Vous êtes sur la page 1sur 18
ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA SECRETARIA MUN. DE ADM. E REC. HUMANOS COMISSÃO

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA

SECRETARIA MUN. DE ADM. E REC. HUMANOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES COMPRAS E SERVIÇOS

COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES COMPRAS E SERVIÇOS EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2008 – SEMEC
COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES COMPRAS E SERVIÇOS EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2008 – SEMEC

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2008 – SEMEC

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 042-0406/2008

A SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS DA PREFEITURA DE TERESINA, através do seu Pregoeiro nomeado pelo Decreto n° 7.192 de 11/05/2007, torna público para conhecimento dos interessados que no dia e hora abaixo indicados, será realizada licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, do tipo "MENOR PREÇO POR LOTE", que será regido pela Lei Federal n.º 10.520, de 17/07/2002, pelo Decreto Municipal n.º 6.441, de 21/07/2005, com aplicação subsidiária da Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, além das demais disposições legais aplicáveis, e pelas condições estabelecidas no presente Edital e seus anexos.

A informação dos dados para acesso deve ser feita na página inicial do site da Prefeitura

Municipal de Teresina, www.teresina.pi.gov.br, ou diretamente em www.licitacoes-e.com.br.

ABERTURA DAS PROPOSTAS : Às 10:30 (dez horas e trinta minutos) do dia 28/02/2008

INÍCIO DA SESSÃO DE DISPUTA DE PREÇOS: Às 11:00 (onze) horas do dia 28/02/2008.

TEMPO DE DISPUTA: Será estipulado pelo pregoeiro no decorrer da disputa e acrescido do tempo aleatório, determinado pelo sistema.

FORMALIZAÇÃO DE CONSULTAS: observando o prazo legal, o fornecedor poderá formular

consultas por mensagem eletrônica (e-mail) ou fac-símile, conforme abaixo, informando o número da licitação.

? e-mail: sema.cpl@teresina.pi.gov.br

? fac-símile: (86) 3215-7619

REFERÊNCIA DE TEMPO: para todas as referências de tempo será considerado o horário de Brasília-DF.

São ANEXOS deste Edital, fazendo parte integrante do mesmo os seguintes Anexos:

ANEXO I – Descrição do Lote; ANEXO II – Termo de Referência; ANEXO III – Modelo de declaração de idoneidade; ANEXO IV – Modelo de declaração de cumprimento ao disposto ao inciso XXXIII do art. 7º da Constituição Federal de 1988; e ANEXO V – Minuta de Contrato.

1. DO OBJETO

1.1. O presente Pregão Eletrônico tem por objeto a aquisição de brinquedos e jogos

pedagógicos, destinados a atender às necessidades das Creches Comunitárias, Filantrópicas e CMEI’s pelo período de 12 (doze) meses, conforme especificações e quantidades constantes

no

Anexo I do Edital.

2.

DO PROCEDIMENTO

2.1. O Pregão Eletrônico será realizado em sessão pública, por meio da INTERNET, mediante condições de segurança - criptografia e autenticação - em todas as suas fases, com apoio técnico e operacional do sistema eletrônico do Banco do Brasil.

1

2.2. O certame será realizado através da utilização do aplicativo “Licitações”, do Portal

Eletrônico do Banco do Brasil S.A., conforme convênio de cooperação técnica celebrado entre o BB e a Secretária Municipal de Administração e Recursos Humanos - SEMA, responsável pelas licitações da Prefeitura Municipal de Teresina.

2.3. Os trabalhos serão conduzidos por servidor do setor de Licitações da Secretaria Municipal

de Administração e Recursos Humanos - SEMA, denominado “Pregoeiro”, com o suporte de sua Equipe de Apoio, os quais, juntamente com a autoridade competente do órgão promotor da licitação, formam o conjunto de operadores do sistema do Pregão Eletrônico.

3. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO

3.1. Poderão participar desta licitação os interessados que atendam a todas as exigências

constantes neste Edital e seus anexos.

3.2. Estarão impedidos de participar da presente licitação:

3.2.1. Os interessados suspensos do direito de licitar com a Administração Municipal de

Teresina, cujo conceito abrange a administração direta e indireta, as entidades com personalidade jurídica de direito privado sob o seu controle e as fundações por ela instituída ou mantida, no prazo e nas condições do impedimento.

3.2.2. Os interessados que tenham sido declarados inidôneos pela Administração Municipal,

Estadual ou Federal, o que abrange a administração direta e indireta, as entidades com personalidade jurídica de direito privado sob o seu controle e as fundações por ela instituída e mantida.

3.2.3. Os interessados que estiverem em regime de falência, concordata, dissolução, liquidação ou concurso de credores.

3.2.4. Empresas em forma de consórcios.

4. DO CREDENCIAMENTO NO SISTEMA E EFETIVA PARTICIPAÇÃO

4.1. Para acesso ao sistema eletrônico, os interessados em participar do Pregão deverão dispor

de chave de identificação e senha pessoal (intransferíveis), obtidas junto às Agências do Banco do Brasil S.A., sediadas no País.

4.2. Os

procuração por instrumento público ou particular, com firma reconhecida, atribuindo poderes para formular lances de preços e praticar todos os demais atos e operações no sistema.

interessados

deverão

credenciar

representantes,

mediante

a

apresentação

de

4.3. Em sendo sócio, proprietário, dirigente (ou assemelhado) da empresa proponente, deverá

apresentar cópia do respectivo Estatuto ou Contrato Social, no qual estejam expressos seus

poderes para exercerem direitos e assumir obrigações em decorrência de tal investidura.

4.4. A chave de identificação e a senha terão validade de 01 (um) ano e poderão ser utilizadas

em qualquer pregão eletrônico, salvo quando canceladas por solicitação do credenciado ou por iniciativa do Banco, devidamente justificado.

4.5. É de exclusiva responsabilidade do usuário o sigilo da senha, bem como seu uso em

qualquer transação efetuada diretamente ou por seu representante, não cabendo ao Banco do

Brasil S/A ao provedor do sistema ou ao órgão promotor da licitação responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da senha, ainda que por terceiros.

4.6. O credenciamento do fornecedor e de seu representante legal junto ao sistema eletrônico

implica a responsabilidade legal pelos atos praticados e a presunção de capacidade técnica para realização das transações inerentes ao pregão eletrônico.

4.7. A participação no Pregão Eletrônico se dará por meio da digitação da senha pessoal e

intransferível do representante credenciado e subseqüente encaminhamento da proposta de preços, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, observados data e horário limite estabelecidos.

2

4.8. O encaminhamento de proposta pressupõe o pleno conhecimento e atendimento às

exigências de habilitação previstas no Edital. O fornecedor será responsável por todas as transações que forem efetuadas em seu nome no sistema eletrônico, assumindo como firmes e verdadeiras suas propostas e lances.

4.9. Caberá ao fornecedor acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão

pública do pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da

inobservância de quaisquer mensagens emitidas pelo sistema ou de sua desconexão.

5. DO RECEBIMENTO E ABERTURA DAS PROPOSTAS E FORMULAÇÃO DOS LANCES

5.1. As propostas serão recebidas até o momento imediatamente anterior ao início da abertura

das propostas na data e horário estipulado neste edital, sempre obedecendo o horário oficial de Brasília. A disputa terá início na data estipulada neste edital, em sessão pública de pregão eletrônico, com a divulgação das propostas de preços recebidas, passando o Pregoeiro a avaliar sua aceitabilidade.

5.1.1. Até o momento imediatamente anterior ao início da abertura das propostas, os licitantes

poderão retirar ou substituir as propostas apresentadas e registradas no sistema.

5.2. Aberta a etapa competitiva, os representantes dos fornecedores deverão estar conectados

ao sistema para participar da sessão de lances. A cada lance ofertado o participante será

imediatamente informado de seu recebimento e respectivo horário de registro e valor.

5.3. O licitante somente poderá oferecer lance inferior ao último por ele ofertado e registrado

pelo sistema.

5.4. Não serão aceitos dois ou mais lances de mesmo valor, prevalecendo aquele que for

recebido e registrado em primeiro lugar.

5.5. Durante o transcurso da sessão pública, os participantes serão informados, em tempo real,

do valor do menor lance registrado. O sistema não identificará o autor dos lances aos demais participantes.

5.6. No caso de desconexão com o Pregoeiro, no decorrer da etapa competitiva do Pregão, o

sistema eletrônico poderá permanecer acessível aos licitantes para a recepção dos lances, retomando o Pregoeiro, quando possível, sua atuação no certame, sem prejuízos dos atos realizados.

5.6.1. Quando a desconexão persistir por tempo superior a 10 (dez) minutos, a sessão do

Pregão Eletrônico será suspensa e terá reinício somente após comunicação expressa aos participantes, através de mensagem no endereço eletrônico divulgando data e hora da reabertura da sessão.

5.7. A etapa de lances da sessão pública será encerrada mediante aviso de fechamento

iminente dos lances, emitido pelo sistema eletrônico, após o que transcorrerá período de tempo de até 30 (trinta) minutos, aleatoriamente determinado pelo sistema eletrônico, findo o qual será automaticamente encerrada a recepção de lances.

5.8. O sistema informará a proposta de menor preço imediatamente após o encerramento da

etapa de lances ou, quando for o caso, após negociação e decisão pelo pregoeiro acerca da aceitação do lance de menor valor.

5.9. É vedada a desistência dos lances já ofertados sujeitando-se o proponente às sanções

previstas no art. 28 do Decreto Municipal n° 6.441, de 21/07/2005.

5.10. Caso não sejam apresentados lances, será verificada a conformidade entre a proposta de menor preço e valor estimado para a contratação.

6. DA PROPOSTA

6.1. A proposta deverá obedecer aos seguintes critérios:

6.1.1. Os preços deverão ser cotados em moeda corrente nacional, devendo o valor unitário

proposto corresponder à unidade solicitada.

3

6.1.2. A marca dos materiais deverá ser obrigatoriamente especificada, podendo ser ofertada

mais de uma marca mantendo preço único.

6.2. O prazo de validade da proposta é de no mínimo 60 (sessenta) dias a contar da data de

sua apresentação.

6.3. A entrega do material será no prazo de até 15 (quinze) dias a partir da data da requisição,

diretamente no ALMOXARIFADO da SEMEC, localizado à Rua Castelo Branco do Piauí, 5040, esquina com Rua Oscar Clark, s/nº, bairro Buenos Aires, em Teresina - Pi.

6.4. Na omissão dos prazos estipulados nos itens 6.2 e 6.3, considerar-se-ão àqueles

estabelecidos neste Edital.

6.5. É de inteira responsabilidade do ofertante o preço e demais condições apresentadas, salvo

se no momento da abertura da proposta for alegado erro, e aceito pelo Pregoeiro, será registrado em ata, devendo o item ser desconsiderado da proposta.

6.6. Os preços propostos serão considerados completos e abrangem todos os tributos

(impostos, taxas, emolumentos, contribuições fiscais e para-fiscais), fornecimento mão-de-obra especializada, leis sociais, administração, lucros, equipamentos e ferramental, transporte de material e de pessoal e qualquer despesa, acessória e/ou necessária, não especificada neste Edital.

6.7. No caso de discordância entre valores numéricos e por extenso, prevalecerão estes últimos

e, entre preços unitários e totais, os primeiros.

6.8. Serão desclassificadas as propostas que conflitem com as normas deste Edital ou da

legislação em vigor.

6.9. Serão rejeitadas as propostas que:

6.9.1. Sejam incompletas, isto é, não conterem informação(ões) suficiente(s) que permita(m) a

perfeita identificação do material licitado.

6.9.2. Contiverem qualquer limitação ou condição substancialmente contrastante com o presente Edital, ou seja, manifestamente inexeqüíveis, por decisão do Pregoeiro.

6.10. O Município é considerado consumidor final, sendo que o licitante deverá obedecer ao

fixado no art. 155, VII, b, da Constituição Federal de 1988.

6.11. Local de entrega do material será no Almoxarifado da SEMEC, situado na Rua Castelo do

Piauí, 5040, esquina com a rua Oscar Clark, s/n, bairro Buenos Aires, Teresina - Pi.

7. DOS CRITÉRIOS DE JULGAMENTO

7.1. Para julgamento, será adotado o critério de MENOR PREÇO POR LOTE, observado os

prazos para fornecimento, as especificações técnicas, parâmetros mínimos de desempenho e qualidade e demais condições definidas neste Edital.

7.2. O Pregoeiro anunciará o licitante detentor da proposta ou lance de menor valor

imediatamente após o encerramento da etapa de lances da sessão pública ou, quando for o caso, após negociação e decisão pelo Pregoeiro acerca da aceitação do lance de menor valor.

7.3. Se a proposta ou o lance de menor valor não for aceitável, o Pregoeiro examinará a

proposta ou o lance subseqüente, na ordem de classificação, verificando a sua aceitabilidade e procedendo a sua habilitação. Se for necessário, repetirá esse procedimento, sucessivamente, até a apuração de uma proposta ou lance que atenda ao Edital.

7.4. Ocorrendo a situação a que se referem os subitens 7.2 e 7.3 deste Edital, o Pregoeiro

poderá negociar com o licitante para que seja obtido melhor preço.

7.5. Encerrada a fase de lances, caso haja microempresa ou empresa de pequeno porte que

tenha apresentado lance de até 5% (cinco por cento) superior ao licitante que apresentou lance mais vantajoso, e desde que este não se enquadre como microempresa ou empresa de

4

pequeno porte, ser-lhe-á dada oportunidade de, no prazo de 05 (cinco) minutos, ofertar nova proposta, que deverá ser inferior àquela considerada mais vantajosa, situação em que passará à condição de primeira classificada do certame, nos termos dos artigos 44 e 45, da Lei Complementar n° 123/2006.

7.6. O direito para apresentação de proposta será dado inicialmente à microempresa ou

empresa de pequeno porte mais bem classificada, respeitado o limite dos 5% (cinco por cento). Se a beneficiária da ordem não exercer o seu direito de preferência, deverá ser convocada outra microempresa ou empresa de pequeno porte em condições de empate, na ordem de classificação, para exercício do direito de que trata o inciso II do art. 45 da Lei Complementar n°

123/2006.

7.7. No caso de equivalência dos valores apresentados pelas microempresas e empresas de

pequeno porte que se encontrem nos intervalos estabelecidos nos §§ 1° e 2° do art. 44, da Lei

Complementar nº 123/206 será realizado sorteio entre elas para que se identifique aquela que primeiro poderá apresentar melhor oferta.

7.8. Na hipótese da não apresentação de proposta conforme itens anteriores, será vencedora

a empresa que apresentou a menor proposta na fase de disputa de preços.

7.9. Para verificação e aceitabilidade da proposta, fica facultado a Administração solicitar

amostra dos produtos cotados, que deverão ser apresentadas no prazo máximo de 03 (três)

dias úteis contados da solicitação pelo Pregoeiro.

7.10. Da sessão, o sistema gerará ata circunstanciada, na qual estarão registrados todos os

atos do procedimento e as ocorrências relevantes.

7.11. Para julgar as propostas apresentadas pelas licitantes que se constituam Cooperativas, o

pregoeiro acrescentará o percentual de 15% (quinze por cento) ao valor, ofertado considerando para efeito de classificação o valor da proposta acrescido do valor apurado, com fundamento no art. 22, inciso IV da Lei nº 8.212/91, alterada pela Lei nº 9.876/99, instituindo a Contribuição para Seguridade Social pelas Cooperativas de Trabalho.

8. DA HABILITAÇÃO

8.1. Encerrada a etapa de lances da sessão pública, o autor da proposta vencedora, deverá

encaminhar imediatamente via Fax (0XX86 3215-7619) os documentos de habilitação, assim como, a sua proposta escrita devidamente adequada ao valor do menor lance registrado.

8.2. O autor da proposta vencedora deverá apresentar a documentação original ou fotocópia

autenticada no prazo máximo de 03 (três) dias, na Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos – SEMA, Comissão de Licitação, com endereço na Rua Firmino Pires, n° 121, Centro, CEP: 64000-070, Teresina, PI.

8.3. Se o licitante desatender as exigências habilitatórias, o pregoeiro examinará a proposta

subseqüente, verificando a sua aceitabilidade e procederá conforme o item 8.2, na ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta que atenda ao edital.

8.4. Os documentos de habilitação serão os seguintes:

8.4.1. Quanto à seguridade Social: certidão expedida pelo Instituto Nacional de Seguro Social.

8.4.2 Quanto ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço: certificado expedido pela Caixa Econômica Federal.

8.4.3 Quanto a Fazenda Nacional: certidão de tributos federais expedidas pela Receita Federal

e certidão de divida ativa expedida pela Procuradoria da Fazenda Nacional.

8.4.4. Quanto a Fazenda Estadual: certidão negativa expedida pela Secretaria da Fazenda do

Estado da sede do licitante.

8.4.5. Quanto a Fazenda Municipal: certidão de prova de regularidade para com a Fazenda

Municipal do domicilio ou sede do licitante abrangendo todos os tributos administrados pelo município.

5

8.4.6. Declaração de idoneidade, conforme modelo constante no ANEXO III.

8.4.7. Quanto ao cumprimento do disposto no inciso XXXIII do art. 7º da Constituição:

declaração do licitante, sob as penas da lei, conforme modelo constante no ANEXO IV.

8.4.8. Poderá ser solicitada a apresentação de catálogo/folhetos para a empresa vencedora.

8.5. As certidões deverão está no prazo de validade na data da abertura das propostas.

8.6. As certidões que não tenham o prazo de validade expresso no documento, ter-se-ão como

válidas por 90 (noventa) dias a partir da data de sua emissão.

8.7. Após a realização dos procedimentos relativos ao julgamento e ordenação das propostas, o

Pregoeiro verificará a regularidade da proponente vencedora.

8.8. Os documentos apresentados deverão ser, obrigatoriamente, da mesma sede, ou seja, se

da matriz, todos da matriz, se de alguma filial, todos da mesma filial, com exceção dos documentos que são válidos para matriz e todas as filiais. Caso a empresa seja vencedora de algum lote, o contrato será celebrado com a sede que apresentou a documentação.

8.9. Constatando o atendimento das exigências previstas no Edital, o licitante será declarado

vencedor, sendo homologado o procedimento e adjudicado o objeto da licitação pela autoridade competente.

8.9.1. Havendo recurso, o pregoeiro apreciará os mesmos e, caso não reconsidere sua posição,

caberá à autoridade competente a decisão em grau final.

8.10. Após a habilitação, poderá o licitante ser desqualificada por motivo relacionado com a capacidade jurídica, regularidade fiscal, qualificação econômico-financeira, qualificação técnica e/ou inidoneidade, em razão de fatos supervenientes ou somente conhecidos após o julgamento.

9. DA IMPUGNAÇÃO AO EDITAL E RECURSOS

9.1. Impugnações ao ato convocatório do pregão serão recebidas até 02 (dois) dias úteis antes

da data fixada para abertura da licitação.

9.1.1. Caberá ao pregoeiro decidir sobre a impugnação, no prazo de até 02 (dois) dias úteis.

9.1.2. Deferida a impugnação do ato convocatório, será designada nova data para realização do

certame.

9.2. Declarado o vencedor, o proponente que desejar recorrer contra decisões do Pregoeiro

poderá fazê-lo, manifestando sua intenção com registro da síntese das suas razões no prazo de 24 (vinte e quatro) horas, sendo-lhe facultado juntar memoriais no prazo de 03 (três) dias úteis. Os interessados ficam, desde logo, intimados a apresentar contra-razões em igual prazo, que começará a correr do término do prazo do recorrente.

9.2.1. As razões de recurso ficarão à disposição dos interessados durante os prazos referidos

no item 9.2 na Comissão de Licitação de Compras e Serviços da SEMA/PMT.

9.3. A falta de manifestação imediata e motivada do licitante importará a decadência do direito

de recurso e a adjudicação ao vencedor do certame.

9.4. Os recursos contra decisões do pregoeiro terão efeito suspensivo.

9.5. O acolhimento de recurso importará a invalidação apenas dos atos insuscetíveis de

aproveitamento.

9.6. Não serão conhecidas as impugnações e os recursos apresentados fora do prazo legal

e/ou subscritos por representante não habilitado legalmente ou não identificado no processo para responder pelo proponente.

6

10. DA HOMOLOGAÇÃO E CONTRATAÇÃO

10.1. Decididos os recursos e constatada a regularidade dos atos procedimentais, a

autoridade competente homologará o procedimento licitatório, podendo ainda revogar ou anular

a licitação nos termos do Decreto Municipal 6.441 de 21/07/2005 e art. 49 da Lei Federal n º

8.666/93.

10.2. Homologada a licitação pela autoridade competente o adjudicatário será convocado para

assinar o contrato/retirar o instrumento equivalente no prazo de 05(cinco) dias úteis.

10.3. Como condição para a sua contratação o licitante vencedor deverá manter as mesmas

condições de habilitação, prestar as informações solicitadas pela contratante, dentro dos prazos estipulados, bem como não transferir a outrem as obrigações decorrentes deste contrato.

fornecimento

Administração e o fornecedor serão formalizadas através de contrato, observando-se as condições estabelecidas neste Edital, seus anexos e na legislação vigente.

10.4.

As

obrigações

decorrentes

do

de

bens

a

serem

firmadas

entre

a

10.5. A Administração poderá dispensar o termo de contrato e optar por substituí-lo por outros

instrumentos equivalentes, nos casos de compra com entrega imediata e integral dos bens adquiridos, dos quais não resultem obrigações futuras, nos termos do §4° do art. 62 da Lei Federal n° 8.666/93.

10.6. Quando o proponente vencedor, convocado dentro do prazo de validade da sua proposta,

não celebrar o contrato ou não apresentar situação regular, no ato da assinatura deste, será convocado outro licitante, observada a ordem de classificação, para celebrar o contrato, e assim sucessivamente, sem prejuízo da aplicação das sanções cabíveis.

10.7. O objeto contratual poderá ser acrescido ou reduzido de acordo com o disposto no art. 65

da Lei Federal nº 8.666/93.

11. DO PAGAMENTO E DA ENTREGA

11.1. O pagamento será de uma única vez, após a efetiva comprovação do recebimento,

mediante apresentação da nota fiscal/fatura e conferencia dos materiais por Servidor(es) indicado(s) pela SEMEC.

11.2. O objeto da presente licitação deverá ser entregue conforme especificações constantes

nos ANEXOS I do Edital, os quais deverão ser entregues de uma só vez, no Almoxarifado da mesma, situado na Rua Castelo do Piauí, n° 5040 esquina com a rua Oscar Clark, s/nº, bairro Buenos Aires, Teresina/PI.

11.3. O recebimento provisório será efetuado por servidor responsável que verificará a

quantidade/qualidade/adequação do objeto, observado o disposto nas alíneas “a” dos incisos I e

II do art. 73 da Lei Federal n º 8.666/93.

11.4. O recebimento definitivo será efetuado por servidor responsável após a confirmação da

verificação supracitada, observando o disposto nas alíneas “b” dos incisos I e II do art. 73 da Lei Federal n º 8.666/93.

11.5. Caso algum produto não corresponda ao exigido no instrumento convocatório, a

contratada deverá providenciar no prazo máximo de 05 (cinco) dias, contados da data de notificação expedida pela contratante, a sua adequação, visando o atendimento das especificações, sem prejuízo da incidência das sanções previstas no instrumento convocatório, na Lei Federal n.º 8.666/93 e no Código de Defesa do Consumidor.

11.6. Os pagamentos serão efetuados mediante crédito em conta corrente devendo o

fornecedor informar o número do banco, da agência e conta bancária, podendo ainda ocorrer diretamente junto ao órgão contratante, ou através de banco credenciado, a critério da Administração.

11.7. Não será efetuado pagamento parcial de nota de empenho.

11.8. A(s) nota(s) de empenho deverá(ão) ser retirada(s) em até 10 (dez) dias úteis após o

resultado final do Pregão Eletrônico.

7

12. DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA

12.1. Os recursos para aquisição serão oriundos da PMT. Fonte 0100/0101. Elemento de despesa 33.90.30 – Material de consumo. Classificação orçamentária 09.001.12.365.0006-2043 - Administração da Educação Infantil.

13. DAS SANÇÕES ADMINISTRATIVAS

13.1. O licitante que deixar de entregar quaisquer documentos exigidos no Edital ou apresentar

documentação falsa para o certame, ensejar o retardamento da execução de seu objeto, não mantiver a proposta ou lance, não celebrar o contrato ou instrumento equivalente, falhar ou fraudar a execução do contrato, comportar-se de modo inidôneo ou cometer fraude fiscal, ficará impedido de licitar e contratar com a Administração Pública, pelo prazo de até 05 (cinco) anos, garantida a prévia defesa, sem prejuízo das multas previstas em edital e no contrato e das demais cominações legais.

13.2. O licitante sujeitar-se-á, ainda, as sanções de: advertência, multa e declaração de

inidoneidade, sendo que as sanções de suspensão descrita no item anterior e declaração de inidoneidade poderão ser cumuladas com multa, sem prejuízo da rescisão contratual.

13.3. As multas poderão ser cumulativas, reiteradas e aplicadas em dobro, sempre que se

repetir o motivo.

13.4. Ocorrendo atraso na execução do objeto contratado será aplicada multa moratória de 2%

(dois por cento) por dia de atraso, até o limite de 20 % (vinte por cento) sobre o valor total do pedido.

13.5. No descumprimento de quaisquer obrigações licitatórias/contratuais, poderá ser aplicada

uma multa indenizatória de 5% (cinco por cento) do valor total do objeto licitado.

13.6. A multa, aplicada após regular processo adm inistrativo, será descontada da(s) fatura(s),

cobrada judicialmente ou extrajudicialmente, a critério do Município.

13.7. Da intenção de aplicação de quaisquer das penalidades previstas, será concedido prazo

para defesa prévia de 05 (cinco) dias úteis a contar da notificação.

13.8. Da aplicação da sanção caberá recurso no prazo de 05 (cinco) dias úteis a contar da

publicação no Diário Oficial do Município – DOM.

13.9. As penalidades serão obrigatoriamente registradas, esgotada a fase recursal, na

Secretaria Municipal de Administração de Recursos Humanos – SEMA/PMT – no caso de impedimento do direito de licitar e contratar, se o licitante for cadastrado nesta secretaria, terá seu cadastro cancelado por igual período.

14. DA RESCISÃO

14.1. O contrato será rescindido de pleno direito, independente de notificação ou interpelação

judicial ou extrajudicial, sem qualquer espécie de indenização, nos casos previstos nos arts. 77 e 78 da Lei nº 8.666/93, obedecendo, ainda, o disposto nos arts. 79 e 80 do mesmo diploma legal.

14.2. Havendo possibilidade legal da rescisão ser solicitada pela contratada, esta deverá

notificar

mediante documento protocolado devidamente fundamentado e

comprovado.

o

Município

14.3. A rescisão administrativa será apreciada e precedida de autorização escrita e

fundamentada pela autoridade competente, devendo a contratada manter a execução do contrato pelo prazo necessário para que o Município efetue nova contratação.

15. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

15.1. As normas disciplinadoras deste Pregão serão sempre interpretadas em favor da

ampliação da disputa entre os interessados, desde que não comprometam o interesse da Administração, a finalidade e a segurança da contratação.

8

15.2. É facultado ao Pregoeiro ou a autoridade superior, em qualquer fase da licitação, a promoção de diligência destinada a esclarecer ou complementar a instrução do processo, vedada a inclusão posterior de documento ou informação que deveria constar no ato da sessão pública.

15.3. A autoridade competente para determinar a contratação poderá revogar a licitação em

face de razões de interesse público,derivadas de fato superveniente devidamente comprovado, pertinente e suficiente para justificar tal conduta, devendo anulá-la por ilegalidade, de ofício ou por provocação de qualquer pessoa, mediante ato escrito e fundamentado.

15.3.1. A anulação do procedimento licitatório induz à do contrato.

15.3.2. Os licitantes não terão direito à indenização em decorrência da anulação do procedimento licitatório, ressalvado o direito do contratado de boa-fé de ser ressarcido pelos encargos que tiver, comprovadamente, suportado no cumprimento do contrato.

15.4. A Administração reserva-se o direito de transferir o prazo para o recebimento e abertura

das propostas descabendo, em tais casos , direito à indenização pelos licitantes.

15.5. A participação na presente licitação implica em concordância tácita, por parte do licitante,

com todos os termos e condições deste Edital e das cláusulas contratuais já estabelecidas.

15.6. Os casos omissos serão submetidos a parecer do Órgão Jurídico da PREFEITURA

MUNICIPAL DE TERESINA, e resolvidos de conformidade com o preceituado na Lei Federal nº 10.520/02, Decreto Municipal n° 6.441/05 e subsidiariamente pela Lei Federal n° 8.666/93 e suas alterações posteriores e demais legislação vigente.

15.7. Fica eleito o Foro da Comarca de Teresina, PI, para dirimir litígios resultantes deste Edital.

Teresina-PI, 18 de fevereiro de 2008.

Anna Clarissa Rodrigues Dantas Pregoeira – SEMA/PMT

Luciano Nunes Santos Filho Secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos

9

ANEXO I

DESCRIÇÃO DO LOTE

LOTE I – BRINQUEDOS E JOGOS EDUCATIVOS

 

ESPECIFICAÇÃO

   

VALOR

VALOR

ITEM

UNID.

QUANT.

UNITÁRIO

TOTAL

 

Jogos de memória – conjunto com 40 peças, caixa em madeira, dimensões 22 X12 X 3,5cm, com os jogos abaixo descriminados:

       

Numero: de 1 a 20; Animais; Brinquedos;

1.1

Frutas e hortaliças; Português/Inglês; Animais e filhotes; Profissões; Alfabetização com objetos; Meio de transporte e comunicação; Alfabetização com animais;

Unid

91

1.2

Fantoches de animais selvagens com sete personagens:

Kit

91

   

lobo, girafa, macaco, leão, zebra, pingüim e jacaré

1.3

Fantoches de animais domésticos com sete personagens:

Kit

91

   

cachorro, gato, ovelha, cavalo, coelho, vaca e pato

1.4

Avião plástico tamanho 30cm

Unid

840

   

1.5

Ábaco do Professor dimensão 65 X 48 X 10cm

Unid

168

   

1.6

Alfabeto silábico – caixa em madeira com 156 peças , dimensão 35 X 18 X 06 cm

Unid

840

   

1.7

Dominó de “A ao Z” – caixa em madeira com 24 pedras , dimensão 16 X 13 X 3,5 cm

Unid

840

   

1.8

Família básica articulada sexualmente – bonecos de pano artesanal

Unid

91

   

1.9

Arquitetura e construção caixa de madeira com 50 peças dimensão 26 X16 X 4cm

Unid

840

   

1.10

Alfabeto móvel degraus – 5 jogos de alfabetos em madeira maiúsculo e minúsculo

Unidade

840

   

1.11

Telefone Play Ground dimensão 19 X 17 X 12 cm

Unidade

840

   

1.12

Relógio educativo em madeira com placa de fibra dimensão 07 X 19 X 20cm

Unidade

840

   

1.13

Dominó Alfabetização em material MDF 28 peças

Unidade

840

   

1.14

Esquema corporal com fita MDF 22 peças para encaixe, dimensão 45 X 24 cm

Conjunto

840

   

1.15

Numerais com pingos de 0 a 9, 10 peças em EVA, dimensão 15 X 10 cm

Unidade

840

   

1.16

Jogo 4 em 1 (dama, trilha, ludo, dominó) caixa em madeira dimensão 26 X 26 X 5cm

Unidade

840

   

1.17

Pula corda Infantil Sisal, 2metros de comprimento

Unidade

840

   

1.18

Bambolê colorido com 63 cm de diâmetro

Unidade

840

   

VALOR TOTAL (GLOBAL) DO LOTE R$

   

10

ANEXO II

TERMO DE REFERÊNCIA

1. - JUSTIFICATIVA

Para a execução das diversas atividades voltadas para assegurar o pleno

funcionamento das Creches Comunitárias, Filantrópicas e CMEI’s a serem instaurados

em 2008, pelo período de 12(doze) meses a SEMEC/PMT utiliza -se ao longo do ano de Brinquedos e Jogos Pedagógicos.

Estas necessidades justificam o pleito formulado.

2. – OBJETIVO

Adquirir Brinquedos e Jogos Pedagógicos, destinados às necessidades das Creches Comunitárias, Filantrópicas e CMEI’s, pelo período de 12 (doze) meses.

3. - OBJETO A SER LICITADO

Brinquedos e Jogos Pedagógicos.

4. - ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO:

5. – EXIGÊNCIA GERAL

A empresa vencedora no processo licitatório deverá fornecer os materiais dando garantia de qualidade e validade, sem despesa adicional à SEMEC, repondo os materiais que

apresentem defeito de fabricação ou vício oculto.

6. – FORMA DE PAGAMENTO

O pagamento será feito após a efetiva comprovação da entrega dos referidos materiais.

7. – REAJUSTE DE PREÇOS

Esta licitação, após a sua homologação não admite reajuste de preços.

8. FONTE DE RECURSOS

Os recursos para tanto serão oriundos do Tesouro Municipal, Fonte de

Recursos 0100/0101, elemento de despesa 33.90.30 – Material de Consumo, classificação orçamentária 09.001.12.365.0006-2043 - Administração da Educação Infantil.

9. – LOCAL E PRAZO DE ENTREGA

Os materiais deverão ser entregues no Almoxarifado da SEMEC, situado à Rua

Castelo do Piauí, 5.040, esquina com Rua Oscar Clark, s/nº, bairro Buenos Aires, no prazo

11

máximo de 15 (quinze) dias após a efetiva entrega à licitante vencedora da Ordem de Fornecimento.

1100 FFOORRMMAA EE CCOONNDDIIÇÇÕÕEESS DDEE FFOORRNNEECCIIMMEENNTTOO

A entrega dos materiais, objeto desta licitação deverá ser feita sem nenhuma despesa adicional além do valor adjudicado e dentro das especificações estipuladas. Caso seja entregue objeto fora das especificações ou com defeitos, a empresa terá 05 (cinco) dias após o comunicado da ocorrência, para proceder à substituição. Caso não seja feita a substituição do

material defeituoso, ou em desacordo com as especificações, será descontado do licitante o seu valor correspondente.

O fornecimento dos materiais, objeto desta licitação, será sob regime de execução

indireta, observando o prazo e o local de entrega e as demais condições expostas neste Termo.

11.- PRAZO DE VIGÊNCIA CONTRATUAL

O contrato terá vigência de 12 (doze) meses, a contar de sua assinatura.

12. - OBRIGAÇÕES DA CONTRATANTE

1. Prestar as informações e os esclarecimentos que venham ser solicitados pela CONTRATADA;

2. Efetuar o pagamento no prazo e forma estipulados no contrato, após a entrega dos materiais;

3. Exercer rigoroso controle de qualidade sobre os materiais, objeto do presente contrato.

4. Fazer cumprir a garantia dos materiais, quando for o caso.

5. Solicitar materiais nas quantidades estabelecidas.

13. - OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA 1.- Executar fielmente o objeto do Contrato, de modo que o fornecimento seja efetuado nos termos e condições previstos, responsabilizando-se por todas as despesas necessárias ao cumprimento do pactuado; 2. - Prestar todas as informações e os esclarecimentos que forem solicitados pela CONTRATANTE;

3. – Cumprir as obrigações trabalhistas, previdenciárias, financeiras, fiscais e comerciais decorrentes da execução do contrato e quaisquer outras relativas ao objeto;

4. - Manter, durante a vigência deste Contrato todas as condições exigidas para habilitação na

licitação que deu origem à contratação.

5. - Não transferir no todo ou em parte a execução do contrato, sem prévia anuência da

CONTRATANTE;

6. - Assinar o contrato no prazo máximo de 05 (cinco) dias contados da convocação;

7. - Acatar e atender as reclamações quanto às especificações, qualidade, validade e quantidade

dos materiais, substituindo ou repondo, no prazo de 05 (cinco) dias, o que não atenda às

especificações do contrato e cumprimento dos prazos previamente estabelecidos.

12

ANEXO III

Declaração de Idoneidade (modelo)

Declaro, sob as penas da lei, para fins desta licitação que a empresa

, não foi declarada inidônea para licitar ou

contratar com a administração pública, nos termos do inciso IV. Art. 87, da Lei Federal

n.º 8.666/93 e suas alterações, bem como comunicarei qualquer fato ou evento superveniente a entrega dos documentos de habilitação, que venha alterar a atual situação quanto a capacidade jurídica, técnica, regularidade fiscal e econômico- financeira.

Teresina,

de

de 2008.

Diretor, Sócio-Gerente ou Equivalente

13

ANEXO IV

Declaração de cumprimento ao disposto no inciso XXXIII do art. 7° da Constituição Federal de 1988. (modelo)

Declaro, sob as penas da lei, para fins desta licitação que a empresa

, cumpre com o disposto no inciso

XXXIII, do art. 7º da Constituição Federal de 05/10/1988.

de trabalho noturno, perigoso

ou insalubre, aos menores de dezoito anos e de qualquer trabalho a menores de

dezesseis anos, salvo na condição de aprendiz, a partir de quatorze anos.”

Art. 7º, inciso XXXIII da Constituição Federal: “

proibição

Ressalva:

( ) emprega menor, a partir de quatorze anos, na condição de aprendiz.

Teresina,

de

de 2008.

Diretor, Sócio-Gerente ou Equivalente

14

ANEXO V

MINUTA DE CONTRATO Nº

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 042-0406/2008 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2008

/2008/SEMEC

CONTRATO DE FORNECIMENTO DE BRINQUEDOS E JOGOS PEDAGÓGICOS

DESTINADOS ÀS NECESSIDADES, DAS

CRECHES

FILANTROPICAS E CMEI’s, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE TERESINA, ATRAVÉS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE

COMUNITÁRIAS, E

EDUCAÇÃO

E

CULTURA-SEMEC

E

A

EMPRESA

,

NOS TERMOS

CONTA BANCÁRIA:

BANCO:

AGÊNCIA Nº C/CORRENTE Nº

DAS LEIS Nº 8.666/93 E 10.520/02.

O MUNICÍPIO DE TERESINA, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Praça Marechal Deodoro nº 860, Praça da Cidade, através da SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO E CULTURA - SEMEC, inscrita no CNPJ sob o nº

06.554.869/0005-98, com sede e administração nesta capital à Rua Areolino de Abreu, 1507, doravante denominada CONTRATANTE, neste ato representada seu pelo Secretário

 

,

brasileiro, professor, inscrito no CPF sob o nº

,

RG Nº

- SSP-

,

residente nesta cidade, à Rua

 

,

,

bairro

– CEP

,

e a empresa

,

pessoa jurídica de

direito privado, inscrita no CNPJ, sob nº

,

Inscrição Estadual nº

à rua

, CMC

, doravante denominada CONTRATADA,

bairro

com sede na cidade de

, ,

,

telefone

,

,

CEP nº

neste ato representada por seu sócio gerente

 

,

brasileiro, empresário, inscrito no

CPF sob o nº

,

RG nº

 

SSP-

,

residente e domiciliado na cidade resolvem de comum acordo

, firmar o presente Contrato de Fornecimento de Brinquedos e Jogos Pedagógicos, destinados às necessidades das Creches Comunitárias, Filantrópicas e CMEI’s), de acordo com Processo

de

,

à Rua

,

,

bairro

acima referido, processado nos termos da Lei Nº

8.666/93 e suas alterações posteriores, e da Lei 10.520 de 17/07/2002, mediante cláusulas e

condições que se seguem:

Licitatório na modalidade Pregão

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO O presente contrato tem por objeto o fornecimento pela CONTRATADA de Brinquedos e Jogos Pedagógicos, destinados às necessidades das Creches Comunitárias, Filantrópicas e Centros Municipais de Educação Infantil - CMEI’s, constantes do Anexo I deste contrato, de acordo com o mapa de resultado classificatório do procedimento licitatório já referido acima.

CLÁUSULA SEGUNDA - DO PREÇO E FORMA DE PAGAMENTO

A

CONTRATADA receberá pelos materiais fornecidos, a importância de R$

(

),

que será paga no prazo de lei, de acordo com as quantidades efetivamente

entregues.

PARÁGRAFO ÚNICO – A CONTRATADA, no ato do pagamento, deverá apresentar prova de regularidade com as Fazendas Federal, Estadual e Municipal, Seguridade Social e FGTS.

CLÁUSULA TERCEIRA - DO REAJUSTE DE PREÇOS

15

Esta contratação não admite reajuste de preços.

PARÁGRAFO ÙNICO - Verificado algum dos casos previstos na alínea d, II, do art. 65 da Lei Federal nº 8.666/93, será possível a recomposição de preços a fim de manter o equilíbrio econômico financeiro do contrato.

CLÁUSULA QUARTA - DA FONTE DE RECURSOS

As despesas decorrentes deste contrato serão atendidas com recursos oriundos do Tesouro Municipal, Fonte 0l00/0101, elemento de despesa 33.90.30 – Material de consumo, classificação orçamentária 09.001.12.365.0006-2043 – Administração da Educação Infantil.

CLÁUSULA QUINTA - DO REGIME DE EXECUÇÃO

Os materiais, objeto deste contrato serão fornecidos pela CONTRATADA, sob o regime de execução indireta conforme indicado em Ordem de Fornecimento/Nota de Empenho expedida pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura - SEMEC, sem nenhuma despesa adicional além do valor adjudicado constante da Proposta.

CLÁUSULA SEXTA DO LOCAL E DO PRAZO DE ENTREGA

A CONTRATADA deverá entregar o objeto do presente CONTRATO, rigorosamente de acordo

com os termos ora pactuados, diretamente no ALMOXARIFADO DA SEMEC, localizado à Rua

Castelo do Piauí, 5.040, esquina com Rua Oscar Clark, bairro Buenos Aires, sem nenhuma despesa adicional além do valor adjudicado constante da Proposta, no prazo de 15 (quinze) dias

a contar da entrega à CONTRATADA, da Ordem de Fornecimento.

PARÁGRAFO ÚNICO – Os materiais em desacordo com a Ordem de Fornecimento serão rejeitados, obrigando-se a CONTRATADA a substituí- los, sem nenhuma despesa para a CONTRATANTE, no prazo máximo de 05(cinco) dias, contado da comunicação.

CLÁUSULA SÉTIMA – DAS CONDIÇÕES DE FORNECIMENTO

§ 1º - A CONTRATANTE emitirá ORDEM DE FORNECIMENTO, na qual serão explicitados

as quantidades, marcas, valores unitários e totais, endereços e condições de fornecimento em

consonância com a proposta vencedora e o disposto no edital Processo Administrativo.

§ 2º - Configurando-se atraso do fornecimento, excluídas as razões de força maior, com relação aos prazos fixadas em pedido ou CONTRATO, será aplicada multa de 2% (dois por cento), ao dia, sobre o valor do contrato não ultrapassando a 20% (vinte por cento).

§ 3º - Após 15 (quinze) dias de atraso, além de rescindir o contrato, a SEMEC/PMT aplicará

multa de 5% (cinco por cento) sobre o valor do mesmo, conforme consta na alínea do subitem do

instrumento convocatório.

§ 4º - Todas as despesas necessárias para substituição de material porventura entregue em desacordo com o Contrato, correrão por conta da CONTRATADA.

CLÁUSULA OITAVA - DA VIGÊNCIA CONTRATUAL

O presente contrato terá vigência de 12 (doze) meses, contada a partir de sua assinatura.

CLÁUSULA NONA – DO ACRÉSCIMO OU SUPRESSÃO

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura - SEMEC se reserva no direito de aumentar ou

reduzir os quantitativos dos materiais em até 25% (vinte e cinco por cento) do valor do contrato, previstos no parágrafo 1º, do art. 65, da Lei nº 8.666/93, sem que dessa decisão caiba, à licitante, direito a qualquer indenização.

16

CLÁUSULA DÉCIMA – DAS OBRIGAÇÕES DAS PARTES

a) – Compete à CONTRATANTE:

– CONTRATADA.

2 – Efetuar o pagamento conforme estipulado neste contrato, após a entrega dos materiais.

3 – Exercer rigoroso controle de qualidade sobre os materiais, objeto do presente contrato.

4 - Fazer cumprir a validade dos materiais, quando for o caso.

5 – Solicitar os materiais nas quantidades estabelecidas.

1

Prestar

as

informações

e

os

esclarecimentos

que

venham

a

ser

solicitados

pela

b) – Compete à CONTRATADA:

1 – executar fielmente o objeto deste contrato, de modo que o fornecimento seja efetuado nos

termos e condições previstos, responsabilizando-se por todas as despesas necessárias ao cumprimento do pactuado; 2 – prestar todas as informações e os esclarecimentos que forem solicitados pela CONTRATANTE; 3.– cumprir as obrigações trabalhistas, previdenciárias, financeiras, fiscais e comerciais decorrentes da execução do presente contrato e quaisquer outras relativas ao objeto.

4 – manter, durante a vigência do contrato, todas as condições de habilitação e qualificação obtidas no processo licitatório;

5. – Não transferir no todo ou em parte a execução deste contrato, sem prévia anuência da

CONTRATANTE; 6. – Assinar o contrato no prazo máximo de 05 (cinco) dias contado da convocação;

7. - Acatar e atender as reclamações quanto às especificações, qualidade, validade e quantidade

dos materiais, substituindo ou repondo no prazo 05 (cinco) dias, os que não atendam às

especificações do Contrato e cumprimento dos prazos, previamente estabelecidos;

CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA – DA RESCISÃO

a) - Constituem motivos para rescisão do contrato:

a.1. O não cumprimento de cláusulas contratuais; a.2. Atrasos injustificados nos prazos de entrega dos materiais; a.3. Paralisação na entrega dos materiais sem a devida justificativa;

a.4. A decretação de falência, ou entrada em processo de recuperação judicial ou extra-judicial; a.5. A dissolução da sociedade;

b) - A rescisão unilateral dar-se-á, semp re, tomando como Termo Final do contrato o último dia

do mês, após o decurso do prazo determinado no item anterior;

c) - A CONTRATANTE, no caso da rescisão unilateral com base nos incisos XII a XVII, do art.

nº 78, da Lei Federal Nº 8.666/93, pagará a CONTRATADA conforme dispõe o § 2º, do art. 79, da referida Lei; d) - Havendo multa contratual ainda não liquidada, o montante do valor será deduzido da importância a ser paga à firma CONTRATADA.

PARÁGRAFO ÚNICO - No caso de rescisão do presente contrato, a CONTRATADA receberá somente o valor correspondente ao material efetivamente entregue deduzido o valor de multa contratual prevista na cláusula seguinte.

CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA – DAS PENALIDADES

a) - Pelo atraso injustificado na execução do contrato, fica sujeita a CONTRATADA à multa de

mora de 2,0% ao dia, sobre o valor total da proposta, não ultrapassando a 20% (vinte por cento). b) - Pela inexecução total ou parcial do contrato, pela CONTRATADA, poderá a CONTRATANTE, garantida a prévia defesa da CONTRATADA, aplicar as seguintes penalidades, sem exclusão das demais sanções previstas no art. 87, da Lei nº 8.666/93; b.1. Advertência; b.2. Multa equivalente a 5% (cinco por cento), sobre o valor do contrato pela inexecução total, ou 5% (cinco por cento) sobre o valor remanescente do mesmo, no caso de inexecução parcial;

17

c) - Suspensão temporária do direito de participar em licitações e impedimento de contratar com a

Administração Pública, por prazo não superior a 02 (dois) anos;

d) - Declaração de inidoneidade para licitar ou contratar com a Administração Pública enquanto

perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria autoridade que aplicou a penalidade, que será concedida sempre que a contratada ressarcir a Administração pelos prejuízos resultantes e após decorrido o prazo da

sanção aplicada com base no inciso anterior, ensejando ainda o respectivo cancelamento de sua inscrição no Cadastro de Fornecedores da PMT;

e) - Rescisão contratual, nos termos dos artigos 77, 78 e 79 da Lei 8.666/93.

CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA – DA VINCULAÇÃO

Integram o presente contrato e a eles são remissivos, o Edital e seus Anexos, a Proposta de Preços e Anexos apresentada pela CONTRATADA no Processo Licitatório, a Lei Nº 8.666/93, suas alterações posteriores e demais legislação aplicável.

CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA – DA PUBLICAÇÃO

A CONTRATANTE, até o 5º(quinto) dia do mês subseqüente à assinatura deste contrato, providenciará a sua publicação, no Diário Oficial do Município (DOM), visando garantir, a eficácia do ato.

CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA – DOS CASOS OMISSOS

Os casos omissos serão submetidos ao parecer do Órgão Jurídico da PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA, e resolvidos de conformidade com o preceituado na Lei nº 8.666/93, suas alterações posteriores e demais legislação vigente.

CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA – DO FORO

Fica eleito o foro da cidade de Teresina, Estado do Piauí, como competente para dirimir as questões decorrentes da execução deste contrato, renunciando as partes a qualquer outro, por mais privilegiado que seja. E, por estarem de acordo, firmam o presente instrumento juntamente com 02 (duas) testemunhas, em 03 (três) vias de igual teor e forma, para que surtam os efeitos reais e jurídicos nele previstos.

Teresina-PI,

de

de 2008.

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA – SEMEC WASHINGTON LUÍS DE SOUSA BONFIM

TESTEMUNHAS:

Contratada

CPF:

RG:

CPF:

RG:

18