Vous êtes sur la page 1sur 5

QUESTIONÁRIO DIREITO TRIBUTÁRIO

1) Resuma e descreva o processo administrativo tributário, e opine se


quanto à afirmação:
“O processo administrativo tributário é melhor via de manifestação de
inconformidade pelo contribuinte.”

2) Indique o dispositivo constitucional que define a competência


concorrente da União, dos Estados e do Distrito Federal para legislar sobre
Direito Tributário.

3) Indique o dispositivo dos Atos das Disposições Constitucionais


Transitórias que prevê expressamente a recepção da legislação tributária
anterior à Constituição Federal de 1988.

4) Por que se atribui ao CTN-Código Tributário Nacional (Lei nº 5.172, de


25 de outubro de 1966) o status de Lei Complementar, se à época de sua
promulgação não havia a “lei complementar” como espécie tributária?

5) Das características abaixo, quais compõem o conceito de Direito


Tributário?
a) conjunto de proposições jurídico-normativas;
b) estudo das despesas públicas;
c) ramo didaticamente autônomo do Direito;
d) disciplina jurídica dos tributos;
e) conjunto de normas integrado pelo Direito Financeiro;
f) conjunto de normas atinentes às instituição, arrecadação e fiscalização
de tributos.

6) No âmbito da competência concorrente da União, dos Estados e do


Distrito Federal para legislar sobre Direito Tributário, a qual dos entes da
federação compete o estabelecimento de normas gerais? Indique o
dispositivo constitucional pertinente.

7) É correta a afirmação seguinte? Justifique a resposta.


“Inexistindo lei federal sobre normas gerais, os Estados e o Distrito
Federal exercerão a competência legislativa plena, para atender a suas
peculiaridades. A superveniência de lei federal sobre normas gerais
revoga a lei estadual ou distrital.”

8) A voluntariedade é característica das receitas originárias ou das


receitas derivadas?

9) A receita obtida pelo Estado mediante a exploração do seu próprio


patrimônio é originária ou derivada? Dê um exemplo.

10) Mencione ao menos três acepções do termo tributo.

11) Onde se encontra a definição legal de tributo?

12) Quais das características abaixo compõem a definição legal de


tributo?
1
a) prestação em moeda;
b) prestação compulsória;
c) sanção de ato ilícito;
d) instituição por lei;
e) instituição por ato administrativo;
f) cobrança mediante atividade administrativa plenamente vinculada.

13) Por que a multa não é tributo?

14) A Constituição consagra o princípio da legalidade genérico e o


princípio da legalidade específico em matéria tributária. Cite os textos dos
dispositivos constitucionais que os enunciam.

15) O nome dado ao tributo pela lei é determinante para a definição da


sua natureza jurídica? Por quê?

16) A destinação legal do produto da arrecadação é relevante para a


determinação da natureza jurídica do tributo?

17) Quais das características abaixo identificam os impostos?


a) não-vinculação a uma atuação estatal específica;
b) competência exclusiva da União;
c) competência extraordinária exclusiva da União;
d) competência residual exclusiva da União;
e) vinculação do produto da arrecadação a determinada finalidade;
f) pessoalidade;
g) graduação segundo a capacidade econômica do contribuinte.

18) Como o CTN define o imposto?

19) Cite algumas bases econômicas sobre as quais o imposto pode incidir.

20) Quais são os impostos de competência da União?

21) Quais são os impostos de competência dos Estados?

22) Quais são os impostos de competência dos Municípios?

23) Quais são os impostos de competência do Distrito Federal?

24) A quem compete a instituição de impostos nos Territórios Federais?

25) Quais são os requisitos para a instituição de impostos, pela União, no


exercício de sua competência residual?

26) Em que circunstâncias a União pode instituir impostos extraordinários?

27) Pode a União instituir um imposto extraordinário que tenha o mesmo


fato gerador de outro imposto já existente? Justifique.

28) Quais entes da federação são competentes para a instituição de


taxas?
2
29) Como o CTN conceitua poder de polícia?

30) Como o CTN define exercício regular do poder de polícia?

31) Quais são os requisitos para que um serviço público seja custeado por
taxa?

32) Em que situação se admite a cobrança de taxa por um serviço que não
foi efetivamente utilizado pelo contribuinte, mas que se encontra à sua
disposição?

33) Quais são os dois principais fundamentos da contribuição de melhoria?

34) Em face do que dispõe o artigo 145, III da CF/88, a valorização


imobiliária é requisito indispensável à cobrança da contribuição de
melhoria? Justifique.

35) Quais são os limites global e individual da contribuição de melhoria?

36) Pode haver cobrança de contribuição de melhoria por dois entes


federados distintos (ex. Estado e Município), pela realização de uma
mesma obra pública? Justifique.

37) Por que o fato de ser o empréstimo compulsório restituível não lhe
retira a condição de tributo?

38) O princípio da anterioridade, previsto no artigo 150, III, b da


Constituição, deve ser observado pela União ao instituir empréstimo
compulsório?

39) O que determina a Constituição no tocante à aplicação dos recursos


arrecadados pela União com o empréstimo compulsório?

40) O que determina o CTN no tocante ao prazo do empréstimo


compulsório e às condições de sua restituição?

41) Cite os dispositivos da Constituição Federal que prevêem a instituição


de contribuições sociais, de intervenção no domínio econômico e de
interesse das categorias profissionais ou econômicas, bem como de
contribuições para o custeio da seguridade social.

42) Cite o dispositivo da Constituição Federal que prevê a instituição de


contribuição social para custeio do regime previdenciário dos servidores
públicos.

43) Assinale falso ou verdadeiro (F) ou (V), justificando a resposta


mediante a indicação do dispositivo constitucional correspondente:
a) a instituição de contribuições categoriais é de competência exclusiva da
União ( )
b) as contribuições de intervenção no domínio econômico podem ser
instituídas por lei ordinária ou por lei complementar ( )
3
c) o princípio da anterioridade é de observância obrigatória na instituição
de contribuições categoriais ( )
d) a instituição de contribuição dos servidores, pelos Estados, Distrito
Federal e Municípios, é obrigatória; além disso, sua alíquota não será
inferior à da contribuição dos servidores titulares de cargos efetivos da
União ( )
e) a CIDE pode incidir sobre receitas decorrentes de exportação ( )
f) a CIDE poderá ter alíquota ad valorem ou específica ( )
g) na instituição da contribuição para o custeio do serviço de iluminação
pública devem ser observados tanto o princípio da legalidade como o da
anterioridade ( )

44) Indique o dispositivo da Constituição que permite à União a instituição


da CIDE-combustível e enumere as possíveis destinações dos recursos
arrecadados.

45) As contribuições citadas no artigo 8°, inciso IV da Constituição são


tributos?

46) Quais entes da federação têm competência para a instituição da


contribuição para custeio da iluminação pública?

47) Indique o dispositivo constitucional que trata do pedágio e discorra


sobre a natureza jurídica dessa cobrança.

48) Indique o dispositivo constitucional que trata das custas judiciais e


discorra sobre a natureza jurídica dessa exação.

49) Reproduza um conceito doutrinário de competência tributária.

50) O que é competência tributária residual? Quem a possui? Onde está


prevista na Constituição Federal?

51) O que é competência tributária extraordinária? Quem a possui? Onde


está prevista na Constituição Federal?

52) Quais são as características da competência tributária?

53) Que dispositivo do CTN prevê que a União, os Estados, o Distrito


Federal e os Municípios dispõem de capacidade legislativa plena? Em que
consiste a capacidade legislativa plena?

54) Qual é a única exceção à privatividade da competência tributária?

55) Que dispositivo do CTN dispõe expressamente que a competência


tributária é indelegável?

56) Distinga competência tributária de capacidade tributária ativa.

57) Como se deve entender a característica da inalterabilidade da


competência tributária?

4
58) Diante da facultatividade que caracteriza a competência tributária,
como interpretar os artigos 11 e 14 da Lei Complementar n° 101/2000?

59) Relacione as colunas:


1. Fiscalidade ( ) IPTU progressivo, para forçar a edificação em
terreno urbano
2. Extrafiscalidade ( ) Aumento do imposto de exportação, para
abastecimento do mercado interno
3. Parafiscalidade ( ) Aumento da COFINS
( ) Delegação de capacidade tributária ativa à OAB

60) O que é bitributação?

61) O que é bis in idem?

62) Cite 2 dispositivos da Constituição Federal que proíbem


expressamente a bitributação e o bis in idem.

63) Cite dispositivo da Constituição Federal que permite expressamente a


bitributação e o bis in idem.

64) Cite um caso de bis in idem existente, admissível por falta de expressa
vedação constitucional.