Vous êtes sur la page 1sur 15

Questão 1 Nota: 0,50

Sobre o calendário de vacinação, podemos afirmar que as vacinas são aplicadas


nas seguintes idades:

hepatite B, a partir do nascimento, com


2 e 4 meses.

tetravalente (DPT + Hib), 2, 4 e 6 meses e reforço com 15


meses e 5 ou 6 anos.

sarampo, caxumba e rubéola (SCR), 9 meses e 5 ou 6


anos.

rotavírus, 2 e 4 meses

febre amarela aos 12


meses

Questão 2 Nota: 0,40

O climatério é a fase da vida em que ocorre a transição do período reprodutivo


ou fértil, para o não produtivo, devido às alterações dos hormônios sexuais
produ-zidos pelos ovários. Assim:

as alterações urogenitais que ocorrem nessa fase são causadas


pelo aumento da produção de estrogênio.

ocorre osteoporose, e nos primeiros 5 anos após a menopausa, acontece uma


perda óssea mais rápida.
o aumento do risco cardiovascular ocorre devido ao aumento da produção do
estrogênio.

o estrogênio produzido em uma maior quantidade facilita a formação de trombos


que obstruem os vasos que originam os trombos.

a reposição hormonal pelo sistema transdérmico utiliza doses maiores de


estrogênio em comparação à reposição hormonal administrada por via oral.

Questão 3 Nota: 0,50

No início das atividades do dia, na sala de vacinas, foi realizada a leitura do ter-
mômetro de máxima e mínima, posicionando no interior da geladeira utilizada
para a conservação de imunobiológicos. O instrumento registrava como tempe-
ratura máxima 7 oC, temperatura mínima 2 oC e temperatura do momento 3
oC. Com base nessa informação, é possível afirmar que:

os imunobiológicos no equipamento estão próprios para uso.

as vacinas constituídas por toxoides devem ser inutilizadas devido à sua


exposição à temperatura muito baixa, por tempo desconhecido.

a temperatura interna do refrigerador excedeu os limites de segurança, inativando


as vacinas compostas por vírus vivos atenuados.

por ser liofilizada, a vacina BCG foi a única que não sofreu alteração devido a
sua exposição a temperaturas muito baixas.

devido à possibilidade de descongelamento, a vacina contra rotavírus foi


inativada.

Questão 4 Nota: 0,50


Uma gestante no 8º mês de gravidez foi encaminhada do PSF para o hospital
por estar edemasiada e com pressão elevada. No hospital ela apresentou a
seguinte tríade: hipertensão, edema e proteinúria, ficando internada para
observação. Durante a internação, apresentou crise convulsiva. Ela apresenta: .

hipertensão arterial maligna.

feocromocitoma.

pré-eclampsia.

dissecção da aorta.

eclampsia

Questão 5 Nota: 0,40

As ações de controle da dengue enfocando a visita domiciliar, a aplicação de


larvicidas em criadouros e a quantificação do índice de Bretau se enquadram
em:

ações de prevenção secundária (diagnóstico precoce).

ações de prevenção primária (promoção de saúde).

ações de prevenção terciária.


ações de prevenção primária (proteção
específica).

Questão 6 Nota: 0,40

O enfermeiro que atua com a comunidade deve orientar e educar a


população quanto ao risco dos resíduos sólidos comuns. A alternativa sanitária

mais apropriada para esse problema seria:

estimular a população em relação à reciclagem de certos materiais, inclusive os


resíduos de serviços de saúde.

estimular a reciclagem de materiais do tipo resíduos orgânicos, entre eles o


isopor.

estimular a reciclagem de materiais do tipo plástico, papéis, vidros e alumínio.

estimular a reciclagem de todos os tipos de resíduos comuns, pois não


apresentam
risco sanitário ou epidemiológico.

Questão 7 Nota: 0,50

Um paciente necessita de vários curativos; você deverá proceder estes na se-


guinte ordem:
feridas infectadas, colostomia, incisões limpas e feridas abertas não infectadas.

colostomia, feridas abertas não-infectadas, incisões limpas e feridas infectadas.

incisões limpas, feridas abertas não-infectadas, feridas infectadas e colostomia.

colostomia, incisões limpas, feridas infectadas e feridas abertas não-infectadas.

feridas abertas não-infectadas, feridas infectadas, colostomia e incisões limpas

Questão 8 Nota: 0,40

O tétano neonatal ainda tem sido causa de mortalidade infantil. Para se evitar

doença em neonatos e gastos desnecessários, recomenda-se aplicar vacina an-


titetânica em:

meninos com idade entre 7 e 18 anos de idade.

crianças a partir do 3º dia de vida.

crianças a partir do 2º mês de vida.

adultos recém-acidentados

durante o pré-natal em gestantes


Questão 9 Nota: 0,50

 
Dentre as definições de epidemia, podemos afirmar que a incidência de
casos é um fator importante, pois:

é a presença constante de uma doença em uma área.

é o aumento do número dos casos novos, além dos limites estabelecidos.

é o fator que determina a incidência das doenças.

é o número de casos prevalentes em uma área.

Questão 10 Nota: 0,40

Em uma região foi decretada uma epidemia de dengue hemorrágica onde foram
notificados 100 casos e 4 óbitos. De acordo com esses dados, podemos afirmar
que:

o coeficiente de prevalência da dengue


hemorrágica foi de 4%.

o coeficiente de incidência da dengue hemorrágica foi de 4%.


o coeficiente de letalidade da dengue hemorrágica foi de 4%.

a incidência total da dengue hemorrágica foi de 4%.

Questão 11 Nota: 0,40

São princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), que constam na Lei nº


8.080/90:

universalidade, utilização da epidemiologia e autonomia


da comunidade.

equidade, universalidade e descentralização.

igualdade, centralização e integralidade.

autonomia da comunidade, universalidade e utilização da epidemiologia.

centralização, regionalização e autonomia da comunidade

Questão 12 Nota: 0,50

São situações nas quais se recomenda o adiamento da vacinação:


casos de
desnutrição.

uso de qualquer tipo de


antimicrobianos.

durante a evolução de doenças agudas


febris graves.

até 3 meses após o tratamento com imunodepressores ou com corticosteroide em


altas doses, exceto para vacinas de componentes e de microrganismos mortos.

Questão 13 Nota: 0,40

A conservação das vacinas é feita por um sistema que inclui o armazenamento,


transporte, manipulação das vacinas e condições de refrigeração. Assinale a
alternativa CORRETA:

A temperatura ideal para conservação da vacina em refrigerador é de -2ºC a


-8ºC.

O termômetro deve ser colocado deitado na prateleira inferior do refrigerador.

As vacinas devem ser guardadas preferencialmente na prateleira inferior do


refrigerador.

No caso de falta de energia elétrica, verificar se no interior do refrigerador há


garrafas com água e corante e sacos plásticos contendo gelo ou gelox.
As vacinas dentro do refrigerador devem ser colocadas sempre em caixas
térmicas vedadas.

Questão 14 Nota: 0,40

As ações e serviços públicos de saúde integram uma rede regionalizada e hie-


rarquizada e constituem um sistema único, organizado de acordo com as se-
guintes diretrizes:

descentralização, atendimento integral, participação da comunidade.

centralização, atendimento integral, participação da comunidade.

centralização, atendimento integral, participação dos setores públicos.

descentralização, atendimento setorial, participação dos serviços privados.

centralização, atendimento integral, participação dos serviços de saúde

Questão 15 Nota: 0,40

A febre amarela é uma doença infecciosa causada por flavivírus, para a qual
está disponível uma vacina altamente eficaz. No entanto:

a forma grave da leptospirose pode evoluir com icterícia, diminuição do volume


urinário e sangramento, sendo muito semelhante à febre amarela, não podendo
ser diferenciada nem por exames laboratoriais.

uma pessoa pode transmitir a febre amarela diretamente para outra.

o período de incubação da febre amarela é de 15 a 30 dias.

a transmissão da febre amarela ocorre apenas em zonas urbanas.

o Aedes aegypti torna-se capaz de transmitir o vírus da febre amarela 9 a 12 dias


após ter picado uma pessoa infectada.

Questão 16 Nota: 0,40

A visita domiciliar:

deve ser feita somente em casos em que haja necessidade de observação do


ambiente físico onde habita o cliente.

é de responsabilidade do agente comunitário de saúde, já que foi treinado e é


remunerado para isso.

favorece o estreitamento do vínculo profissional-cliente mais que a consulta


realizada no estabelecimento de saúde.

ajuda no treinamento de estudantes porque apresenta situações em que este,


sozinho, é obrigado a improvisar.

precisa ser planejada para que se consiga atingir os objetivos que determinaram a

escolha dessa modalidade de atendimento.

Questão 17 Nota: 0,40

A medida fundamental de controle das doenças sexualmente transmissíveis

consiste em:

vacinar os contatos.

fazer quimioprofilaxia.

realizar testes imunológicos.

desenvolver palestras.

tratar as fontes de infecção.

Questão 18 Nota: 0,40

As vacinas que podem ser conservadas a uma temperatura de -20°C são:


antiamarílica e antitetânica.

antissarampo e antipólio.

DPT e antitetânica.

antirrábica e DT

SRC e DTP

Questão 19 Nota: 0,50

M.C., 17 anos, procurou o serviço de saúde com queixa de atraso menstrual.

Durante a consulta, foi realizado o exame de urina para diagnóstico de gravidez


cujo resultado foi positivo. A cliente informou que seus ciclos menstruais eram
regulares e sua última menstruação havia iniciado no dia 15 de maio de 2006.
Aplicando-se a regra Naegele, verifica-se que a data provável do parto está pre-
vista para:

15/12/2006.

01/02/2007.

25/12/2006.

22/02/2007.
22/03/2007

Questão 20 Nota: 0,40

Os enfermeiros da vigilância epidemiológica da cidade notificaram cerca de 30


casos de gastrointerite em participantes de um almoço comemorativo em um
restaurante local. Podemos afirmar que, nessa situação, ocorreu:

uma epidemia progressiva devido a uma fonte comum (alimentar) de


contaminação.

uma epidemia explosiva por contaminação via vetores.

uma endemia explosiva por uma fonte comum (alimentar) de contaminação.

uma epidemia progressiva por uma fonte diversificada de contaminação.

Questão 21 Nota: 0,40

Apesar de ter recebido a vacina BCG aos 3 dias de vida, D.D, sexo feminino, 7

meses, não apresenta cicatriz vacinal no local da aplicação. Diante dessa situa-
ção, recomenda-se:

considerar a criança imunizada contra a tuberculose.


aguardar até que a criança complete 1 ano e, caso não apresente cicatriz,
revaciná-la.

fazer o teste PPD para verificar se a criança está imune à tuberculose.


.

reaplicar a vacina BCG de acordo com a técnica preconizada.

solicitar raios-X de tórax para a criança e investigar a existência de indivíduos


portadores de tuberculose pulmonar no domicílio

Questão 22 Nota: 0,50

Relacione a vacina à via de administração e assinale a alternativa que contém a


sequência CORRETA:
I) SCR ( ) SC.
II) Poliomielite ( ) ID.
III) Febre amarela ( ) VO.
IV) DPT ( ) SC.
V) BCG ( ) IM.

I; V; II; III;
IV.

III; II; IV; V;


I.

II; IV; V; I;
III.

V; IV; II; I;
III.

IV; V; III; II;


I.

Questão 23 Nota: 0,40

A rotavirose é uma doença diarreica aguda causada pelo vírus da família


Reoviri-dae e tem como prevenção a vacinação, que deve ser realizada em:

dose única, após os 5 anos de idade.

duas doses, sendo a 2ª dose entre o 1º mês e 15 dias de vida e 3 meses e 1 semana
e a 1ª dose do 3 mês e 1 semana até 5 meses.

duas doses, com intervalo mínimo de 1 semana, independentemente da idade.

clínicas particulares, pois a mesma não faz parte do Calendário Nacional de


Vacinação.

duas doses, sendo a 1ª dose entre o 1º mês e 15 dias de vida e 3 meses e 1 semana
e a 2ª dose do 3 mês e 1 semana até 5 meses.