Vous êtes sur la page 1sur 2

Escola Secundária Almeida Garrett 11º ANO – MACS

GRAFOS – DEFINIÇÕES BÁSICAS (II)

DEFINIÇÕES:
CAMINHO – Ligação sucessiva de vértices adjacentes.
CIRCUITO – Caminho que começa e acaba no mesmo vértice.
COMPRIMENTO DE UM CAMINHO – Número de arestas que o constituem.
GRAFO COMPLETO – Grafo em que todos os vértices são adjacentes dois a dois.
GRAFO CONEXO – Grafo em que existe, pelo menos, um caminho a ligar cada par de vértices.
GRAFO REGULAR – Grafo em que todos os vértices têm o mesmo grau.
GRAFO SIMPLES – Grafo sem arestas paralelas nem laços.
MULTIGRAFO – Grafo que apresenta laços ou mais do que uma aresta a ligar um par de vértices.
VÉRTICE ISOLADO – Vértice que não tem ligação com nenhum outro vértice.

Observe os cinco grafos seguintes:


GRAFO I
GRAFO IV

GRAFO II

GRAFO V

GRAFO III
Escola Secundária Almeida Garrett 11º ANO – MACS
GRAFOS – DEFINIÇÕES BÁSICAS (II)

1. Identifique:
a. O(s) multigrafo(s).
b. O(s) completo(s).
c. O(s) não conexo(s).
d. O(s) regular(es).
2. Desenhe:
a. Um grafo completo com 4 vértices.
b. Um grafo regular com 5 vértices.
c. Um multigrafo completo com 5 vértices.
3. Considere, no GRAFO II, o caminho 6431.
a. Qual é o comprimento deste caminho?
b. Indique um caminho de menor comprimento que comece e acabe nos mesmos vértices.
c. Identifique um caminho neste grafo que passa em todas a suas arestas mas em que cada uma é atravessada
uma e uma só vez.
4. Dê exemplo de um:
a. Caminho de comprimento 5 no GRAFO III.
b. Circuito de comprimento 4 no GRAFO V.
c. Circuito de comprimento 7 no GRAFO IV.
d. Circuito que passe uma e uma só vez por todos os vértices do GRAFO V.
5. As Unidades Territoriais Estatísticas de Portugal designam as sub-regiões estatísticas em que se divide o território
português, de acordo com o Regulamento (CE) n.º 1059/2003 do Parlamento Europeu e do Conselho de 26 de Maio de
2003. O Regulamento instituiu uma Nomenclatura Comum
das Unidades Territoriais Estatísticas (NUTS). As sub-regiões
Norte
estatísticas de Portugal são de três níveis - NUTS I, NUTS II e
1
NUTS III . A figura apresenta as sub-regiões de nível NUTS I.
a. Modele o mapa da figura através de um grafo.
Considere para vértices as regiões indicadas. As Centro

arestas devem traduzir a relação de fronteira entre


as regiões.
b. Para o grafo que construiu indique:
i. A dimensão e a ordem. L.V.T.

ii. A valência de cada vértice.


c. Averigúe se o grafo é:
Alentejo

i. Completo.
ii. Regular.
iii. Conexo.
Algarve
iv. Simples.

1
UNIDADES TERRITORIAIS ESTATÍSTICAS DE PORTUGAL. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2010. Disponível em:
<http://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Unidades_Territoriais_Estat%C3%ADsticas_de_Portugal&oldid=21870215>. Acesso em: 18 set. 2010.