Vous êtes sur la page 1sur 21

1

Inventário de Estilos de Aprendizagem

O Inventário de Estilos de Aprendizagem descreve como se


aprende e como se lida com idéias e situações do dia-a-dia. Todos
nós sabemos que há diversas formas de se aprender, mas este
inventário facilita a compreensão do conceito de estilo de
aprendizagem para cada um.

INSTRUÇÕES
Na página a seguir será solicitado a você completar 12 sentenças.
Cada uma delas tem quatro alternativas. Classifique cada sentença
de acordo com aquilo que você acha que se adapta melhor ao seu
conceito de aprendizagem. Tente lembrar-se de algumas situações
recentes em que você teve que aprender algo novo, por exemplo
em seu trabalho. Em seguida, utilizando os espaços apropriados,
coloque o número 4 na sentença que descreve melhor sua forma
de aprendizagem e o número 1 naquela que estiver mais
distante de seu conceito de aprendizagem. É preciso que você dê
um número para cada sentença em todas as questões. Tente ser
coerente.

Exemplo de avaliação de um conjunto de sentenças:

Quando Fico feliz Sou rápido Uso a Tomo


aprendo:    lógica  cuidado

LEMBRE-SE:

4 = mais parecido com você


3 = segundo mais parecido com você
2 = terceiro mais parecido com você
1 = menos parecido com você

E:

Trabalhe no sentido horizontal.


2

Inventário de Estilos de Aprendizagem

1. Quando Gosto de Gosto de Gosto de Gosto de


aprendo:  lidar com  observar e  pensar  fazer as
meus escutar sobre as coisas
sentimento idéias
s
2. Aprendo Confio em Escuto e Baseio-me Trabalho
melhor  minha  observo  em idéias  bastante
quando: intuição e atentament racionais para fazer
sentimento e as coisas
s
3. Estou Tenho Sou quieto Tento ser Sou
aprendend  sentimento  e reservado  racional  responsável
o: s e reações
fortes
4. Aprendo Sensações Observaçõe Raciocínio Prática
através de:   s  
5. Quando Sou aberto Observo Gosto de Gosto de
aprendo:  a novas  todos os  analisar os  novas
experiência lados da problemas, experiência
s questão desmembr s
á-los em
partes
6. Quando Sou Sou Sou lógico Sou ativo
estou  intuitivo  observador  
aprendend
o:

7. Aprendo Relacionam Observação Teorias Ensaio e


melhor  entos   racionais  erro
através de: pessoais

8. Quando Sinto-me Espero um Gosto de Gosto de


aprendo:  pessoalme  pouco antes  idéias e  ver os
nte de agir teorias resultados
envolvido de meu
trabalho
9. Aprendo Baseio-me Baseio-me Baseio-me Eu mesmo
melhor  em meus  em minhas  em minhas  faço
quando: sentimento observaçõe idéias experiência
s s s
10. Quand Sou Sou Sou Sou
o estou  receptivo  reservado  racional  responsável
aprendend
o:
3

11. Quand Envolvo-me Gosto de Avalio a Gosto de


o aprendo:  na situação  observar  situação  ser ativo

12. Aprend Estou Tomo Analiso as Sou prático


o melhor  receptivo e  cuidado  idéias 
quando: de mente
aberta

SOME os Coluna 1 Coluna 2 Coluna 3 Coluna 4


pontos de    
cada coluna :
Inventário de Estilos de Aprendizagem - Ciclo de Aprendizagem

As quatro colunas que você acaba de somar referem-se aos quatro


estágios do ciclo do aprendizado através da experiência. Neste ciclo
há quatro modos de aprendizagem :

Coluna Nº de Pontos Sigla Modo de Aprendizagem


1 (VC) Vivência Concreta
2 (OR) Observação Reflexiva
3 (CA) Conceituação Abstrata
4 (EA) Experimentação Ativa

Escreva o total de pontos de cada coluna:

No diagrama abaixo, marque um ponto em cada eixo o número de


pontos obtidos em cada coluna. Em seguida, ligue os pontos com
uma linha para obter um formato tipo “pipa”. O formato e colocação
desta “pipa” irão demonstrar os tipos de aprendizagem de que você
gosta mais e os que você gosta menos.
4

Vivência Concreta (VC)


40

| || | | | | | | | |
35
33
30 100%
28

26
80%
24
60%
22
20
40%
18
16
20%
Experimentação Observação
Ativa (EA) || | | | ||| | | || || || || Reflexiva (OR)
46 42 40 38 36 32 29 25 20% 21 24 26 28 30 33 34 37 40
21

|
40%

|
25
60%
29

|| ||| ||
80% 30
32
33
100% 34

37
40

Conceituação Abstrata (CA)

Os Estilos de Aprendizagem

• VIVÊNCIA CONCRETA ( VC ):

Esta dimensão refere-se ao verbo “sentir”. Quanto maior o


número de pontos nesta dimensão, tanto mais “concreto” você é.
Há a necessidade de contato com a realidade externa para você
estar aprendendo. Você precisa estar sentindo as coisas
acontecendo. Este é o semi-eixo dos “vivenciadores”. As pessoas
deste estilo de aprendizagem valorizam o envolvimento em
situações reais, sentem-se confortáveis em realidades únicas e
complexas e são bons decisores intuitivos.

• CONCEITUAÇÃO ABSTRATA (CA):

Esta dimensão, oposta à VC, refere-se ao verbo “pensar”. Quanto


mais pontos neste semi-eixo, tanto mais “abstrato” você é. O que
mais importa para você é o seu pensamento. Este é o semi-eixo
dos que “compreendem”, daqueles que “pensam”. As pessoas
deste estilo valorizam o planejamento sistemático, a manipulação
abstrata de símbolos, sente-se confortáveis pelo rigor e disciplina
da análise de idéias e conceitos. Constroem esquemas, modelos e
5

teoria. São decididores que operam em grande grau de previsão e


precisão dos resultados.

• OBSERVAÇÃO REFLEXIVA (OR)

Esta dimensão refere-se ao verbo “observar”. Enquanto em VC


você participava das coisas, aqui você apenas as observa. O que
mais importa para você é “refletir” sobre o que observa. Este é o
semi-eixo dos “observadores”. As pessoas deste estilo são
pacientes, valorizam a imparcialidade, buscam o significado das
decisões sob diferentes perspectivas.

• EXPERIMENTAÇÃO ATIVA (EA)

Esta dimensão, oposta a OR, refere-se ao verbo “agir”. Enquanto


em OR você refletia sobre o que observava, aqui você toma a
iniciativa de experimentar para ver como as coisas funcionam.
Este é o semi-eixo dos “fazedores”. As pessoas deste estilo são
impacientes, gostam de influenciar pessoas e mudar situações.
Valorizam o que funciona sem se preocuparem “por que”. São
decididores que gostam de ver o resultado, assumindo para isto
alguns riscos.

QUATRO ESTÁGIOS DO CICLO DE APRENDIZAGEM


E SEUS PONTOS FORTES

VIVÊNCIA CONCRETA (VC) Aprendizagem através


dos sentimentos
Este estágio do ciclo de aprendizagem enfatiza o • Aprendizagem através de
envolvimento pessoal com outras pessoas nas experiências específicas
situações do dia-a-dia. Neste estágio, você tende a • Relacionamento com as pessoas
basear-se mais em suas sensações/sentimentos do que • Sensibilidade aos sentimentos e
em uma abordagem sistemática aos problemas e as pessoas
situações. Em uma situação de aprendizagem, você
confiaria mais em sua capacidade de ter a mente
aberta e ser mais receptivo a mudanças.

OBSERVAÇÃO REFLEXIVA (OR) Aprender observando e


escutando
6

Neste estágio do ciclo de aprendizagem, as pessoas • Observação cuidadosa antes de


compreendem as idéias através de diferentes pontos fazer julgamentos
de vista. Em uma situação de aprendizagem, você se • Observar a situação de
baseia na paciência, objetividade e julgamento diferentes perspectivas
cuidadoso, mas não toma decisões, necessariamente. • Procurar entender o sentido dos
Você confia em seus próprios pensamentos e acontecimentos
sentimentos para formar suas opiniões.

CONCEITUAÇÃO ABSTRATA (CA) Aprender pensando


Neste estágio, a aprendizagem envolve o uso da • Análise lógica das idéias
lógica e de idéias, e não dos sentimentos / sensações, • Planejamento sistemático
para compreender problemas ou situações. • Agir a partir da compreensão
Normalmente, você se baseia no planejamento sis- intelectual de uma situação
temático e desenvolve teorias para solucionar os
problemas.

EXPERIMENTAÇÃO ATIVA (EA) Aprender fazendo


A aprendizagem neste estágio toma uma forma ativa • Capacidade de realização
- experiência de influenciar as situações ou mudá-las. • Assumir riscos
Você tem uma abordagem prática e uma preocupação • Influenciar pessoas e fatos
com aquilo que realmente funciona, e não fica através da ação
simplesmente observando uma situação.
Você valoriza o fato de tomar atitudes e ver os
resultados de sua influência e criatividade.

LEMBRE-SE:

1. O LSI oferece a você uma idéia geral de como você se vê no processo de


aprendizagem.
2. Como a aprendizagem realiza-se em um ciclo, os quatro estágios ocorrem com o
passar do tempo. Muitas vezes, em uma experiência de aprendizagem, talvez você
tenha que passar pelo ciclo diversas vezes.
3. O LSI não avalia suas técnicas de aprendizagem com 100% de precisão. Você
poderá conhecer um pouco mais sobre sua forma de aprendizagem pedindo opiniões
de outras pessoas - seus amigos, instrutores e colegas.
7

ESTILO DE APRENDIZAGEM

Com base nas descrições anteriores da Vivência Concreta, Observação Reflexiva,


Conceituação Abstrata e Experimentação Ativa, talvez você tenha chegado á
conclusão de que não há um único tipo de aprendizagem que descreva seu estilo
pessoal. Isto acontece porque o estilo de cada um é uma combinação dos quatro tipos
básicos. Por este motivo, somos levados a vários tipos de atitudes em uma situação de
aprendizagem. Se você estudar seus pontos e combiná-los, poderá perceber qual dos
tipos de aprendizagem corresponde melhor ao seu. Eles são conhecidos como:

◊ Acomodador

◊ Divergente

◊ Convergente

◊ Assimilador

Compreender seu tipo de aprendizagem - seus pontos fracos e fortes - significa dar um
passo importante para aumentar sua capacidade de aprender e para obter o máximo de
suas experiências na aprendizagem.

O Inventário de Estilos de Aprendizagem baseia-se em varias teorias testadas,


referentes ao pensamento e à criatividade. Isto se reflete em sua terminologia. Os
termos assimilação e acomodação se originam na definição de inteligência de Jean
Piaget, como senda o equilíbrio entre o processo de adaptação de conceitos para
corresponder ao mundo externo (acomodação) e o processo de adaptação das
observações do mundo a conceitos (assimilação). A convergência e a divergência são
dois processos essencialmente criativos, identificados por J. P. Guitford, em seu
modelo de estrutura do intelecto.
8

DIAGRAMA DE TIPOS DE ESTILOS DE APRENDIZAGEM

Escreva os pontos dos quatro modos de aprendizagem, CA, VC, EA e OR, listados na
página 4, e realize as seguintes subtrações para chegar aos seus dois resultados
combinados:

____ - ____ = _______ ____ - ____ = _______


CA VC CA - VC EA OR EA - OR

Um resultado positivo na escala CA - VC indica maior abstração. Um resultado


negativo na escala CA - VC indica maior concreticidade. Da mesma forma, um
resultado positivo ou negativo na escala EA - OR indica maior ação ou maior reflexão.

Ao marcar seus dois resultados combinados, CA - VC e EA - OR, nas duas linhas do


diagrama abaixo e ao traçar seu ponto de intercepção, ou "ponto de dados", você
poderá descobrir qual é seu estilo de aprendizagem, entre os quatro descritos. Estes
quatro quadrantes, denominados Acomodador, Divergente, Convergente e
Assimilador, representam os quatro principais estilos de aprendizagem.

O quadrante do Diagrama de Tipos de Estilos de Aprendizagem onde se localiza seu


ponto de dados indica seu estilo preferencial de aprendizagem. Por exemplo: se seu
resultado CA - VC for - 8 e o resultado EA - OR for +15 seu estilo se localizará no
quadrante Acomodador. Se o resultado de CA - VC for + 7 e o de EA - OR for + 10
você ficará no quadrante Convergente. Quanto mais próximo o ponto de dados ficar
do centro do diagrama, mais
equilibrado será seu estilo de aprendizagem. Se o ponto de dados ficar próximo a
qualquer das extremidades do diagrama, isto significa que você tende a basear-se
muito em seu próprio estilo de aprendizagem.
9
10

OS QUATRO TIPOS DE ESTILOS DE APRENDIZAGEM (2)

CONVERGENTE
Combina os passos de aprendizagem de CONCEITUAÇÃO ABSTRATA e
EXPERIMENTAÇÃO ATIVA.

As pessoas com este tipo de aprendizagem são ótimas para encontrar utilizações
práticas para as idéias e teorias. Se este for seu estilo preferido de aprendizagem, isto
significa que você é capaz de resolver problemas e tomar decisões com base na
procura de soluções para as questões ou problemas. Você gosta mais de lidar com
tarefas e problemas técnicos do que com assuntos sociais e interpessoais. Estas
técnicas de aprendizagem são importantes para as profissões ligadas á especialização e
á tecnologia.

DIVERGENTE
Combina os passos de aprendizagem de VIVÊNCIA CONCRETA e OBSERVAÇÃO
REFLEXIVA.

As pessoas que têm este estilo de aprendizagem são ótimas para perceber situações
concretas a partir de muitos pontos de vista. Sua abordagem ás situações é mais no
sentido de observar do que de agir. Se este for seu estilo, isto significa que você gosta
de situações que exigem a geração de una ampla gama de idéias, como nas sessões de
"brainstorming". Provavelmente você tem um grande interesse cultural e gosta de
coletar informações. Esta capacidade imaginativa e sensibilidade aos sentimentos é
necessária em profissões ligadas à arte, atividades culturais e serviços.

ASSIMILADOR
Combina os passos de aprendizagem de CONCEITUAÇÃO ABSTRATA e
OBSERVAÇÃO REFLEXIVA

As pessoas que têm este estilo de aprendizagem são ótimas para compreender uma
ampla gama de informações e coloca-las em um formato conciso e lógico. Se este for
seu estilo de aprendizagem, isto significa que você esta menos voltado para as pessoas
e mais interessado em idéias e conceitos abstratos. De maneira geral, as pessoas que
têm este estilo de aprendizagem acham que é mais importante que a teoria tenha una
base lógica do que um valor prático. Este estilo de aprendizagem é importante para as
profissões ligadas á ciência e informações.

ACOMODADOR
Combina os passos de aprendizagem de VIVÊNCIA CONCRETA e
EXPERIMENTAÇÃO ATIVA

As pessoas que têm este estilo de aprendizagem são capazes de aprender basicamente
através da experiência prática. Se este for o seu estilo, é provável que você goste de
colocar planos em prática e de se envolver em experiências novas e desafiadoras. Você
tende a agir a partir de seus sentimentos mais imediatos, e não a partir da análise
lógica. Ao resolver problemas, você confia mais nas pessoas para obter informações
do que em sua própria análise técnica. Este estilo de aprendizagem é importante para
profissões que exigem ação como, por exemplo, os da área de marketing e vendas.
11

É IMPORTANTE CONHECER SEU ESTILO DE


APRENDIZAGEM

A capacidade de aprender é a técnica mais importante que se pode adquirir.


Freqüentemente nos defrontamos com novas experiências ou situações de
aprendizado, tanto na vida como ou no trabalho.
Para aprender com mais eficiência é preciso saber alternar atitudes - envolvimento
(VC), saber escutar (OR), criação de idéias (CA), tomada de decisões (EA). Como
pessoa adulta, você já deve saber que seu desempenho é melhor em algumas destas
técnicas do que em outras. você tende a basear-se mais em certas técnicas e passos do
processo de aprendizagem do que em outros.
Consequentemente, você já desenvolveu seu estilo de aprendizagem.

Se você compreender seu estilo tomará consciência de seus pontos fortes em alguns
dos passos do ciclo de aprendizagem. Uma das maneiras para você aperfeiçoar a
eficiência do aprendizado é usar os pontos fortes quando for solicitado a aprender
algo. O que é mais importante, você poderá aumentar sua eficiência na aprendizagem
utilizando melhor os passos que você usa pouco.

Outra forma de entender seu estilo de aprendizagem é perceber até que ponto está
relacionado a:

◊ escolha de carreiras profissionais

◊ solução de problemas

◊ relacionamento interpessoal

◊ trabalho em equipe

Nas páginas a seguir, você irá:

◊ perceber como a solução de problemas está relacionada aos


estilos de aprendizagem

◊ aprender a usar estratégias para melhorar suas técnicas de


aprendizagem

◊ descobrir que carreiras estão intimamente relacionadas a


certos estilos de aprendizagem
12

COMO USAR O CICLO DE APRENDIZAGEM PARA


A SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Se você conhecer seu estilo de aprendizagem, passará a resolver problemas com maior
eficiência. Quase todos os problemas que encontramos no trabalho ou na vida prática
envolvem as seguintes técnicas:

◊ identificação do problema

◊ seleção do problema a ser solucionado

◊ consideração de diferentes soluções

◊ avaliação de possíveis resultados

◊ implementação da solução

As diferentes partes do problema devem ser abordadas de diferentes formas. Veja seus
pontos fortes e fracos nos quatro modos de aprendizagem. Compare-os com o modelo
de solução de problemas ilustrado abaixo. Se você se baseia multo na Vivência
Concreta, provavelmente será capaz de identificar problemas que devem ser
equacionados ou resolvidos. No entanto, talvez você tenha que melhorar sua
capacidade de avaliar possíveis soluções, usando a Conceituação Abstrata. Talvez
você cheque á conclusão de que seu ponto forte baseia-se na realização prática ou
implementação de soluções, pelo uso da Vivência Ativa. Se este for seu caso, você
talvez tenha que trabalhar com atenção na seleção do problema, usando a Observação
Reflexiva.
13

COMPARAÇÃO DO CICLO DE APRENDIZAGEM


COM AS TÉCNICAS DE SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Escolha de um Comparação com a


Modelo ou objetivo Realidade

Execução da
Vivência Concreta (VC) Identificação dos
Solução diferentes
Acomodador Divergente
problemas

Experimentação Observação
Ativa (EA) Reflexiva (OR)

Convergente Assimilador

Seleção da
Solução Conceituação Abstrata (CA)
Selecionar um
Problema

Avaliação das Consideração das


consequências das Soluções alternativas
Soluções

Na seção a seguir você encontrará algumas estratégias para ajudá-lo a desenvolver


suas técnicas de aprendizagem.
14

ESTRATÉGIAS PARA MELHORAR AS TÉCNICAS


DE SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Você poderá melhorar sua capacidade de aprendizagem e de solução de problemas de


três formas:

1. Desenvolva relacionamentos de aprendizagem e trabalho, com pessoas cujos pontos


fortes e fracos de aprendizagem sejam opostos aos seus.

2. Desenvolva uma forma de adaptar os pontos fortes de seu estilo de aprendizagem e


as experiências com que você se defronta.

3. Pratique e desenvolva técnicas de aprendizagem em áreas de seus pontos fracos.

PRIMEIRA ESTRATÉGIA

Desenvolva relacionamentos de apoio. Esta é a forma mais fácil da melhorar suas


técnicas de aprendizagem. Reconheça os pontos fortes de seu estilo de aprendizagem e
baseie-se nesses pontos.
Não deixe de valorizar os estilos diferentes de aprendizagem de outras pessoas. Além
disso, não pense que você terá que resolver problemas por si só. A capacidade de
aprender aumenta quando trabalhamos com outras pessoas. Embora você se sinta
atraído a trabalhar com pessoas cujas técnicas de aprendizagem são semelhantes às
suas, você poderá tirar maior proveito da aprendizagem e vivenciar o ciclo da
aprendizagem de forma mais completa se trabalhar com amigos ou colegas que
tenham técnicas opostas.

Como? Se você tiver um estilo abstrato para a aprendizagem como, por exemplo, o
Convergente, você poderá aprender melhor comunicar idéias se trabalhar com pessoas
que sejam mais concretas e orientadas para o relacionamento interpessoal - como os
do tipo Divergente. Uma pessoa com um estilo de maior reflexão poderá se beneficiar
ao observar pessoas que sejam mais ousadas para assumir riscos e usam a vivência
ativa - como os Acomodadores.

SEGUNDA ESTRATÉGIA

Adapte melhor as características de seu estilo de aprendizagem à situação real. Esta é


uma forma mais difícil de se alcançar um melhor desempenho na aprendizagem e
satisfação pessoal.

Como? Há várias maneiras para se fazer isto. Para algumas pessoas, isto poderá
significar uma mudança na carreira ou profissão, ou partir para um novo campo de
atividades onde se sintam mais à vontade em relação aos valores e técnicas exigidos.
A maioria das pessoas consegue adaptar melhor seu estilo de aprendizagem às tarefas
a cumprir, através da reorganização de prioridades e atividades. Elas conseguem se
concentrar nas tarefas e atividades que se situam em suas áreas fortes e apoiam-se em
outras pessoas nas áreas fracas.
15

TERCEIRA ESTRATÉGIA

Tente tornar-se uma pessoa flexível na aprendizagem. Você poderá fazer isto, através
do desenvolvimento de seus pontos fracos na aprendizagem. Esta estratégia é a mais
desafiadora, mas pode ser a mais gratificante. Ao tornar-se flexível, você terá
condições de lidar com problemas de todos os tipos. Além disso, você terá maior
facilidade de adaptação em situações de mudança..Como esta estratégia é a mais
difícil, ela envolve mais tempo e tolerância de sua parte em relação aos seus próprios
erros e fracassos.

Como?

l. Desenvolva um plano de longo prazo. Procure progressos e compensações em


termos de meses e anos, e não a gratificação imediata.

2. Procure encontrar uma situação sem grandes riscos para praticar. Tente encontrar
situações que testem suas novas técnicas mas que não tragam punições pelo eventual
fracasso.

3. Gratifique-se - é um trabalho difícil.


16

O GRÁFICO ABAIXO APRESENTA SUCINTAMENTE OS PONTOS FORTE


E FRACOS DE CADA ESTILO DE APRENDIZAGEM, BEM COMO
OBSERVAÇÕES PARA MELHORAR.

Vivência Concreta
ACOMODADOR DIVERGENTE
Pontos Fortes: Pontos Fortes:
Realizador Capacidade Imaginativa
Líder Compreende as pessoas
Assume Riscos Reconhece problemas
Exagero: Aperfeiçoamentos triviais Organiza idéias
Atividade sem sentido (Brainstorming)
Falta: O trabalho não Exagero: Paralisado por alternativas
termina no prazo Não consegue tomar decisões
Planos inviáveis Falta: Não tem idéias
Não direcionado para metas Não consegue reconhecer
problemas e oportunidades
Para desenvolver suas técnicas de aprendizagem Para desenvolver suas técnicas de aprendizagem
Acomodativa, pratique: Divergente, pratique:
◊ Comprometer-se com os objetivos ◊ Ser mais sensível dos sentimentos das pessoas
◊ Procurar novas oportunidades ◊ Ser sensível a valores
◊ Influenciar e liderar outras pessoas ◊ Ouvir de mente aberta
◊ Envolver-se pessoalmente ◊ Coletar informações
◊ Relacionar-se com as pessoas ◊ Imaginar as implicações de situações incertas
Experimentação Ativa Observação Reflexiva
CONVERGENTE ASSIMILADOR
Pontos Fortes: Pontos Fortes:
Solução de problemas Planejamento
Tomada de decisões Cria modelos
Raciocínio dedutivo Define problemas
Definição de problemas Desenvolve teorias
Exagero: Solução do problema errado Exagero: Castelos no ar
Pressa na tomada de decisões Não há aplicação prática
Falta: Falta de concentração Falta: Incapaz de aprender através de erros
Não testar idéias Não tem uma base sólida para o
Pensamentos dispersivos trabalho
Não tem uma abordagem sistemática
Para desenvolver suas técnicas de aprendizagem Para desenvolver suas técnicas de aprendizagem
Convergente, pratique: Assimilativa, pratique:
◊ Criar novas formas de pensamento e ação ◊ Organizar informações
◊ Experimentar novas idéias ◊ Construir modelos conceituais
◊ Escolher a melhor solução ◊ Testar teorias e idéias
◊ Estabelecer metas ◊ Projetar experimentos
◊ Tomar decisões ◊ Analisar dados quantitativos
Conceituação Abstrata
17

EXAMINE O MAPA DE CARREIRAS ABAIXO. VEJA ATE QUE


PONTO SEU ESTILO DE APRENDIZAGEM SE ADAPTA AO SEU
TRABALHO.

Vivência Concreta

ACOMODADOR DIVERGENTE

CARREIRAS EM ORGANIZAÇÕES CARREIRAS EM ARTES E


CULTURA

Campos: Campos:
Administração de Literatura
Empresas Teatro
Administração Televisão
Pública Jornalismo
Administração
Escolar
Estabelecimentos
Bancários Profissões:
Ator/Atriz
Profissões: Atleta
Contador Artista
Gerente/Supervisor Estilista
Administrador
CARREIRAS EM NEGÓCIOS E CARREIRAS EM ORGANIZAÇÕES
DE
PROMOÇÕES SERVIÇOS

Campos: Marketing Campos:


Governo Serviço Social
Empresas Psicologia
Varejo Polícia
Enfermagem

Profissões: Profissões:
Vendedor/Varejista Analista/Terapeuta
Político Assistente Social
Especialista em Relações Públicas Gerente de Pessoal
Gerente Geral Planejador
Consultor Gerencial
18

Experimentação Ativa Observação Reflexiva

CONVERGENTE ASSIMILADOR

CARREIRAS COMO CARREIRAS EM INFOMÁTICA


ESPECIALISTA

Campos: Campos:
Mineração Educação
Agricultura Ministérios
Reflorestamento Sociologia
Economia Direito

Profissões: Profissões:
Engenheiro Civil Professor
Engenheiro Químico Escritor
Supervisor de Produção Bibliotecário
Ministro
Professor
Universitário

CARREIRAS EM TECNOLOGIA CARREIRAS EM CIÊNCIAS

Campos: Campos:
Engenharia Matemática
Medicina Física
Computação Biologia
Física

Profissões: Profissões:
Médico Planejador
Engenheiro Cientista de P&D
Programador de Professor Universitário de Medicina
Computador Pesquisador
Técnico em Financista
Medicina
Ciências Aplicadas
Vendedor Industrial
Gerente

Conceituação Abstrata
19

FONTES PARA ESTUDOS ADICIONAIS

Experiential Learning: Experience as the Source of Learning and Development


de David A. Kolb. Englewood Cliffs, NJ: Prentice-Hall, 1984.
Teoria da aprendizagem experimental, com aplicação na educação, no trabalho e
desenvolvimento pessoal. Contém informações a respeito da validade do Inventário de
Estilos de Aprendizagem (Learning-Style Inventory).

User Guide for the Learning-Style Inventory


de Donna Smith e David A. Kolb. Boston: McBer and Company, 1985.
Um manual para professores e instrutores de treinamento.

Personal Learning Guide


de Richard Baker, Nancy Dixon e David A. Kolb. Boston: McBer and Company,
1985.
Um guia prático para melhorar a aprendizagem em programas de treinamento e
estudo. Inclui o Inventário de Estilos de Aprendizagem (Learning Style-Inventory).
Disponível em edições de treinamento e universitárias.

Bibliografhy of Research on Experiential Learning and the Learning-Style Inventory


Boston: McBer and Company, 1985.
Referências a estudos recentes.
20

Nome: ___________________________________________________

Coluna Nº de Pontos Sigla Modo de Aprendizagem


1 (VC) Vivência Concreta
2 (OR) Observação Reflexiva
3 (CA) Conceituação Abstrata
4 (EA) Experimentação Ativa

Vivência Concreta (VC)


40
| || | | | | | | | |

35
33
30 100%
28

26
80%
24
60%
22
20
40%
18
16
20%
Experimentação Observação
Ativa (EA) || | | | ||| | | || || || || Reflexiva (OR)
46 42 40 38 36 32 29 25 20% 21 24 26 28 30 33 34 37 40
21
|

40%
|

25
60%
29
|| ||| ||

80% 30
32
33
100% 34

37
40

Conceituação Abstrata (CA)


21

Nome: ___________________________________________________

____ - ____ = _______ ____ - ____ = _______


CA VC CA - VC EA OR EA - OR