Vous êtes sur la page 1sur 38

UNIVERSIDADE DA AMAZÔNIA

CCBS
CURSO DE FISIOTERAPIA
DISCIPLINA DE FISIOTERAPIA BUCOMAXILOFACIAL

FISIOLOGIA DO SISTEMA
ESTOMATOGNÁTICO
PROF. Msc. EDUARDO LAMA
MKT-MDL-03
Versão 00

INTRODUÇÃO

▪ Estruturas bucais: funções comuns

▪ Mandíbula

▪ Características próprias e dependentes

▪ Influencia o funcionamento
de outros sistemas
NEUROFISIOLOGIA BUCAL

A neurofisiologia bucal é a parte da biologia que explica os


mecanismos a serem explorados como recursos terapêuticos.

A neurofisiologia se desenvolve em
três etapas definidas:
1.Percepção do estímulo sensorial.
2.Integração no SNC.
3.Reação motora (na forma de contração
muscular e/ou função glandular).
Proprioceptivos da Mucosa Oral

Grande diversidade de receptores


LINGUA:
Sensibilidade: pressão, deformação ou simples
Controlam: função motora da língua.
LÁBIOS
Participam na sucção, fala e gestual
PALATO DURO
Reflexo trigêmeo – recorrencial;
Sensação da fala.
PALATO MOLE
Diversidade;
Deglutição, vômito e eructação.
ESTRUTURAS

▪ ESTRUTURAS ATIVAS:
▪ Gastam energia
▪ Nervos, mm. da boca, glândulas
excitabilidade (exócrina)

▪ ESTRUTURAS PASSIVAS:
▪ Não há gasto de energia
▪ Dentes, ossos maxilo-mandibulares e faciais, tendões,
ligamentos, ATM, mucosa,
vv. sanguíneos, sistema imune
ELEMENTOS BÁSICOS

o ATM
o Componente neuromuscular
o Superfícies e pressões oclusais
o Periodonto
o Homeostase estomatognática
o Insuficiência estomatognática
NEURODEPENDENCIA DA BOCA

▪ Intervenção do sistema nervoso;

▪ Presença de receptores
(fibras nervosas);

▪ Sistema nervoso central: sensibilidade


somatosensorial
→Função muscular e glandular
MÚSCULOS MASTIGATÓRIOS =
Elevadores da mandíbula
TEMPORAL
Mandíbula para cima;
Determina o tônus muscular;
Rotação e levantamento mandibular;
MASSETER
Eleva;
Projeta para frente;
Lateralidade.
PTERIGÓIDEO MEDIAL
Levanta;
Retração;
Lateralidade.
MÚSCULOS MASTIGATÓRIOS =
Abaixadores da mandíbula

→ PTERIGÓIDEO LATERAL
Abaixa;
Depressão;
Mandíbula para frente;
→ DIGÁSTRICO (VENTRE ANTERIOR)
Abaixador;
Retropulsão.
→ GÊNIO-HIÓIDEO
Abaixador da mandíbula
Retropulsão.
→ MILO-HIÓIDEO
Deprime;
Deglutição
MÚSCULOS SUPRA - HIÓIDEOS
AÇÃO MUSCULAR

No movimento de fechamento fisiológico da mandíbula


atuam:
-como músculos primários os masséteres;
-como sinergistas, os pterigoídeos mediais, temporais
anteriores e médios;
-como antagonistas os pterigoídeos laterais e o digástrico
-como estabilizadores os temporais posteriores
AÇÃO MUSCULAR
MÚSCULOS FACIAIS

→ BUCINADOR
Puxa a comissura labial;
Comprime os lábios.
→ ORBICULAR DA BOCA
Fecha e projeta os lábios para frente;
Sucção, beijo, riso ou sorriso.
→ ZIGOMÁTICO MAIOR
Comissura labial para cima e para fora.
→ ZIGOMÁTICO MENOR
Puxa a comissura labial
e os lábios para cima
e para fora.
Sensibilidade
Proprioceptiva Estomatognática

ALICERCE CONCEITUAL
BOCA COM GRANDE QUANTIDADE DE RECEPTORES;
CLASSIFICAÇÃO:
Qualitativo: Físicos: Mecânicos,
Acústicos e Térmicos
Químicos: Endógeno ou
exógeno.
Origem: Externos: exterocepticos
(extracorpóreo);
Internos: Interoceptivos
(intracorpóreo).
Proprioceptores → Função própria
(Proprioceptores estomatognáticos: receptores
específicos)
Tipos de Receptores
Estomatognáticos

❑Determinam sensações;

❑Estomatostesia: Identificado quando há


perda;

❑ Reflexos adaptados.
REFLEXO DE ESTIRAMENTO
(MIOTÁTICO)

Atua no sentido de evitar o estiramento passivo dos


músculos. Apresenta-se mais sensível nos músculos que se
opõem à força de gravidade.
Ex. masseter, temporal e pterigóideo medial (que evitam
queda da mandíbula).
REFLEXO TACTOCEPTIVO
(TANGOCEPTIVO)

• Existente na membrana periodontal e nos músculos, a partir


de receptores nervosos sensitivos permitem ao SNC reconhecer
o movimento mandibular a ser realizado e a intensidade da
força que deverá aplicar.
REFLEXO FLEXOR (NOCICEPTIVO):

• Tem função protetora de todas as estruturas do Aparelho


Estomatognático, pois afasta a parte excitada do agente
injuriante.
• É responsável pela alteração da posição mandibular para
evitar o trauma periodontal em um dente com distúrbio
oclusal.
Proprioceptor Oral

▪ Capta faixas restritas de estímulo;


▪ Possui limiar de excitabilidade;
▪ Adaptação ou acomodação;
▪ Potencial de ação – reflexos adaptativos ou
compensadores.
Sensibilidade Proprioceptiva da
boca

❑RICA INERVAÇÃO – Sensibilidade proprioceptiva;


❑RECEPTORES que facilitam captação do nível funcional
▪ ATM
▪ LIGAMENTO PERIODONTAL
▪ MUCOSA ORAL

❑CAPTAM: Fatores mecânicos;


❑PROPRIOCEPTORES:
Controlam função estomatognática.
Sensibilidade ATM

❑MECANORECEPTORES ENCAPSULADOS:

• Controlam e ordenam
reflexos na ATM;

• Principais contribuintes para a percepção e determinação


da posição da mandíbula;
• Com má oclusão: perturba mecanoceptores articulares.
PERIODONTO

As forças que incidem sobre os dentes são transmitidas aos ossos por
meio das fibras periodontais
Receptores Proprioceptivos do
Ligamento Periodontal

Abundantes no Ligamento Periodontal;


Tipos de proprioceptores:
Contato oclusal – ativados quando dentes entram em
contato;
Descarga espontânea – contração tônica;
Botão terminal – estiramento das fibras
Axônio livre – dor e resposta tônica
Importância
Manutenção, preservação e controle da função
estomatognática.
LIGAMENTO PERIODONTAL
OCLUSÃO

• Oclusão se refere ao estudo das relações estáticas


(intercuspidação dentária) e dinâmicas (movimentos
mandibulares) entre as superfícies oclusais, e entre estas e todos
os demais componentes do aparelho estomatognático.(AE)

• Uma oclusão é fisiológica quando apresenta harmonia entre os


determinantes anatômicos e as unidades fisiológicas do AE,
não gerando patologias aos tecidos.
OCLUSÃO
OCLUSÃO

• É considerado maloclusão os contatos oclusais antagônicos


ou adjacentes dos dentes em desarmonia, com os
componentes anatômicos e unidades fisiológicas do aparelho
estomatognático.
ESTABILIDADE OCLUSAL – EO

É a estabilidade dada à mandíbula em relação às maxilas


pela intercuspidação simultânea das cúspides funcionais,
nas respectivas fossas antagonistas em ambos os lados da
arcada dentária.
ESTABILIDADE MAXILO- MANDIBULAR

Para manter ou restabelecer a estabilidade maxilo-mandibular


do aparelho estomatognático, são indispensáveis a oclusão dos
pré-molares e dos 1ºs molares antagônicos.
ESTABILIDADE CONDILAR
Funções Gerais
Desenvolvidas Pela Boca

PADRÃO DIGESTÓRIO;

PADRÃO RESPIRATÓRIO;

PADRÃO TEGUMENTAR;

PADRÃO CONDUTUAL.
PADRÃO DIGESTÓRIO

Padrão Digestório

Determina movimentos com finalidade de desintegração:


Mastigação → músculos e dentes;
Sucção → Pressão interoclusal;
Deglutição → transporte

OBS: Centro controladores


do hipotálamo.
PADRÃO RESPIRATÓRIO

Início das vias aéreas

Expiração...
Fono articulação ...
Reflexos protetores...
PADRÃO TEGUMENTAR

Padrão Tegumentar

Rica inervação sensitiva ...


Papel protetor ...
PADRÃO CONDUTUAL

Padrão Condutual

▪ Expressar
condutas
adequadas...
▪ Expressão facial