Vous êtes sur la page 1sur 64

O ESPAÇO POLÍTICO E ECONÔMICO:

CONFLITOS ÉTNICOS E AS MIGRAÇÕES


INTERNACIONAIS
PROF. SÉRGIO HENRIQUE
Prof. Sérgio Henrique

Oriente Médio
✓ Diversidade étnica.
✓ Diversidade religiosa.​
✓ Instabilidade política.​
✓ Petróleo: Golfo Pérsico.
✓ Estuário do Chatt El Arab.​
✓Estreito de Ormuz.
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique

Apátridas: Curdos e Palestinos.​


Prof. Sérgio Henrique

(PUC-RJ /2015)
Alguns traçados nacionais no Oriente Médio

A região sombreada na representação é uma das várias existentes pelo


planeta formadas de grupos de nacionalidades sem Estado. Essa região não
contemplada com um território reconhecido internacionalmente é chamada de:

A) Uzbequistão.
B) Tajiquistão.
C) Palestina.
D) Chechênia.
E) Curdistão.
Prof. Sérgio Henrique

@professorsergiohenrique
Prof. Sérgio Henrique

✓ Revolução Iraniana – Xiita

✓ 80-88: Guerra Irã x Iraque.

✓ 91: Guerra do Golfo: Iraque x Kwait.


✓ Zonas de exclusão aérea N (curdos) S
(xiitas).

✓ 2003-2010: Guerra do Iraque.


✓ Coalizão Inglaterra e EUA.
Prof. Sérgio Henrique

✓ Doutrina Bush: Unilateralismo, militarismo e Guerra ao Terror.


✓ Eixo do Mal: Irã, Iraque, Paquistão e Coreia do Norte.
✓ Inclusão do Paquistão e Cuba.
✓ 2001: Invasão no Afeganistão.
✓ 2003: Invasão no Iraque.
✓ 2010: Retirada das tropas do Iraque (Barack Obama).
(Mackenzie 2015) A respeito da crescente onda terrorista verificada no mundo após os atentados de 11 de
setembro de 2001 nos EUA, julgue as afirmações que se seguem:
I. A Al-Qaeda (“a base”, em árabe) foi criada por Osama bin Laden na década de 1980. É formada,
principalmente, por fundamentalistas islâmicos e árabes. Ao grupo são atribuídos os atentados terroristas nas
embaixadas norte-americanas no Quênia e na Tanzânia em 1998.
II. Hezbollah representa o movimento libanês que surgiu na década de 1980. Luta contra a influência ocidental
no mundo islâmico e se baseia na doutrina do aiatolá Khomeine, que liderou a revolução islâmica no Irã. O
grupo se notabilizou por meio de atentados a bomba e combates a Israel.
III. O grupo Hamas foi criado em 1987 depois da segunda intifada ( resistência israelense à ocupação do
território palestino). Contrário à existência do Estado Palestino, usa suicidas para promover ataques terroristas
aos assentamentos de seus rivais.
IV. Jihad Islâmica, organização formada no Egito, em 1980, por jovens palestinos. Atacar alvos israelenses é uma
forma de estancar o processo de paz entre Israel e a Organização para a Libertação da Palestina (OLP). O grupo
assumiu a autoria de um atentado suicida em 12 de agosto de 2001 em um restaurante no norte de Israel.

Estão corretas:
A) I e II, apenas.
B) I, II e III, apenas.
C) II e III, apenas.
D) I, II e IV, apenas.
E) I, II, III e IV.
Prof. Sérgio Henrique

@professorsergiohenrique
Prof. Sérgio Henrique
(Ulbra 2016) Os conflitos internacionais nos últimos anos se apresentam através de complexas relações
e situações políticas. Nesse cenário de desagregação política, podemos citar a região do Oriente Médio,
que se mostra numa situação instável e complexa desde a eclosão da Primavera Árabe. Nesse sentido,
quais afirmações estão corretas?
I. A ocupação militar dos EUA, no Iraque, objetivou a queda do ditador Saddam Hussein, mas permitiu as
disputas políticas internas no país, criando tensão entre grupos rivais.
II. A Síria está no meio de uma guerra civil, evento devastador, criando um número crescente de
refugiados e proliferando grupos rebeldes contrários ao chefe de estado Bashar al-Assad.
III. A queda do ditador Muammar Kadafi no governo da Líbia gerou uma disputa entre milícias armadas,
a busca do controle do poder na região e a exploração de recursos naturais.
IV. A expansão do estado islâmico representa uma grande ameaça, principalmente, por apresentar
algumas características, como, por exemplo, as execuções em massas e a destruição de monumentos
históricos.
A) I e III.
B) I e IV.
C) I, II e IV.
D) II, III e IV.
E) I, II, III e IV.
Prof. Sérgio Henrique

Guerra Civil da Síria


✓ Primavera Árabe: Derrubar Bashar Al-Assad.

✓ Uso de armas químicas.


Prof. Sérgio Henrique
Estado Islâmico
✓ Grupo terrorista Sunita.
✓ Guerra Civil e desocupação do Iraque (Vácuo).
✓ Califado universal.
✓ Uso da internet e redes sociais (recrutamento
✓ Internacional de simpatizantes.
✓ Controle de áreas na Síria e Iraque.
✓ Controle de poços de petróleo.
✓ Destruição de templos antigos.
03/2018: Derrota do Estado Islâmico
(retomada dos territórios)
(UEPG 2016) Sobre aspectos recentes da Guerra Civil na Síria, assinale o que o for correto.
01) Bashar Al Assad, presidente sírio, tem apoio russo contra os rebeldes do Exército Livre da
Síria.
02) O governo sírio foi acusado, em 2013, de lançar armas químicas contra a população nesse
conflito. Depois desse fato, Obama (EUA) e Putin (Rússia) negociaram a destruição do arsenal
químico sírio, com auxílio da OPAQ (Organização para a Proibição de Armas Químicas).
04) A principal área de presença do Estado Islâmico (ISIS) na Síria, no contexto do conflito,
localiza-se na região norte e nordeste do país, próximo à fronteira com o Iraque. A intenção do
ISIS é destruir o governo sírio e todos aqueles que não concordam com a visão de um
califado islâmico na região, incluindo estrangeiros russos e estadunidenses.
08) O início desse conflito se deu em 2011, no contexto da Primavera Árabe, quando cidadãos
sírios, em ato de protesto, pediam mais democracia no país e foram duramente repreendidos
pelo estado sírio.
16) A Síria, apesar da guerra civil, tem tradição, desde a segunda metade do século XX, baseada
na democracia estilo ocidental. Apesar dos excessos do presidente Assad no poder, o país é
pluripartidário e com alternância constante no poder, mesmo antes de ele ascender ao governo
no ano 2000.
Resposta: 01 + 02 + 04 + 08 = 15.
Prof. Sérgio Henrique

@professorsergiohenrique
Prof. Sérgio Henrique
Conflitos Árabes Israelenses
✓ Diáspora Judaica.
✓ Antissemitismo.
✓ Sionismo.
✓ Primeira Guerra: Palestina  Território Inglês.
✓ Declaração de Balfour  Grande migração de judeus para a Palestina.
Prof. Sérgio Henrique
✓ Segunda Guerra: Genocídio.
✓ 1947 Plano de Partilha da ONU: “Dois povos, dois Estados”.
✓ 1948: Fundação de Israel.
✓ 1° Guerra Árabe-Israelense: OLP X Israel.
✓ 1956: Guerra de Suez  Egito – Nasser – Nacionalização do canal.
✓ 1967: Guerra dos 6 dias: ataque preventivo.
✓ 1973: Yom Kippur.
✓ Intifadas 87-91 2000 (Ariel Sharon – esplan. mesquitas).
Prof. Sérgio Henrique
(Unesp 2017) Depois de autorizar a expansão dos assentamentos em Jerusalém Oriental, Israel
aprovou a construção de casas na Cisjordânia.
www.brasil.elpais.com, 24.01.2017. Adaptado.
O Conselho de Segurança da ONU exigiu que Israel parasse de construir casas na Cisjordânia,
incluindo Jerusalém Oriental. O argumento é que os assentamentos “colocam em risco a
viabilidade da solução de dois Estados”.
www.cartacapital.com.br, 02.02.2017. Adaptado.​

O atrito entre Israel e o Conselho de Segurança da ONU deve-se ao fato de


A) Cisjordânia e Jerusalém Oriental serem territórios palestinos tomados por Israel na Guerra
dos Seis Dias.
B) Cisjordânia e Jerusalém Oriental estabelecerem planos de ocupação com ideais socialistas no
Oriente Médio.
C) Israel ter mantido a ocupação dos territórios, em desrespeito ao acordo de paz
de Yom Kipur.
D) Israel consolidar a segregação entre hutus e tutsis, com a criação de assentamentos em
regiões periféricas.
E) Cisjordânia e Jerusalém Oriental receberem refugiados ossétios, apesar do apoio israelense
aos georgianos.
Prof. Sérgio Henrique
(Uem 2015) Conflitos entre tropas de Israel e grupos radicais palestinos têm, ultimamente,
provocado destruições e muitas mortes. Sobre a Faixa de Gaza, Israel e a Palestina, assinale o que
estiver correto.
01) A Faixa de Gaza é disputada por judeus e palestinos em função de dois motivos principais: é a
maior produtora de petróleo do Oriente Médio e tem os solos mais ricos da região.
02) Trata-se de uma estreita faixa de terra localizada na costa oriental do Mar Mediterrâneo, no
Oriente Médio, que faz fronteira com Israel e com o Egito.
04) A Faixa constitui, atualmente, um dos territórios mais densamente povoados do mundo,
apesar de ser pouco industrializado, de sofrer escassez de água e de ter solos pouco apropriados
para a agricultura.
08) Na Guerra dos “Seis Dias”, em 1967, a faixa de Gaza foi invadida e ocupada por Israel.
Posteriormente Israel se retirou e atualmente Gaza é administrada pelos palestinos.
16) Durante o período da Guerra Fria, tropas soviéticas assumiram o controle da Faixa de Gaza e
expulsaram os povos palestino e judeu que lá habitavam. O interesse dos soviéticos era
estratégico: a Faixa constitui importante ponto de passagem entre Europa, Ásia e África, através
do Mar Mediterrâneo.
Resposta: 02 + 04 + 08 = 14.
(Vunesp) No Oriente Médio, a água é um recurso precioso e uma fonte de conflito. A
escassez de recursos hídricos está aumentando as tensões políticas entre países e
dentro deles, e entre as comunidades e os interesses comerciais. A Guerra dos Seis
Dias, em 1967, foi, em parte, a resposta de Israel à proposta da Jordânia de desviar o
rio Jordão para seu próprio uso. A terra tomada na guerra deu-lhe acesso não apenas
às águas das cabeceiras do Jordão, como também o controle do aquífero que há por
baixo da Cisjordânia, aumentando assim os recursos hídricos em quase 50%.
(Robin Clarke e Jannet King. O Atlas da Água, 2005. Adaptado.)

A partir da leitura do mapa e do texto, pode-se afirmar


que a água é uma questão importante nas negociações entre
A) o Iraque e os turcos.
B) os palestinos e a Síria.
C) o Líbano e a Síria.
D) os iranianos e o Iraque.
E) Israel e os palestinos.
(Upf 2019) “A primeira metade do século XX foi marcada por devastadoras guerras entre Estados. A segunda
metade, porém, no contexto da Guerra Fria, teve como característica o acirramento de conflitos civis, muitos
dos quais se prolongam até os dias atuais.”
(TERRA; ARAÚJO; GUIMARÃES. Geografia Conexões: estudos de geografia geral e do Brasil. São Paulo: Moderna, 2015, p. 636)

A partir dos seus conhecimentos sobre os conflitos regionais na ordem global, analise os itens a seguir.
I. Culturalmente distintos dos povos dos países onde vivem, os curdos reivindicam um Estado próprio. Vivem,
em sua maioria, na Turquia e extrapolam as fronteiras desse país, ocupando áreas do Iraque, do Irã, da Síria, da
Armênia e do Azerbaijão.
II. Desde 2011, a Síria vive uma sangrenta guerra civil, e a população, na busca de maior liberdade
democrática, iniciou uma revolta contra o governo. A Rússia apoia o atual regime sírio, como forma de manter
sua influência no Oriente Médio.
III. A Caxemira é um país localizado entre Paquistão, China e Índia. A população da Caxemira deseja a
unificação com a Índia, porém, os interesses nucleares na região levaram a uma série de enfrentamentos com
os vizinhos.
IV. Em 1948, Israel declarou sua independência, dissolvendo o Estado árabe-palestino e incorporando ao seu
território as terras palestinas conquistadas. O conflito entre israelenses e palestinos perdura até os dias atuais.

Está correto o que se afirma em


A) II, III e IV, apenas. D) III, apenas.
B) I, II e IV, apenas.
C) I e II, apenas. E) I, II, III e IV.
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
Tratados de Oslo

✓Yitzhak Rabin e Yasser Arafat

✓1992 Palestinos reconhecem Israel.


✓Israel reconhece a OLP (AP).

✓Jericó: controle da AP​.


Prof. Sérgio Henrique
Oslo II

✓ Devolução da Cijordânia:
A = controle civil e militar da AP.
B = controle civil da AP e militar de Israel.
C = controle civil e militar de Israel.

✓ Rabin foi assassinado por um judeu


ortodoxo.
Prof. Sérgio Henrique

2
Prof. Sérgio Henrique

✓ Política de assentamentos judaicos.


✓ Ariel Sharon: Muro separando a Cisjordânia e retirada
dos assentamentos em Gaza.
✓ 2012: ONU reconhece a palestina como Estado observador.
✓ Jerusalém: Transferência da embaixada dos EUA (D.Trump), seguido pela
Guatemala e Paraguai (desistiu).
✓ BR: Escritório de negócios.
Prof. Sérgio Henrique
(Mackenzie 2013) Observe os mapas:

Os mapas delimitam espaços geográficos em litígio


na atualidade. Sob o ponto de vista geopolítico,
podem-se destacar aspectos conflituosos
semelhantes, dentre os quais:
A) disputas por recursos minerais, especialmente
imensas jazidas carboníferas, como também questões
étnico-sociais.
B) questões territoriais e disputas pelos recursos
hídricos, já que as duas áreas possuem nascentes de
importantes rios.
C) disputas por áreas localizadas principalmente em pontos geográficos estratégicos favoráveis a
determinados países, como também a saída para mares e oceanos.
D) a divisão de suas fronteiras com importantes países emergentes, como também questões socioeconômicas
milenares.
E) disputas territoriais milenares devido à fertilidade dos solos, como também as formações geológicas
estáveis que datam do Pré-cambriano.
(Mackenzie 2018)
Trump reconhece Jerusalém como capital de Israel
O presidente Donald Trump anunciou nesta quarta-feira (6) que os EUA passam a reconhecer Jerusalém como a
capital de Israel, revertendo quase sete décadas de política externa americana, e determinou o início dos
preparativos para a transferência da embaixada americana de Tel
Aviv para a disputada cidade.
Folha de São Paulo, 06/12/2017.​ Disponível em <http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2017/12/1941116-eua-reconhecemjerusalem-como-
capital-de-israel.shtml> Acesso em 11.03. 2018.

Com base no trecho de reportagem acima e em seus conhecimentos a respeito do assunto em destaque, analise
as afirmações a seguir.
I. Líderes mundiais de diversos países, tanto aliados quanto rivais dos EUA, criticaram a decisão de Trump,
temendo o aumento da violência no Oriente Médio.
II. Como a mudança da embaixada para Jerusalém era uma promessa de campanha, a decisão de anunciá-la em
dezembro do ano passado pode estar relacionada a uma tentativa de recuperação de apoio entre seus eleitores,
já que grande parte de suas outras promessas ainda não saiu do papel.
III. Trump argumenta que levou em consideração o Plano de Partilha da Palestina, estabelecido pela ONU em
1947. Na sessão presidida pelo embaixador brasileiro Oswaldo Aranha, foi decidido que Jerusalém seria
destinada à consolidação da capital judaica, tendo em vista sua importância religiosa para os judeus.
É correto o que se afirma em C) II e III, apenas.
A) I, apenas. D) I e III, apenas.
B) I e II, apenas.
E) I, II e III.
(Udesc 2014) Analise as proposições sobre Israel e Palestina. Prof. Sérgio Henrique

I. O conflito entre Israel e Palestina começou no século XX, quando os judeus começaram a
comprar terras na Palestina. Na década de 30, milhares de judeus já viviam nesta região.
II. O primeiro confronto armado entre Israel e Palestina aconteceu em 1967, o que se
convencionou chamar de Guerra dos Sete Dias.
III. A mais importante tentativa de paz entre Israel e Palestina, durante o século XX, aconteceu
em 1993. O acordo foi assinado entre Yasser Arafat, líder da OLP (Organização para a Libertação
da Palestina), e o primeiro ministro de Israel, Yitzhak Rabin.
IV. Em 2000, nova tentativa de paz foi negociada pelos EUA, sem sucesso, dando início à segunda
intifada, o levante armado palestino.

Assinale a alternativa correta.


A) Somente as afirmativas I, II e III são verdadeiras.
B) Somente as afirmativas I, III e IV são verdadeiras.
C) Somente as afirmativas II e IV são verdadeiras.
D) Somente as afirmativas I e IV são verdadeiras.
E) Todas as afirmativas são verdadeiras.
Prof. Sérgio Henrique

@professorsergiohenrique
Prof. Sérgio Henrique

Índia e Paquistão
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
(Ufscar 2005) Entre os diversos confrontos civis e militares existentes no mundo atual, o conflito
pela posse sobre o território da Caxemira merece destaque, por envolver países importantes da
Ásia. Sobre esse território, apresentam-se as quatro afirmações seguintes.

I. A Caxemira é uma região dividida e com o território sob o controle de três países: Paquistão,
Índia e China.
II. Ao contrário do restante da Índia, cuja maioria é hinduísta, a Caxemira indiana tem maioria
islâmica, tal qual o Paquistão.
III. A ocupação da Caxemira do leste pela China uniu os exércitos do Paquistão e da Índia na luta
pela retomada do território ocupado.
IV. O conflito envolve países detentores de explosivos atômicos em seus arsenais.

É correto o que se afirma em


A) I e III, apenas.
B) II e IV, apenas.
C) I, II e IV, apenas.
D) II, III e IV, apenas.
E) I, II, III e IV.
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
(EsPCEx/2017 - CONCURSO DE ADMISSÃO)
“‘Exterior próximo’ - é assim que o governo russo encara os demais Estados da CEI (Comunidade dos
Estados Independentes).”
Adaptado de: MAGNOLI, D. Geografia para o Ensino Médio. 1. ed. São Paulo: Atual, 2012, p.562.
Ao utilizar tal expressão, a Rússia caracteriza bem sua esfera de influência política no continente
asiático. Dentre os fatores que explicam a influência russa sobre o seu “Exterior Próximo”, podemos
destacar o (a):
​I− grande dependência das economias dos países da CEI em relação ao mercado russo, destino de
grande parte das exportações desses países.
​II− tratado de segurança coletiva assinado pelos países da CEI, que, em vigor desde 1994, proíbe seus
integrantes de participarem de alianças militares externas.
​III− controle sobre a soberania política e econômica desses países e de suas reservas energéticas
situadas em pontos estratégicos para a economia russa.
IV− identidade cultural e religiosa entre a Rússia e os demais Estados da CEI, aliada ao fato de ser a
língua russa o idioma mais falado em todo o “Exterior Próximo”.
​V− considerável dependência de praticamente todas as ex−repúblicas soviéticas da importação de
produtos da indústria russa.
Assinale a alternativa que apresenta todas as afirmativas corretas.
A) I, II e III C) I, III e IV E) III, IV e V
B) I, II e V D) II, IV e V
Prof. Sérgio Henrique

O país Geórgia está localizado em uma região montanhosa e faz fronteiras com outro
país, onde movimentos separatistas são fortemente reprimidos. A região
montanhosa e o país referido, de acordo com o mapa são

A) Atlas, Eslovênia.
B) Pirineus, Turquia.
C) Pamir, Grécia.
D) Cáucaso, Rússia.
E) Urais, Áustria.
Prof. Sérgio Henrique

(Ufg 2009) A geopolítica é uma disciplina que estuda os conflitos dos Estados nações
e procura compreender, no mundo contemporâneo, a diversidade que se reflete em
situações complexas e geradoras de guerras. Uma dessas situações é o interesse
estratégico da Rússia em relação ao território da Geórgia, que tem criado tensões no
Cáucaso com o objetivo de
A) controlar um antigo Estado-membro da Comunidade de Estados Independentes
(CEI), que possui grande potencial militar e nuclear.
B) facilitar o deslocamento de suas exportações em direção ao Irã, que é um país
aliado na produção de tecnologia nuclear.
C) obter o controle de Nagorno Karabach, região autônoma da Geórgia, que luta por
sua independência.
D) garantir o escoamento seguro de óleo e gás, que atravessam o território georgiano
por meio de oleoduto e gasoduto, até o Mar Negro.
E) manter sob domínio russo um território favorável à importação de petróleo pela via
do Mar Cáspio.
Prof. Sérgio Henrique

(Unesp 1994) Desde o início dos anos noventa, a área assinalada no mapa adiante
tem sido palco de sangrenta guerra civil.
Indique a alternativa que exprime as causas dessa guerra e o país ao qual pertenciam
estas porções territoriais.
A) Ideal sérvio de construir a "Grande Sérvia", independente da Tchecoslováquia.
B) Rivalidades étnicas, religiosas, históricas, culturais e territoriais entre os povos
da antiga Iugoslávia.
C) Antiga oposição política entre sérvios e croatas na Romênia.
D) Ideias separatistas reforçadas pela "Glasnost" e pela "Perestroika" entre os
povos das repúblicas componentes da antiga União Soviética.
E) Dominação estrangeira entre búlgaros da antiga Iugoslávia.
Prof. Sérgio Henrique

Conflitos na África
Prof. Sérgio Henrique
(EsPCEx/2016 - CONCURSO DE ADMISSÃO) Prof. Sérgio Henrique
“A África libertou-se
do jugo colonial, mas ainda não conseguiu erguer Estados nacionais verdadeiros.
Esse é o desafio político que as sociedades africanas enfrentam atualmente. Sua
superação é condição indispensável para a estabilidade política e o
desenvolvimento econômico. […].”
(Magnoli, Demétrio. Geografia para o Ensino Médio, 2012, p.652-653, grifo nosso)

As dificuldades que muitos países africanos enfrentam para se construírem


em “Estados Nacionais verdadeiros”, estão relacionadas:
I − às secas prolongadas e às inundações, que, por si só, já explicam as
frequentes crises de abastecimento alimentar, que desencadeiam crises políticas e
econômicas e solapam o Estado nacional.
II − à incapacidade que o governo de diversos países tem em tributar o conjunto
da sociedade, e, em certos casos, à dificuldade de controlar de fato as vastas regiões
do território do país, por estarem sob o domínio de milícias armadas local que
ignoram o poder central.
Prof. Sérgio Henrique
II − à influência do neocolonialismo, que, em muitos casos, grandes potências,
ainda exercem sobre Estados africanos, por meio da ajuda financeira, da cooperação
militar e, sobretudo, por meio de tratados especiais de comércio, que desfavorecem
a economia nacional.
IV − à incapacidade dos nativos africanos de respeitarem as
diferenças etnorreligiosas entre si e de se autogovernarem sem a presença política
dos colonizadores europeus, apesar da existência, atualmente, de um país capaz de
assumir o papel de liderança política no continente, como é o caso de Angola.
V − ao descompasso entre as territorialidades produzidas pela colonização e
as territorialidades locais no contexto interno dos países africanos, que
definiu fronteiras que não necessariamente mantêm relação com a distribuição étnica
ou linguística de suas populações.
Assinale a alternativa que apresenta todas as afirmativas corretas.
A) I, II e III
B) I, III e IV D) I, IV e V
C) II, III e V E) II, IV e V
Prof. Sérgio Henrique

Separatismos Europeus
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
Prof. Sérgio Henrique
(EsPCEx/2017 - CONCURSO DE ADMISSÃO) Prof. Sérgio Henrique
“A União Europeia (UE) atraia muito imigrantes, principalmente a porção mais rica do
bloco. Imigrantes vindos das ex-colônias europeias, em especial da África e da Ásia,
procuram-se por estabelecer em suas antigas metrópoles. […] Também é siginificativa
a imigração dos países mais pobres do Leste Europeu para a porção mais rica da
União Europeia.”
Terra, L; Araújo, R.; Guimarães, R. Conexões: Estudos de Geografia Geral e do Brasil, 3 ed, São
Paulo: Moderna, 2015, p.92.
Sobre a questão imigratória na Europa, especialmente na União Europeia (UE),
podemos afirmar que:
I − o Espaço Schengen, constituído, dentre outros, por todos os países que compõem
a UE, foi implantado por um acordo, em 1985, e prevê o fim do controle das
fronteiras e a livre circulação de pessoas entre os países membros.
II − a livre circulação de pessoas entre os países da UE tem se mostrado um
problema, por isso os países membros tentam impedir qualquer fluxo imigratório,
uma vez que quem consegue entrar em um dos países do bloco pode circular
livremente pelos demais.
Prof. Sérgio Henrique

III − em virtude da imigração magrebina, uma das principais comunidades


muçulmanas na UE encontra−se na França e sua presença funciona como pretexto
para campanhas políticas de cunho xenofóbico.
IV − do ponto de vista econômico, o fluxo de imigrantes tem impactos positivos, pois
ameniza o processo de envelhecimento da população e fornece mão de obra barata
para a maioria das funções rejeitadas pelos europeus.
V − os fluxos imigratórios têm grande impacto demográfico na UE, visto que a maior
parte do crescimento populacional do bloco não decorre do crescimento vegetativo,
mas sim dos saldos migratórios.
Assinale a alternativa que apresenta todas as afirmativas corretas.
A) I, II e IV
B) I, II e V
C) I, III e V
D) II, III e IV
E) III, IV e V
(EsPCEx/2016 – CONCURSO DE ADMISSÃO) Prof. Sérgio Henrique

“Os deslocamentos de população conhecidos como migrações podem ser gerados


por necessidades internas dos próprios grupos populacionais ou por fatores externos
a eles. Geralmente estão vinculados a um contexto socioeconômico global ou a um
contexto nacional ou regional, ou podem estar ligados a causas econômicas, razões
políticas, étnicas ou religiosas [...].”
(Terra, Lygia; Araújo, Regina; Guimarães, Raul. Conexões: estudos de Geografia Geral e do Brasil,
2015, p.90).
Sobre os deslocamentos internacionais de população, pode-se afirmar que
I - diversos fatores podem motivar as migrações, mas, atualmente, são os conflitos
religiosos os maiores responsáveis pelos movimentos migratórios no mundo.
II - países como Catar e Kuait, no Oriente Médio, desde a década de 1970,
transformaram-se numa zona de forte atração migratória, principalmente de
imigrantes de outros países asiáticos, para trabalharem nos campos de petróleo e em
áreas como a construção civil, comércio e transportes.
Prof. Sérgio Henrique
III - as baixas taxas de fecundidade, abaixo do nível necessário para reposição
populacional, e a necessidade de mão de obra não qualificada nos países europeus
têm posto fim às políticas migratórias restritivas nesse continente.
IV - os EUA são o país com o maior número de imigrantes internacionais, atraídos
pelas possibilidades de emprego; por outro lado, é dos países asiáticos a maior parte
dos emigrantes que deixa seus países em busca de melhores condições de vida.
V - uma das vantagens dos imigrantes em situação irregular é que conseguem
desfrutar dos serviços de saúde e educação do país de destino, como qualquer
cidadão.
Assinale a alternativa que apresenta todas as afirmativas corretas.
A) I e V
B) II e IV
C) I, III e IV
D) II, III e V
E) I, II e V
Prof. Sérgio Henrique

(EsPCEx/2014 - CONCURSO DE ADMISSÃO)


“Nas últimas décadas do século XX, o número de migrantes internacionais aumentou
de forma significativa […] por causa das disparidades econômicas entre os países.”
(TERRA, L; ARAÚJO, R; GUIMARÃES, R. Conexões− Estudos de Geografia Geral. 1.ed. São Paulo:
Moderna, 2009, p. 327)
Sobre as migrações no contexto da globalização podemos afirmar que
I − a globalização tem facilitado as migrações, devido tanto à redução do custo dos
transportes quanto à expansão dos meios de comunicação.
II − embora os EUA e o núcleo mais próspero da União Europeia sejam as duas
maiores zonas de atração de fluxos migratórios do mundo, países situados no Oriente
Médio são os que possuem maior percentagem de imigrantes na população.
III − a crescente necessidade de mão de obra imigrante por parte da Austrália tem
levado esse País a estimular a imigração através de políticas imigratórias menos
seletivas.
Prof. Sérgio Henrique

IV − no México, o recebimento de remessas financeiras de seus milhares de


emigrados constitui uma das maiores fontes de divisas do País.
V − as restrições cada vez mais rígidas impostas pelos países desenvolvidos à
imigração clandestina, aliada à constante vigilância de suas fronteiras, têm impedido
o crescimento do número de imigrantes ilegais no mundo.

Assinale a alternativa em que todas as afirmativas estão corretas.


A) I e III
B) III e IV
C) I, II e IV
D) II, III e V
E) I, IV e V
Prof. Sérgio Henrique

@professorsergiohenrique
OBRIGADO
PROF. SÉRGIO HENRIQUE.