Vous êtes sur la page 1sur 4

BATISMO - OBRA DE DEUS OU OBRA DO HOMEM?

Por centenas de anos a igreja cristã continuou a praticar sua crença de que através do batismo o Espírito Santo outorga um novo status
espiritual àquele que foi batizado, independentemente de sua idade. Entretanto, por volta do século XVI, alguns reformadores radicais
começaram a colocar sua ênfase sobre o que os seres humanos podem fazer e ver, negando assim as afirmações claras das Escrituras
com respeito ao poder regenerador do batismo. “O batismo... salva” (l Pedro 3.21).

REGENERA,
DENOMINAÇÃO COMO VÊEM O BATISMO TIPO DE BATISMO ACREDITAM NO BATISMO DE DÁ VIDA
CRIANÇAS ESPIRITUAL
Adventistas do Sétimo Dia Uma ordem, um ritual simbólico, não Apenas por imersão. Não. Apenas aqueles que têm idade
necessário para a salvação, Um suficiente para expressar o
momento para a pessoa expressar sua conhecimento de sua conversão.
fé pessoal em Cristo. As crianças são “dedicadas” ou
“apresentadas” a Deus.
Batistas Uma ordem divina, um ritual simbólico, Apenas por imersão. Não. O batismo é um ato de confissão
um sinal de já ter sido salvo, mas não que é feito por uma pessoa convertida
necessário para a salvação, capaz de professar sua fé
Ortodoxos Orientais O “Mistério” (Sacramento) é necessário Por imersão 3 vezes (aspersão Sim. Também recebem a Santa Ceia e Sim.
porque confere perdão tanto para o aceita apenas em casos de a Crisma (unção com óleo).
pecado inato como para as emergência).
transgressões feitas.
Episcopais(Anglicanos, Necessário para a salvação porque Por imersão ou derramamento. Sim. Sim. Os Anglo-
Anglo-Católicos, concede o renascimento espiritual. Católicos) mas
não os baixo”-
Episcopais.
Luteranos Um veículo para o Espírito de Deus Por aspersão, derramamento ou Sim. Sim.
conceder o necessário novo status imersão.
vivificador para os pecadores (Tito 3.5).
Metodistas(Armenianos, O batismo não é necessário para a Por aspersão, derramamento ou Sim. Sim.
Wesleyanos) salvação, já que é um sinal externo de imersão.
que a pessoa é membro da comunidade
cristã.
Presbiterianos Uma ordem, um ritual simbólico e um Por aspersão, derramamento ou Sim, para indicar que a criança é parte
selo da fé atual do crente adulto. imersão. da Comunidade da Aliança de seus pais
cristãos.
Pentecostais (vários O Batismo com água é uma ordem, um Por imersão. Também enfatizam Não. Mas dedicam as crianças a Deus,
grupos “de santificação”, ritual simbólico usado para testemunhar a necessidade de um “segundo” pedindo a sua bênção sobre elas.
Aliança Cristã Missionária, o ter aceito Cristo como Salvador batismo com um derramamento
Assembléia de Deus) pessoal. especial do Espírito Santo,
evidenciado pelo fato de se falar
em línguas inteligíveis.
Quakers (Sociedade Apenas um símbolo externo que não Não acreditam no batismo com
Religiosa de Amigos E os deve mais ser praticado. água, mas apenas em uma
Menonitas) purificação interior e constante
do espírito humano numa vida de
disciplina guiada pelo Espírito
Santo.
Católicos Romanos Necessário para a infusão do poder Principalmente por aspersão. Sim. Sim.
santificador chamado graça, a qual
inicia a pessoa no caminho da salvação.
Exército da Salvação Não batizam ninguém hoje em dia.
Acreditam que o batismo era para ser
feito apenas no tempo de Jesus.
Igreja Unida de Cristo Não é necessário para a salvação Por aspersão. Não. O batismo é administrado na
(Igrejas Evangélicas e porque é apenas um ritual externo. época da confirmação. As crianças são
Reformadas, bem como “apresentadas” ou “dedicadas” a Deus
igrejas Congregacionais) pelos pais ou tutores.
Igreja de Jesus Cristo dos Uma ordem essencial à salvação para a Por imersão, feito por uma Não. Apenas tem 8 ou mais de 8 anos
Santos dos Últimos Dias remoção dos pecados e admissão na pessoa que tenha autoridade de idade.
(Mórmons – Anti- igreja. sacerdotal.
trinitarianos)
Testemunhas de Jeová O batismo não é necessário para a Por imersão, mas não feita em Não.
(Anti-trinitarianos) salvação já que é apenas um símbolo seus locais de reunião (Salões
da atitude que a pessoa tem de estar do Reino).
morta para o pecado.

O nascimento é sempre um dom de Deus, e não algo que fazemos por nós mesmos. Os cristãos que seguem a prática da igreja
primitiva, como os luteranos, declaram que o batismo é mais do que um ato humano lembrando alguma ação de Deus no passado, e mais
do que um ato humano de obediência a um comando divino. O batismo é renascimento (João 3.3-5), iniciado e realizado por Deus. O
batismo salva (l Pedro 3.21) porque o Espírito Santo atua pela Palavra em suas águas para trazer o batizando para uma nova vida de
salvação através da conexão com Jesus Cristo (Romanos 6.4; Tito 3.5).
BATISMO - OBRA DE DEUS OU OBRA DO HOMEM?
Será que Deus faz alguma coisa especial através do batismo? Ao longo dos séculos, milhares de cristãos têm dito: “Sim! Deus
opera nas águas do batismo, não apenas dando um sinal e selo de sua graça, mas realmente entregando à pessoa batizada seu Espírito
regenerador.” Outros, no entanto, que permitiram que sua compreensão do batismo seja guiada pela mera razão e visão humanas,
declaram que o batismo é apenas a resposta do homem à graça de Deus obtida de alguma outra forma.

Abaixo você encontrará algumas objeções comuns ao ensinamento bíblico do poder salvador de Deus no batismo. Cada uma delas
é seguida de uma refutação baseada nas Escrituras.

OBJEÇÃO REFUTAÇÃO
Será que entrar em uma igreja não é A Igreja não é como um clube, constituído de indivíduos que decidem se tornar membros por sua
um ato de uma pessoa que decide crer própria vontade (100 2.12-1 4), mas é uma família estabelecida pelo seu cabeça, Jesus Cristo
em Jesus, em vez de estar baseado (GI 4.5; Ef 1 .5), uma nova comunidade que resulta do chamado do seu Espírito (Jo 3.5; 15.16;
em um mero ritual como o batismo? lCo 12.3). A ação de Deus sempre precede a existência da fé em qualquer indivíduo,
independentemente da idade.
O batismo no Espírito é o único A distinção é artificial. O batismo cristão é batismo no Espírito. O que Deus uniu, não o separe o
batismo regenerador. O batismo com homem. O Espírito vem até nós envelopado nas águas do batismo (Jo 3.5; Tt 3.5). Pedro afirma
água não realiza nada de especial. claramente que através do batismo o dom do Espírito é dado (At 2.33).
Se as crianças devem ser batizadas, O que é presumível nem sempre precisa ser expresso. A Bíblia sempre inclui os bebês e suas
por que a Bíblia não diz isso? famílias em sua compreensão de “nações” (Êx 11 .5;Js 8.35; Is 13.16; Ez 9.6). Jesus não
condenou o judaísmo por circuncidar crianças aos 8 dias de idade ou por batizar os filhos
pequenos daqueles que se converteram ao judaísmo.
Como os adultos são primeiro A ordem de Jesus para fazer discípulos de todas as nações coordena ensino e batismo, mas não
instruídos e depois batizados, não se especifica a seqüência. A ordem faz sentido com adultos mas não pode ser usada como o motivo
aplica a mesma regra aos bebês e para não batizar crianças pequenas. Presumir que isso seja necessário é cair no erro de que
crianças? uma pessoa contribui para a sua salvação por oferecer algum tipo de pensamento racional. As
crianças pequenas são batizadas com o propósito de entrarem na igreja de Cristo para um
aprendizado vitalício de sua Palavra (2Pe 3.18).
Será que o batismo de crianças O Espírito Santo deseja criar fé em todos. Ele pode vir até mesmo a uma criança no ventre (Jr
pequenas não é uma negação da 1.5; Lc 1.15). Ele também vem na água do batismo para conceder fé a bebês e crianças (SI 22.9-
necessidade de se ter fé? 10; Mt 21.15-16).

Uma criança não é digna de ser A fé salvadora jamais é auto-centrada ou auto-originada. Ninguém, independentemente da idade,
batizada porque não fez uma crianças ou adultos, é digno da atividade graciosa de Deus, nem é capaz de aceitar a Deus ou
declaração de fé consciente e firme. criar sua fé (lCo 2.14; Rm 8.7; 9.16). Mas o que é impossível para todas as pessoas, incluindo
bebês, crianças e adultos, é possível para Deus (Mt 19.26).
OBJEÇÃO REFUTAÇÃO
O batismo deveria ser limitado àqueles Não existe nenhuma afirmação bíblica que justifique esperar até essa idade. A responsabilidade
que atingiram a “idade da perante Deus começa na concepção (SI 51 .5; 58.3; Jo 3.6). O batismo é como o rito de
responsabilidade”. circuncisão do Antigo Testamento, e as crianças judias eram circuncidadas com apenas oito dias
de idade.
Não é suficiente que os bebês e as Jesus não mandou que fizéssemos apenas isso, mas que batizássemos “todas as nações”. A
crianças sejam simplesmente “dedicação” ou “apresentação” de crianças pequenas não traz consigo a promessa divina do
“apresentados” ou “dedicados a Deus”, Espírito Santo e do perdão, como o batismo (At 2.38).
pedindo a sua bênção sobre elas?
Os filhos pequenos de pais crentes não Os meninos judeus nasciam “em santidade”, mas eles ainda assim tinham que ser circuncidados
são já santificados (100 7.14) e, no oitavo dia após o nascimento. Cristo diz que as crianças pequenas são um exemplo de como
portanto, não precisam do batismo? receber o reino de Deus (Mc 10.15). Apenas trazendo-as ao batismo é que podemos ter certeza
de que elas receberam o reino de Cristo (Rm 6.3) e estão sob a influência do Espírito Santo, que
santifica através da água e da Palavra (Jo 3.5).
Se o batismo é tão poderoso, então por A infidelidade humana (por exemplo, os filhos de Israel durante os quarenta anos no deserto) não
que tantas pessoas que foram nega a fidelidade de Deus (Rm 3.1-4). As Escrituras ensinam que os crentes podem se distanciar
batizadas quando crianças não vivem e às vezes realmente se distanciam da fé (Mt 13.5-7; 19-22).
mais uma vida cristã ativa?
Como o ladrão na cruz foi salvo sem Não podemos presumir que o ladrão não era batizado, já que João Batista batizou um grande
batismo, o batismo não é necessário número de judeus em Jerusalém e arredores (Jo 2.23; Mt 3.5). Apenas a descrença condena;
para a salvação. não a falta de batismo. Se não ser batizado é um sintoma do fato de a pessoa rejeitar as
promessas da Palavra de Deus, então essa pessoa está em perigo espiritual (Lc 7.30).
O batismo de crianças pequenas não Apenas se acreditarmos que o batismo é apenas água, ao invés da água e da Palavra
dá a impressão errada de se acreditar especificamente conectadas à ordem e às promessas de Cristo (Ef 5.26; Mt 28.19-20).
em água “mágica”?

CONCLUSÃO: O batismo não é um mero ritual de lembrança. É um veículo ativo de resgate divino; assim, o
batismo é um fato objetivo que constitui o fundamento da alegria e do consolo cristãos. O batismo traz o Espírito
Santo, que conecta o recém-batizado à nova vida (Jo 3.5; Tt 3.5-7) residente em Jesus Cristo (At 2.38; 22.16). Esse
novo nascimento é dado a todos os pecadores, independentemente de idade (Rm 6.4; l Co 12.13; Gl 3.25-28; CI
2.13, 14). O batismo agora vos salva (l Pe 3.21).

BOAS NOVAS – BATISMO, Nº 3, pgs. 18-21


Concordia Mission Society, St. Louis, EUA