Vous êtes sur la page 1sur 29

Norma John Deere

APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO


AOS FORNECEDORES JDS-G223X1

Manual de Qualidade de Fornecedor – Formulários de


Amostra

Índice
1 Escopo ............................................................................................................................................ 2
2 Formulário de Garantia de Verificação da John Deere ..................................................................... 2
3 Formulário de Avaliação e Demonstração da Confiabilidade do Componente Principal.................... 5
4 Plano de Verificação e Validação de Produtos – V2 Net Data .......................................................... 7
5 Lista de Verificação da Revisão de Projeto, Processo e Montagem ............................................... 10
6 Relatório de Inspeção da Amostra Inicial (ISIR) – Resultados Dimensionais e de Material ............. 15
7 Formulário de Estudo de Capacidades .......................................................................................... 16
8 Lista de Verificação e Formulário do Plano de Controle ................................................................. 17
9 Formulário do Relatório de Aprovação da Aparência ..................................................................... 21
10 Resultados do Teste de Performance............................................................................................ 22
11 Formulário de Solicitação de Ação Corretiva ................................................................................. 23
12 Lista de Verificação e Formulário da Autorização do Desvio da Engenharia .................................. 25
13 Ferramentas de Qualidade Sugeridas ........................................................................................... 27
14 Descrição das Ferramentas de Qualidade ..................................................................................... 28
15 Referências................................................................................................................................... 29

Edição atual: Substitui: Primeira edição:


08/01/2015 08/01/2015 Controle do Projeto: DT Página 1 de 29
As Normas John Deere são destinadas ao uso pela Deere & Company, suas divisões e subsidiárias. Os fornecedores que
dependem delas para o fornecimento de produtos ou para o benefício da Empresa devem verificar se possuem a versão mais
recente. A distribuição das normas a terceiros, que não os Fornecedores John Deere, com ou sem autorização, destina-se somente
a informar, e a Deere & Company não se responsabiliza por resultados que possam ser atribuídos à aplicação de conformidade
com tais normas. A Empresa não faz declarações nem dá garantias, expressas ou implícitas, de que o seguimento garanta a
conformidade com leis ou outras normas ou regulamentos aplicáveis. Além disso, aqueles que detêm as normas e optam por usá-
las concordam em assumir a responsabilidade pela conformidade com patentes, bem como por uma possível violação de patentes.
Deere & Company Engineering Standards Department, One John Deere Place, Moline, Illinois 61265-8098, EUA. Não publicado –
Todos os direitos reservados sob leis de direitos autorais.
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

1 Escopo

1.1 JDS-G223X1 contém formulários de amostra que são referenciados ao longo do padrão JDS-
G223. Os formulários atuais e mais detalhados podem ser encontrados no site do John Deere Supplier
Network (JDSN).

1.2 JDS-G223X1 pode conter disposições obrigatórias, que são identificadas pelas palavras "deve"
ou “obrigatório". É necessário cumprir as disposições obrigatórias para estar em conformidade com esta
norma. Esta norma também pode conter disposições de orientação, que são geralmente identificadas
pelas palavras "deveria" ou "recomendado". O cumprimento das disposições de orientação não é
obrigatório, porque podem não ser apropriadas para todas as máquinas ou todas as aplicações.

2 Formulário de Garantia de Verificação da John Deere

A John Deere requer que os Fornecedores enviem eletronicamente Solicitações de Mudança por meio
do JDSN. Se a submissão eletrônica não for possível, o seguinte formulário deverá ser usado. As
informações necessárias estão listadas abaixo.

Informações da Peça e do Fornecedor


Número ou Números da Peça
Nome da Peça
Número da Decisão
Nível de Revisão
Nome do Fornecedor
Número do Fornecedor
Endereço

Razão da solicitação de autorização para mudança no processo de manufatura ou produto


Mudança no Projeto/Material
Alteração de Processo
Alteração de Local
Mudança de Ferramentas
Alteração de Fornecedor
Outro

Razão para a mudança proposta


Melhorar Qualidade do Produto
Aumentar a Eficiência da Manufatura
Reduzir Tempo de Execução
Outro

2
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
Descreva a mudança proposta e o plano de qualidade para assegurar que a qualidade do produto
não será prejudicada. Anexe todas as informações relevantes.
Data da implementação proposta
Mudanças que desviam dos desenhos ou das especificações
Explicação
Assinatura do Fornecedor e Cargo
Data

O fornecedor não deve prosseguir até receber a autorização da John Deere.

Fica entendido que a autorização para prosseguir é apenas informativa e de maneira alguma altera a
responsabilidade original do fornecedor em garantir que sejam mantidas todas as características
designadas nas especificações aplicáveis de engenharia e/ou inerentes nas amostras testadas e
aprovadas originalmente. O fornecedor aceita total responsabilidade pelas alterações dos tipos listados
acima e, caso tais alterações façam com que os requisitos do cliente não sejam atendidos, deverá
reembolsar totalmente a John Deere por todas as despesas incorridas na correção da deficiência.

Pedidos de Mudança devem ser enviados eletronicamente pelo JDSN.

A John Deere é responsável por fornecer uma data de acompanhamento para qualquer aprovação
condicional.

3
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

Garantia de Verificação da John Deere (Garantia de Submissão da Peça)


Número da Peça: Nº da Decisão: Nível de Revisão:
Nome da Peça/Descrição: Aplicação do Produto:
Originador: Fone: E-mail:
Nome do Fornecedor: Código de ID do Fornecedor:
Contato do Fornecedor: Fone: E-mail:
Motivo de Envio: * Anexar documentação se necessário

Submissão Inicial Mudanças no Projeto/Material


*Alteração de Fornecedor
*Alteração de Manufatura
(nova origem, alteração na origem de manufatura etc.)
(local, processo, ferramentas etc.) Especifique:
Especifique:
Correção de Discrepância (Ressubmissão) *Outro – Especifique:

Impacto da Alteração:

Melhoria da Qualidade Tempo de execução reduzido Maior Eficiência de Manufatura Outro


Data da Implementação Proposta:

Informações de Submissão: Datas de vencimento em (DD MMM AA)

Plano de Controle Gage R&R ISIR (Relatório de Inspeção de Amostra Inicial)


Estudo de Capacidades Peças de Amostra Amostra Principal
Certificação de Material Teste de Verificação Relatório de Aprovação da Aparência
Garantia de Performance e Confiabilidade do
Resultados dos Testes de Materiais Fluxograma do Processo
Componente
FMEA do Projeto da Peça FMEA do Processo Resultados do Teste de Performance
Peso/peça: Kg. Notas Especiais:

Resultados da Submissão (somente para Garantia de Verificação):


Estes resultados atendem a todos os requisitos de desenhos e especificações: Sim Não (Se Não, a explicação é obrigatória)

Todas as substâncias no produto estão dentro dos limites listados na Lista de Materiais Restritos da John Deere? Sim Não
(Se Não, a explicação é obrigatória):
Declaro que as amostras, os dados e as informações representados por esta submissão são representativos das nossas peças e
foram feitos de acordo com os desenhos e as especificações da John Deere aplicáveis, com materiais especificados e em
ferramentas de produção regular à taxa de produção sem nenhuma operação diferente das operações do processo de produção
regular. Observei alguns desvios abaixo:
Materiais de produção, ferramentas e processos usados? Sim Não (Se Não, a explicação é obrigatória)
Nome (impresso): Título: Fone:
Assinatura Autorizada do Fornecedor: Data:

SOMENTE PARA USO DA JOHN DEERE


Aprovar (Para Desvio/Acompanhamento apenas)
Desvio/Acompanhamento/Condicional Condições:
Rejeitar
Assinaturas:

Engenheiro de Qualidade: Data:


Gerenciamento de Suprimentos: Data:
Engenheiro de Projeto:
Data:
(somente para alterações de projeto iniciadas pelo fornecedor)
Engenheiro de Materiais:
Data:
(para alterações de materiais e/ou processos especiais iniciadas pelo fornecedor)
Outro: Data:

4
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
3 Formulário de Avaliação e Demonstração da Confiabilidade do Componente
Principal

A demonstração da confiabilidade do componente principal faz parte do plano de Verificação e Validação


do Produto. Deve incluir a identificação de modos/mecanismos de falha de alto risco, visibilidade clara
entre requisitos e testes, fechamento de defasagens identificadas no plano de demonstração de
confiabilidade e monitoramento da conclusão das atividades de PV&V de demonstração de
confiabilidade.

Identificar Modos/Mecanismos de Falha de Alto Risco


FMEA – Conforme a definição da John Deere de um alto risco
– Pode ser usado para identificar os possíveis mecanismos de falha de um
Guia de Teste do
componente, bem como possíveis testes que podem ser realizados. Entre em
Mecanismo de
contato com representante da John Deere (referência EQP 224 Avaliação de
Falha
Confiabilidade do Componente)

Identificar Defasagens no Plano de Demonstração de Confiabilidade


– Revisões periódicas em DFMEA e SFMEA durante todo o processo do
Revisões da
projeto são recomendadas para manter todos os modos de falha atuais e
FMEA
relevantes

Análises de – Atividade de revisão realizada para apresentar e avaliar um projeto de


Design produto específico
Análises de Plano – Atividade de revisão, liderada por PV&V, para desenvolver e modificar o
de PV&V plano de teste de um determinado produto
Análise de – Usado para garantir que estamos empregando recursos nas áreas do projeto
confiabilidade que precisam de mais trabalho para promover a confiabilidade do componente
inerente para os objetivos de negócios

5
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

Formulário de Performance e Garantia de Confiabilidade do Componente


A confirmação deve ocorrer pela aprovação da Liderança PDP para iniciar as
fabricações físicas (Etapa 3 – Marco 11)
Nome do Fornecedor: Número do Fornecedor:
Endereço do Fornecedor:
Cidade:
Estado: CEP:
Nome do Componente:
Número da Peça do Componente:
Verificação dos Requisitos (Analítica) – Data de Vencimento (opcional):
Verificação dos Requisitos (Protótipo) – Data de Vencimento:
Data de Vencimento do Protótipo do Objetivo da Produção:
Outras Informações:

Os Resultados do Plano de PV&V são Aceitáveis? SIM _____ NÃO ______


Anexar a documentação apropriada.

Representante de PV&V da John Deere: Data:


O Componente Atende aos Requisitos da Especificação? SIM ___ NÃO ____

Representante do Fornecedor: Data:


Verificação dos Requisitos do Fornecedor – Analítica (Preenchida pelo Fornecedor)
Instruções: Se solicitado pela John Deere, documente o método e os resultados ao verificar
analiticamente se o componente atende ou supera seus requisitos, inclusive a confiabilidade.
Podem ser dados históricos, previsão ou outra técnica analítica. Anexar a documentação de
suporte.

Representante do Fornecedor: Data:

Verificação dos Requisitos do Fornecedor – Protótipo (Preenchida pelo Fornecedor)


Instruções: Documente o método e os resultados ao verificar fisicamente se o componente atende
ou supera seus requisitos, inclusive a confiabilidade. Podem ser testes de laboratório ou com
veículo. Inclua nível estatístico de confiança. Anexar a documentação de suporte.

Representante do Fornecedor Data:


Comentários:

Assinaturas:
Representante da John Deere: Data:
Representante do Fornecedor: Data:

6
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
4 Plano de Verificação e Validação de Produtos – V2 Net Data

Elementos do Modelo de Verificação e Validação (V2) Net Data


# Item Descrição
1 Número da Atividade Este campo é para uso exclusivo da John Deere; os fornecedores devem
deixar em branco. Este número é fornecido automaticamente pelo V2 Net
System.
2 Título da Atividade Breve descrição da atividade de validação e verificação. Limite de 100
caracteres. Este é um campo obrigatório.
3 Categoria Selecione a descrição da categoria apropriada na “Matriz do Tipo de
Categoria”. Este é um campo obrigatório.
4 Tipo Selecione o tipo de atividade apropriado que corresponde à categoria
selecionada na “Matriz do Tipo de Categoria”. Este é um campo
obrigatório.
5 Descrição Descreva a atividade detalhadamente. Este é um campo obrigatório.
6 Número de Série da Se apropriado, insira o número de série da máquina ou do componente.
Máquina/Componente Limite de 50 caracteres.
7 Porcentagem Real Insira um número entre 0 e 100 para refletir a porcentagem de conclusão
Concluída da atividade.
8 Duração Planejada da Insira o número de dias (entre 1 e 200) que a atividade levará para ser
Atividade concluída.
9 Data de Início Planejada Insira a data de início planejada da atividade. Use o formato dd/mm/aaaa.
10 Data Final Planejada Insira a data final planejada da atividade. Use o formato dd/mm/aaaa.
11 Nome do Recurso Este campo é para uso exclusivo da John Deere; os fornecedores devem
deixar em branco. Se um recurso da John Deere for necessário, selecione
na lista suspensa.
12 Data de Início Real Data em que a atividade teve início. Use o formato dd/mm/aaaa.
13 Data de Conclusão da Data em que a atividade foi concluída. Use o formato dd/mm/aaaa.
Atividade
14 Data de Disponibilidade Data em que as peças para concluir a atividade estarão disponíveis. Use o
das Peças formato dd/mm/aaaa.
15 Critérios de Aceitação Descrição detalhada dos critérios de aceitação da atividade.

7
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

8
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
Matriz do Tipo de Categoria da John Deere para V2 Net
Teste de Performance em Teste de Durabilidade
CATEGORIA Revisão Análise de Projeto Teste de Laboratório
Campo em Campo
Validação do Cliente Solidificação da Verificação Acelerada do Avaliação da Concorrência Avaliação da
TIPO (Grupos de Foco no Fundição Projeto (ADV) (Empresa Líder) Concorrência (Empresa
Cliente etc.) Líder)
FMEA do Projeto (Análise de Fluidodinâmica Dyno do Chassi Validação do Cliente Validação do Cliente
Modos e Efeitos de Falha – Computacional (CFD) (Grupos de Foco no (Grupos de Foco no
Nível de sistema, Cliente etc.) Cliente etc.)
subsistema, montagem ou
componente)
Revisão do Projeto Engenharia da Unidade Funcionamento a Frio Durabilidade Durabilidade
Motora (Partida, Performance etc.)
Revisão de Projeto, Elétrico/Eletrônico Componente Tensão do Campo Teste Geral de
Processo e Montagem Durabilidade em Campo
(DPAR)
E-build Aplicação para Engate Componente (Durabilidade, Teste Geral de Compatibilidade do
Rápido Vida Útil etc.) Performance em Campo Componente ou
Instrumento
Análise geral Sistema de Combustível Sistema de Resfriamento Compatibilidade do Atividades de Medição de
Componente ou Carga
Instrumento
Sistema de Classificação e Projeto de Engrenagem Aquisição de Dados Atividades de Medição de Performance
Detecção de Riscos (Laboratório e Campo, Carga
(HDRS) medição de carga etc.)
Revisão do Projeto Análise Geral Teste da Unidade Motora Ruído, Vibração, Dureza Conformidade com
Industrial (NVH) Padrões (Normas Padrão
e Avaliação de
Conformidade - SRC)
Análise Impressa Fatores Humanos Resposta Dinâmica (Vibrador, Performance Teste de Durabilidade do
Análise Modal etc.) Fornecedor
FMEA do Processo Análise dos Sistemas de Elétrico (JDQ 53.2, Conformidade com
(Análise de Efeitos e Hidráulica e Controle Interferência Eletromagnética, Padrões (Normas Padrão e
Modos de Falha) HALT) Avaliação de
Conformidade - SRC)
Planejamento de Compatibilidade do Gerenciamento de Energia Teste de Performance do
Confiabilidade Instrumento Fornecedor
Avaliação de Riscos Iluminação Dyno do Motor
Análise de Manutenção Lubrificação Ambiental (Spray de Sal,
Teste SCAB, Caixa de Poeira,
Caixa de Lama, QUV,
Alterabilidade)
Análises do Software Ruído, Vibração, Dureza Fadiga (MTS, Tensão do
(NVH) Campo etc.)
Conformidade com Outro (Cálculo da Mola, Teste Geral de Laboratório
Padrões (Normas Padrão e Vida Útil e Cargas da
Avaliação de Correia de Transmissão e
Conformidade - SRC) Rolamento)
Estilo/Aparência Moldagem de Plástico Calor
Análise do Fornecedor Vedação Aquecimento, Ventilação e Ar-
Condicionado (HVAC)
FMEA do Sistema (Análise Simulação Sistemas de Hidráulica e
de Efeitos e Modos de (Dinâmica/Cinemática, Controle
Falha) Hidráulica etc.)
Dinâmica do Solo Atividades de Medição de
Carga
Análise Estrutural (Fadiga, Manutenção e Renovação
FEA, Cálculo Manual,
Otimização etc.)
Análise do Projeto do Propriedades do Material
Fornecedor
Térmico (Resfriamento Ruído, Vibração e Dureza
etc.) (NVH)
Acúmulos de Tolerância Outro
Válvulas Performance (Estabilidade,
Função, Tanque de Solo etc.)
Realidade Virtual Conformidade com Padrões
(validação do cliente, (Normas Padrão e Avaliação
visibilidade etc.) de Conformidade - SRC)
Teste do Fornecedor
Válvulas
Túnel de Vento

9
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

5 Lista de Verificação da Revisão de Projeto, Processo e Montagem

10
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
A lista dos artigos abaixo deve ser considerada ao conduzir uma DPAR. A documentação dos resultados
da DPAR deve ser registrada. C = Completo; I = Em Processo; N = Não Aplicável

Lista de Verificação da Revisão de Projeto, Processo e Montagem


C/I/N # DESCRIÇÃO COMENTÁRIO
1. REVISÃO DO PROJETO (Cópia ou Modelo)
1.1 Analisar os requisitos do material
1.2 Analisar as dimensões geométricas e tolerâncias
1.3 Analisar o desenho/modelo para maior clareza e integralidade
1.4 Analisar o projeto e requisitos funcionais
1.5 Analisar o plano e os resultados de teste da John Deere/Fornecedores
1.6 Analisar as tolerâncias de manufaturabilidade
1.7 Analisar todas as especificações e padrões aplicáveis
1.8 Identificar as características-chave das revisões de projeto e de outras fontes
1.9 Determinar os requisitos para estudos Gage R & R em equipamento de
medição
1.10 Determinar o método para medir as características-chave
1.11 Determinar requisitos de estudo de capacidades ou plano de controle nas
características-chave e naquelas definidas pela John Deere ou pelo
fornecedor
1.12 Analisar os métodos preferidos para avaliação de capabilidade
1.13 Determinar método para estudo de capacidades para as características-chave
e outras características definidas pela John Deere
1.14 Analisar as diretrizes para os métodos de controle após a avaliação de
capabilidade
1.15 Analisar o procedimento e as exigências para a inspeção inicial da amostra
1.16 Verificação da Aparência/requisitos de pintura
1.17 Analisar as exigências de limpeza e rebarbamento
1.18 Identificar oportunidades de redução de custo
1.19 Determinar impacto de custos potenciais de todas as mudanças identificadas

11
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

2. ANÁLISE DE PROCESSO
2.1 Analisar todos os processos requeridos para produzir a peça/conjunto, por
exemplo, usinagem, polimento, estampagem, soldagem, montagem,
chapeamento, tratamento térmico, colagem, pintura
2.2 Verificar se o processo de manufatura está completo
2.3 Analisar as especificações relacionadas aos processos
2.4 Analisar as características-chave do processo das Revisões do Projeto,
Análise de Efeitos e Modos de Falha do Processo (PFMEA) e outras fontes
2.5 Determinar o método para medir as características-chave dos processos
2.6 Determinar os requisitos para estudos Gage R & R em equipamento de
medição
2.7 Determinar requisitos de estudo de capacidades ou plano de controle para as
características-chave e outras características definidas pela John Deere
2.8 Analisar os métodos preferidos para avaliação de capabilidade
2.9 Determinar método para estudo de capacidades para as características-chave
e outras características definidas pela John Deere
2.10 Analisar as diretrizes para os métodos de controle após a avaliação de
capabilidade
2.11 Analisar as exigências de limpeza, rebarbamento, embalagem, prevenção
contra oxidação etc.
2.12 Analisar as Folhas de Processo do Operador (OMS)
2.13 Analisar a sequência de eventos (SOE)
2.14 Analisar os requerimentos de instruções de usinagem
2.15 Analisar as necessidades de treinamento
2.16 Analisar as oportunidades de sistemas à prova de erro
2.17 Analisar a ergonomia de manipulação de material, ferramentas e processos,
etc.
2.18 Identificar oportunidades de redução de custo
2.19 Determinar impacto de custos potenciais de todas as mudanças identificadas
3. ANÁLISE DOS INSTRUMENTOS DE MEDIÇÃO
3.1 Determinar quais equipamentos de medição, dispositivos de teste, etc., são
requeridos
3.2 Determinar a disponibilidade dos equipamentos de medição, dispositivos de
teste, etc.
3.3 Determinar os requisitos do plano de qualidade ou controle
3.4 Analisar os procedimentos para desenhos e inventários de equipamentos de
medição e dispositivos de teste
3.5 Determinar quantos equipamentos de medição e dispositivos de teste são
requeridos
3.6 Determinar quem projetará e construirá os equipamentos de medição e
dispositivos de teste
3.7 Analisar a política para contínua manutenção e calibração dos instrumentos
de medição
3.8 Identificar oportunidades de redução de custo
3.9 Determinar impacto de custos potenciais de todas as mudanças identificadas

12
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
4. ANÁLISE DE MONTAGEM
4.1 Analisar os sistemas listados para Revisões do Projeto nas Etapas do PDP 2
e3
4.2 Revisar os requerimentos de limpeza e possíveis problemas de contaminação
4.3 Analisar sistemas críticos do produto, como freios, Sistema de Proteção
contra Tombamentos (ROPS), direção, hidráulica, transmissão, elétrica
4.4 Analisar roteamento de mangueiras, linhas e fiação
4.5 Analisar requisitos de aparência, montagem e processo de acabamento
4.6 Analisar a capabilidade dos ajustes entre os itens
4.7 Analisar os engates rápidos
4.8 Analisar possíveis vazamentos, vibração e problemas de ruído
4.9 Analisar requisitos de montagem e acabamento
4.10 Analisar as Folhas de Processo do Operador (OMS)
4.11 Analisar a sequência de eventos (SOE)
4.12 Analisar os requisitos de instrução de montagem
4.13 Analisar as necessidades de equipamentos de medição e auxiliares para
montagem
4.14 Analisar as necessidades de treinamento em relação a características-chave
de montagem
4.15 Analisar as oportunidades de sistemas à prova de erro no processo
4.16 Analisar os sistemas de manipulação de material que evitam danos às peças
4.17 Analisar os requerimentos de torque das principais juntas
4.18 Analisar a facilidade de acesso para a montagem
4.19 Analisar a necessidade de engates rápidos do conjunto
4.20 Analisar os planos de ferramentas de montagem
4.21 Analisar a capacidade dos sistemas de fluidos de atingir níveis estáveis
4.22 Analisar necessidades de teste das instalações
4.23 Analisar exigências dos processos especiais (colagem, pintura, etc.)
4.24 Analisar requisitos de teste de performance na montagem
4.25 Analisar e verificar especificações
4.26 Analisar a ergonomia de manipulação de material, ferramentas e processos,
etc.
4.27 Identificar oportunidades de redução de custo
4.28 Determinar impacto de custos potenciais de todas as mudanças identificadas
5. ANÁLISE DA EMBALAGEM
5.1 Analisar as exigências de recipientes de embalagem/retorno de componentes
5.2 Analisar a necessidade de vedação temporária para o processo de lavagem
ou pintura
5.3 Analisar os requisitos de embalagem e remessa para produtos acabados,
incluindo a necessidade de proteção contra oxidação
5.4 Identificar oportunidades de redução de custo
5.5 Determinar impacto de custos potenciais de todas as mudanças identificadas

13
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

6. ANÁLISE DE OUTROS ITENS


6.1 Analisar as metas de custo
6.2 Verificar os requisitos de serviço
6.3 Analisar a Lista de Materiais (BOM) de engenharia
6.4 Analisar para garantir que a peça ou montagem NÃO contenha nenhuma
substância em quantidades além das determinadas na Lista de Materiais
Restritos da John Deere (por exemplo, amianto ou tinta com chumbo) e/ou
outras substâncias restritas pelas leis aplicáveis
6.5 Analisar todas as especificações de exigências de software
6.6 Analisar os resultados da Revisão de Projeto e FMEA
6.7 Data do lançamento da impressão
6.8 Data em que a Ordem de Compra das Ferramentas de Produção está pronta
6.9 Tempos de execução para ferramentas
6.10 Requisitos do Processo de Aprovação de Peças de Produção (PPAP)
6.11 Auditoria/visita do fornecedor
6.12 Conclusão da Garantia de Verificação
6.13 Assinatura de todos os participantes

14
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
6 Relatório de Inspeção da Amostra Inicial (ISIR) – Resultados Dimensionais e
de Material

Aprovação de peça – Relatório de Inspeção de Amostra Inicial (ISIR)


Revisão: 11 DE NOVEMBRO DE 2009
Número da Peça: Projeto/Nível de Revisão:

Nome da Peça/Descrição: Número da Decisão:


Nome do Fornecedor: Número do Fornecedor:
Nome da Instalação de Inspeção: Peso/Peça Kg:
Quantas peças foram medidas? Relatório do Laboratório Anexado o Sim o Não
Item Dimensão Unidade Tolerância Resultados da Medida Regular / Verificação
Nominal/ de Não da
Especificação ou Medida Peça Peça Peça Peça Peça Regular John Deere
Especificações do (+) / (-)
1 2 3 4 5
Material
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
Itens 26 – 30 são textos aplicáveis.
26
27
28
29
30

Assinatura do Representante do Fornecedor: Título: E-mail: Data:

Representante da Qualidade da John Deere: Título: E-mail: Data:

Disposição:
o Aprovar o Falha o Desviar o Reenviar
Uma fotografia da etiqueta de identificação de ferramentas que está afixada nas ferramentas da John Deere deve ser apresentada
antes da aprovação deste ISIR. A etiqueta de identificação de ferramentas deve estar em conformidade com o adendo do JDS-
G223 “Diretrizes de Identificação de ferramenta não perecível para Fornecedores John Deere”.

15
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

7 Formulário de Estudo de Capacidades

Estudo de Capacidades Data: Nº de Serviço Página de

Número de Peça
o Nova Peça o Eng. de Decisão Alterar o Ressubmissão o Nova Origem o Outro
Nome da Peça/Descrição Nível de Projeto Número da Decisão

Comentários:

Fornecedor – Preencha Todos os Dados a Seguir


O processo para cada recurso está sob controle, estável e distribuído o Sim o Não
normalmente?
Se as amostras forem sequenciais, informe P̂pk , caso contrário calcule Ĉ pk
(Consulte a cláusula 6.5 em JDS-G223X2)
Resultados
Requisitos
Dimensionais Medições Reais
Recurso X ˆ P̂p P̂pk
Aprovar/
Nº Mínimo de 30 Medições Necessárias
(Característica- Rejeitar
chave) X R/d2 C p C pk

Resultados da Inspeção Preparados Por:

Pelo presente documento, certificamos que os resultados informados estão corretos e que nossa amostra atende
às especificações da John Deere, a menos que seja aqui observado contrariamente.
Representante de Qualidade do Fornecedor: ____________________ Data: ________________ E-mail: _____________________
Aprovação da John Deere:
Representante da Qualidade da John Deere: Data: Disposição: Aceitação
o Aceitar o Condicional
Reenviar
E-mail: __________________________ o Rejeitar o Amostra
Atividades de Gerenciamento de Suprimentos da John Deere:
Data:
o Documentação Original Enviada ao Arquivo o Enviar Notificação ao Fornecedor
16
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
8 Lista de Verificação e Formulário do Plano de Controle

Elementos do Plano de Controle (os itens em NEGRITO são necessários)


# Item Descrição
1 Categoria do Plano de Indique a categoria apropriada.
Controle: Protótipo, Pré- Protótipo: Construção para verificação do projeto
lançamento ou Produção Pré-lançamento: Construção antes da produção normal para verificação
dos processos
Produção: Construção ou produto que a John Deere oferecerá para
venda aos clientes
2 Número do Plano de Insira o número do documento do plano de controle usado para
Controle acompanhamento, se aplicável.
3 Número da Peça Insira o número da peça John Deere (e o número da peça do
fornecedor, se aplicável).
4 Nome da Peça/Descrição Nome e descrição da peça e/ou processo sendo controlado.
5 Fornecedor/Planta Insira o nome da empresa (fornecedor) e a divisão ou planta de
manufatura apropriada encarregada de preparar o Plano de Controle.
6 Código/ID do Fornecedor Insira o número de identificação conforme solicitado pela organização
de aquisição (por exemplo, ID do Fornecedor Corporativo ou
departamento da fábrica).
7 Integrantes da Equipe Insira os nomes e os telefones dos responsáveis pela preparação do
Principal Plano de Controle de acordo com a revisão mais recente.
8 Preparar Nomes dos responsáveis pela preparação do Plano de Controle ou do
contato principal responsável pelo Plano de Controle.
9 Pessoa Responsável Indica quem é o responsável por concluir o método de controle.
10 Fornecedor/Aprovação da Obtenha a aprovação da planta de manufatura responsável (se
Planta/Data necessário).
11 Nível de Alteração de Último nível de projeto da engenharia e/ou data da última edição das
Engenharia/Nível de especificações do desenho.
Revisão
12 Número da Número determinado pela John Deere para a alteração de engenharia.
Decisão/Alteração de
Engenharia
13 Data Data em que o Plano de Controle original foi compilado.
14 Data da Revisão Data em que o último Plano de Controle foi atualizado.
15 Página Se o Plano de Controle tiver várias páginas, indique os números das
páginas
(página _ de _).
16 Aprovação da Engenharia Obtenha a aprovação da engenharia responsável (se necessário).
de Produtos/Data
17 Aprovação de Qualidade Obtenha a aprovação do representante de qualidade responsável (se
do Cliente/Data necessário).
18 Outra Aprovação/Data Obtenha qualquer outra aprovação combinada (se necessário).
19 Número do Insira o número da peça. Se existirem vários números de peças
Processo/Peça (montagem), indique os números individuais e seus processos de forma
adequada.
20 Nome do Descrição do processo/operação de criação que produz a característica.
Processo/Descrição da
Operação
21 Máquina, Dispositivo, Para cada operação que é descrita, identifique o equipamento de
Gabarito, Ferramentas processamento, conforme apropriado.
para Manufatura

17
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

Uma característica, dimensão ou propriedade distintiva de um processo


CARACTERÍSTICA ou sua saída (produto) na qual é possível coletar dados de variáveis ou
atributos. Use recursos visuais onde for necessário.
22 Nº Número: Insira, se necessário, um número de referência cruzada de
todos os documentos aplicáveis, que incluem, mas não se limitam a:
fluxograma do processo, impressão numerada, FMEA e esboços.
23 Produto Insira a Característica do Produto aplicável. Características do Produto
são as características ou as propriedades de uma peça, um
componente ou uma montagem que são descritas em desenhos ou
outras informações primárias de engenharia. Todas as Características-
chave do Produto devem ser enumeradas no Plano de Controle. Além
disso, o fabricante pode apresentar outras Características do Produto
para as quais controles do processo são rotineiramente acompanhados
durante as operações normais.
24 Processo Insira a Característica do Processo aplicável. Características de
Processos são as variáveis do processo (variáveis de entrada) que têm
um relacionamento de causa e consequência com a Característica do
Produto identificado. Uma Característica do Processo apenas pode ser
medida no momento em que ocorre. É preciso identificar as
Características do Processo cujas variações devem ser controladas a
fim de minimizar a variação do produto. Pode haver uma ou mais
Características de Processos listadas para cada Característica de
Produto. Em alguns processos, uma Característica de Processo pode
afetar várias Características de Produto.
25 Característica-chave Indique se a característica é designada como uma Característica-chave.
Uma Característica-chave é uma característica de produto ou processo
para a qual é necessário realizar controle desejado ou de variação para
atender aos requisitos do cliente, e que afeta direta ou
significativamente a satisfação dele por meio de: conformidade com
padrões e/ou normas do governo, país ou setor; capacidade de executar
os requisitos pretendidos do projeto (forma, adequação, função,
confiabilidade, aparência); ou possibilidade de fabricação e capacidade
de montagem. Características-chave podem ser o tipo de Produto ou
Processo (consulte JDS-G223, cláusula 7.2.1.1).

18
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
Um plano sistêmico que usa procedimentos e outras ferramentas para
MÉTODOS
controlar um processo.
26 Produto/Especificação As especificações/tolerâncias podem ser obtidas de vários documentos
do Processo/Tolerância de engenharia, que incluem, mas não se limitam a: desenhos, revisões
do projeto, padrão de material, dados de projeto auxiliado por
computador, requisitos de manufatura e/ou montagem.
27 Técnica de Identifique o sistema de medição usado. Isto pode incluir instrumentos
Medição/Avaliação de medição, acessórios, ferramentas e/ou equipamentos de teste
necessários para medir a peça, o processo ou o equipamento de
manufatura. É necessário realizar uma análise da reprodutibilidade,
repetitividade, estabilidade e precisão e realizar as melhorias
adequadas para poder confiar em um sistema de medição.
28 Tamanho/Frequência da Quando uma amostra for necessária, insira o tamanho da amostra e sua
Amostra frequência (consulte JDS-G223X2 cláusula 7).
29 Método de Controle Insira uma breve descrição de como a operação será controlada; inclua
números de procedimento quando aplicável. As operações podem ser
controladas por, mas não limitadas a, Controle Estatístico do Processo,
inspeção, inspeção, dados de atributos, dispositivo à prova de erros e
planos de amostragem (consulte JDS-G223X2 Tabela 3). A eficácia do
método de controle deve ser continuamente avaliada.
30 Plano de Reação Insira as ações corretivas necessárias para evitar a manufatura de
produtos não conformes ou a operação fora de controle. Normalmente,
as ações devem ser de responsabilidade das pessoas mais próximas ao
processo (operador, configurador, supervisor) e devem ser designadas
claramente no plano. Provisões devem ser feitas para documentação.
Em todos os casos, produtos suspeitos e não conformes devem ser
claramente identificados, colocados em quarentena e descartados pelo
responsável designado no plano de reação. Esta coluna também pode
se referir a um número específico do plano de reação e identificar a
pessoa responsável por esse plano.

19
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

20
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
9 Formulário do Relatório de Aprovação da Aparência

21
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

10 Resultados do Teste de Performance

Aprovação de Peça de Produção da John Deere


Resultados do Teste de Performance
Nome do Fornecedor: Número da Peça:

Código do Fornecedor: Nome da Peça:

Nome do Laboratório: Nível de Revisão:


Data Quanti- Resultados do Teste
Especificação do Especificação/ Não
do dade (Dados)/Condições do Regular
Teste/Rev./Data Limites Regular
Teste Testada Teste

OBSERVAÇÃO: Declarações generalizadas de conformidade são inaceitáveis para qualquer


resultado de teste.
Comentários:

Enviado por: E-mail: Data:

22
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
11 Formulário de Solicitação de Ação Corretiva

Sete das Oito Disciplinas de Ação Corretiva (8D) ou Fases de Definição são necessárias, de D1 a D7. É
preferível que essa Documentação de Ação Corretiva seja feita pelo Sistema de Ação Corretiva de Não
Conformidade (NCCA): https://ncca.deere.com. Este é um exemplo de formulário. Para obter a versão
mais recente deste documento, consulte a JDSN.

Solicitação de Ação Corretiva da John Deere

Relatório 8D

Data de Criação: Assinatura do


Fornecedor:

Número do Gravidade: Incidental Alta


Relatório
(NCCA/Q-note): Baixa Fundamental

Unidade da Local da
John Deere: John Deere:

Nome do ID do Fornecedor:
Fornecedor:

Local do
Fornecedor:

Número da Peça Nome da Peça:


da John Deere:

Número da Peça Quantidade


do Fornecedor: Afetada:

ETAPA DESCRIÇÃO

D1 Estabelecer a Equipe/Responsabilidade

John Deere Nome: E-mail:

Telefone: FAX:

Fornecedor Nome: E-mail:

Telefone: FAX:

D2 Identificação do Problema de Nome da Data Prevista da Data Real de


Descumprimento (NC)/Causa da Pessoa Implementação Conclusão
Responsável
Reprovação

Inserir comentários:

23
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

D3 Ação de Contenção e Ação Corretiva Nome da Data Prevista da Data Real de


em Curto Prazo/Ações Imediatas Pessoa Implementação Conclusão
Responsável

Inserir comentários:

D4 Definir e Verificar a Causa Nome da Data Prevista da Data Real de


Fundamental/Causa do Pessoa Implementação Conclusão
Responsável
Descumprimento

Inserir comentários:

D5 Escolher e Verificar a Solução Nome da Data Prevista da Data Real de


Pessoa Implementação Conclusão
Responsável

Inserir comentários:

D6 Implementar Ação Corretiva Nome da Data Prevista da Data Real de


Permanente/Ações Corretivas em Pessoa Implementação Conclusão
Responsável
Longo Prazo

Inserir comentários:

D7 Prevenir Recorrência Nome da Data Prevista da Data Real de


Pessoa Implementação Conclusão
Responsável

Inserir comentários:

D8 Reconhecimento do Time/Feedback Nome da Data Prevista da Data Real de


da Gerência (Opcional) Pessoa Implementação Conclusão
Responsável

Inserir comentários:

OBSERVAÇÃO: A contenção de material não conforme é necessária dentro de 24 horas após a notificação do problema. Um
relatório de status será submetido ao originador de uma solicitação de ação corretiva iniciada pela John Deere (preferencialmente via
Sistema de Ação Corretiva de Não Conformidade (NCCA)) dentro de cinco dias após recebimento, a menos que especificado de
outra maneira pelo investigador da John Deere.

24
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
12 Lista de Verificação e Formulário da Autorização do Desvio da Engenharia

A John Deere aceitará os formulários de desvio do fornecedor contendo, pelo menos, as informações a
seguir.

Data
Número e Descrição da Peça da John Deere
Quantidade Afetada
Desvio Proposto (Usar Como Está ou Recuperar)
Descrição do Desvio Proposto
Motivo do Desvio
Nome do Fornecedor e Número do ID
Contato do Fornecedor
Número de Telefone
Número de Fax
Endereço de E-mail
Ação Corretiva em Longo Prazo
Data Prevista para a Ação Corretiva (máximo de 1 ano)

RESPOSTA da JOHN DEERE


Aceitar
Rejeitar
Número do Desvio
Verificação de Ação Corretiva Requerida (Sim ou Não)
Uso para Serviço (Sim ou Não)
Assinaturas de Aprovação

O número do desvio designado deve acompanhar todas as peças enviadas à John Deere incluídas neste
desvio. O desvio designado deverá ser indicado em toda correspondência futura no que tange a essas
peças. O fornecedor deve produzir as peças de acordo com as especificações impressas da John Deere.
Esse desvio não permite nenhuma alteração adicional da cópia além da especificada no desvio
designado.

25
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

AUTORIZAÇÃO DE DESVIO DE ENGENHARIA John Deere


Nº da Peça: EDA Número:
Descrição da Peça:

Modelos Usados Em:

Solicitado por: Dep. Responsável: Data:

Quantidade Afetada: Desvio Proposto: Usar como Está: Recuperação (descrever abaixo):

Descrição do Desvio Proposto:

Motivo para o Desvio:

Método de Recuperação: Nº de ECN (se aplicável)

Pessoa Contatada: Nome do Fornecedor e Número do ID:

Nome do Contato do Fornecedor: Número de Telefone:

Endereço de E-mail: Fax:

Revisado pelo Engenheiro de Qualidade: Data:

Ação Corretiva em Longo Prazo:

Data Prevista: Verificação Sim Não Atribuído a:


Necessária?

Somente Para Uso da John Deere


APROVADO APROVADO com Restrições (ver Comentários) REPROVADO

Comentários:

Autorizado Peça(s)/Prod. Nº doc. do Decisão ou


para: Dias projeto de ref. ECN de ref.:
APROVAÇÕES:
Engenharia de Produtos Data:
(Obrigatório):
Engenharia da Data:
Qualidade (Obrigatório)
Adicionar à Lista de
Distribuição:
Uso para Serviço: Sim Não (Se Não, as peças devem ser identificadas como
"Não para Serviço")
Referência: CED-101 (Rev. 3) Mai02

26
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
13 Ferramentas de Qualidade Sugeridas

Ferramentas de Seções do Manual Ref.


Qualidade
4.1 4.2 4.3 4.4 4.6 5.1 5.3 6.1 6.2 6.4 6.5 6.6 6.7 7.1 7.2 7.3 7.4 7.5
Diagrama de X X A,C
Afinidade
Caixa de Plotagem X X X X R
Brainstorming X X X X A,B,C
Estudos de X X X X X A,C,E,D
Capacidades
Diagrama de Causa X X X B,C,E
e Efeito
Cartas de Controle X X X A,B,E,D
Plano de Controle X X X B,E,D
Coleta de Dados X X X X X X X X X X X X X X B,C,E
Delineamento de X X X X X F
Experimentos
Fluxograma X X A,B,C,E
FMEA – projeto X X X X A,E,D
FMEA – processo X X X X X A,E,D
"Force Field X X X X X C,D
Analysis"
Gage R & R X X X D
Histograma X X X X X E,C
Erros - À Prova de X X X X E
Diagrama de X X A,B,C,E
Pareto
PPAP (certificado X X X D
de lote/1ª peça)
Solução de X X C
Problemas
Mapeamento do X X X X X X X X F
Processo
QFD X X X X X F
Gráfico de X X C
Sequência
Diagrama de X X X B,C,E
Dispersão
Diagrama de X X A,B
Árvore
Análise de Causa X X X F
Raiz

Nota 1 A = Juran Quality Planning Ready Reference, B = Juran Quality Improvement Pocket Guide, C = Memory
Jogger II™ Pocket Guide of tools for Continuous Improvement, D = AIAG Manuals, E = Juran’s Quality Control
Handbook e F = Suporte da John Deere – entre em contato com seu representante John Deere.

27
JDS-G223X1 APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES

14 Descrição das Ferramentas de Qualidade

Diagrama de Afinidade Método para gerar grandes números de ideias e depois organizar e resumir
em grupos.

Caixa de Plotagem Exibição gráfica da distribuição de dados – mostra a variação em dados para
facilitar a análise.
Brainstorming Para se gerar criativamente um alto número de ideias.

Estudos de Capabilidade Medida estatística para se avaliar a capacidade da manufatura do(s)


processo(s) em atender as especificações/tolerâncias.
Diagrama de Causa e Mostra graficamente, em detalhes, as possíveis causas relacionadas ao
Efeito problema.
Cartas de Controle Gráficos para se monitorar, controlar e melhorar a performance do processo.

Plano de Controle Documenta características significativas dos processos ou das peças que
requerem monitoramento de níveis de capabilidade.

Coleta de Dados Abordagem sistemática para assegurar que os dados/informações coletados


são precisos e significantes.
Delineamento de Um método para analisar diversas variáveis ao mesmo tempo e determinar
Experimentos se existe interação entre elas.
Identifica o fluxo ou sequência dos eventos num processo (é também
Fluxograma
chamado de Mapeamento do Processo).

FMEA – projeto A Análise de Efeitos e Modos de Falha é um método analítico para


determinar o nível de risco dos projetos.

FMEA – processo A Análise de Efeitos e Modos de Falha é um método analítico para


determinar o nível de risco dos processos.

"Force Field Analysis" Identifica as forças e os fatores em vigor que apoiam ou trabalham contra a
solução.
Repetitividade e Reprodutividade medem a repetitividade e a reprodutividade
Gage R & R de instrumentos de medição para assegurar que atendam ao objetivo do
projeto.
Histograma Uma representação gráfica dos dados do processo.
Erros - À Prova de Um método para eliminar o possível erro do operador no processo.

Diagrama de Pareto Mostra graficamente onde devem ser concentrados os esforços a fim de
obter o maior potencial de melhoria.
PPAP (certificação de O Processo de Aprovação de Peça de Produção é usado para assegurar
lote/1ª peça) que um produto ou processo novo ou modificado atende às especificações.
Solução de Problemas Um modelo comum que cria uma linguagem comum de melhoria contínua.

Mapeamento do Processo Um grupo de atividades que juntas definem o que está sendo feito para
fornecer um serviço ou produto ao cliente.

QFD O Desdobramento da Função Qualidade é uma abordagem estruturada para


determinar as necessidades do cliente e traduzi-las para o idioma da organização.
Gráfico de Sequência Método para estudar dados de mudanças ao longo do tempo.
Diagrama de Dispersão Análise visual para determinar se existe relação entre dois grupos de variáveis.

Diagrama de Árvore Separa graficamente qualquer objetivo amplo em níveis crescentes de ações
detalhadas que podem ser tomadas para alcançar os resultados definidos.
Um processo eficaz para encontrar as causas de um evento. Esta
Análise de Causa Raiz
ferramenta possibilita ações corretivas mais minuciosas.
28
APROVADO PARA DISTRIBUIÇÃO
AOS FORNECEDORES JDS-G223X1
15 Referências

Para referências sem data, vale a edição mais recente do referido documento (incluindo eventuais
emendas).

15.1 Acesso às Normas John Deere


15.1.1 As Normas John Deere podem ser acessadas pela equipe da John Deere pelo site interno
Normas de Engenharia.

15.1.2 Funcionários de fornecedores com um número de fornecedor John Deere podem obter acesso
às Normas John Deere por meio do JD Supply Network (JDSN). O acesso ao JDSN é por nome e senha
individuais aprovados. Os fornecedores deveriam entrar em contato com representantes do
Gerenciamento de Suprimentos da John Deere com dúvidas sobre JDSN.

Nota 2 Somente as Normas John Deere que foram aprovadas para distribuição aos fornecedores estão
disponíveis pelo JDSN.

15.2 Acesso às Normas de Organizações Externas


15.2.1 A maioria das normas de organizações externas à John Deere está disponível aos funcionários
da John Deere no site interno Normas de Engenharia.

15.2.2 Os fornecedores são responsáveis por obter normas externas relevantes. De acordo com as leis
de direitos autorais e a política da empresa, os funcionários da John Deere não devem fornecer cópias
dessas normas aos fornecedores.

29