de acontecer.
“O índice vem diminuindo sim, mas ainda é um número alarmante, por isso é importante frisar que não é só um
fenômeno social, mas cultural, econômico. Nos países onde a renda é menor, o índice de acidentes de transito é maior,
pois a população não tem acesso às informações, conhecimento”, destaca Luiz dos Santos Rodrigues.
O HRPM é referência na assistência de média e alta complexidade para uma população es mada em mais de 300 mil
habitantes vinculados ao 8º Centro Regional de Saúde (8º CRS), composto por Bagre, Curralinho, Anajás, Portel, Melgaço,
Gurupá, além de Breves.
O Hospital Regional Público do Marajó (HRPM) é administrado pelo Ins tuto Nacional de Desenvolvimento Social e
Humano (INDSH), em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).
25, 26 e 27| Maio | 2019

Serviço: O HRPM dispõe de atendimento ambulatorial de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. O hospital está localizado
na avenida Rio Branco, 1.266, Centro. Mais informações: (91) 3783-2140 / 3783-2127.
Por Vera Rojas
h p://agenciapara.com.br/No cia/197201/hospital-do-marajo-integra-campanha-para-reducao-de-acidentes-de-
transito

Governo inaugura delegacia em Oeiras do Pará e anuncia inves mentos em escolas


O prefeito Dinaldo Aires fez questão de parabenizar o governador pelo aniversário transcorrido no úl mo dia 18 de maio.
25/05/2019 15:24h
O governador do Estado, Helder Barbalho, e o vice, Lúcio Vale, inauguraram, na manhã deste sábado (25), no município
de Oeiras do Pará, na região do Baixo Tocan ns, a nova delegacia de Polícia Civil do município. Com inves mentos de
mais de R$ 1,4 milhão, a estrutura foi construída e aparelhada pelo governo e vai subs tuir um prédio an go, datado de
1940.
A nova delegacia conta com recepção; banheiros masculino e feminino, inclusive com adaptações para pessoas
portadoras de limitações sicas; sala de ocorrências; sala de inves gadores; sala para escrivão; sala para o delegado; dois
alojamentos para policiais (masculino e feminino); arquivo; duas salas de reconhecimento; copa-cozinha; duas
carceragens, entre outros espaços.
Para a delegada Renata Gurgel, superintendente do Baixo Tocan ns, o inves mento representa uma grande melhoria
não só para a população de Oeiras do Pará, mas, também, para os servidores da segurança pública. "Essa obra é
importan ssima para a Polícia Civil, pois a delegacia que nós nhamos aqui antes era an ga e insalubre. Agora,
finalmente, poderemos dar um atendimento digno e de qualidade para a população", afirmou.
A dona de casa Maria Madalena dos Santos, 68, é voluntária em um grupo religioso que atende presos no município. Ela
lembra, com tristeza, de como estava a situação da delegacia de Oeiras do Pará. "O prédio estava sem condições de uso,
totalmente deteriorado, e, ao longo dos úl mos anos, quase nada se fez para mudar a situação. Graças a Deus, veio a
inicia va do governo do Estado de fazer essa construção, que foi muito bem feita, agora está linda", opinou.
Cerimônia – O governador Helder Barbalho descerrou a placa de inauguração da delegacia ao lado do vice-governador,
Lúcio Vale; do secretário de Estado de Segurança Pública, Uálame Machado; do delegado geral de Polícia Civil, Alberto
Teixeira; do comandante geral da Polícia Militar, coronel Dilson Júnior; de deputados estaduais, incluindo o presidente da
Assembleia Legisla va do Estado (Alepa), deputado Daniel Santos; do prefeito de Oeiras do Pará, Dinaldo Aires, e de
autoridades municipais.
Prioridades – O chefe do Execu vo estadual disse à população que a atual gestão está precisando reconstruir o Estado
em diversas áreas, e que a segurança pública e a educação são as duas principais prioridades do governo. Depois de
inaugurar a delegacia, agora, o compromisso do governo é concluir, até agosto, a reforma da Escola Estadual Raimundo
Ribeiro, que já se arrasta há anos.
A unidade é a única escola de Ensino Médio na sede da cidade e abriga mais de 800 alunos. "Temos total convicção de
que a educação é o único caminho para construírmos a sociedade que tanto sonhamos. E o povo oeirense pode contar
com o nosso compromisso e apoio nesse sen do", pontuou Helder Barbalho.
Segundo os estudantes, antes, o colégio Raimundo Pinheiro contava com nove salas de aula, mas o projeto de reforma
reduziu esse número para sete. "Já conversei com o prefeito, pedi que ele disponibilize um terreno do município, para a
construção de novas salas de aula para vocês, pois, se formos mexer agora no projeto, vai atrasar ainda mais a entrega,
que é o que não queremos", explicou o governador.
Helder Barbalho também anunciou que já determinou à Secretaria de Estado de Educação (Seduc) prioridade na
retomada da obra da Escola Técnica do município, que também ficou abandonada depois que a empresa responsável
deixou o trabalho inacabado. A no cia foi festejada pelos estudantes. "Fomos muito mal tratados no governo passado e
não queremos mais isso. Sen mos firmeza nas palavras do governador e, agora, temos esperanças de que as obras
saiam", destacou o jovem Benedito da Silva, 21.
Parceria – O prefeito de Oeiras do Pará, Dinaldo Aires, fez questão de entregar de presente para o governador souvenirs
da cidade e o parabenizou pelo aniversário transcorrido no úl mo dia 18 de maio. Ele também comemorou o fato de ter,
de novo, na cidade, a maior autoridade do Estado. "O úl mo governador que esteve em Oeiras do Pará foi Almir Gabriel.
Estamos felizes por ter, de novo, o chefe do Execu vo estadual aqui com a gente e temos certeza de que a parceria do
governo do Estado com o município vai trazer ainda mais desenvolvimento para a nossa cidade", frisou.
Por Elck Oliveira
25, 26 e 27| Maio | 2019

h p://agenciapara.com.br/No cia/197192/governo-inaugura-delegacia-em-oeiras-do-para-e-anuncia-inves mentos-em-


escolas

Iasep alerta para os riscos do glaucoma


O segurado do Iasep Adiel Andrade Costa, 52, faz o controle do glaucoma, após descobrir que era portador da doença, há
dois anos.
25/05/2019 13:33h
O Dia Nacional de Combate ao Glaucoma é celebrado todo 26 de maio. A data foi criada para conscien zar a população
sobre a importância do diagnós co precoce da doença. O glaucoma é considerado a principal causa de cegueira
irreversível no mundo. Na maioria dos casos, não apresenta sintomas até já estar em estágio avançado.
O glaucoma nada mais é do que o aumento da pressão intraocular, ou seja, dentro dos olhos, que vai grada vamente
causando diminuição da visão. No Brasil, de acordo com a Sociedade Brasileira de Glaucoma, a doença a nge 2% dos
brasileiros acima dos 40 anos, afetando cerca de um milhão de pessoas.
Segundo o o almologista do Ins tuto de Assistência dos Servidores do Estado do Pará (Iasep), Fernando Dias,
infelizmente a condição não tem cura e é por isso que o tratamento é fundamental para se ter o controle da doença.
“Enxaqueca, miopia e apneia do sono são alguns dos sintomas apresentados quando o problema já está avançando.
Pessoas negras, com mais de 40 anos, diabé cos e com histórico familiar de glaucoma fazem parte do grupo mais
afetado. Caso você se encaixe em um dos requisitos, procure um o almologista urgentemente”, recomenda o médico.
O melhor tratamento vai depender de cada paciente e de como os olhos vão reagir às intervenções. Pode ser feito por
meio de colírios, laser ou até mesmo cirurgias. Para o segurado do Iasep Adiel Andrade Costa, de 52 anos, o uso do
colírio de 12 em 12 horas foi a solução, após descobrir que era portador da doença, há dois anos.
“Eu nha enxaquecas terríveis, a ponto de não conseguir dormir. Quando notei que o que eu estava sen ndo não era
normal, procurei o o almologista e recebi o diagnós co. Já suspeitava que poderia ser glaucoma, pois minha mãe
também faz tratamento. Após o uso do colírio, até o meu humor mudou, já que as dores haviam sumido”, conta Adiel.
O militar da reserva esteve na sede do Iasep para solicitar, pelo segundo ano consecu vo, o aumento de cotas, por meio
do Programa de Procedimentos Adicionais, que beneficia pessoas com doenças crônicas. No caso de glaucoma, o
segurado cadastrado no programa tem direito, além das cotas anuais regulares, a mais consultas e exames
especializados, como re nografia, tonometria e ceratoscopia. O obje vo é garan r que a pessoa com a doença tenha
garan do todo o tratamento necessário. Em 2018, o Iasep cadastrou um total de 120 segurados no programa.
Por Ádria Azevedo
h p://agenciapara.com.br/No cia/197189/iasep-alerta-para-os-riscos-do-glaucoma

Policiais militares que salvaram criança na estrada são condecorados


O governador Helder Barbalho cumprimenta o sargento Jorge Silva, que recebeu Maria Alice já desfalecida e aplicou as
técnicas de reanimação.
25/05/2019 00:41h
O salvamento da menina Maria Alice, de apenas 8 meses, envolvendo seis policiais militares do Batalhão de Polícia
Rodoviária Estadual (BPRV), foi reconhecido pelo Governo do Estado. Na noite de sexta-feira (24), o governador Helder
Barbalho condecorou os militares com Menção Honrosa, na cerimônia de Ato de Concessão de Mérito por Atuação em
Ocorrência, realizada no Palácio do Governo, em Belém. Os homenageados são os sargentos Jorge Macedo da Silva e
Elias Lima Lucas, cabo Thércio Júnior Pinheiro de Lima e soldados Abraão Moura Lobato, Marcelo Santos da Luz Filho e
Jefferson Ba sta de Almeida.
O governador enalteceu a atuação decisiva dos PMs, que definiu como exemplo e regra da ins tuição. "É mo vo de
muito orgulho ver uma inicia va como essa da corporação, e par cularmente desta guarnição, que pôde, com muita
competência e frieza técnica, salvar a vida daquela criança. Demonstraram preparo e, acima de tudo, o quanto é
importante valorizar esses policiais", enfa zou Helder Barbalho.
"A sociedade pode contar com uma Polícia Militar que está sempre à disposição para servir, e por isso fiz questão de
reforçar que aqueles que fazem a regra desta ins tuição sempre terão o apoio, compromisso e reforço por parte do
Governo do Estado, para que possamos servir bem à população paraense", reiterou o governador.
O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Dilson Júnior, disse que a honraria materializa o reconhecimento da
sociedade ao ato dos PMs. "A criança foi salva com técnicas de ressuscitação, e por isso ficamos muito felizes em poder
mostrar que a corporação é formada de homens e mulheres capazes de servir e proteger", destacou.
O sargento Jorge Silva, com 27 anos de serviços prestados à Polícia Militar, foi quem que recebeu Maria Alice já
25, 26 e 27| Maio | 2019

desfalecida, e aplicou as técnicas de reanimação. "Uma das nossas premissas é salvar vidas. Para nós, era um dia comum.
Em uma situação de desespero como foi essa, a gente pensa na nossa própria família, nos filhos, e se coloca no lugar. Eu
tenho a sensação do dever cumprido, e agradeço muito a toda a guarnição por isso. Merecem todos os méritos", afirmou
o policial.
Socorro - Na tarde de quinta-feira (23), militares do BPRV em serviço no Posto de Controle Rodoviário Barra Uno,
localizado na Rodovia PA-391, que leva à Ilha de Mosqueiro, socorreram Maria Alice, que estava engasgada.
Por volta de 13h40, um veículo par cular parou no posto, e a mãe da menina, desesperada, informou que a criança havia
se engasgado e não estava respirando. De imediato, o sargento Jorge da Silva pegou a criança e realizou técnicas de
primeiros-socorros e procedimentos de atendimento pré-hospitalar, fazendo com que a bebê voltasse a respirar.
Os militares a levaram para a Unidade de Saúde do município de Santa Bárbara do Pará, à margem da rodovia. No local,
foi constatado ainda que a avó da criança estava tendo uma parada cardiorrespiratória, devido ao nervosismo mo vado
pela situação. Ela também foi socorrida pelos policiais militares e pela equipe médica da unidade.
Por Carol Menezes
h p://agenciapara.com.br/No cia/197175/policiais-militares-que-salvaram-crianca-na-estrada-sao-condecorados

Estado ressalta importância de inves mentos na produção e beneficiamento do abacaxi


Helder Barbalho esteve na Câmara Municipal de Floresta, par cipando do Evento Técnico do Fes val do Abacaxi.
25/05/2019 00:07h

O governador Helder Barbalho esteve nesta sexta-feira (24) no município de Floresta do Araguaia, no sul do Pará, que
promove de 23 a 26 de maio a 26ª edição do Fes val do Abacaxi, evento tradicional na região. O município é o maior
produtor de abacaxi do Brasil, com uma safra anual aproximada de 350 milhões de frutos, segundo dados da Empresa de
Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater).
A comi va do governo chegou à sede municipal às 10 h, incluindo os secretários de Estado de Desenvolvimento
Agropecuário e da Pesca, Hugo Suenaga, e de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Mauro Ó de Almeida; os deputados
estaduais Alex San ago, Miro Sanova, Delegado Caveira e Daniel Santos, presidente da Assembleia Legisla va do Pará
(Alepa), e Braselino Assunção, presidente do Banco do Estado do Pará (Banpará).
Todos foram a uma plantação de abacaxi conhecer o plan o e a colheita do fruto. Em seguida, o governador se dirigiu à
Escola Monsenhor Augusto Dias de Brito, que recebe obras de melhoria e ampliação, e depois a um terreno abandonado
por seis anos, onde seria construída uma unidade de ensino. Helder Barbalho se comprometeu em reabrir a escola
abandonada.
A próxima parada foi no centro de eventos do Fes val, onde o governador conversou com comerciantes e provou o
abacaxi da região. Em seguida, ele foi à Câmara Municipal de Floresta, onde foi recebido por representantes da
população e autoridades da região, no Evento Técnico do Fes val do Abacaxi, uma programação que inclui palestras e
discussões sobre assuntos referentes à produção, importação e inves mentos na agricultura regional.
Garan as - Em seu pronunciamento, o chefe do Execu vo ressaltou a importância dos inves mentos na agricultura local.
"O Governo do Estado deve cumprir com a sua obrigação, que é fortalecer aqueles que produzem e que acreditam nesse
Estado. Nós precisamos agir para consolidar esta vocação, construindo um ambiente de negócios que permita segurança
jurídica com tulos de propriedade, que garanta apoio técnico junto com a Emater, facilitação e agilidade com
transparência e responsabilidade no processo de licenciamento, fomento através do Banpará, com parceria do Basa
(Banco da Amazônia) e o apoio junto à Secretaria de Agricultura para coordenar essas ações", afirmou.
Helder Barbalho enfa zou ainda a importância de ver calizar a produção em Floresta do Araguaia e demais municípios
produtores. "A vocação do agronegócio, par cularmente do abacaxi, é estratégica para o desenvolvimento nesta região.
O Estado estará sempre presente, em parceria com os municípios, produtores e coopera vas, es mulando não apenas o
cul vo e o escoamento dessa produção, mas es mulando a ver calização, para atrair indústrias e agregar valor para essa
a vidade econômica", garan u o governador.
Segundo o prefeito de Floresta do Araguaia, Adélio dos Santos, o Fes val é um momento marcante para a cidade, ainda
mais com a presença da comi va do Governo do Estado. “Eu vejo uma importância muito grande nesse evento, não só
para mim, como prefeito, mas para os produtores de Floresta. Hoje, nós fazemos essa festa graças aos produtores de
abacaxi do município, e é muito gra ficante a vinda do governador e de outras autoridades até nossa cidade. Valoriza
ainda mais", ressaltou o prefeito.
Momento posi vo - Para o deputado Alex San ago, morador de Floresta do Araguaia, o sul do Pará passa por um
momento posi vo de mudança. "Estamos vivendo um novo momento no Estado do Pará, com um governo presente. Nós
25, 26 e 27| Maio | 2019

éramos uma região carente da presença do Estado, que agora tem se posicionado, quando determinou 50 mil litros de
combus vel para arrumar as estradas vicinais, com as obras das pontes de concreto que ligam o município para escoar a
produção, com a recuperação da nossa estrada PA-449, com a conclusão das escolas que estavam anos paradas, e apoio
às coopera vas, com 200 mil reais para compra de equipamentos para ver calizar a produção do abacaxi", destacou o
deputado.
Quem tem na produção de abacaxi sua base econômica, oportunidades como estas são fundamentais. "A gente vê que o
evento gera um desenvolvimento bom pro município; atrai muita gente para a cidade. O abacaxi representa muita coisa
boa na nossa vida, não só pela venda, mas por proporcionar o suco, alimento, doce e muitas outras coisas. A presença do
governador aqui é mais um incen vo para nós", declarou o produtor Paulo Pereira.
Deusdete Neto, gerente regional da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará), disse que "esse é um
Fes val muito importante para o sul do Pará, mais ainda no dia de hoje, com o Evento Técnico, que soma a força e
contribuição de todos os órgãos estaduais parceiros do município, para aumentar a produção. E aí está a importância da
presença da Adepará, um órgão de defesa agropecuária, que defende o trabalho do produtor rural".
Além do Evento Técnico, a programação do Fes val do Abacaxi conta com shows, apresentações culturais, premiações,
distribuição de produtos com o fruto e outras a vidades.
Por Raphael Graim
h p://agenciapara.com.br/No cia/197183/estado-ressalta-importancia-de-inves mentos-na-producao-e-
beneficiamento-do-abacaxi

Núcleo da Sejudh em Paragominas oferece carteira de trabalho e RG gratuitos


Helder Barbalho e comi va visitaram a feira de agronegócios Show Agro, uma tradição em Paragominas .
24/05/2019 23:21h
Moradores do município de Paragominas, no sudeste paraense, já dispõem dos bene cios do núcleo regional da
Secretaria de Estado de Jus ça e Direitos Humanos (Sejudh), para emissão gratuita de carteiras de iden dade e de
trabalho. O núcleo foi inaugurado nesta sexta-feira (24), com as presenças do governador do Pará, Helder Barbalho; do
prefeito de Paragominas, Paulo Tocan ns, e de outras autoridades estaduais e municipais. Ainda no município, o chefe
do Execu vo visitou a feira de agronegócios Show Agro, um dos maiores eventos do setor na região.

Há cerca de três anos, a população do município precisava procurar pelos dois documentos em municípios próximos ou
na capital, Belém. Marinaldo Neves, um dos primeiros a rar a carteira de trabalho hoje, ressaltou a importância do
núcleo no município e seus bene cios para a população. "Esse núcleo vem pra facilitar nossa vida. Hoje, tô aqui por
causa da carteira de trabalho, que há três anos não é rada no município. Quando a gente precisa, tem que viajar pra
outra cidade. A gente não tem nem pra pagar as taxas, imagina pra ir a outro lugar", disse o autônomo.
A instalação do núcleo da Sejudh é uma inicia va do Governo do Estado, com o obje vo de garan r à população o acesso
a serviços de cidadania, principalmente para quem procura emprego e enfrenta dificuldades para obter os documentos,
entre as quais a falta de recursos para custear as taxas.
Para Helder Barbalho, esses serviços são fundamentais para facilitar a vida das pessoas, e são um direito do cidadão.
"Uma demonstração clara de respeito e, acima de tudo, da garan a de direitos para a população. Eu festejo essa
conquista para o povo de Paragominas. Estou muito feliz por estar aqui mais uma vez, e também de poder pres giar o
agronegócio da cidade, reafirmando meu compromisso com o município de Paragominas", afirmou o governador.
Ampliação - A par r desta sexta-feira, o núcleo regional já emite RG, na hora e sem qualquer custo, assim como a carteira
de trabalho. Segundo o tular da Sejudh, Rogério Barra, a “importância desta unidade no município é muito grande, pois
o déficit de emissão de documentos aqui é alto. Agora, o povo de Paragominas vai poder fazer emissão tanto da carteira
de trabalho como do RG, de forma gratuita. Seguindo as diretrizes do governador, a gente tá procurando levar os serviços
do Estado para, cada vez mais, próximo do cidadão".
O núcleo, fruto da parceria da Sejudh com a Câmara Municipal de Paragominas, é o segundo polo regional entregue pela
Secretaria nos úl mos quatro meses. O processo para ampliação dos serviços começou no início do ano, com a
autonomia concedida pelo Governo do Estado para as mudanças necessárias ao atendimento das demandas da
população. O núcleo da Sejudh funciona na Rua Amazonas, 100, no bairro Célio Miranda, das 8 às 14 h.
O prefeito Paulo Tocan ns destacou a importância da parceria com o Governo do Estado, que resultou na inauguração do
núcleo regional. "É um prazer receber os deputados e o governador no nosso município para fazer a inauguração onde
funcionará a Sejudh, com a emissão de carteira de trabalho e de iden dade. Certamente esse núcleo vem ao encontro
da necessidade do nosso município, já que a demanda é muito grande, principalmente em relação à emissão de carteira
25, 26 e 27| Maio | 2019

de trabalho. Essa parceria do Estado com o governo municipal é necessária. Os dois poderes precisam trabalhar juntos,
pois é necessário que todos os municípios se desenvolvam, e assim o Estado também terá seu crescimento consolidado",
ressaltou o gestor municipal.
Vitrine do agronegócio - Desde a úl ma quarta-feira (22), Paragominas sedia a quarta edição da Show Agro, a principal
feira do agronegócio da região, que visa mostrar novas tecnologias e expor as perspec vas dos especialistas sobre o
futuro do segmento. Até o término da feira, neste sábado (25), o evento, com entrada franca, espera movimentar mais
de R$ 500 milhões em negócios e receber a visita de 15 mil pessoas. Nos 70 mil metros quadrados da feira há 90
expositores.

Segundo Basílio Carloto, presidente da Coopernorte (Coopera va Agroindustrial Paragominense), realizadora do evento,
a Show Agro se transformou na grande vitrine do agronegócio da região. "O futuro da Coopernorte e da Show Agro é
es mular e fomentar a ver calização, a industrialização. Nós queremos deixar de ser meros produtores de grãos. O
nosso obje vo final é a industrialização, é a ver calização da nossa produção, do grão que produzimos na fazenda. Vimos
que o Governo do Estado será um grande parceiro do agronegócio, e queremos con nuar a estreitar ainda mais esse
relacionamento com o Estado", afirmou.
A comi va também contou com a par cipação do presidente da Assembleia Legisla va do Pará, Daniel Santos; secretário
de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia, Iran Lima; secretário de Estado de Desenvolvimento
Agropecuário e da Pesca, Hugo Suenaga; secretário de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Mauro Ó de
Almeida; presidente do Ins tuto de Terras do Pará, Bruno Kono; presidente do Banco do Estado do Pará, Braselino
Assumpção; o deputado Federal Éder Mauro e os deputados estaduais Miro Savona e Wenderson Chamon
(Chamonzinho).
Por William Serique
h p://agenciapara.com.br/No cia/197174/nucleo-da-sejudh-em-paragominas-oferece-carteira-de-trabalho-e-rg-
gratuitos

Grupo de Humanização da Santa Casa recebe doação de fraldas


A doação de uma empresa de Suzano de 218 fardos de fraldas, de todos os tamanhos, foi feita por meio do Grupo de
Humanização da Fundação Santa Casa.
24/05/2019 18:43h
A Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará recebeu, nesta sexta-feira (24), uma doação de 218 fardos de fraldas de
todos os tamanhos. A doação foi feita por meio do Grupo de Humanização da Fundação, que foi contatado pela empresa
Suzano, que realiza esse trabalho voluntário em Belém desde outubro do ano passado.
O secretário do Comitê de Humanização da Santa Casa, Alexsander Barra, falou da importância desse trabalho para as
mães. “São item básicos de higiene pessoal, que chegam através de doações, como essa que conseguimos oferecer aos
usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), que buscam atendimento na Santa Casa. As mães ficam tão gratas. E é por
isso que eu quero agradecer pela bondade e disponibilidade de todos que contribuíram para que isso acontecesse”,
disse.
A funcionária da empresa Suzano, Jucimara Passos, explicou que a empresa é uma mul nacional e realiza o projeto há
anos, e, em Belém ocorre desde outubro de 2018. “O mais importante não é o incen vo ao assistencialismo e sim ao ato
humanizado. O importante é a par cipação dos colaboradores na doação do seu tempo, carinho e atenção às pessoas
das várias ins tuições onde a gente consegue ir com esse projeto”, destacou.
Por Helder Guimarães
h p://agenciapara.com.br/No cia/197162/grupo-de-humanizacao-da-santa-casa-recebe-doacao-de-fraldas

Hospital Regional de Marabá alerta sobre riscos de cardiopa a na gestação


Evento ocorreu em alusão ao Dia Nacional de Luta pela Redução da Mortalidade Materna, que será celebrado na
próxima terça-feira (28).
24/05/2019 17:37h
Na próxima terça-feira (28) será celebrado o Dia Nacional de Luta pela Redução da Mortalidade Materna. Para marcar a
data, o Hospital Regional do Sudeste do Pará Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, promoveu um evento na quinta-
feira (23) sobre os riscos de morte na gestação em decorrência de doenças cardíacas nas mães. A unidade, gerenciado
pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, é referência na região em Obstetrícia de Alto
Risco, pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
25, 26 e 27| Maio | 2019

De acordo com o cardiologista e presidente da Comissão de Revisão de Óbitos da Unidade, David Toze o, que conduziu a
a vidade, a gravidez já sobrecarrega o metabolismo da mulher. No caso do coração, ele passa a trabalhar por dois para
bombear o volume de sangue circulante, que aumenta nesse período em até 50%. Como ele acaba batendo mais rápido,
a grávida pode sen r palpitações e falta de ar, podendo surgir edemas.
A questão é que gestantes com doenças no coração também apresentarão os mesmos sintomas e, caso elas ainda não
tenham descoberto a cardiopa a, muitas vezes esses sinais podem ser confundidos.
"As principais queixas das pacientes com cardiopa as são palpitação, falta de ar e edema. Por que a grávida tem falta de
ar? Porque a barriga cresce, comprime o pulmão e dá falta de ar. Por que tem edema? Porque o retorno do sangue para
o coração fica prejudicado, e ela está passando por um estado que nunca passou antes. É uma adaptação: aumenta o
volume de sangue circulante, os hormônios mudam e o coração dá aquela disparada. Mas estes sinais podem indicar um
problema maior", explicou o cardiologista.
Dessa forma, orientou o especialista, as mulheres com doenças cardíacas congênitas e em idade reprodu va devem
buscar orientação antes de engravidar. Mesmo aquelas que ainda não receberam o diagnós co ou não têm a doença,
também devem procurar o cardiologista com regularidade.
Atendimento gratuito - Referência em atendimento de trauma de média e alta complexidade, beneficiando moradores
de 22 municípios, o HRSP tem 115 leitos, sendo 77 de unidades de internação e 38 de Unidades de Terapia Intensiva.
Possui perfil cirúrgico e habilitação em Traumato-ortopedia pelo Ministério da Saúde, oferecendo atendimento gratuito
nas especialidades de Cardiologia, Cirurgia Buco-maxilo-facial, Cirurgia Plás ca Reparadora, Cirurgia Pediátrica, Cirurgia
Geral, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Fisioterapia, Infectologia, Medicina Intensiva adulto, pediátrica e neonatal,
Nutrição, Obstetrícia de Alto Risco, O almologia, Otorrinolaringologia, Urologia, Neurocirurgia, Terapia Ocupacional,
Traumato-ortopedia, Nefrologia e Anestesiologia.
Em 2018, o Hospital atendeu 5.849 pacientes no Acolhimento. Desse total, 1.103 foram ví mas de acidentes de trânsito,
o equivalente a 18% dos usuários.
Por Aretha Fernandes
h p://agenciapara.com.br/No cia/197159/hospital-regional-de-maraba-alerta-sobre-riscos-de-cardiopa a-na-gestacao

Hospitais paraenses realizam campanha para arrecadar doações


Um deles é o Hospital Regional do Baixo Amazonas, em Santarém, que vai arrecadar roupas e alimentos não perecíveis. A
ação beneficiará a Associação Irmã Dulce dos Pobres.
24/05/2019 16:13h
Cinco hospitais no Pará par cipam da Campanha Junho Solidário da Pró-Saúde, sendo três públicos e dois privados.
Neste ano, a ação se inspirou em personagens de história em quadrinhos para sensibilizar os públicos internos e externos
a par cipar com doações. A campanha es mula a doação de roupas, brinquedos, materiais de higiene e alimentos não
perecíveis.
O Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, vai arrecadar roupas e alimentos não perecíveis. A ação
está sendo organizada pelo Grupo Ações e Eventos de Valorização Humana (Gaevh) e beneficiará a Associação Irmã
Dulce dos Pobres, que acolhe pessoas que buscam aliviar o sofrimento e ter melhor qualidade de vida.
No Hospital Público Estadual Galileu (HPEG), em Belém, serão arrecadados roupas e calçados para atender famílias de
catadores de materiais recicláveis da Associação de Recicladores de Águas Lindas (Aral), localizada na Região
Metropolitana de Belém. A entrega das doações ocorrerá no dia 14 de junho, na sede da Associação.
Já no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua, a ação mobiliza colaboradores e
usuários da unidade, além da população em geral, para arrecadar cestas básicas, linhas de costura e lãs para a
organização não-governamental dos Ribeirinhos Ví mas de Acidente de Motor (Orvam). O material de costura será
u lizado na confecção de perucas, que serão doadas às mulheres ví mas de escalpelamento atendidas pela en dade. O
período de arrecadação será de 3 a 21 de junho, na recepção principal do hospital (BR-316, s/n, Km 3, no município de
Ananindeua).
Para a coordenadora de Projetos Sociais do HMUE, Roberta Cardins, a ação é uma inicia va que une as unidades da Pró-
Saúde em um único propósito, o da solidariedade em prol daqueles que mais necessitam. “Com a abrangência da ação
será possível beneficiar muitas pessoas, de várias localidades, como os ribeirinhos, que moram às margens dos rios
paraenses. As doações, além de contribuírem muito na vida deles, também representam uma a tude nobre, que só faz
bem para quem doa”, considera Roberta.
Nos hospitais privados, a campanha arrecadará alimentos não perecíveis. As doações recebidas ao longo do mês no
Hospital Yutaka Takeda (HYT), em Parauapebas, beneficiarão o grupo de venezuelanos que está no município. As
25, 26 e 27| Maio | 2019

entregas podem ser feitas nos vários postos de arrecadação montados na unidade, um deles no ambulatório.
Já no Hospital 5 de Outubro (HCO), em Canaã dos Carajás, os produtos serão arrecadados durante uma oficina que será
realizada no dia 19 de maio, na Agência de Desenvolvimento de Canaã, para ensinar a população a fazer sabão a par r
de óleo de cozinha usado. A inscrição será um quilo de alimento não perecível. A ins tuição que receberá as doações
ainda será definida.
“Doar é uma ação fraterna, um ato de bondade. A Campanha do Agasalho e o Junho Solidário são inicia vas que
reafirmam os valores da en dade e o compromisso de prezar pelo cuidado centrado nas pessoas, principalmente, as
mais carentes”, ressalta o presidente da Pró-Saúde, Dom Eurico dos Santos Veloso.
Por Aretha Fernandes
h p://agenciapara.com.br/No cia/197153/hospitais-paraenses-realizam-campanha-para-arrecadar-doacoes

Serviço Social da Santa Casa realiza VIII Encontro de Serviço Social


O VIII Encontro do Serviço Social da Fundação Santa Casa do Pará, nesta sexta-feira (24), foi aberto com a temá ca do
Conselho Federal de Serviço Social que reforça o Assistente Social no combate ao preconceito.
24/05/2019 12:45h
O VIII Encontro do Serviço Social da Fundação Santa Casa do Pará, nesta sexta-feira (24), foi aberto com a temá ca do
Conselho Federal de Serviço Social que reforça o Assistente Social no combate ao preconceito. Profissionais e estudantes
que lotaram o auditório do hospital, receberam um caderno especial que fala sobre racismo, preconceito, discriminação
e intolerância religiosa. Temas muito recorrentes na área social.
Durante a abertura do evento, a Diretora Assistencial da Fundação Santa Casa, Norma Assunção, parabenizou o evento e
o esforço dos profissionais para discu rem temas relevantes, além da mobilização para lotar o auditório. “É importante a
par cipação dos profissionais do Serviço Social do hospital em encontros como esse, que envolve toda a categoria e
soma aos bene cios alcançados pelos pacientes da Santa Casa”, destaca a médica.
Na mesa de debates com a mediação da assistente social e professora Claudia Fonseca e par cipação de Maria
Nascimento Cardoso, doutora e professora da Universidade Federal do Pará, foi discu do o tema: se cortam direitos,
quem é pobre e preta sente primeiro. Em sua fala, Maria Cardoso ressalta que a sociedade brasileira foi socializada
dentro de uma lógica separa sta, como na questão racial e econômica, e grande parte da sociedade precisa enfrentar
essa situação diariamente. “Aqui nessa Ins tuição de saúde, que é fundamental para o estado do Pará, porque lida com o
perfil da desigualdade, não são raros os elogios que as pessoas que precisam do hospital fazem aos profissionais da área
social. Um exemplo de dedicação”.
Maria Cardoso diz ainda que esse espaço é fundamental para enriquecer os debates acadêmicos, teóricos e polí cos.
Mas adverte que não se pode relaxar diante dos elogios. É fundamental sempre melhorar os serviços prestados a esses
pacientes que buscam a ins tuição.
Para Dulcinea do Socorro Veloso, a mais an ga assistente social da Santa Casa do Pará, encontro como esses são
fundamentais para fortalecer a categoria, além de es mular a reciclagem profissional. “Quando vemos o auditório cheio,
percebemos o interesse de estudantes e profissionais em temas que despertem a necessidade de melhorar sempre o
local de trabalho e a sociedade como um todo”, ressalta Dulcinea.
Por Samuel Mota
h p://agenciapara.com.br/No cia/197146/servico-social-da-santa-casa-realiza-viii-encontro-de-servico-social

Treinamento de anestesistas do Ophir Loyola está entre os melhores do Brasil


O Centro de Ensino e Treinamento de Anestesia do Serviço de Anestesia do Hospital Ophir Loyola (CET SBA/HOL) está
entre os melhores do Brasil na formação de especialistas, segundo a Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA) .
24/05/2019 12:05h
O Centro de Ensino e Treinamento de Anestesia do Serviço de Anestesia do Hospital Ophir Loyola (CET SBA/HOL) está
entre os melhores do Brasil na formação de especialistas, segundo a Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA). Esta
semana o serviço foi classificado entre os 27 melhores ranqueados dentre os 110 centros de ensino e treinamento
afiliados à SBA em todo território nacional. A conquista assegura que o Estado do Pará possui um centro formador de
reconhecida excelência no país.
O CET do Ophir Loyola iniciou as a vidades em 1982, sob responsabilidade do doutor Mario Fascio. No ano 2000,
incorporou o credenciamento junto à Comissão Nacional de Residência Médica. Até então, o Hospital é o único centro
formador de médicos anestesiologistas do Pará com duplo credenciamento. Ao longo desses 31 anos, o HOL formou 158
especialistas em anestesiologia, correspondendo a mais de 50% dos profissionais em a vidade no Estado.
25, 26 e 27| Maio | 2019

Considerada uma das maiores descobertas da medicina, a anestesia é caracterizada pela insensibilidade temporária à
dor, que permite a realização de cirurgias e outros procedimentos invasivos de forma indolor. O médico especialista é
capacitado para escolher e aplicar a anestesia adequada para cada caso, monitorando a temperatura, a pressão arterial,
a respiração, o ritmo cardíaco, a oxigenação do sangue e outras funções vitais do paciente, por meio da observação
clínica e de equipamentos. Para isso, são necessários três anos de treinamento, incluindo a vidades prá cas, teóricas e
acadêmicas.
“Os profissionais em treinamento nos mais de 100 centros espalhados pelo país são avaliados pela SBA. O teste teórico é
desenvolvido por meio de quatro provas trimestrais via internet, uma importante prova anual e outros conceitos são
mensurados por nós. Aqui buscamos fomentar a nova visão do ensino com habilidades prá cas que aperfeiçoam o
médico a prestar serviços diferenciados à população”, afirma o anestesista Mário Fascio.
Segundo explica o doutor Bruno Carmona, responsável pelo CET SBA/HOL, a anestesia é um dos maiores avanços da
medicina nos úl mos dois séculos. "Além de ter evoluído constantemente após sua descoberta, trouxe condições para a
implementação de melhorias em todos os pos cirurgias, diversos exames invasivos e procedimentos dolorosos. É
fascinante dispor de conhecimentos e recursos suficientemente seguros para anestesiar um paciente, re rando-lhe a
consciência, as dores, os movimentos e, ao final do procedimento, devolver suas funções vitais ao normal", orgulha-se.
Bruno Carmona destaca que adquiriu as competências e habilidades no Ophir Loyola, sob a tutela do doutor Mario
Fascio e demais instrutores e preceptores. "Hoje como responsável pelo Centro de Ensino e Treinamento que a ngiu um
grau de excelência em nível nacional, espero contribuir de forma posi va na formação dos futuros anestesistas de nosso
Estado e entregar à sociedade em geral, profissionais cada vez mais capacitados.”
Por Leila Cruz
h p://agenciapara.com.br/No cia/197145/treinamento-de-anestesistas-do-ophir-loyola-esta-entre-os-melhores-do-
brasil

Hospital de Tailândia abre vagas para áreas administra va e assistencial


O Hospital Geral de Tailândia (HGT) realiza processo sele vo para os cargos de Agente de Portaria e Enfermeiro,
preferencialmente para Pessoas com Deficiência (PcD).
24/05/2019 11:29h
O Hospital Geral de Tailândia (HGT), na mesorregião do nordeste paraense, realiza processo sele vo para os cargos de
Agente de Portaria e Enfermeiro, preferencialmente para Pessoas com Deficiência (PcD). Os interessados nas vagas
devem deixar seus currículos no setor de Departamento de Pessoal (DP) até a próxima terça-feira (28), das 9h às 16h.
Para a vaga de Enfermeiro, os candidatos devem enviar currículos até o dia 28/05, para o email: dp.hgt@indsh.org.br ,
ou podem deixar seus currículos com cópia de cer ficado de conclusão do curso e da carteira do Coren no setor de DP
(Departamento de Pessoal), de 9h às 16h.
No entanto, ressaltamos que os currículos passarão por triagem que segue critérios do setor de Recursos Humanos (RH)
para as vagas ofertadas. Com a seleção efe vada, os candidatos que verem seus currículos aprovados serão contatados
pelo DP do Hospital, que informará local, dia e hora da realização das provas e entrevistas.
Para concorrerem a vaga de agente de portaria, os candidatos devem possuir os seguintes conhecimentos e habilidades:
Ensino Médio Completo, curso de agente de portaria, curso de Informá ca e experiência desejável acima de seis meses.
Para concorrer a vaga de enfermeiro, os candidatos devem possuir os seguintes conhecimentos e habilidades: curso
superior em enfermagem concluído, inscrição no Conselho de Classe (COREN) regularizado, curso de informá ca
intermediário, experiência desejável acima de 6 (seis) meses.
Estrutura HGT- Com 51 leitos, o hospital dispõe de várias especialidades e apoio diagnós co com radiologia,
ultrassonografia, endoscopia, mamografia, eletrocardiografia, laboratório de análises clínicas e Agência Transfusional
dentro do hospital para atendimento ágil da demanda, além de Unidade de Cuidados Intensivos (UCI), que possui nove
leitos, sendo seis adultos e três pediátricos.
Serviço: O Hospital Geral de Tailândia fica na Avenida Florianópolis, s/n, no Bairro Novo. Mais informações pelo fone
(91) 3752-3121.
Por Vera Rojas
h p://agenciapara.com.br/No cia/197141/hospital-de-tailandia-abre-vagas-para-areas-administra va-e-assistencial

Governo garante que, agora, ver calização mineral será concre zada
O governador Helder Barbalho (c), ao lado do vice-governador Lúcio Vale, segura o protocolo de intenções para a
25, 26 e 27| Maio | 2019

ver calização de minério de ferro no Pará, assinado com as empresas Vale e CCCC, controladora da brasileira Concremat.
24/05/2019 00:12h
"Estamos abrindo uma janela que permite um horizonte de novos negócios para a a vidade da mineração,
absolutamente importante para o Estado", afirmou o governador Helder Barbalho, durante a assinatura do protocolo de
intenções para implantação da primeira planta de ver calização de minério de ferro do Pará, no município de Marabá
(região sudeste), na noite desta quinta-feira (23), no Teatro Maria Sylvia Nunes, na Estação das Docas, em Belém. O
inves mento na implantação da usina de laminação de aço é de US$ 450 milhões, equivalente a cerca de R$ 1,5 bilhão, e
tem como parceiros as empresas Vale e China Communica on Constru on Company (CCCC), controladora da brasileira
Concremat.
Para Helder Barbalho, a medida traz inúmeros bene cios ao Estado, e uma delas é a oportunidade de atrair outras
indústrias de diversos segmentos, que enxergam no Pará grandes oportunidades a par r dessa implementação, sempre
com ênfase na geração de emprego e renda, e ainda no desenvolvimento econômico e social.
Vale e CCCC devem apresentar até o ano que vem o projeto e o licenciamento completos, com previsão de início das
obras para 2021 e funcionamento já a par r de 2022.
Caminho inverso - "Enquanto todos os inves mentos estão retraindo no resto do País, estamos inves ndo R$ 1,5 bi, o
que reforça nosso ambiente econômico de atração de negócios como resistente a essas dificuldades", avaliou o
governador. "Com o protocolo e mais a retomada das a vidades de 100% da Hydro, creio que em uma próxima avaliação
do comportamento da economia e do emprego no Estado já haverá um cenário apontando para uma rota de
crescimento", acrescentou Helder Barbalho, aproveitando para reforçar sua expecta va de anunciar, ainda este ano, os
inves dores consolidados para a construção dos mais de 700 quilômetros da Ferrovia Paraense, que ligará Barcarena a
Marabá, e à Norte-Sul.
Ele também adiantou que em agosto irá à China com empresários paraenses para apresentar o Estado a novos
inves dores e propor mais parcerias.
Sobre a escolha de Marabá para sediar o polo, o chefe do Execu vo estadual enalteceu o hub logís co da região e a
proximidade da mina de ferro. "A ar culação ins tucional e polí ca precisa estar compa vel com a viabilidade do
projeto", reiterou. "Ainda mais com as obras do derrocamento do Pedral do Lourenço garan das para iniciar em
setembro, teremos a navegabilidade plena do Rio Tocan ns todos os meses do ano a par r de 2022. Tudo isso monta um
cenário favorável", afirmou o governador.
Cobrança - Aos parceiros, Helder Barbalho agradeceu a confiança no potencial do Estado, mas adiantou que será firme
rumo ao resultado final, lembrando que outros protocolos semelhantes foram firmados em gestões passadas e não se
concre zaram. "Podem ter certeza de que o Governo não permi rá ou aceitará que este protocolo não saia do papel.
Vamos cobrar e fazer nosso dever de casa, garan ndo ambiente ins tucional de segurança jurídica e atração econômica.
Trabalharemos para agilizar o processo ambiental, e não mediremos esforços para que toda e qualquer burocracia possa
ser eliminada. Estamos falando de um projeto estratégico, estruturante e determinante", garan u.
A tão esperada ver calização mineral deve tornar, futuramente, o Pará apto também a discu r a produção da chamada
linha branca – geladeiras e outros eletrodomés cos - e mesmo a de veículos. "Invertemos a lógica. Foram 40 anos
rando nossos minérios in natura apenas na a vidade primária, para beneficiamento em outros países e estados. Agora
é perspec va real de extração, oferta e agregação de valor", pontuou o governador.
Reconhecimento – O diretor-presidente da Vale, Eduardo Bartolomeo, reconheceu a importância do Pará no tamanho
que a empresa ostenta hoje. "Acreditamos que podemos ir além. O Pará fez da Vale uma empresa forte, e nosso
compromisso é contribuir para que o Pará prospere", assegurou.
Mauro Viegas Neto, presidente execu vo da Concremat, lembrou que a trata va para a assinatura do protocolo de
intenções começou há um ano e meio. "Temos indicações posi vas de atra vo do empreendimento, além da força e
seriedade da parceria. Que esse projeto seja uma alavanca econômica de empregos para a região", reforçou.
O prefeito de Marabá, Tião Miranda, destacou a importância de o Pará seguir na contramão do restante do Brasil em um
momento de economia instável. "É importante ver calizar o minério de ferro. Vai gerar emprego e renda, um dos
grandes desafios agora nesse País. Somos privilegiados. Não há desenvolvimento sem ver calização", disse o gestor
municipal.
O senador Jader Barbalho (MDB-PA) disse esperar "que as gerações futuras assistam o Pará ser festejado e proclamado
como um Estado rico e com um povo que usufrui dessa riqueza".
Por Carol Menezes
h p://agenciapara.com.br/No cia/197133/governo-garante-que-agora-ver calizacao-mineral-sera-concre zada
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019

Bernardino Santos
24.05.19 8h37
O médico Edilberto Maia, na foto com Felícia Maia, lança hoje em São Paulo o seu recente livro, durante o congresso
cien fico que está par cipando. ()
FAÇAM FILA O pessoal que trabalha no setor de microfilmes da Biblioteca Pública do Estado quase está precisando
distribuir senhas para os usuários que recorrem aos serviços do setor que, aliás, são muito bons. Cada um só pode usar
as máquinas por uma hora, porque das oito, apenas duas estão funcionando. O problema veio da gestão
anterior.INELEGÍVEISAguardando julgamento no TCM, muitos processos de prestação de contas de prefeitos. Os
condenados podem ficar inelegíveis para a eleição de 2020.TRISTE RANKING Apesar de ser um dos mais ricos do mundo
em bens naturais, o Brasil é um dos piores no ranking de saúde e educação.MEMÓRIA Tem a assinatura do es lista Luiz
Langer o memorial histórico da paróquia Menino Deus, de Marituba. O padre Ederaldo da Ma a é o novo Vigário
Episcopal da região.FORÇA AÉREA Localizado na Base Aérea de Belém, foi inaugurado ontem o Memorial da Força Aérea
Brasileira visando preservar o acervo histórico existente e mostrar o trabalho da FAB na Amazônia. O governador Helder
e o Comandante da Aeronáu ca, Brigadeiro Antônio Carlos More Bermudez, presidiram a cerimônia
inaugural.CUIDADO Uma virose violenta, que derruba a pessoa em poucas horas depois de aparecerem os primeiros
sintomas, está se alastrando por Belém. Dores intensas, febre alta, ardência no rosto, fazem parecer sintomas da
dengue, mas não é. Atenção.PSICANÁLISE O médico psiquiatra e psicanalista Edilberto Maia, que recentemente lançou,
em Belém, o livro “Como nossos pais: a função da iden ficação na construção dos moledos” faz o lançamento da obra,
hoje em São Paulo, durante o XII Congresso Brasileiro de Psicanálise das Configurações Vinculares.EXPO AMAZÔNIA
Devido a um problema técnico no local da exposição, a Expo Amazônia teve sua abertura adiada de ontem para hoje, em
Lisboa. Sucesso garan doSOLIDARIEDADE Uma feijoada Solidária, em homenagem ao aniversário da reitora da Unama,
Bethânia Fidalgo, será realizada no dia 8 de junho, com a renda rever da para a escola de Samba da Ma nha, que, este
ano, trabalhou o tema da inclusão.ODOR Nestas chuvas que antecedem o verão, o fedor de urina é intenso em certos
pontos da cidade, coma as laterais do Theatro da Paz, muro do Museu Goeldi, entorno do cemitério da Soledade e
prédios abandonados. São marmanjos mal educados que, sem constrangimento, urinam na rua, causando um odor
insuportável.MOFO NA FEIRA Na feira, comprando farinha, prove bem e esteja atento ao mofo nesse período ainda de
muita chuva e umidade. Repare bem como o vendedor armazena o produto, para evitar ratos e baratas dos locais onde
ficam armazenadasVITRINE- Grupo Semear, pilotado por Gilka Ferro promoverá no dia 25 de junho, um coquetel e
desfile de PaulaBrazil, no sala Bem Me Quer.- Verena Condurú Mendes, esposa do empresário Ronaldo Mendes, troca de
idade hoje. Parabéns.- O médico Rosival Nassar está em São Paulo onde par cipa do 3º Congresso Internacional
Hun ngton de Reprodução Humana.- Bom dia para Francisco Gemaque, leitor da coluna logo cedo, no café da manhã-
Os amigos Paulo Maurício e Ernane Malato seguem para o Rio em minitemporada.- A professora Célia Virgolino troca de
idade hoje e passa a data em São Paulo, onde se encontra par cipando de seminários educacionais. Daqui vai o nosso
abraço- O empresário Oswaldo de Carvalho pega o jato da TAP neste sábado, rumo a Lisboa.- O publicitário José Severo
Filho, diretor da Norte Comunicação, aniversaria hoje.- Esta coluna pode ser lida, também, no portal OLiberal. Com - O
diretor do Theatro da Paz, Daniel Araujo, anuncia novidades para o próximo Fes val de Ópera. - Incen ve seus filhos à
boa leitura. Quem não lê, não escreve nem fala.- Can nho da poesia: “Ah, se eu pudesse entender o que dizem os seus
olhos...” (Tom Jobim).- É só. A musa me chama.
h ps://www.oliberal.com/colunas/confira-os-destaques-da-coluna-de-bernardino-santos-1.145299

Faltam medicamentos para pacientes com hepa te C no Pará


A Sespa admite que, desde 2018, há atrasos e fracionamento na entrega do medicamento pelo MS
24.05.19 11h37
Medicamento não está sendo entregue pelo Ministério da Saúde à rede estadual: espera deve durar até junho ()
Pacientes que precisam de tratamento para hepa te C, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), estão com a
medicação em atraso há pelo menos três meses. A Secretaria de Saúde de Estado admite que, desde 2018, há atrasos e
fracionamento na entrega do medicamento pelo Ministério da Saúde (MS) - que promete regularizar a situação ainda
este mês no Pará.Uma das pessoas que denuncia a situação pertence à família de um homem que tem 59 anos, é
hipertenso e foi diagnos cado com a doença há três meses, na Fundação Santa Casa de Misericórdia, no Umarizal, em
Belém. Parentes dizem que depois que teve o diagnós co da doença confirmado, o paciente preferiu receber a
dispensação da medicação combinada (ombitasvir, veruprevir, ritonavir e dasabuvir) em uma ins tuição de ensino
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019

Policiais militares que salvaram bebê em Belém recebem condecoração


Eles atenderam menina de oito meses quando ela parou de respeitar, após uma convulsão. Bebê de oito meses e o
sargento já se reencontraram e agora "são da mesma família".
24/05/2019 20h14
Policial rodoviário estadual salva a vida de criança após uma convulsão
Seis policiais militares do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRV) que salvaram a vida de um bebê de oito meses
receberam uma condecoração com menção honrosa nesta sexta-feira (24). Eles ajudaram a menina que estava
engasgada quando a família procurou ajuda no Posto de Controle Rodoviário Barra Uno, na PA-391, estrada que dá
acesso à Ilha de Mosqueiro, em Belém.
A homenagem foi entregue pelo Governador do estado Helder Barbalho e relembra o papel de cada um no salvamento
da criança.
Os sargentos Jorge Macedo da Silva e Elias Lima Lucas, o cabo Thércio Júnior Pinheiro de Lima e os soldados Abraão
Moura Lobato, Marcelo Santos da Luz Filho e Jefferson Ba sta de Almeida são considerados pela família do bebê
verdadeiros heróis.
"Eu olhei e minha filha estava morta nos meus braços. Ele veio correndo e pegou ela. Ele disse: 'calma, calma, que ela
está bem, ela está bem!'. E começou a fazer os primeiros socorros. Minha filha nasceu de novo naquele dia, pelas mãos
dele", lembra a mãe da pequena Maria Alice, Samara Silva, emocionada.
"Quando ele [o pai do bebê] ligou a luz e pôs a mão para fora, pensamos que fosse um assalto e ficamos em alerta. Ai ele
gritou: 'minha filha tá morta!'. Comecei a fazer a massagem cardíaca e atendi. Eu tentei manter a calma dela porque eles
estavam aflitos. Se eu disser que estava confiante, eu estaria men ndo. Pedi a Deus que me guiasse e con nuei e ela
chorou e, hoje, ela está aí", conta o sargento Jorge da Silva.
Para ele, a par r de agora, "ela já é da minha família. Sou o dela agora!", insiste o militar.
Reencontro de PM e bebê que ele salvou emociona a família. — Foto: Reprodução / TV Liberal. Reencontro de PM e
bebê que ele salvou emociona a família. — Foto: Reprodução / TV Liberal.
Entenda
Na úl ma quinta-feira (23), os policiais socorreram o bebê de oito meses que estava engasgado, após uma crise de
convulção. A pequena Maria Alice estava no colo da mãe quando parou de respirar.
Imagens que foram divulgadas nas redes sociais, mostram o sargento Jorge da Silva realizando técnicas de primeiros
socorros e, em seguida, o bebê chorando. Ele ainda acalma os familiares da criança enquanto presta o atendimento.
Após passar mal durante viagem, bebê é salvo por policial
h ps://g1.globo.com/pa/para/no cia/2019/05/24/policiais-militares-que-salvaram-bebe-em-belem-recebem-
condecoracao.ghtml
25, 26 e 27| Maio | 2019

PORTAL ROMA NEWS


Prefeitura de Belém dá início hoje à 'Semana do Bebê'
27 MAI 2019 - 04H59
Prefeitura de Belém dá início hoje à 'Semana do Bebê'
A Prefeitura de Belém realiza a par r de hoje a 8ª edição da Semana do Bebê. Com o tema “Todos juntos pela 1ª
infância”, a programação é coordenada pela Secretaria Municipal de Planejamento (Segep) e programa Aliança pela Paz,
e tem o obje vo de assegurar os direitos das crianças na primeira infância, por meio de programas, ações e a vidades
desenvolvidas no município, com a par cipação do poder público e privado e a sociedade, ajudando na sobrevivência e
no desenvolvimento da criança até a adolescência.
A abertura da semana será no Ginásio Al no Pimenta, localizado na Av. Visconde de Souza Franco. A programação
começa às 08h, com palhaços, par cipação da banda da Guarda Municipal e apresentações com músicas regionais.
Entre os dias 27 e 31, em Belém e distritos, uma extensa programação será realizada em escolas municipais, unidades de
saúde e Centros de Referências Sociais (Cras), envolvendo vários órgãos da Prefeitura de Belém, como a Coordenadoria
da Mulher de Belém (Combel), Fundação Papa João XXIII (Funpapa), Secretarias Municipais de Educação (Semec), Saúde
(Sesma), entre outras.
Entre as a vidades desenvolvidas na Semana do Bebê estão oficinas, palestras educa vas, vacinação, testes em recém-
nascidos, brincadeiras, danças com bebês, caminhadas e muitas outras a vidades.
No distrito de Outeiro a programação da Semana do Bebê começa na terça, 28, e segue até quinta-feira, 30 com
apresentações musicais, palestras, entrega de enxovais, atualização de vacinas e oficina de artesanato.
A Semana do Bebê, em Belém, é realizada em parceria e apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e faz
parte das a vidades da Plataforma dos Centros Urbanos (PCU), inicia va do Unicef para promover os direitos das
crianças e dos adolescentes mais afetados pelas desigualdades intramunicipais em dez centros urbanos brasileiros.
h ps://www.romanews.com.br/cidade/prefeitura-de-belem-da-inicio-hoje-a-semana-do-bebe/41586/

Em Belém, ação na Praça da República alerta sobre o uso racional de medicamentos


A automedicação é um hábito comum a 77% dos brasileiros
26 MAI 2019.
Em Belém, ação na Praça da República alerta sobre o uso racional de medicamentos .
A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) promove neste domingo, 26, entre 8h e 12h, uma ação de saúde alusiva à
Campanha Nacional pelo Dia do Uso Racional de Medicamentos, transcorrido no úl mo dia 05 desse mês.
O obje vo do evento é conscien zar a população de que medicamento não é produto de venda comum, como uma
simples mercadoria, e alertar sobre os riscos da automedicação, além de chamar a atenção para que a população
consulte sempre um farmacêu co ao usar qualquer medicamento. O evento é voltado para crianças a par r de 6 anos,
adultos e idosos.
Durante a ação serão oferecidos diversos serviços de cuidados a saúde, como testes rápidos de HIV, Hepa te B e C e
Sífilis; orientação nutricional, farmacêu ca e odontológica, com disponibilização de escovódromo e aplicação de flúor;
ação de prevenção ao tabagismo e à tuberculose; orientação à saúde da mulher, do homem e do idoso; aferição de
glicemia, educação sobre as doenças transmi das pelo Aedes aegyp ; e imunização contra gripe e vacina tríplice viral.
Também será possível fazer descarte de medicamentos em um coletor específico, o descartômetro.
Dados - Uma pesquisa realizada pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF), por meio do Ins tuto Datafolha, constatou que
a automedicação é um hábito comum a 77% dos brasileiros, que fizeram uso de medicamentos nos úl mos seis meses. A
pesquisa constatou ainda que quase metade dos brasileiros (47%) se automedica pelo menos uma vez por mês, e um
quarto (25%) o faz todo dia ou pelo menos uma vez por semana.
h ps://www.romanews.com.br/cidade/acao-de-saude-na-praca-da-republica-alerta-sobre-uso-racional-de/41479/

Prefeitura de Belém se reúne com Unicef e apresenta índices sociais e de saúde


Prefeito apresentou dados como a queda de 90% nos casos de sífilis congênita na capital
25 MAI 2019 - 09H39
Prefeitura de Belém se reúne com Unicef e apresenta índices sociais e de saúde.
25, 26 e 27| Maio | 2019

A Prefeitura de Belém recebeu na tarde dessa sexta-feira, 24, representantes do Fundo das Nações Unidas para a
Infância (Unicef) para uma reunião na sede da Companhia de Desenvolvimento e Administração da Área Metropolitana
de Belém (Codem). O encontro contou também com a presença do prefeito de Belém, Zenaldo Cou nho; da presidente
da Fundação Papa João XXIII (Funpapa), Adriana Azevedo; e do secretário municipal de Saúde, Sérgio de Amorim.
Índices - O principal assunto tratado durante a reunião foi a Plataforma dos Centros Urbanos (PCU), um projeto realizado
em parceria entre a Prefeitura de Belém e a Unicef. O prefeito apresentou dados relevantes sobre a capital paraense,
como a queda de 90% nos casos de sífilis congênita, a diminuição dos índices de gravidez na adolescência e outros
indicadores sobre educação.
A PCU trabalha com quatro agendas prioritárias que são os direitos da primeira infância, a redução dos homicídios
envolvendo adolescentes, os direitos sexuais e reprodu vos de adolescentes e a educação, enfrentando a evasão escolar.
Os índices apresentados pela Prefeitura de Belém fazem parte do trabalho realizado dentro desses quatro segmentos de
atuação. “Os bons índices que apresentamos nessa reunião é pelo que a Unicef tanto batalha. Na úl ma experiência de
Centros Urbanos, trouxemos essa diminuição dos índices e a Unicef reconhece o que a Prefeitura tem feito em Belém”,
destacou Adriana Azevedo, presidente da Funpapa.
E este é um trabalho com muito futuro. “A PCU mudou, e a forma como conduzimos o trabalho está sendo repensada. A
metodologia será reajustada para atender melhor a agenda de cada cidade. No Brasil, nós temos cidades muito
diferentes, com demandas diferentes”, explicou Anyoli López, chefe do escritório do Unicef Belém.
Warao - A reunião também teve o obje vo de aproximar a Unicef da Prefeitura de Belém nas questões relacionadas aos
indígenas de origem venezuelana que estão na capital paraense. “A aproximação da Funpapa com a Unicef e agora com a
Agência da ONU para Refugiados foi a par r dessa demanda de assistência aos índios Warao, porque as crianças desse
grupo estavam em situação de extrema vulnerabilidade. Nesse assunto, a Unicef veio para ajudar a resguardar o que é
um direito dessas crianças”, detalhou a presidente da Funpapa.
Sobre as polí cas realizadas com os refugiados e migrantes da Venezuela, a Unicef parabenizou a Prefeitura de Belém e
demonstrou apoio para o futuro das ações. “Nós parabenizamos a Prefeitura pelos esforços que estão sendo construídos
diante desse problema. Com a nossa parceria podemos fortalecer, ainda mais, a ação humanitária em Belém”, disse
Anyoli López.
h ps://www.romanews.com.br/cidade/prefeitura-de-belem-se-reune-com-unicef-e-apresenta-indices-sociais-e/41491/

Policiais que salvaram criança são condecorados


25 MAI 2019
Policiais que salvaram criança são condecorados
Os policiais militares que salvaram uma criança de oito meses na úl ma quinta-feira foram condecorados pelo Governo
do Estado na noite desta sexta, 24. Os sesis policiais receberam Menção Honrosa na cerimônica de Ato de Concessão de
Mérito por Atuação em Ocorrência, das mãos do governador do Pará, Helder Barbalho.
Os sargentos Jorge Macedo da Silva, Elias Lima Lucas, cabo Thércio Júnior Pinheiro de Lima e soldados Abraão Moura
Lobato, Marcelo Santos da Luz Filho e Jefferson Ba sta de Almeida, militares do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual,
foram os homenageados.
O sargento Jorge Silva, com 27 anos de serviços prestados à Polícia Militar, foi quem que recebeu Maria Alice já
desfalecida, e aplicou as técnicas de reanimação. "Uma das nossas premissas é salvar vidas. Para nós, era um dia comum.
Em uma situação de desespero como foi essa, a gente pensa na nossa própria família, nos filhos, e se coloca no lugar. Eu
tenho a sensação do dever cumprido, e agradeço muito a toda a guarnição por isso. Merecem todos os méritos",
afirmou o policial.
O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Dilson Júnior, disse que a honraria materializa o reconhecimento da
sociedade ao ato dos PMs. "A criança foi salva com técnicas de ressuscitação, e por isso ficamos muito felizes em poder
mostrar que a corporação é formada de homens e mulheres capazes de servir e proteger", destacou.
O governador enalteceu a atuação decisiva dos PMs, que definiu como exemplo e regra da ins tuição. "É mo vo de
muito orgulho ver uma inicia va como essa da corporação, e par cularmente desta guarnição, que pôde, com muita
competência e frieza técnica, salvar a vida daquela criança. Demonstraram preparo e, acima de tudo, o quanto é
importante valorizar esses policiais", enfa zou Helder Barbalho.
25, 26 e 27| Maio | 2019

h ps://www.romanews.com.br/cidade/policiais-que-salvaram-crianca-sao-condecorados/41485/

Sesma leva vacinação a shoppings de Belém neste sábado


25 MAI 2019
Sesma leva vacinação a shoppings de Belém neste sábado.
A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (Devs), está levando, neste
sábado (25), a Campanha de Vacinação contra a Gripe para os shoppings da cidade.
A vacinação estará dos shoppings Pá o Belém, Bosque Grão Pará e no Parque Shopping - nos três locais, o horário da
vacinação começa às 10h e termina às 16h.
Até o dia 31 de maio a vacinação também estará disponível nas salas de vacina das Unidades Municipais de Saúde (UMS)
e Estratégias Saúde da Família (ESF), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
Devem buscar a imunização os seguintes grupos prioritários:
- Crianças de 6 meses a menores de 6 anos.
- Crianças de 5 anos a menores de 9 anos com doenças crônicas.
- Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos cumprindo medidas socioeduca vas.
- Idosos (a par r dos 60 anos).
- Gestantes em qualquer idade gestacional.
- Puérperas (até 45 dias após o parto), com comprovação.
- Trabalhadores da saúde (dos setores público e privado).
- Povos indígenas (a par r de 6 meses de idade).
- População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.
- Professores de escolas públicas e privadas.
- Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e/ou condições clínicas especiais com apresentação de prescrição
médica (em qualquer idade).
- Policiais civis, militares, bombeiros e membros a vos das forças armadas (mediante iden ficação).
h ps://www.romanews.com.br/cidade/sesma-leva-vacinacao-a-shoppings-de-belem-neste-sabado/41476/
Blog da Franssinete 25, 26 e 27| Maio | 2019
Florenzano
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019

http://www.jesocarneiro.com.br/santarem/acordo-estipula-prazo-de-6-meses-para-prefeitura-afastar-os-da-gestao-do-hospital.html
25, 26 e 27| Maio | 2019

Caros (as) secretários (as), assessores (as) de imprensa e colaboradores do Conass,


Destacamos as seguintes matérias publicadas hoje na mídia nacional:

CORREIO BRAZILIENSE
Saúde
Saúde atende 760 pessoas nos primeiros dias da força-tarefa

AGÊNCIA BRASIL
Saúde
Jogos criados por alunos da UFF ajudam idosos a exercitar a mente

FANTÁSTICO
Saúde
Fórmula é vendida com a falsa promessa da cura do au smo
Pais estão sendo enganados com solução chamada MMS que, na verdade, é uma substância química equivalente à água sanitária

Cartas de mo vação anônimas ajudam na recuperação de pacientes


As irmãs Isadora e Victoria, estudantes de medicina, criaram um projeto inspirado pela filosofia conhecida como "slow medicine",
medicina sem pressa

BOM DIA BRASIL


Saúde
Projeto ajuda mulheres com câncer a recuperar a autoes ma

O GLOBO
Saúde
Agentes de saúde aposentados sofrem com doenças provocadas por inse cida

Cien stas desenvolvem micróbio transgênico que 'come' plás co jogado no mar
Pesquisadores de cinco países se reuniram para desenvolver um ser vivo que se alimenta do carbono encontrado no plás co marinho

ESTADÃO
Saúde
Primeiro caso de sarampo em Sorocaba é confirmado em menino de 7 anos
––Local de contágio ainda está sendo inves gado. O úl mo caso autóctone originado na cidade foi registrado no ano de 1999

FOLHA DE S. PAULO
Saúde
Vendida como cura milagrosa para au smo, 'MMS' gera alerta entre pais e governo

Cocô humano vira tratamento contra infecções, obesidade e problemas mentais

VALOR ECONÔMICO
Saúde
Planos vão à Jus ça contra fraude na saúde
Os planos de saúde estão aumentando o cerco contra fraudes e têm conseguido na Jus ça anular contratos de empresas e usuários que
burlam as regras

Como um corretor gago criou o plano de saúde por adesão


A visão de Júnior sobre a Qualicorp, da fundação à polêmica que derrubou as ações da empresa em outubro

JORNAIS – POLÍTICA, BRASIL E MUNDO

CORREIO BRAZILIENSE
Polí ca
Previdência pode deixar custo do piso básico para o bolso do trabalhador
Texto da reforma da Previdência não deixa claro quem vai pagar despesa com piso básico. Para especialistas, a par r da interpretação da
PEC, recursos do Tesouro serão preservados

Saiba como Paschoal, Kim e outros nomes da direita viraram 'comunistas'


Aliados de Bolsonaro que se posicionaram contra as manifestações ou contra atos do presidente passaram a ser 'atacados' nas redes
sociais e colocados no mesmo barco de nomes da esquerda
25, 26 e 27| Maio | 2019
25, 26 e 27| Maio | 2019

Notas e Informações
O STF e o Execu vo
Toffoli usou cautelosamente as palavras, mas suas observações foram um recado claro dirigido ao Execu vo

Insistência no erro
A má qualidade formal do Decreto 9.785/2019 é mais um exemplo do modo como o governo Bolsonaro trata até mesmo os assuntos que
lhe são mais caros – com afoiteza

Cida Damasco
Crenças abaladas

Coluna do Estadão
Atos devem acirrar ânimos e a polarização

Vera Magalhães
Disfarçado, viés autoritário esteve subjacente aos atos
Em cima dos caminhões de som não se ouviram palavras de ordem pelo fechamento do Congresso ou do Supremo

VALOR ECONÔMICO
Brasil
Par do vai ao STF pedir regulação de subsídio a precatório
Solidariedade quer definição de regras para que Tesouro arque com pagamentos devidos por Estados e municípios

Com novo relatório, "folga" do teto de gastos vai a R$ 35,5 bilhões


Diferença prevista no relatório é maior do que o volume que a União terá que pagar à Petrobras pela revisão do acordo de cessão
onerosa

Editorial
A plena ingenuidade do presidencialismo de cooperação
O Congresso e o país teriam muito a ganhar com a redução substancial da rigidez orçamentária
Caros (as) secretários (as), assessores (as) de imprensa e colaboradores do Conass,
Destacamos as seguintes matérias publicadas hoje na mídia nacional:

CORREIO BRAZILIENSE
Saúde
Saúde atende 760 pessoas nos primeiros dias da força-tarefa

AGÊNCIA BRASIL
Saúde
Jogos criados por alunos da UFF ajudam idosos a exercitar a mente

FANTÁSTICO
Saúde
Fórmula é vendida com a falsa promessa da cura do au smo
Pais estão sendo enganados com solução chamada MMS que, na verdade, é uma substância química equivalente à água sanitária

Cartas de mo vação anônimas ajudam na recuperação de pacientes


As irmãs Isadora e Victoria, estudantes de medicina, criaram um projeto inspirado pela filosofia conhecida como "slow medicine",
medicina sem pressa

BOM DIA BRASIL


Saúde
Projeto ajuda mulheres com câncer a recuperar a autoes ma

O GLOBO
Saúde
Agentes de saúde aposentados sofrem com doenças provocadas por inse cida

Cien stas desenvolvem micróbio transgênico que 'come' plás co jogado no mar
Pesquisadores de cinco países se reuniram para desenvolver um ser vivo que se alimenta do carbono encontrado no plás co marinho

ESTADÃO
Saúde
25, 26 e 27| Maio | 2019
Manifestantes cri cam órgãos de imprensa em atos pró-governo

Bolsonaro volta à radicalização e contrata próximo capítulo da crise

Painel
Ministros do STF e polí cos minimizam atos e dizem que conjuntura segue inalterada

Editoriais
Bolsonaro e as ruas

Pacote paulista

Colunas
VINICIUS MOTA – Onda amarela tem o que dizer

LEANDRO COLON – Bandeira e boneco não dão votos a Bolsonaro no Congresso

RUY CASTRO – Sob o nariz de Crivella

MARCUS ANDRÉ MELO – (Con)fusão de poderes

ESTADÃO
Polí ca
Atos em todo o País apoiam Bolsonaro e reformas; Maia vira alvo de protestos

Análise: Ganho polí co dos atos pode ser efêmero ao insis r na lógica de apontar inimigos
Atos de domingo não foram espontâneos, mas sim es muladas pelo presidente, seus filhos, lideranças do PSL e pelos bolsonaristas nas
redes
''Ninguém governa sozinho, diz líder do DEM
Elmar Nascimento defendeu o diálogo e o respeito a opiniões divergentes; em atos, Congresso foi alvo

Notas e Informações
O STF e o Execu vo
Toffoli usou cautelosamente as palavras, mas suas observações foram um recado claro dirigido ao Execu vo

Insistência no erro
A má qualidade formal do Decreto 9.785/2019 é mais um exemplo do modo como o governo Bolsonaro trata até mesmo os assuntos que
lhe são mais caros – com afoiteza

Cida Damasco
Crenças abaladas

Coluna do Estadão
Atos devem acirrar ânimos e a polarização

Vera Magalhães
Disfarçado, viés autoritário esteve subjacente aos atos
Em cima dos caminhões de som não se ouviram palavras de ordem pelo fechamento do Congresso ou do Supremo

VALOR ECONÔMICO
Brasil
Par do vai ao STF pedir regulação de subsídio a precatório
Solidariedade quer definição de regras para que Tesouro arque com pagamentos devidos por Estados e municípios

Com novo relatório, "folga" do teto de gastos vai a R$ 35,5 bilhões


Diferença prevista no relatório é maior do que o volume que a União terá que pagar à Petrobras pela revisão do acordo de cessão
onerosa

Editorial
A plena ingenuidade do presidencialismo de cooperação
O Congresso e o país teriam muito a ganhar com a redução substancial da rigidez orçamentária
GUIA DE PESQUISA

http://www.agenciapara.com.br/
http://www.diarioonline.com.br/
https://www.oliberal.com/
https://www.oliberal.com/amazonia
https://www.romanews.com.br/noticias/
https://g1.globo.com/pa/para/
http://www.portalparanews.com.br/
http://uruatapera.blogspot.com/
http://www.jesocarneiro.com.br/
http://pererecadavizinha.blogspot.com/
http://www.ver-o-fato.com.br/

Clipping CONASS