Vous êtes sur la page 1sur 4

escola secundária de santa maria (sintra) . desenho a 12ºp .

2010/11

UT6
ilustração
Mensagem de Fernando Pessoa

1.
SENTIDO
imagem: plano de expressão
ou significante

1. Andrea Dezsö
2. Renato Alarcão
3. Isabel Ramos
4. Rébecca Dautremer
5. Pablo Amargo
2. 3.

INTRODUÇÃO

A essência de uma ilustração está no pensamento


(as ideias e conceitos são o que formam a espinha
dorsal do que uma imagem tenta comunicar).
É pretendido na ilustração contemporânea que esse
pensamento seja multidisciplinar e misture técnicas
tradicionais com novas tecnologias gerando um
universo pessoal. 4.

O ilustrador deve explorar as palavras com imagens


da sua autoria, de modo a desenvolver um vocabulário
artístico próprio e contemporâneo que informe,
provoque, revele e surpreenda.
Trazer vida e uma forma visual a um texto ou
mensagem é a missão de um ilustrador.

Lê nas entrelinhas e deixa-te envolver na atmosfera


do tema que vais ilustrar, depois deixa a tua ideia
fluir no papel através do teu lápis… 5.

Grandes ilustrações são como grandes histórias


e narrativas, pedem ao seu observador que se
torne activo e que se envolva com o propósito de
compreender o todo da mensagem.

Zeegen, L et al, 2005, The fundamentals of illustration, AVA, Lausanne.

desenho12p.2010/11.ut6ilustração.paulamarques.pág.1(4)
escola secundária de santa maria (sintra) . desenho a 12ºp . 2010/11

DEFINIÇÃO E OBJECTIVOS

Projecto de ilustração sobre a Mensagem de Fernando


Pessoa, culminando numa maquete do livro (formato
fechado 200x200mm).
A obra Mensagem de Fernando Pessoa, cujo conteúdo
foi recentemente objecto de estudo na disciplina de
Português, será utilizada neste projecto como fonte
de inspiração para a criação de duas ilustrações, cada
qual a partir de um dos poemas que a constituem. 
O objectivo deste exercício é captar a interpretação
criativa e a imaginação. Para tal, deve procurar-se
combinar a expressão pessoal e a representação
pictórica naquilo que irá dar forma a ideias e contextos,
personagens, cores, texturas e ambientes. Cada aluno
deve transmitir visualmente a sua interpretação
sobre a obra no seu todo e em particular sobre cada
poema a trabalhar, podendo a ilustração ser figurativa
ou não. Pretende-se ainda que o aluno desenvolva as
técnicas anteriormente aplicadas, quer nas unidades
de trabalho de Desenho como de Oficina de Artes
e tome conhecimento de outras que consideradas
pertinentes para o desenvolvimento do projecto, dando
especial enfoque à tecnologia digital com os softwares
6.
Adobe Illustrator e Adobe Photoshop.

MATERIAIS

Caderno de ideias A5, grafites, caneta preta, lápis de


cor, écoline, tinta-da-china, guache, tintas acrílicas,
tesoura, cola, papéis, K-line, computador portátil com
software Adobe Illustrator e Adobe Photoshop.

METODOLOGIA

Fase1:
Briefing (conhecimento e compreensão do projecto)
Definição do problema
Linguagem visual expressiva que comunique de forma
contemporânea e atraente a narrativa do conteúdo
da obra Mensagem para um público adolescente.
Recolha de dados
1.Pesquisa de material visual existente sobre
7.
a referida obra.
2.Pesquisa visual sobre o tempo de Fernando Pessoa 6. Teresa Mendes
7. Simon Pemberton
e as correntes artísticas da época (Modernismo).

desenho12p.2010/11.ut6ilustração.paulamarques.pág.2(4)
escola secundária de santa maria (sintra) . desenho a 12ºp . 2010/11

3.Recolha de referências visuais do público a que se


destina o projecto (livros, filmes de animação, jogos).
4.Recolha da análise literária sobre a obra.
Cada aluno terá um caderno de ideias (A5) onde
anotará as palavras-chave, conceitos, frases, ideias,
apontamentos visuais, esboços, colagem de materiais,
fotografias, recortes. Todos estes registos devem de
algum modo, estar relacionados com a obra em análise
(os objectos tridimensionais devem ser dispostos
numa caixa de ideias).
5.Criação de um painel constituído por uma série de
referências visuais que apoiarão a criação da atmosfera
do projecto: fotografias, imagens de revistas ou da
internet, tecidos, esboços, objectos, texturas e cores
que exprimam emoções e sentimentos relacionados
com o briefing em questão.

Fase2:
Formulação de hipótese de solução.
Experimentação pictórica e de materiais. Esboços e
estudos prévios (em formatos A5, A4 e/ou A3) onde
métodos, expressões, formas, meios actuantes e
suportes serão ensaiados. Tudo deverá ser adequado
à expressão pretendida.
8.

Fase3:
Selecção da solução mais adequada.
Preparação dos materiais
Apresentação dos diversos estudos em suporte A3
dentro de uma capa A3 devidamente identificada
(ensaios realizados em formato digital serão também
impressos à escala 1:1 em suporte A3). Selecção
daqueles que plasticamente carreguam a atmosfera
da obra, ajudando o leitor na interpretação do poema,
sugerindo segundas leituras, contendo códigos da
comunicação visual, criando movimento e utilização da
cor como valor expressivo e simbólico.
Desenvolvimento e concretização das ilustrações
finais com paginação das mesma
Apresentação das duas ilustrações finais em formato
digital (escala 1:1 a 300 dpi em cmyk) já paginadas.
Apresentação em suporte impresso, também em 9.

escala 1:1, das duas ilustrações já paginadas e coladas 8. Christiane Beauregard


em k-line (um k-line para cada ilustração paginada). 9. Hannah Temple

Reflexão e auto e hetero-avaliação


turno2 (30 de Março) turno1 (04 de Abril)

desenho12p.2010/11.ut6ilustração.paulamarques.pág.3(4)
escola secundária de santa maria (sintra) . desenho a 12ºp . 2010/11

CALENDARIZAÇÃO PREVISTA

TURNO 1
Fase1 Fase2 Fase3
no exterior até 14Fev. até 28Fev. até 04Abril

TURNO 2
Fase1 Fase2 Fase3
no exterior até 09Fev. até 23Fev. até 30Março

AVALIAÇÃO CM AA AP

Fase1 - formulação e análise do problema


- qualidade da pesquisa 60
- registo de ideias

Fase2 - criatividade/ambiente
- construção da imagem/exploração cromática 70
- relação imagem/texto
- pertinência da técnica (ou procedimentos)
- domínio dos meios e técnicas

Fase3 - expressividade/eficácia
- domínio dos meios e técnicas
70
- apresentação

(CM – Cotação máxima, AA – Auto avaliação, AP – Avaliação do professor). Total 200

CONSULTA
www.caroleagaesse.com | www.ilustrarte.net | www.rebeccadautremer.com
www.andreletria.pt | www.gemeoluis.com | www.jvazcarvalho.com
www.hannahtemple.co.uk | www.christianebeauregard.com | www.robert-nicol.co.uk
www.mariondeuchars.com | www.h2omagazine.com/expo37 | www.simkinberke.com
http://a.parsons.edu/~dezsoa | www.simonpemberton.com | www.lupadesign.pt
www.planeta-tangerina.blogspot.com | www.renatoalarcao.com.br
http://spilsbury.co.uk | www.eatjapanesefood.co.uk |www.eatjapanesefood.co.uk

desenho12p.2010/11.ut6ilustração.paulamarques.pág.4(4)

Centres d'intérêt liés