Vous êtes sur la page 1sur 23

FACULDADE CATÓLICA DOM ORIONE

CURSO DE PSICOLOGIA

FERNANDA CARNEIRO AGUIAR

KALIANE AGUIAR DA SILVA

LUZINETE LIMA COELHO E SOUZA

TATIANE ALVES DE ALMEIDA

CONSCIÊNCIA E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

ARAGUAÍNA/TO

2018
FERNANDA CARNEIRO AGUIAR

KALIANE AGUIAR DA SILVA

LUZINETE LIMA COELHO E SOUZA

TATIANE ALVES DE ALMEIDA

CONSCIÊNCIA E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Trabalho apresentado à Faculdade Católica Dom


Orione como requisito parcial à obtenção de nota
na disciplina: Psicologia Geral e Experimental II.

Professor: Lucas Delfino Araújo

ARAGUAÍNA/TO

2018
RESUMO
Esta pesquisa tem como finalidade observar efeitos no comportamento de
resolução de problemas e formulação de regras. Fomentando a teoria com a prática,
proporcionando melhor entendimento dos conteúdos ofertados em sala de aula, na
disciplina Psicologia Geral Experimental II, as acadêmicas do 4º período do curso de
psicologia. Faz-se necessário compreender os processos apresentados para a
análise funcional do comportamento verbal. Assim como as dificuldades específicas
de seu estudo.
Para investigar o comportamento governado por regras, instrução completa
sobre comportamento de resolução de problemas, duas estudantes com idade de
aproximadamente 18 e 23 anos, do 2ª período do curso de psicologia do turno
matutino da Faculdade Católica Dom Orione participaram, onde foi exposto um
procedimento com clareza, para que elas pudessem compreender e desenvolver as
atividades, apontando para os estímulos apresentados, levando em consideração a
propriedade eliciadoras, estabelecedoras, reforçadoras.
No momento da realização das tarefas as colaboradoras ficaram sozinhas
operando os computadores, tendo vista, que as tais seriam feitas através de um
software. O experimento foi composto por figuras e cores, onde sua organização
inclui trinta tentativas. Os resultados demonstram que a distribuição de tempo e
respostas estava em acordo com as contingências programadas.
1- INTRODUÇÃO
Skinner começou seus estudos psicológicos realizando experimento com
animais, mas o seu interesse maior de pesquisa, sempre foi o comportamento
humano, sobretudo, a linguagem. Com base nos trabalhos, na abordagem
comportamental dele, e no Código de Ética, objetivando entender melhor a interação
entre o homem, o meio e suas ações ( MARTIN;PEAR,2009). Neste sentido, é de
grande relevância para nós acadêmicos de psicologia o desenvolvimento deste
artigo que se constitui através de experimento, coletando dados de instrução
completa, sobre comportamento de resolução de problemas e formulação de regras,
dessa forma, o ser humano é exposto a situações problemas e regras, onde a
resposta é controlada por uma modificação ambiental que ela mesma produziu.
Comportamento operante é emitidos pelo organismo. Com tudo, eventos
ambientais anteriores à resposta podem controlar comportamento operante, sendo
possível que o experimentador analise o comportamento do participante na
resolução da tarefa. Como também, o tempo de execução e as descrições das
contingências.
Segundo Matos (2001), regras como sendo um conjunto de estímulos
discriminativos, estão sempre relacionadas ao comportamento verbal do
participante. Isso se confirma por meio da efetivação de análise do efeito de regra,
do contexto que inclui as partes: emissor e ouvinte, levando em consideração
também, a interação social, onde a interpretação formarão os resultados. O
comportamento verbal é aprendido, e se configura quando um indivíduo se comporta
e existe a mediação do outro. Ele pode ser explicado a partir da análise de uma
contingência reforçadora.
Para Análise Experimental do Comportamento, uma regra deve conter uma
descrição oral ou escrita de uma contingência de reforçamento de três termos
(antecedentes-comportamento-consequência) (MARTIN;PEAR,2009). Desta forma,
em experimentos nos quais seres humanos são expostos a um problema, é fácil
para o experimentador verificar duas classes de respostas: o comportamento de
resolver problemas e o de formular regra. Isto é, uma afirmação de que um
determinado comportamento será reforçado ou não, ou até punido, em determinada
situação.
De acordo Moroz,(1993) o indivíduo pode estar constantemente em contato
direto ou indiretamente com circunstâncias, na qual deve resolver problemas. Nas
mais diversas situações, ele poderá está vivenciando qualquer prática relacionada,
deixando clara as definições, pertinentes a outros comportamentos humanos, sendo
governados por regras, manipulação de variáveis etc. O controle por regras
configura o comportamento mantido por instruções estabelecidas ,
independentemente das contingências naturais.

2- OBJETIVO

O objetivo deste experimento foi verificar, se o efeito da instrução completa


causa efeito no comportamento de resolução de problemas e formulação de regras.

3- MÉTODO

3.1 Participante

O experimento foi realizado com duas participantes do sexo feminino, com


idades aproximadamente 18 e 23 anos, discentes cursando o segundo período do
curso de Psicologia matutino da Faculdade Católica Dom Orione.

3.2 Ambiente, materiais e instrumentos

Os instrumentos utilizados para este experimento, foram: um computador


onde foi apresentado o software, uma caneta para que as participantes pudessem
anotar suas respostas, um bloco de papel para registro das respostas, uma cadeira
a frente da mesa para acomodar a participante da vez e uma mesa contendo todos
os objetos.
Com relação ao ambiente, foi utilizada uma sala de tamanho de
aproximadamente 2.5x2 metros, dividida em pequenas repartições por paredes de
vidro com tonalidades de cor verde claro,bem iluminada,com climatização agradável
23° C, preparada para promover a execução da pesquisa.

3.3 Procedimento

Para a realização do procedimento primeiramente foi feita a escolha das


candidatas a partir de sua disponibilidade. Logo após, foi feito o convite para cada
uma delas, e se deu da seguinte forma: “ Boa noite,sou discente do quarto período
de Psicologia, me chamo Fulana estou realizando uma pesquisa que faz parte de um
trabalho para a disciplina de PGE II. Gostaria de convidá-la para participar desta
pesquisa que será realizada através de um software de computador em forma de
jogo, esta tarefa deve levar em torno de 30 minutos. Caso aceite participar, seus
dados pessoais serão mantidos em sigilo e somente as respostas serão divulgadas
em um relatório elaborado para atribuição de nota. Você poderá desistir a qualquer
momento. Gostaria de participar?”
Após a confirmação de participação das duas candidatas, no dia e hora
marcados elas foram direcionadas para a sala experimental onde seriam expostas a
atividade e acompanhadas pelos quatros discentes responsáveis pela pesquisa.
Em seguida, elas foram instruídas vocalmente sobre a realização do
procedimento, elas deveriam desligar o celular e guardar os materiais que
estivessem carregando. Nesta tarefa você deverá utilizar somente o mousse. Após
clicar na tela, você deverá ler a instrução e após ler deverá clicar na tela para
começar a tarefa. A tarefa consiste em tocar no retângulo amarelo que vai aparecer
na parte de cima e em seguida em um dos objetos da parte de baixo. O computador
vai dizer se sua escolha está correta ou não. Algumas vezes durante o experimento
aparecerá uma tela pedindo para você escrever o que está fazendo para ganhar
pontos. Sempre que esta tela aparecer, você deverá escrever neste pedaço de papel
ao seu lado, destacá-lo e colocar virado na parte da frente da mesa. Após virar o
papel, clique na tela para continuar a tarefa. Você deverá continuar esse processo
até finalizar o experimento, que será avisado através de uma tela dizendo que
finalizou o experimento. Neste momento você me chama que estarei aguardando do
lado de fora.”
Depois de receber a instrução geral os experimentadores saíram da sala e o
participante iniciou a tarefa, dessa forma na tela de ambos os computadores
apresentava para as participantes a instrução completa; . A instrução completa dizia
assim:“ Você deverá clicar no retângulo amarelo da parte de cima e em seguida em
um dos dois retângulos da parte de baixo. Quando a cor da palavra da parte de cima
da tela for verde, clique no retângulo verde para acertar, quando a cor da palavra da
parte de cima vermelha, clique no retângulo vermelho para acertar. Clique na tela
para continuar”.
Após as instruções as participantes foram deixadas sozinhas, cada uma em
um cubículo da sala, até a realização da tarefa. Ao final, os experimentadores
agradeceram a participação, explicaram os objetivos do experimento caso o
participante solicitasse saber e novamente salientaram que os dados pessoais
seriam mantidos em sigilo e foi feito o pedido para que comentários posteriores não
fossem feitos com outros colegas da sala, para não prejudicar aqueles que ainda
iriam realizar o procedimento.
A pesquisa contou com duas participantes, cada uma executou uma
modalidade, realizaram atividades estabelecidas através de um software de
computador em forma de jogo, a qual era organizada para trinta tentativas, os
resultados foram efetivados de acordo aos estímulos captados por cada uma delas.
Nas tarefas foram usadas palavras coloridas, formas geométricas, cores: verde e
vermelha, Instrução completa 1, iniciou às 19:31:16, terminou às 19:41:10. Trinta
tentativas e vinte pontos. Instrução completa 2, iniciou às 19:32:5. Terminou às
19:48:48. Trinta tentativas e vinte nove pontos.

4- RESULTADOS

A tabela 1 mostra os resultados de cada participantes, o número de pontos,


se houve resolução de problemas e formulação de regra e em quais tentativas
ocorreu.
Nesse segmento a resolução de problemas é quando a pessoa passa
acertar sem cometer erros. Formulação de regras quando o indivíduo consegue
relatar o que está fazendo para ganhar pontos.
O participante de instrução completa 1, conseguiu resolver o problema já na
tentativa de número 1 o que corresponde a primeira tentativa, no entanto esse
participante não conseguiu formular regra,ou seja, apesar de resolver o problema
não conseguiu relatar verbalmente o que estava fazendo para adquirir pontos.
Já o participante de instrução completa 2 como é apresentado na tabela,1 conseguiu
formular regra já na primeira tentativa, a de número 1, mas só conseguiu resolver o
problema, acertando consecutivamente sem erros a partir da terceira tentativa, a
tentativa de número 3.

Tabela 1. Resolução de Problemas e Formulação de Regras

Instrução Nº de Nº de Resolução Tentativa Formulação Tentativa


Tentativas Pontos de de Regras de FR
Problemas

Participante
Completa 1 30 30 sim 0 não x

Participante
Completa 2 30 29 sim 3 x x

5- DISCUSSÃO

Os tipos de instrução não produziram efeitos significativos quanto à resolução


de problemas, visto que o participante de instrução completa 1, acertou em todas as
tentativas e o participante de instrução completa 2, acertou a primeira tentativa,
errou a terceira, mas a partir da quarta acertou consecutivamente em todas as
tentativas.
Fazemos um comparativo com o experimento de Simonassi de 1997 onde as
variáveis manipuladas foram os mandos, os resultados obtidos tem grande
diferença, pois no estudo de Simonassi, apesar das discrepâncias estatísticas não
serem significativas os participantes de instrução específica tiveram um maior
número de formulação de regras e o fizeram em menos tentativas do que os da
instrução genérica enquanto que, no presente experimento o participante de
instrução completa 1, não conseguiu formular regra e seus relatos verbais são
confusos, enquanto que, o participante de instrução completa 2, conseguiu formular
regra já na primeira tentativa e seus relatos eram claros e concisos.
Quanto a resolução de problemas do participante de instrução completa 2, a
qual conseguiu formular regras, mas na resolução de problemas só conseguiu
resolver, ou seja, acertar consecutivamente sem errar, a partir da terceira tentativa,
ao se levar em consideração que a participante acertou na primeira tentativa e neste
momento já conseguiu formular regra, pode-se constatar que o erro que ocorreu na
segunda tentativa deu-se em função de um teste, o qual a participante fez para
provar a própria regra, o que deve ser estudado mais profundamente e
especificamente pelos pesquisadores interessados em tal questão. Salientamos que,
é comum que nos estudos relacionados ao efeito de instrução sobre a formulação de
regras e resolução de problemas ainda restem dúvidas sobre o quanto a instrução
consegue influenciar nos relatos verbais do sujeito (SIMONASSI,1997,p.89).

ANEXO A - Termo de Livre Consentimento


ANEXO B - Informações para coleta de dados no experimento sobre resolução de
problemas e formulação de regras.

Informações para coleta de dados no experimento sobre resolução de


problemas e formulação de regras.

Protocolo de coleta

1- Convite do participante: “Bom dia, sou discente do quarto período, me


chamo Fulana estou realizando uma pesquisa que faz parte de um trabalho para
a disciplina PGE 2. Gostaria de convidá-lo para participar desta pesquisa que
será realizada através de um software de computador em forma de jogo, esta
tarefa deve levar em torno de 20 minutos. Caso aceite participar, seus dados
pessoais serão mantidos em sigilo e somente as respostas serão divulgadas em
um relatório elaborado para atribuição de nota. Você poderá desistir a qualquer
momento. Gostaria de participar? ”
2- Participante deve ser conduzida para a sala experimental, onde estará
disposta uma mesa com cadeira, o computador com o software programado, um
bloco de folhas contendo 8 pedaços de folhas (1/5 de uma folha de papel A4) e
uma caneta.
3- Quando a participante se sentar, deverá ser pedido para desligar o celular e
guardar os materiais que estiver carregando. Após isto deverá ser realizado a
instrução Vocal.

4- Instrução vocal:

a. Nesta tarefa você deverá utilizar somente o mouse.


b. Após clicar na tela, você deverá ler a instrução e após ler deverá
clicar na tela para começar a tarefa.
c. A tarefa consiste em tocar no retângulo amarelo que vai aparecer
na parte de cima e em seguida em um dos objetos da parte de
baixo.
d. O computador vai dizer se sua escolha está correta ou não.
e. Algumas vezes durante o experimento aparecerá uma tela pedindo
para você escrever o que está fazendo para ganhar pontos.
f. Sempre que esta tela aparecer, você deverá escrever neste pedaço
de papel ao seu lado, destaca-lo e colocar virado na parte da frente
da mesa.
g. Após virar o papel, clique na tela para continuar a tarefa.
h. Você deverá continuar esse processo até finalizar o experimento,
que será avisado através de uma tela dizendo que finalizou o
experimento.
i. Neste momento você me chama que estarei aguardando do lado de
fora.

5- Após a instrução vocal a participante é deixado sozinho na sala, até a


finalização da tarefa.
6- Ao finalizar a experimentadora agradece a participação, explica os objetivos
do experimento (caso o participante queira), salienta que os dados pessoais
serão mantidos em sigilo e pede para não comentar com ninguém da sala, pois
outras pessoas irão realizar o experimento.

Cuidados:

1- Garantir que informações pessoais, tais como nome e sala que cursa serão
mantidas em sigilo, somente as respostas serão divulgadas.
2- Esclarecer que poderá desistir a qualquer momento, caso queira.

Software
Passos para operar o software:

1- Selecione a condição que a participante irá realizar (instrução completa ou


incompleta);

2- Clique no botão abrir; Neste momento o software irá preencher


automaticamente todas as informações necessária para o software rodar.
3- Preencha os dados das participantes;

4- Dê um nome para o arquivo de texto que vai ser gerado na pasta de


resultados (ex.: PP1 e PP2, IC e II, etc);

5- Clique no botão “Começar Sessão” para iniciar o experimento.

Organização da mesa de coleta:

1- Cadeira.
2- Mesa.
3- Computador.
4- Bloco de papel.
5- Caneta
6- Lugar onde o papel deverá ser colocado pelo participante após
preenchimento.
Tipos de instrução manipulada:

1- Instrução Incompleta:
“Você deverá clicar no retângulo amarelo da parte de cima e em seguida em
um dos dois retângulos da parte de baixo.
Clique na tela para continuar.”

2- Instrução Completa:

“Você deverá clicar no retângulo amarelo da parte de cima e em seguida em


um dos dois retângulos da parte de baixo. Quando a cor da palavra da parte
de cima da tela for verde, clique no retângulo verde para acertar, quando a
cor da palavra da parte de cima vermelha, clique no retângulo vermelho para
acertar.
Clique na tela para continuar.”

Critérios do experimento:

1- 30 tentativas: uma tentativa é definida pelo toque no estímulo modelo e pelo


toque no estímulo comparação.
2- 40 minutos de duração da sessão.
3- Relatos nas tentativas:
a) 1, 3, 5, 10, 15, 20, 25 e 30.

Objetivo do experimento:

Verificar o efeito de instrução completa e incompleta sobre o comportamento


de resolução de problemas e formulação de regras.

Variáveis manipuladas:

1- Variável independente: Instrução completa e incompleta;


2- Variável dependente: resolução de problemas (momento em que a pessoa
passa a acertar sem erro) e formulação de regras (quando a pessoa consegue
relatar o que está fazendo para ganhar pontos).

a) Quando verificar formulação de regras

i. Se Palavra cor Verde então Escolha do retângulo verde


para ganhar ponto.
ii. Se Palavra cor Vermelha então Escolha do retângulo
vermelho para ganhar pontos.

ANEXO C - Resultado Dos Testes

PARTICIPANTE 1

CONFIGURAÇÕES:

Nome do participante............: Clarice


Idade do participante...........:
Sexo do Participante............: Feminino
Nome do experimentador..........: Luzinete
Contexto do modelo fixo..............:
MODELO RANDOMIZADO
OPÇÃO 1:
Forma e cor......: Verde
Contexto.........: Branco
Ganho de pontos em: Comparação 1

OPÇÃO 2:
Forma e cor......: Vermelho
Contexto.........: Branco
Ganho de pontos em: Comparação 2
FIGURA 1
Forma e cor da figura 1 ...............: Retângulo Verde
FIGURA 2
Forma e cor da figura 2 ...............: Retângulo Vermelho
Quantidade de pontos por tentativa.....: 1 ponto(s)
Nome da instrução...........: Instrução Completa
PARÂMETROS PARA ENCERRAMENTO DA SESSÃO
Número de tentativas na sessão.................: 30

--------------------------------------------------------------
RESULTADOS: 12/09/201819:31:16

0 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:34:10


Verde - 19:34:12 - Pontos = 1 (+)

1 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:34:45


Verde - 19:34:48 - Pontos = 2 (+)

2 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:34:54


Retângulo Verde - 19:35:08 - Pontos = 2

3 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:35:50


Verde - 19:35:52 - Pontos = 3 (+)

4 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:35:57


Verde - 19:35:58 - Pontos = 4 (+)

5 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:36:30


Verde - 19:36:32 - Pontos = 5 (+)

6 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:36:36


Verde - 19:36:38 - Pontos = 6 (+)

7 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:36:43


Verde - 19:36:44 - Pontos = 7 (+)

8 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:36:48


Retângulo Verde - 19:36:56 - Pontos = 7

9 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:03


Verde - 19:37:04 - Pontos = 8 (+)

10 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:42


Verde - 19:37:44 - Pontos = 9 (+)

11 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:48


Verde - 19:37:49 - Pontos = 10 (+)

12 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:53


Verde - 19:37:54 - Pontos = 11 (+)

13 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:58


Verde - 19:38:00 - Pontos = 12 (+)

14 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:38:04


Verde - 19:38:05 - Pontos = 13 (+)

15 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:38:30


Verde - 19:38:31 - Pontos = 14 (+)

16 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:38:36


Verde - 19:38:37 - Pontos = 15 (+)

17 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:38:41


Retângulo Verde - 19:38:56 - Pontos = 15

18 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:39:00


Retângulo Verde - 19:39:01 - Pontos = 15
19 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:39:06
Retângulo Verde - 19:39:08 - Pontos = 15

20 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:39:54


Verde - 19:39:55 - Pontos = 16 (+)

21 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:39:59


Retângulo Verde - 19:40:02 - Pontos = 16

22 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:10


Retângulo Verde - 19:40:12 - Pontos = 16

23 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:16


Verde - 19:40:16 - Pontos = 17 (+)

24 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:21


Retângulo Verde - 19:40:23 - Pontos = 17

25 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:29


Verde - 19:40:30 - Pontos = 18 (+)

26 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:34


Retângulo Verde - 19:40:36 - Pontos = 18

27 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:40


Retângulo Verde - 19:40:42 - Pontos = 18

28 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:45


Verde - 19:40:46 - Pontos = 19 (+)

29 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:41:10


Verde - 19:41:11 - Pontos = 20 (+)
PARTICIPANTE 2

CONFIGURAÇÕES:

Nome do participante............: Tais


Idade do participante...........:
Sexo do Participante............: Feminino
Nome do experimentador..........: Kaliane
Contexto do modelo fixo..............:
MODELO RANDOMIZADO
OPÇÃO 1:
Forma e cor......: Verde
Contexto.........: Branco
Ganho de pontos em: Comparação 1

OPÇÃO 2:
Forma e cor......: Vermelho
Contexto.........: Branco
Ganho de pontos em: Comparação 2

FIGURA 1
Forma e cor da figura 1 ...............: Retângulo Verde
FIGURA 2
Forma e cor da figura 2 ...............: Retângulo Vermelho
Quantidade de pontos por tentativa.....: 1 ponto(s)
Nome da instrução...........: Instrução Completa
PARÂMETROS PARA ENCERRAMENTO DA SESSÃO
Número de tentativas na sessão.................: 30

--------------------------------------------------------------
RESULTADOS: 13/09/201819:32:51

0 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:35:30


Verde - 19:35:32 - Pontos = 1 (+)
1 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:08
Verde - 19:37:09 - Pontos = 2 (+)

2 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:37:15


Retângulo Verde - 19:37:23 - Pontos = 2

3 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:38:29


Verde - 19:38:31 - Pontos = 3 (+)

4 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:38:35


Retângulo - Vermelho - 19:38:38 - Pontos = 4 (+)

5 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:39:57


Verde - 19:39:58 - Pontos = 5 (+)

6 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:03


Retângulo - Vermelho - 19:40:07 - Pontos = 6 (+)

7 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:10


Verde - 19:40:12 - Pontos = 7 (+)

8 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:16


Verde - 19:40:17 - Pontos = 8 (+)

9 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:40:21


Retângulo - Vermelho - 19:40:23 - Pontos = 9 (+)

10 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:41:57


Retângulo - Vermelho - 19:41:58 - Pontos = 10 (+)

11 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:42:03


Verde - 19:42:04 - Pontos = 11 (+)
12 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:42:08
Retângulo - Vermelho - 19:42:10 - Pontos = 12 (+)

13 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:42:14


Verde - 19:42:15 - Pontos = 13 (+)

14 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:42:19


Retângulo - Vermelho - 19:42:21 - Pontos = 14 (+)

15 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:43:16


Verde - 19:43:17 - Pontos = 15 (+)

16 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:43:21


Verde - 19:43:22 - Pontos = 16 (+)

17 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:43:27


Retângulo - Vermelho - 19:43:28 - Pontos = 17 (+)

18 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:43:33


Verde - 19:43:34 - Pontos = 18 (+)

19 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:43:38


Verde - 19:43:39 - Pontos = 19 (+)

20 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:45:03


Verde - 19:45:04 - Pontos = 20 (+)

21 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:45:08


Retângulo - Vermelho - 19:45:10 - Pontos = 21 (+)

22 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:45:15


Verde - 19:45:16 - Pontos = 22 (+)

23 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:45:20


Verde - 19:45:21 - Pontos = 23 (+)

24 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:45:25


Verde - 19:45:26 - Pontos = 24 (+)

25 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:47:08


Verde - 19:47:10 - Pontos = 25 (+)

26 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:47:14


Verde - 19:47:15 - Pontos = 26 (+)

27 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:47:19


Retângulo - Vermelho - 19:47:20 - Pontos = 27 (+)

28 - Palavra(verde) Vermelho (Modelo) Contexto: Branco - 19:47:25


Retângulo - Vermelho - 19:47:26 - Pontos = 28 (+)

29 - Palavra(verde) Verde (Modelo) Contexto: Branco - 19:48:47


Verde - 19:48:48 - Pontos = 29 (+)

ANEXO D - O que os participantes submetidos ao experimento descreveram acerca


do que faziam para ganhar pontos.
6- REFERENCIA BIBLIOGRÁFICA

CUNHA, M. B. da et al. Resolução de problemas e Formulação de Regras:


Complexidade da tarefa e Análise de Comportamento Verbais. 2012.149 f.
Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Programa de Pós-Graduação em
Psicologia, Universidade Católica de Goiás, Goiânia, 2012. Disponível
em:<http://tede2.pucgoias.edu.br>.Acesso em: 10 outubro 2018.

MARTIN, G.,& PEAR, J. Modificação de comportamento: o que é e como fazer.


(Org. Trad N. C. Aguirre). 8°es. São Paulo: Roca, 2009.

MATOS, M. A. Comportamento governado por regras. Rev. bras. ter.


comport.cogn. São Paulo, v. 3, n. 2, p. 51-66, dez. 2001.

MOROZ, M.Parâmentos conceituais da resolução de problemas em BF Skinner.


Acta Comportamentalia:Revista Latina de Análise del Comportamento, v.1,n. 2,
1993.

SIMONASSI,L. E. Cognição com contingência e regras. Revista Brasileira de


Terapia Comportamental e Cognitiva,v.1,n.1,p.83-93,1999.

SKINNER, B. F. Ciência e Comportamento. 1953, 11 es. São Paulo: Martins


Fortes.