Vous êtes sur la page 1sur 12

FOLHA POPULAR

ANO XII• Nº 569 • TENENTE PORTELA - 24 A 31 DE MARÇO DE 2012 • R$ 2,00

www.fpop.com.br ou www.folhaportela.com.br

BARRA DO GUARITA ANIVERSÁRIO

Município comemora aniversário

JÚLIO SANTOS / FP

Município comemora aniversário JÚLIO SANTOS / FP PÁGINA 5 ENCARTE TENENTEPORTELA AGRICULTURA Verba

PÁGINA 5

comemora aniversário JÚLIO SANTOS / FP PÁGINA 5 ENCARTE TENENTEPORTELA AGRICULTURA Verba recebida
ENCARTE
ENCARTE

TENENTEPORTELAAGRICULTURA

Verba recebida incentiva produção de sementes crioulas

MARCOS PANDOLFO / ASCOM

TENENTEPORTELA AGRICULTURA Verba recebida incentiva produção de sementes crioulas MARCOS PANDOLFO / ASCOM PÁGINA 6

PÁGINA 6

REGIÃOASSOCIATIVISMO

Associação das Câmaras Municipais da Região Celeiro reelege diretoria

DIV ULGAÇÃO

6 REGIÃO ASSOCIATIVISMO Associação das Câmaras Municipais da Região Celeiro reelege diretoria DIV ULGAÇÃO PÁGINA 4

PÁGINA 4

6 REGIÃO ASSOCIATIVISMO Associação das Câmaras Municipais da Região Celeiro reelege diretoria DIV ULGAÇÃO PÁGINA 4

22222

FOLHA POPULAR

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

EDITORIAL

Grandes perdas

Em uma semana o Brasil perdeu duas im- portantes f iguras que escr ever am a história

do país. Francisco Anysio de Olive ir a P aula Filho, conhecido como Chico Anysio, nasci- do em abril de 1931, foi humorista, ator, du-

pintor brasile i-

blador, escritor , c ompositor e

r o, notório por seus inúmeros qua dros e pr o-

“O sucesso da televisão é impos- sível de ser compa- rado ao literário. Um programa é visto por 75 milhões de telespectadores. Um livro é lido por 20 mil.”

milhões de telespectadores. Um livro é lido por 20 mil.” Chico Anysio -(1931-2012) • “Tenho conversado

Chico Anysio -(1931-2012)

“Tenho conversado seguidamente com muitos livreiros e de todos escutei o mesmo:

‘Seu livro coloca dentro da livraria gente que nun- ca tinha entrado numa’. Isto, para mim, é uma grande vitória.”

“O que me levou a esta atividade foi o fato de gostar de contar histórias, pois antes de tudo, o que eu faço de melhor é exatamente contar uma história.”

“Não tenho medo de morrer. Tenho pena.”

“Claro que eu tenho depressão. Tive seis mulhe- res, nove filhos e dez netos. Se eu não tivesse de- pressão, teriam de me internar, porque eu seria um psicopata.”

“As mulheres estão descobrindo que mulher é bom, coisa que os homens já sabem há séculos.”

gra mas humorísticos na R ede Globo, emis-

sora onde trabalhou por mais de 40 anos. E

Millôr

1923 e

e sc ritor e tradutor brasileiro. Escr itor ácido, que ma rcou pela s frases de impa cto e inte li- gência.

“Acreditar que não acreditamos em nada é crer na crença do des- crer.”

Fernandes, que na sc eu e m a gosto de

f oi desenhista, humorista, dramatur go,

FOTOS DIVULGAÇÃO

f oi desenhista, humorista, dramatur go, FOTOS DIVULGAÇÃO MillôrFernandes-(1923-2012) • “As pessoas que falam

MillôrFernandes-(1923-2012)

“As pessoas que falam muito, mentem sempre,

porque acabam esgotando seu estoque de verdades.”

“A maior vantagem da comida macrobiótica é que, por mais que você coma, por mais que encha o e stôm ago, está se mpre perfeita mente subalimentado.”

“Democracia é quando eu mando em você, ditadura é quando você manda em mim.”

“Inúmeros artistas contemporâneos não sã o

artistas e, olhando bem, nem são contemporâ- neos.”

“Não devemos resistir às tentações: elas po- dem não voltar.”

“Ninguém sabe o que você ouve, mas todo mundo ouve muito bem o que você fala.”

TEXTO DO LEITOR Com Chico Anysio o fascismo não sorria

Com o desaparecimentode ChicoAnysio, vale lembrar o dito rikiano de que “a fama é a soma de todos os equívocos em torno de alguém”? Ou esta- mos assistindo a grandes e justificadas homena- gens ao mais importante humorista das últimas

quatro décadas? Ciente da força corrosiva do hu- mor e da sátira, Chico criava personagens obstina- damente, talvez intuitivamente, sabendo que o jogo

da linguagem crítica é, em si, o jogo do espírito em

seu aspecto lúdico. A irreverência no trato com autoridades e seu refinado senso de resistência política o levaram a um intenso processo de cria- ção, como se não quisesse perder um só detalhe do que estivesse à sua volta. Operando com similari- dades e antíteses, captou, com sua lente fina, as luzes e o dia-a-dia do povo brasileiro, dos oligarcas aos estratos populares que não se curvam ao de- sencanto e à decepção. Do rádio à televisão, Chico

Anysio foi um perito em extrair de múltiplos deta-

lhes da nossa formação cultural significados preci-

sos, dissolvendo mitos e máscaras com o ácido sulfúrico da piada certeira e do sarcasmo. Como ninguém, ele soube fazer isso com ter-

nura, estranha ternura onde o lado amargo da vida

é plenamente resgatado pelo humor atordoante.

Há quem diga que, como os poetas, os humoristas

habitam um mundo em decomposição e decadên-

cia, mas o fazem de forma visceral, com arte feita do mais puro aço da reflexão e da lucidez crítica. Dotado de profunda consciência social, o cea- rense de Maranguape tem uma face pouco conhe- cida, que vai bem além do talentoso humorista, autor e compositor: a de um resistente que não se curvou às tentativas de cooptação dos setores gol- pistas aglutinados, nos anos 1960, na rede de pro-

Pesqui-

paganda geral e doutrinação do Instituto de sa e Estudos Sociais (IPES).

Conforme nos revela René Armand Dreifuss (1981: 248), “a elite orgânica se aproximou de inú- meros produtores, atores e diretores famosos de televisão, tais como GilsonArruda e Batista doAma- ral. Favorecia o uso de programas cômicos, quan- do possível. Rui Gomes de Almeida observava que uma piada contra um político provocaria um “dano enorme”. Negava, ao contrário, o apoio aos atores que não cooperassem ou agissem contra os pro- gramas, as linhas de raciocínio e as pessoas que o IPES patrocinava. Tal foi o caso do humorista Chi- co Anysio, sagaz observador da realidade social”. Na melhor tradição do humor de combate, ain- da que sem engajamento explícito, Chico não rene- gou princípios. Entendeu corretamente e cumpriu com competência a melhor missão do humor: a de fiscal mordaz e crítico visceral das estruturas do po- der. Na galeria de mais de duzentos personagens, há lugar de destaque para a velha oligarquia e parla- mentares com um profundo sentimento antipopular. Tudo operado com destreza e rara sensibilidade. Na ausência de herdeiros, o panorama, após sua morte, é desolador. Quadros do Instituto Millen- nium elegem o ódio de classe, a homofobia e a des- criminação de gênero como mote para piadas gros- seiras. Programas como Casseta & Planeta e CQC parecem restabelecer uma velha sina: no Brasil, homens que tiveram voos de águia ou condor aca- bam em incursões galináceas, saltando direto para o poleiro. Enquanto outros, ainda jovens, antecipam a hora do perjuro. Vai-se a multiplicidade que transfor- ma. Fica a vala comum do transformismo. Não es- perem perspicácia, iconoclastia irônica e imaginati- va. O que toma a cena como “humor político” nada mais é do que o fascismo que lhe sorri. Gilson Caroni Filho, colunista do Carta Maior

Quando ficamos um pouco mais refle-

xivos e esquecemos as atribulações diári- a s, inva riave lme nte nos faz emos a me sma pergunta: O que realmente nos importa? A resposta está sempre vinculada a um estado de espírito e, por isso, nem sempre será a mesma. Mas entre nossas diversas prioridades semp re estão a felicidade, o amor, a amizade, a liberdade, a dignidade e a paz, entr e outras inúmer as sensações e desej os humanos.

pa ra mim de pois de

Algum as vez es é im por tante um gole de ce rveja be m gelado,

c om er uma lasca de c arne , no ponto, dir e- ta do espeto. E sempre digo que “um gole gelado vale mais que uma caixa quente”. Outras veze s é de suma importânc ia tira r o sapa to, no final da tar de , e c oloc ar um chi-

DE OLHO NA IDÉIA O QUE IMPORTA

nelo confortável que deixe meus dedos se esparramarem em liberdade. Um chimar- rão aco mpanhad o d a legítima conversa fia-

da, ta mbém é algo que

t em relevo em min ha vida, mesmo que pare- ça algo tão simples e tão fácil de conseguir. Um banho de cas-

c ata, um jogo de bola, uma boa leitura e es- cutar alguma música boa também são coi- sas important es , assi m co mo es tar com amigos , pessoas verdadeiras que est ejam despossuídos de ma lda de ou r ancor e con- sigam entender que a franqueza não é no- c iva , mas uma for ma de apr oxima çã o dos

não é no- c iva , mas uma for ma de apr oxima çã o dos

*Felipe José dos Santos

verdadeiros e legítimos companheiros. Acima de tudo é de gra nde importâ nc ia em minha v ida, o ato de sonhar, desejar coisas melhores, dias melhores, pessoas melhores , mesmo que depois do so-

nho alguém volte a dizer que é utopia ou ingenuidade. Façamos ess a pergunta: Agora, nesse momento, o

que nos importa? O que te impor ta? Qual é

a coisa mais importante que passa pela ca -

beça de cada um de nós? Se fossemos fa- lar em uma hierarq uia de importâncias, qua l, de todas a s coisas, mais nos importa ? Se conseguirmos saber o que nos im-

port a, conseguiremos dar um bom pas so em dir eç ão ao e sc lar ec ime nto e nos a pro- xim ar em os de nossos a nseios m ais ver da- dei ros . Essa pode ser uma oport unidade para percebermos se o que es tamos fazendo é,

rea lmente, a quilo que que-

“pessoas verdadeiras que es-

tejam despossuídos de maldade ou rancor e consigam entender que a

franqueza não é nociva

”.

remos fazer ou é

aqui lo

que fazemos para cer o resto.

es que-

Enfim, pode ser, agora,

mais importante esquecer Então, que siga o baile!

*Advogado

FOLHA POPULAR

O jornal que você lê!

EmpresaJornalísticaPari Ltda.

CNPJ-MF:05.438.552/0001-08

Alvarán o 1053

R S

CEP:

Fone: (55) 3551.1608

folhaportela@gmail.com

www.fpop.com.br

www.folhaportela.com.br

R ua

Arac i,

47.

Tenen te

Po rtel a

-

98 500-000.

Direção Geral e Edição – Júlio Evaristo dos Santos Reportagem – Dalvana Berlatto Arte Gráfica e Diagramação – Cristofer Silveira.

Colaboradores:

Adriane Lorenzon, Cleber Tesche,Felipe José dosSantos, Jalmir Steffenon e Gilson Caroni Filho.

“As matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e, necessariamente, não refletem a opinião do jornal.”

Assinaturas:

Semestral:R$ 45,00, Anual: R$ 80,00, Correio R$ 170,00 Circulação: Semanal Impressão: Cia da Arte – Ijuí/RS. Fone: (55) 3332.7070

RepresentanteparaoBrasil:

Pereira de Souza & Cia. Ltda. | Fone: (51) 3311.8377 pereriradesouza.poars@terra.com.br

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012 FOLHA POPULAR 3 3 3

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

FOLHA POPULAR

33333

JÚLIO SANTOS / FP

de 2012 FOLHA POPULAR 3 3 3 3 3 “ JÚLIO SANTOS / FP CURTAS Aconteceu

CURTAS

Aconteceu na semana que pas-

sou reuniãoentre a Coordenadoria

e

acomissão de Defesa Civil para

deliberar sobre a viabilidade de contrataçãode um caminhão pipa que efetuará o serviço de abasteci- mento de água para consumo hu- manoe animal. Foidiscutidae apro- vada também, a suplementação de verba para adquirir combustível paratransporte e efetivadistribui- ção de água e matérias nas comu- nidades rurais do município.

 

A Amuceleiro realizou ontem, durante o fechamento da edição do Folha Popular, AssembleiaOrdiná- ria, no campus da Unijuí em Três Passos, onde foram discutidas questões de interesse daregião, e principalmente dos administrado- res municipais, tendo em vista o ano eleitoral. Confiramatériacompleta na próxima semana.

 

Depois de todo o prejuízo cau- sado pela estiagem na região, pa- rece que finalmente os benefícios serão repassados aos municípios

mais atingidos. Foi assinado na ter- ça-feira, 27, naSecretariaEstadual de Obras Públicas, Irrigação e De- senvolvimento Urbano, um convê- nio que trará para Miraguaí e ou- tros oito municípios R$ 80mil para

construção de redes de abasteci- mento de água.

a

Em ano eleitoral as coisas es- quentam nos partidos políticos. Pensando nisso, o promotoreleito- ral de Tenente PortelaSimão Baran Junior emitiu nota de recomenda- ção, que enfatiza aobrigatorieda- de de registro na Justiça Eleitoral de pesquisa de opinião pública.Está claro que serão aplicadas multas e há possibilidade de detenção, em caso de pesquisa fraudulenta.

 

Mesmo estandocom muitos jo- gadores lesionados, aduplagrenal encontra-se na primeira colocação em seus grupos. O Grêmio goleou o

Avenida na quinta-feira e o Inter

empatou com o Lajeadense

na quar-

ta. Veremos como se sairão nos pró- ximos confrontos.

Muitas melhorias serão realizadas no Parque Florestal Estadual do Turvo até o final de 2012

Leandro Stringari, chefe do parque, falando das melhorias e verbas que foram destinadas para mobiliar o Centro de Visitantes e instalar atorre de comunicação e internet.

JÚLIO SANTOS / FP

atorre de comunicação e internet. JÚLIO SANTOS / FP Após a construção do Centro de Visitantes,

Após a construção do Centro de Visitantes, que será inaugurado em abril no Parque Estadual Florestal do Turvo, foi liberada uma verba no dia 21 de março, de R$ 28 mil, para mobiliar o Centro e instalar uma torre de rádio, com o objetivo de melhorar a comunicação entre os parques eunidades deconserva- ção permanentes do Estado. “Muito está sendo realizado para melhorar a infraestrutura eacolher visitantes”, afirma Leandro Stringari,chefe do parque.

HUMOR
HUMOR

É graça divinacomeçar bem. Graçamaior persistir na caminhadacerta. Mas graçadas graças é não desistir nunca.

Dom Hélder Câmara

DIVULGAÇÃO

é não desistir nunca. Dom Hélder Câmara DIVULGAÇÃO Trote Solidário é realizadonaCNEC Umas das atividades do

Trote Solidário é realizadonaCNEC Umas das atividades do trote aos alunos novos da CNEC foi uma ação social de doação de alimentos para o Hospital Santo Antônio. Na segunda-feira, 26, as atividades recreativas foram realizadas na escola com acompanhamento dos professores,constituindo-se de brincadeiras,can- tos de exaltação para os veteranos do 3º ano, gincanas, etc. Conforme a diretora da escola, professora Vera Lúcia Stein,houve a partici- pação de todos, curtindo com alegria e descontração aintegração dos alunos.

FRASES

Tudo o que um sonhoprecisa para ser realizado é alguém

que acredite que ele possaser realizado.

Roberto Shinyashiki

*Sugira, critique, colabore com “O O bservador”. Esta coluna só existe pelo e par a o leitor. Mande cartas, telefone par a a r edação ou envie e-mail para folhaport ela@gmail.com

só existe pelo e par a o leitor. Mande cartas, telefone par a a r edação
só existe pelo e par a o leitor. Mande cartas, telefone par a a r edação

44444 FOLHA POPULAR

Geral

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

REGIÃOASSOCIATIVISMO

Gildo Martens continua na presidência da Acamrece

O correu no sábado, 24, no mu- nicípio de Santo Augusto, a eleição e posse da nova di-

retoria da Associação das Câmaras Mu-

nicipais da Região Celeiro (Acamrece). Par ticipa ram da Assem bléia o prefeito municipal de Santo Augusto Alvorindo Pólo, o prefeito e presiden-

te da Rota do Yucumã Almir Bagega

e os deputados estaduais Ernani Pólo,

Aloísio Classmann e Zilá Breitenbach.

O deputado federal Jerônimo Goer-

gen foi representado por seu assessor

parlamentar Hermes Ienerich. Conf or me explic a o presidente Gildo Martens, a Acamrece é o elo

DIVULGAÇÃO

o presidente Gildo Martens, a Acamrece é o elo DIVULGAÇÃO Devido aos bons trabalhos desenvolvidos, a

Devido aos bons trabalhos desenvolvidos, a Acamrece reelege diretoria

de ligação entre os poderes, que visa unir f or ças para alcança r vitór ia s.

“S om os a voz do povo da Re giã o Celeiro”, finaliza.

Elogiadapelatransparênciaeseriedadequevemmantendoano

apósano,aatualdiretoriafoinovamenteeleita:

Presidente:GildoMartens-Derrubadas 1ºVicePresidente:Adelino Shmalz- SedeNova 2ºVice Presidente: Oldemar Holzlechner -Três Passos Secretário: Ademar Andolhe- Braga 2ºsecretário: Márcia Müller – Tenente Portela Tesoureiro: DarciMarioRigo- Derrubadas 2ºTesoureiro: Moisés Correia Medina -Crissiumal Conselho Fiscal: Luis Bertolo- SantoAugusto

Conselho Fiscal: Valdemar Alves da Silva – Bom Progresso Conselho Fiscal: Paulo Antônio Schwade - Humaitá Suplente: Egon Aloísio Ludwing - São Valério do Sul Suplente: Hélio Huppes - Esperança do Sul Suplente: FelipeRodrigues - Miraguaí Conselho Deliberativo: Leodomir Wiebling – BomProgresso Conselho Deliberativo: Gelso A. Knorst - São Martinho Conselho Deliberativo: Osmar Viana dos Santos - Redentora Suplente Cons.Delib.: Eder Both - Chiapetta Suplente Cons.Delib.: Caroline dos Santos - Miraguaí

TENENTEPORTELALEGISLATIVO

Nova Câmara de Vereadores será construída

CRISTOFER SILVERIA / FP

de Vereadores será construída CRISTOFER SILVERIA / FP O terreno está localizado entre a Delegacia e

O terreno está localizado entre a Delegacia e a Emater/Ascar

da Assem-

bleia Legislativa aprovou na quinta-fei-

A Comissão de Finanças

“Vamos nos mobilizar para garantir o encaminhamento do projeto, pois ao va-

nhou o projeto e manteve contato com

o deputado Fernandes. “Já estávamos

à procura de um local para a constru-

ção da sede, porém, encontramos difi-

culdades devido à onerosidade. Foi então que o vice-prefeito nos indicou o terreno entre a Delegacia de Polícia e

a Emater/Ascar, que pertencia ao Es-

tado. Foi um processo rápido. No final de 2010 Scherer encaminhou o projeto ao deputado. Agora, só precisamos da sanção do governador para que nosso sonho se realize. Creio que em aproxi-

madamente 2 meses a questão buro- crática estará resolvida, com o terreno no nome da Prefeitura Municipal, para iniciarmos as obras”, diz Elenir.

ra,

22, por unanimidade, o Projeto de

lorizarmos o legislativo estamos fortale-

 

O

P oder Legislativo por te le nse

Lei 323/2011 que autoriza o Estado a

cendo a democracia”, diz o deputado.

possui um orçamento de R$ 74 mil para

doar uma área de 484 m² ao município

Após oparecer daComissão, o pro-

ser utilizado na construção, que segun-

o

apoio de todos os colegas vereadores

de

Tenente Portela, para a construção

jeto foi aprovado na terça-feira, 27,

pela

do a presidente, deve iniciar ainda no

da

Câmara Municipal de Vereadores.

plenária da Assembléia Legislativa.

primeiro semestre de 2012. “Agrade-

Conforme explica o deputado Jefer- son Fernandes do PT, foi grande o empe- nho do vice-prefeito de Tenente Portela,

De acordo com Elenir de Carli, presidente da Câmara Municipal de Ve- readore s, o mérito da aprovaç ão do

ço ao Scherer e ao Jeferson pelo em- penho na aprovação do projeto e peço

Claudenir Scherer, para a propositura do projeto, que agora conta com aliados.

projeto deve ser de Scherer, que indi- cou o local para construção, encami-

para a realização deste nosso sonho”, finaliza a presidente.

a realização deste nosso sonho”, finaliza a presidente.   SÍNTESE DA SESSÃO ORDINÁRIA REALIZ ADA
a realização deste nosso sonho”, finaliza a presidente.   SÍNTESE DA SESSÃO ORDINÁRIA REALIZ ADA
  SÍNTESE DA SESSÃO ORDINÁRIA REALIZ ADA NO DIA 2 6/03/2 012 .    
 

SÍNTESE DA

SESSÃO

ORDINÁRIA

REALIZ ADA

NO

DIA

2 6/03/2 012 .

 
 

Reu niram-se

 

os

Veread ores

da

Câmara

Mu nicip al

d e

Veread or es

de

Tenent e P orte la,

 

às

dezen ove h oras, em Sessão Or dinária n o d ia 26 de

março d e 2 012 , com as segu in tes presenças:

Vere ado ra Presiden te ELE NIR TEREZA DE CARLI/P P; Veread ora Secretária, LUISA SILVA DE J ESU S/

PSDB e Vereado res (as) NATANAEL DINIZ DE CAM POS/PD T ITO MAR ORTOLAN/PM DB, LAURO ANTÔ- NIO BRUN/PT CLAUDIO CARBONI/PDT ILDO SCAPINI/P CdoB, MARCIA MUELLER/PDT e MARICLEIA PUN- TEL/P MDB. Havend o n umero legal de Ver eado res em Ple nário, a Presidê ncia em no me de Deus abriu os

trab alhos,

sau do u

o s Verea dor es

e

o

p úblico

pr esen te.

Em segu id a de terminou

a

leitura , d as

correspo nd ências

 

receb id as

p ela

Casa.

 
 

Dand o pr osseg uimento a

Sessã o

deu

se in ício

ao esp aço do s Req ueriment os e Pro po sições

do

s Vereadores

(as),

que

são os

se guint es:

 
 

Do Ver eador Laur o Antonio Brun:

1 – Indicou ao Po der Executivo, p ara qu e jun tamen te co m

a

Secreta ria

Mun icipal

de

Serviço s Ur ban os,

d a n ecessid ade

d e con str ução

 

de

u ma

ramp a

 

d e

acesso à

desta for ma esta dificu lt ando o acesso dos

Igr eja

d o Ba irr o Perimetra l,

uma

vez

q ue

fiéis.

a

2

d e In dico u

o bra

calçamen to aind a não

par a

o

P oder

est a co nclusa,

qu e

det

ermin e

p ara

a

Secretaria d e Ob ras a recu peração d a est rada

qu e

d a acesso

Execut ivo p ara a pr opr ied ade

 

do

Senh or Fran cisco Ca rdo so , popular Chico ,

lo ca lizada

n a

Lo calida de

de Alto Alegr e, justifico u o

vereado r pro po nen te q ue em dias de chu va

o camin hão

q ue

tran sp orta

 

o

leit e, não

co ns egu e

chega r na p ro priedad e do mesmo. 3 – S olicitou a Mesa Dir etor a da Casa par a qu e fosse enviado

corres po nd ência ao

Direto r d o

pr esídio do Mu nicíp io

d e Três

Pas so s,

co nvidan do o mes mo para

par

ticipar de

uma sessão plenár ia

á

fim de

fazer u ma explana ção

d o p resíd io

reg io nal, ju st ificou

o

ve reado r q ue tal solicitação tem o objetivo de co nscien tizar os joven s em especialme nte para

evita r

o

uso

da s dro gas

e

su as con seq üên cia.

(agu arda d eferimento ).

 
 

Da Vereador a Luisa Silva de Jesus:

1 – Solicitou ao Poder Executivo , para qu e junt amente co m

a

Secretaria Mun icipal

de

Serviços Ur ban os, seja to mada s pr ovid ências q uan to à

con str ução d e

calçamen to n a

Ru a

Sete

de Se tembr o,

pró ximo

ao

Po stã o.

 
 

Dos Ve reador es(as) N atanael, Elenir M arcia, M aricle ia e Luisa: 1 – Solicitaram p ara que fosse

encaminh ada correspo nd ência p arab eniza ndo a

Esco la

Sep é Tiaraju,

d est a cidad e,

p ela

passa- 2 012 ,

gem de seus vinte

e oito

ano s de exist ência,

co memora do no ultimo d ia 19

 

de

março

 

de

tran smitind o o

reconh ecimen to

do

P od er

Leg is lat ivo

Mu nicip al

de

Ten ent e

Po rtela

d ireção ,

pro

fes so res,

fun cion ários e

alu no s

des te e ducan dário . Est a p rop os ição

fo i

 

su bs crit a

a p elo s

demais

vereado res

da

Casa.

 
 

Da Verea dora M aricleia P unte l:

 

1 – Solicitou para que fosse encaminh ada co rrespo ndência

par

a

a

Senh or a Vera

Lu cia Cost a, Con selheira Tu telar d o no sso Mu nicípio,

convida ndo –

a

para

compa recer em u ma Sessão Or dinária, p ara fa zer um

relat ório a esta Casa

Leg islativa , qu anto as

dificu ld ade s

existen tes

no

Mun icípio

em

re lação

as

crianças

e

ad olescent es,men cion adas

 

na

aud iên cia P ública

 

realizad a no

dia 23

 

de ma rço

no

Ce ntro Cu lt ural, pr in cip almen te n o to cante

a

Legislação Mun icipal r elat iva a ambientes que po ssibilitam jo gos a esse pú blico . Este solicitação

foi

su bscr ita

p elo

ver eado r

It omar e

 

Luisa.

(agu ard a deferimen to).

 
 

Do Ver eador Ildo Scapini: 1 – Solicit ou ao Prefeito Mu nicipal para qu e o mesmo deter min e ao

Secretário d e O bras Moisés Fab er, q ue o mesmo inf orme a est a Casa o mo tivo pelo qu al aind a n ão

foi

co ncluída a

po nte

localizad a n a

Linh a

do

Mo in ho , p róximo

a

pro prieda de

da família Stu m,

seg un do o

ver eado r pro po nen te a obr a foi planejada em p arceria co m o mun icípio de Derr ub adas,

sen

do

qu e

o

mes mo já

co lo cou

as qu atro

vigas ,

fez as

cab eceiras

n os

do is

lad os da

po nte

e

o

no

ss o mu nicíp io as su miu

o co mpro miss o d e colocar

as p ran ch as ,

mas

até

o

momen to não

o

fez

e

já se passou

oito meses e as pessoas estã o esperan do a con clu são . 2 – p arab enizou a Secret ária

Mun icipal

de

Edu ca ção B elo ni

Zerbiéli pelo excelen te t raba lh o qu e vem desempen had o co m sua

equ ip e

de

trab alh o

n a

con du ção

da

edu cação

em

n oss o

Mun icípio,

s uger iu

ainda

o veread or

pro po nen te,

de

qu e,

a lem

d as crianças b eneficia das co m

o

pro je to de

d istribu ição

de ab rig os,

par

a

q ue

també m seja

est end id o para

os

pro fessore s e fu ncionár io s da

red e mu nicipa l.

Por fim

so

licit ou p ara

q ue

seja

info rmad o a

 

esta Casa,

in for mações r eferen te ao p rojeto

apro vado

em

201 1, par a aqu isição

de

n oteb oo k p ara alun os

da red e mun icipal,

se

os

mesmos f oram ad qu ir id os

e

dist ribuído s ao s mesmos.

3

So licito u ao

Prefeito

Mun icipal

par a

qu e

o mesmo designe a

Secretária Mu nicip al d e Administ ração Su zer li Bo not to, p ara qu e seja en viad a esta Casa Leg islativa

cópia d e

tod os

os

con vên io s a ssin ado s em 2 012 , co m ent id ades espor tivas, cultur ais e recreat ivas

na

qua l

receberão

recu rso s

do

Pod er Execut ivo

du rant e

o

ano

de

20 12.

Es ta

pro po sição f oi

su

bscr it a p ela veread ora Maricleia.

4 – So licito u par a que fosse encaminh ada corr espondência a

RBS

TV,

DE San ta

R osa,

su gerind o

para

qu e

na

pro grama ção

local

de

esp orte s,

seja

in cluída

matéria da Eq uipe

Un ião

Fr ederiqu ense de Fred erico W est pha len . Ju st ificou o

ve reado r

qu e

em

Tene nte

Port ela

 

e

os

demais

mu nicípio s

da

Micro-r egião,

e xist em

at leta s

atua ndo

n a

equipe

Freder iq uen se e qu e at ualment e só p od em aco mpan har os resultad os atr avés dos jor nais ou

rád io s,

visto q ue

a

r egion al d a

RBS , q ue

faz

a cob ertu ras

em Fr ederico, per tence ao

Mun icípio d e

Passo Fun do e

não

é

sint onizada em nossa reg iã o.

 
 

Da Vere ador a M ar cia Mueller:

1 – So licito u par a que fosse encaminh ada correspo ndência,

par

aben izan do a

 

d iretor ia d a ACAMR ECE,

(Associação d as Câmaras

da

R egião Cele iro ),

que

f oi

recon du zida

ao carg o no

ultimo d ia

2 4 d e

março,

ten do

co mo p resid ente, o atual veread or Gildo

Mart ens do Mun icípio d e Derru bad as. 2 – So licito u para que f osse en ca min hada correspo ndência,

ao Dep utad o Estad ual Paulo Azered o, ou vid or da Assemb lé ia Legislativa do RS, agr adecend o o

mesmo p or ter se d ispo nibilizado a vir a Tenen te

Port ela e

ter

realiza do, através d a o uvido ria , uma

Audiên cia Pú blica

 

em

no sso Mu nicíp io , n o d ia

2 3 março , com

a

p articip ação d e

repr esen tant es d e

diverso s Órgã os, dos Mu nicípio s que fazem pa rte da Reg iã o da gr ande Ten ente Portela, abordan-

do

a

qu estão d a

 

Segu rança Púb lica n a R egião.

 

Do Ve reador Itomar Ort olan: 1 – So licit ou ao P oder E xecu tivo , p ara qu e o mesmo d etermine

par

a

a

Secretar ia

 

Mu nicipa l de

Serviço s Urb ano s: a )

Para

q ue

seja elabo rado

estu do para

a

co nstru ção

de

ca lçamen to na

Ru a

It apema.

b)

p ara

q ue

seja

efetua do a

tro ca d as lâmpad as

qu

eimad as

n a

R ua

 

e

Ru a

c) S olicitou para

qu e seja elaborado estudo par a a

constru ção

de

u m

Gua po ré calçad ão

n a

Tapu ia s. Aven id a

Itapiran ga

p assand o

at é

o

lo teamen to

Peleg rin i,

 

o

vereado r p rop one nte justifico u tal so licit açã o pelo mo tivo do cr escimento da cidad e esp ecialment e

ju

nto

a

est e

lo teamen to,

muitas

cria nças

se

deslo cam

camin han do

até

a

esco la

e

com

 

a

constru ção deste calçad ão evitaria o risco d e ser em a trop eladas. E sta p rop osição foi su bscr ita p ela

vereado ra

Ma ricleia.

 
 

Do Ver eador Na tanael Diniz de Ca mpos: 1 – Solicit ou pa ra que fosse encamin hada cor respon-

dên cia, parabenizando a direção,

pro fessor es e alu no s da Escola M unicipal de Ensino Fundamen-

tal Ayrto n Sen na

 

de

Tenen te P orte la, p ela iniciativa d e p rop orcion ar ao s

alu no s

do

ano , uma

visit a ao Consór cio Intermu nicipal de resíduo s sólido s, n o município de Seberi, viag em esta vem

so

mar, jun to ao P rojeto Cid ad ania, d esen volvid o pela esco la, qu e tem po r ob jetivo resgat ar valo res

relacio nados com a con scientização e sensibiliza ção da Comu nidade escolar, so bre a import ância

da

sep aração

corret a e

d est in o

adeq uad o d o

lixo,

ap rend end o

desta fo rma,

co mo

é

feit o

a

sep

aração e

destino

do

lixo

r eco lh id o

em

Tenen te P ortela.

 
 

Espaço da

Ordem do Dia:

 

Pro

jet os

q ue

deram

en trad a

n a Casa

:

 

Pr ojet o de Lei

nº. 0 17 /2 01 2 Qu e

in clu i d is po sitivo

na

LDO e

no

PPA, au to riza a ab ertu ra

 

d e

crédito

e

d a

ou tras

p rovidên cias. Est e pr ojeto

foi

ba ixad o p ara

a

Co missão d e Ju stiça e R edação

par

a

estu dos.

 

Pr ojet o de Lei nº. 019/2012 Qu e co ncede revisã o gera l,

alt era pad rão d e r eferen cia

 

do p la no

de

car reir a d o mag istério

visand o assegur ar o

piso n acio nal do

mag istério e da

ou tras pr ovidên-

cias.

Este

pro jet o

foi

b aixad o

par a

 

a

Comissão

de

Edu caçã o,

Sa úde

e

Meio

Amb ien te

para

est ud o s. Pr ojet o de

 

Lei nº. 0 20 /20 12

Qu e

fixa vencimento s do s ag entes

de end emias

e

d a

ou tras

pro

vid ências.

Es te

pro je to fo i b aixad o pa ra

a Co mis são

de Ed ucação, Saú de e Meio Ambien te para

est ud o s.

 
 

Pr ojet o de Lei nº. 0 21 /2 01 2 Que au tor iza reajuste salarial ao s agen tes co munitár io s de saúd e

e

d a

o utr as

pro vid ência s. Este

pro jet o f oi

b aixad o p ara

a Comissão de

Edu cação, Sa úde

e

M eio

Ambiente

par a

estud os.

 
 

Projeto de Le i nº. 0 22/20 12 Que fixa os su bsídios do s membros do Con selho Tut elar e da ou tras

pro

vid ências.

Est e p rojeto

fo i baixado

p ara

a

Comissão de

Justiça e

Red açã o p ara

est ud os.

 
 

Pr ojet o de Lei nº. 0232012 Q ue dispõe so bre deno min açã o de rua s e da ou tras providên cias.

Est

fo i baixado

pa ra

a

Ju st iça

e Red ação para estud os.

 
 

e p rojeto Pr ojeto

Co missã o d e 003 /2 01 2 de

de Lei Le gisla tivo nº.

auto ria do Veread or Ildo Scap in i, q ue

torn a o briga-

tór

ia

a constru ção d e reservató rio

pa ra a cap tação

das

águ as em edifica çõ es novas no

Mu nicíp io

de

Tenen te Por tela e da

ou tras pro vid ências. Este p rojeto

fo i b aixad o p ara

a

Co missão d e Justiça

e

Red ação p ara

 

estu do s.

 
 

O

Vereador Laur o Ant ônio

Bru n,

Lider da

Bancada do

PT,

r eque reu

a

M esa

Direto ra dos

Tra

balho s,

com

fun damen to n o

art ig o

11 0

do r egimento

In tern o

da

Casa ,

a

ret irad a

da

p auta

desta sessão o

Nad a

ma is

pro jet o h avend o

de Lei

par a

a

d o

Execu tivo n º 01 2/12 , Req ueriment o aca tado

p resente

Sessão , a

Presidên cia

agr adeceu a

p ela pr esen ça

Presidência.

d e

t od os

e

em no me

de Deu s,

às

vin te

e uma

hor as e

t rin ta minu tos

encerr ou o s t rabalh os, S ecret aria

 

da

Câ mar a de Ver eador es

de Tenent e Port ela , em

2 6 de

março d e 2 012 .

 
 

Vo

ain da

p od erá

acessar o

site www.camarap or tela .co m.b r p ara o bter

maio res

 

in forma-

ções d o Leg islativo

M unicip al d e Tenen te Po rtela.

 
 

Editado pela Câmara de Veradores

 
ções d o Leg islativo M unicip al d e Tenen te Po rtela.    

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

Geral

FOLHA POPULAR

55555

APEDIDO

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIODEMIRAGUAÍ REGISTRO CIVILDASPESSOASNATURAIS EDITAL DE PRO CLAMAS: Nº 16 90

LIVRO: D-9

ANO: 2011

FOLHA: 91

Bel. Rogério Luis Rutzen -Registrador, Oficialdo Registro Civildesta Cidade de Miraguaí, RS, fazsaber quepretendem

FAGUNDES e LUCIANA VIEIRA DA CRUZ.

ELE,naturaldesteEstado,nascido em Dona Francisca,em04/07/1988, agricultor, solteiro, domiciliado eresidente na

Rua Herrmann, sn, Bairro Irapuá, casa, nesta cidade, filho deNariolino Fagundes, nascidoem data ignorada, operador de máquinas ede RosaneRosa, nascida em data ignorada, agricultora, ambos brasileiros, naturais deste Estado, domiciliados

e residentes na Rua Herrmann, sn, Bairro Irapuá, casa, nesta cidade.

ELA, natural desteEstado, nascida emBraga, em 29/09/1995, agricultora, solteira, domiciliada eresidente naRua Herrmann, s/n, Bairro Irapuá, casa, nesta cidade, filha de Nelci de Lima Cruz , nascido em27 de janeiro de 1969, agricultor

e de Cleusa deFátima Boss Vieira,nascida em 14 de setembro de1974, agricultora, ambosbrasileiros, naturais deste

Estado, domiciliados e residentes na RuaHerrmann, sn, Bairro Irapuá, casa, nestacidade. Apresentaram osdocumentos exigidospelo artigo 1.525 incisos I, II,III eIVdo CódigoCivil. Se alguémsouberdealgumimpedimento, oponha-o na forma da lei. Lavro o presente para ser afixadono lugar de costume neste Serviço epublicado pela imprensa local. Euqueolavrei,conferi, doufée assino.

Miraguaí, 22 de marçode 2012.

casar-se: NAURO ROSA

Jordana da Silveira Rutzen Substituta

APEDIDO EDITAL Nº. 0 24, DE 2 7 DE M ARÇO DE 2 012 .
APEDIDO
EDITAL Nº. 0 24, DE 2 7 DE M ARÇO DE 2 012 .
CONVOCAAPROVADOS NO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADONº. 017/2012EDÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
CLAIRTONCARBONI, Prefeito Municipalde Tenente Portela- RS, no uso dasatribuiçõesque lheconfere a Lei
OrgânicaMunicipal, combinado com odisposto nas normas reguladoras, conformeLei Municipalnº. 1.967, de27 defevereiro
de 2012, que Declarasituação de caráter excepcionalprevista no artigo 37, IXdaCF/88 eautorizacontratações temporárias edá
outras providências, doProcesso Seletivo Simplificado nº 017/2012, coma respectivaordemde classificação; CONVOCA
oscandidatos abaixo relacionados para proverem os cargos de motorista, no horário elocal infra mencionado, sobpena do
perdimento da vaga correspondente, nos termos do Edital do Processo Seletivo Simplificado, devendoapresentar a documentação
exigidano momento dacontratação.
Prazo: a partir do dia 02 a 05 de abril de 2012, das 9 horas às12h00min e das 13h30min às 16h30min.
Local: Departamento de Pessoal da Prefeitura Municipal de Tenente Portela, situada na Praça Tenente Portela, nº. 23.
COLOCAÇÃO
INSCRIÇÃO
NOME
0
09
Herve José Piz zutti
0
03
Oneide Mull er
0
15
Rudinei Da vi s
0
10
Neur i Mi lnike l
0
02
Ozi el Do ug la s d e So uz a
0
06
Ma ur o R o d rig u es d a Silv a
0
11
En iv a ld o T ri nd ad e d e Fr ei tas
Gabinete doPrefeitoMunicipaldeTenente Portela, 27 demarço de2012.
CLAIRTON CARBONI
Pr efeit o Municipal
Registre-se ePublique-seem 27de março de 2012.
Suzerly Fátima Bonotto, Secretaria de Administração e Planejamento.

APEDIDO

DIVULGAÇÃO Maria Ivone Gheller, Nós testemunhamos asuadedicaçãoe persistência parachegar àeste momento. Por
DIVULGAÇÃO
Maria Ivone Gheller,
Nós testemunhamos asuadedicaçãoe persistência parachegar àeste
momento. Por isso, lhe desejamos muito sucesso em sua carreira.
Parabéns pela sua formatura!
São os votos dos colegas do Centro Cultural de Tenente Portela
os votos dos colegas do Centro Cultural de Tenente Portela BARRA DOGUARITA ANIVERSÁRIO Muitas atrações comemoram
os votos dos colegas do Centro Cultural de Tenente Portela BARRA DOGUARITA ANIVERSÁRIO Muitas atrações comemoram

BARRA DOGUARITA ANIVERSÁRIO

Muitas atrações comemoram aniversário do município

A festa de comemoração do ani- versário da Barra do Guarita ocorreu no domingo, 25, com

muitos atrativos. Iniciou pela manhã com a Cavalgada Costeira, que está na sua segunda edição, sendo recep- cionada pela comunidade de Nossa Senhora dos Navegantes, onde foi re- alizada uma homenagem aos cavala- rianos, que receberam o troféu Fibra Farrapa. Após, foi realizado o 4º Cam- peonato de Bocha e de Bolãozinho. De tarde, a Administração Municipal entregou 6 veículos novos, 5 de pas- seio e 1 van, para a Secretaria de Saú- de e foi inaugurado o asfaltamento da Avenida Salgado Filho. Conforme or- ganizadores do evento, aproximada- mente 2 mil pessoas prestigiaram os 20 anos de emancipação político-ad-

ministrativa do município. De acordo com o prefeito César Tadeu Paier, foi o maior evento da história do município. “Muitas pesso- as prestigiara m as come moraç õe s, que sem dúvida, vão ficar registradas na história de Barra do Guarita. Além das comemorações que incentivam o nosso desenvolvimento, já defini- mos prioridades que serão executa- das até o final de 2012. Vamos asfal-

CLÓVIS / OESTEMANIA.NET

até o final de 2012. Vamos asfal- CLÓVIS / OESTEMANIA.NET A segunda Cavalgada Costeira inicia comemorações

A segunda Cavalgada Costeira inicia comemorações

tar no distrito de C apoeira Gra nde, toda a extensão da Avenida Getúlio Vargas até o Clube Palmeiras. Tam- bém será asfaltada a Avenida Saran- di, do Porto da Barca até o entronca- mento da Avenida Tenente Portela, que receberá nova iluminação e novos pas- seios. Nosso objetivo é transformar em cartão postal a chegada do município via Santa Catarina”, diz o prefeito. Paier confirmou obras nas escolas municipais: na Novo Horizonte a qua- dra poliesportiva será coberta, cercada, iluminada e receberá a colocação de gramado sintético, e na General Amé- rico de Moura, da Esquina Jaboticaba,

será realizada a construção de uma quadra de esportes coberta. “Tenho muitas melhorias para a população gua- ritense. Está garantido também o abas- tecimento de água potável para o meio rural, nas localidade de Jaboticaba, Ja- buriti e Flor da Serra. Vamos construir 80 novas moradias em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores Rurais e receber um rolo compactador, uma re- troescavadeira e mais um trator agríco- la. Temos muito a comemorar pelas conquistas obtidas. Queremos melho- rar ainda mais, porque acreditamos que nossa comunidade é formada por pes- soas de bem”, finaliza Paier.

VISTAGAÚCHAADMINISTRAÇÃO

Convênios possibilitam execução de projetos

DIV ULGAÇÃO

Convênios possibilitam execução de projetos DIV ULGAÇÃO Verbas dos contratos serão liberadas nos próximos dias Na

Verbas dos contratos serão liberadas nos próximos dias

Na semana que passou, o prefei-

to de Vista Gaúc ha Claudemir José Loca telli e steve em P or to Ale gre, em ór gãos do Estado, com o intuito de assinar convênios para benefici- ar o município. No Ba desul Desenvolvime nto o mandatário assinou a liberação de recursos para realizar obras de pavi- me ntação asfáltica e sina lização vi- ária. O montante liberado para finan- ciar a pavimentação de 8.622,38 m² em ruas da cidade corresponde a R$ 400 mil.

S aú-

de (F unasa) f oi assina do convê nio para elaboração de Projeto de Sane- amento Básico com licenciamento ambiental no valor de R$ 113 mil.

Na Funda ção Naciona l de

de Projeto de Sane- amento Básico com licenciamento ambiental no valor de R$ 113 mil. Na
de Projeto de Sane- amento Básico com licenciamento ambiental no valor de R$ 113 mil. Na

66666 FOLHA POPULAR

Geral

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

TENENTEPORTELAAGRICULTURA

Município recebe R$100 mil do Mapa para agricultura familiar

DIVULGAÇÃO

R$100 mil do Mapa para agricultura familiar DIVULGAÇÃO Projeto foi apresentado na Superintendência do Mapa em

Projeto foi apresentado na Superintendência do Mapa em Porto Alegre

O município de Tenente Porte la recebeu do Ministério da Agri- cultura Pecuária e Abasteci-

mento (Mapa) o valor de R$ 100 mil, que será investido na agricultura fa- miliar. O recurso é destinado para pre- serva r variedades de milho crioulo e fomentar a cadeia produtiva do milho conve nc ional. O projeto encaminhado ao Mapa

foi ela bora do pe lo De par ta mento do Meio Ambiente e Desenvolvimento Ru- ral (Dmard), com articulação do vice- prefeito Claudenir Scherer, que o en- viou à Superintendência do Ministério no Estado e na Capital Federal. O pro- jeto vai subsidiar o plantio de 1 hectare de milho para 220 famílias, com o for- necimento de sementes e insumos. De acordo com Marcos Pandolfo,

diretor do Dmard, “o projeto foi apro- vado devido à relevância do tema e ao reconhecimento do trabalho que vem sendo realizado no município, que pre- serva variedades crioulas. A parceria estabelecida com a Superintendência Federal da Agricultura no Estado e a articulação do vice-prefeito em Brasí- lia foram decisivas para garantir o re- curso”, salienta Pandolfo.

MIRAGUAÍ DESENVOLVIMENTO

Agroplanta inicia recebimento de cereais no município

A empresa Agroplanta iniciou suas atividades na quinta-feira, 29, com o recebimento de cereais na nova unida- de construída no Irapuá, em Miraguaí. De acordo com a direção da empresa,

para marcar o início do recebimento de

sacas. O

grãos f or am entr egue s 219

recebimento funciona das 08 às 24h. A instalação de uma unidade de re- cebimento de grãos da Agroplanta, que tem sua matriz em Tenente Portela, foi

viabilizada através da iniciativa da Ad- ministração Municipal de Miraguaí, que intermediou sua instalação, realizando obras de terraplanagem. O prefeitoAlencar JulioGross pres- tigiou o início das atividades da nova empresa. “A unidade de Irapuá além do recebimento de cereais, comerci- alizará insumos, visando melhor aten- der os agricultores do município e da região”, afirma o prefeito.

DIVULGAÇ ÃO

município e da região”, afirma o prefeito. DIVULGAÇ ÃO Administração incentiva empresa a se instalar no

Administração incentiva empresa a se instalar no município

município e da região”, afirma o prefeito. DIVULGAÇ ÃO Administração incentiva empresa a se instalar no

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

Saúde/Educação

FOLHA POPULAR

77777

REDENTORASAÚDE

Secretaria de Saúde participa de capacitação do PIM

A Secretaria Municipal de Saúde de

Redentora realizou na

palestra sobre Período Gestacional aos visitadores do programa Primeira Infân- cia Melhor (PIM). Ministrado pela enfermeira Verôni- ca Cordeiro Machado, o encontro traba- lhou as mudanças e transformações fí- sicas e psicológicas que ocorrem duran- te a gestação, como o desenvolvimento do feto, a diferença entre os partos nor- mal e cesárea, direitos da mulher, ali-

se xta-feira , 23,

mentação e prática de atividades físicas durante a gestação, cuidados com o re- cém-nascido e aleitamento materno. A capacitação contou também com atividades dinâmicas e interação entre

a palestrante e os participantes. De acordo com Verônic a, progra- mas de educação continuada e capaci-

tações fortalecem o conhecimento e a troca de saberes. “Trabalhos como este contribuem muito no dia-a-dia, quando

é necessária a prática”, salienta.

DIVULGAÇÃO

quando é necessária a prática”, salienta. DIVULGAÇÃO Visitadores do PIM recebem orientação sobre pré e

Visitadores do PIM recebem orientação sobre pré e pós-gestação

DERRUBADASSAÚDE

Convênio garante aquisição de ambulância para município

Durante visita à Secretaria Estadual de Saúde, em Porto Alegre, na quinta- feira, 22, o vice-prefeito de Derrubadas, Alair Cemin, assinou o convênio para aquisição de uma nova ambulância para a Secretaria de Saúde do município. De acordo com Cemin, os valores destinados para a compra do veículo são de R$ 120 mil, sendo R$ 80 mil do Go- verno Estadual e R$ 40 mil de contra- partida da Administração. “Este veículo

servirá para o deslocamento de pacien- tes de forma rápida e eficiente. A Secre- taria já dispõe de uma ambulância em perfeita s condiçõe s, ma s com algum tempo de uso. Devido à importância do atendimento na área de saúde, é neces- sária a modernização da frota, tendo em

vista as urgências e emergências a que estes veículos são submetidos, justifican- do-se assim os investimentos”, explica

o vice-prefeito.

DIVULGAÇÃO

os investimentos”, explica o vice-prefeito. DIVULGAÇÃO Veículo atenderá urgências e emergências na saúde

Veículo atenderá urgências e emergências na saúde

ESTADOSAÚDE

Secretaria da Saúde alerta para medidas de prevenção ao mosquito borrachudo

A Secretaria Estadual da Sa úde (SES) está distribuindo um infor- mativo sobre prevenção aos ata-

ques do mosquito borrachudo, muito co- mum na área rural do Estado. Na sua 2ª

e diç ão, com uma tiragem de 15 mil exemplares, a iniciativa visa orientar a po- pulação sobre as medidas preventivas para

a diminuição dos ataques do mosquito e os

cuidados necessários logo após sua picada.

O Centro Estadual de Vigilância em

S aúde (CEVS) alerta que a espéc ie é

característica das áreas rurais e que sua maior concentração é na região serrana. Diferentemente do mosquito Aedes ae- gypti, causador da dengue, o borrachudo não é transmissor de nenhum tipo de do- ença, mas a manutenção dos cuidados é importante para evitar lesões e alergias. Geralmente, a picada do borrachudo, que é mais ativo no início da manhã e no final da tarde, provoca um ponto hemorrá- gico, levando à coceira e ao inchaço, de- pendendo da sensibilidade de cada um. Indica-se a utilização de loção Lanette com cânfora e mentol, que diminui o des- conforto causado após a picada. É impor- tante limpar bem o local com solução de

DIVULGAÇ ÃO

tante limpar bem o local com solução de DIVULGAÇ ÃO álcool a 5% e nunca espremer

álcool a 5% e nunca espremer a ferida. Uma das recomendações para im- pedir o aparec ime nto do mosquito é manter pocilgas e estábulos longe de rios ou riachos, para que estes não fi- quem contaminados com dejetos. Evi- tar o desmatamento e fazer o replante de trechos destruídos preserva os ini- migos naturais do mosquito, dificultan-

do o deslocamento da espécie para outros locais. A verificação do esgota- mento sanitário e a utilização de agro- tóxicos, desde que com orientação téc- nica, também são recomendadas. Em caso de infecções secundárias, febre e outras manifestações, a SES ori- enta que a população procure o posto de saúde mais próximo.

TENENTEPORTELASAÚDE/EDUCAÇÃO

Novos servidores públicos são empossados

CLEBER TESCHE / ASCOM

servidores públicos são empossados CLEBER TESCHE / ASCOM Administração qualifica quadro de funcionários De ac ordo

Administração qualifica quadro de funcionários

De ac ordo com a assessor ia de imprensa da administração, o prefei- to Clairton Car boni, c onf ir mando o

c om pr omisso de qualifica r o qua dr o

de funcionários, empossou três novas servidoras na manhã desta se xta-fei- ra, 30, aprovados em concurso públi-

co. Duas de la s atua rão na Secreta ria

Municipal de Saúde e Saneamento e outra na Escola Municipal de Ensino Fu ndamental Tenent e Portel a, do Bairro São Fra nc isco. Aline Loraine Moura atuará em uma das Estruturas de Saúde da Fa- mília do município. Danie la de Me-

deiro s trabalhará n as funções do cargo de agente a dm inistra tivo e na área de saúde.

doméstic a, to- Golf ett o Mar -

Pa ra o ca rgo de mou posse Luciane

tim que trabalhará na escola do Ba ir- ro São F ranc isc o.

“A preocupação da Administra- ção Municipal é com a qu alidade do serviço pr estado para a comuni- dade portelense”, afirma Carboni.

Administra- ção Municipal é com a qu alidade do serviço pr estado para a comuni- dade

88888 FOLHA POPULAR

Geral

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

INDICADOR PROFISSIONAL

Portela - 24 a 31 de março de 2012 INDICADOR PROFISSIONAL Diante da r ealida de

Diante da r ealida de onde e stá inse ri-

do, o Hospital visualiza a necessidade de expandir e ampliar seus serviços, bus- cando abranger outras Coordenadorias Regionais de Sa úde, tor nando-se a ssim

HSA completa 5 anos sob nova direção

CRISTOFER SILV EIRA / FP

completa 5 anos sob nova direção CRISTOFER SILV EIRA / FP No dia 1º de a

No dia 1º de a bril, la r Be ne fice nte Santo

a nos sob a dir eção da presidente Mirna Bra u- c ks e da administra dora Lisete Bison. Foram

a nos de stinados a cumprir a missã o da insti- tuição “Promover a saúde da população regi-

onal, c om efic ácia, inovação

pr imando pela excelência”. O Hospital Santo Antônio (HSA) faz par- te da comunidade re gional há 61 anos, tendo sido por 40 anos comandado pela Congrega- ç ão das Irmã s Filhas do S agrado Cora ção de Jesus. Após esse período, a Congregação op- tou por f azer a doaç ão do patrimônio hospita- la r para a comunidade de Te ne nte Portela . A doa ção foi feita pa ra a Associa ção, funda da em 11 de janeiro de 2007.

e huma niza ção,

a Associaçã o Hospita- Antônio completar á 5

c om unidade, o

HSA configura-se em uma instituição filan-

trópica, sem fins lucrativos, que assume a res- ponsabilidade de dar continuidade aos aten- dime ntos em saúde iniciados pe las Irm ãs. A instituição conta atualmente com uma estrutura física de 2.839,20 m², onde estão insta la dos 94 leitos. O Hospita l S anto Antônio a te nde a tual-

mente

gional para municípios da 19° e 15° Coorde- nadorias Re gionais de Saúde . É a única re fe- rência no atendimento hospitalar para a co- m unidade indíge na da Reser va do Guarita. É r ef erência em oftalmologia para 51 municí- pios, sendo c apacitado para a te nde r além de consultas, procedimentos e cirurgias ocula-

60% SUS, sendo r efe rênc ia microrr e-

Formado por m embros da

DALVANA BERLATTO /FP

ia microrr e- Formado por m embros da DALVANA BERLATTO /FP r es e urgê ncia/e

r es e urgê ncia/e me rgênc ia oftálmica . Conta também com um a unida de de internaçã o AD/ Psiquiatria que é referência para todo Estado via central de leitos.

A r egião de abrangê nc ia do Hospital Sa n-

de leitos. A r egião de abrangê nc ia do Hospital Sa n- to Antônio como

to Antônio como pr esta dor de se rviços para o

r

ef er ência regional no

atendimento aos

S

iste ma Único de Saúde (S US) com pr ee nde

serviços de saúde.

atualme nte seis municípios, se ndo eles: B ar-

“ Que rem os ser na

r egião de abra n-

ra do Guarita, Derrubadas, Miraguaí, Reden-

gênc ia da Assoc ia ção a opção pref ere n-

Te nente P orte la. Vale

r essaltar que a soma desses municípios r e-

contingent e populacional de

tor a, Vista Ga úcha e

presenta um

26.336 habitantes.

qualifica da e ele va do gr au

de comprometimento de toda a equipe do HSA” afirma Lisete.

CRISTOFER SILVEIRA / FP

c ia l e m soluções de sa úde inovadora . P rimam os pelo

c ia l e m soluções de sa úde inovadora . P rimam os pelo EspecialidadesMédicas:

EspecialidadesMédicas:

Anestesiologia Cardiologia CirurgiaGerale Videolaparoscopia ClínicaMédica Ginecologiae Obstetrícia Oftalmologia Otorrinolaringologia Pediatria Psiquiatria RadiologiaMédica

Traumatologia

Urologia

ExamesdeDiagnósticos:

Colonoscopia Eletrocardiograma EndoscopiaDigestiva Laboratório de Análises Clínicas Mamografia Raios X Ultrassonografia

Colonoscopia Eletrocardiograma EndoscopiaDigestiva Laboratório de Análises Clínicas Mamografia Raios X Ultrassonografia

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

Geral

FOLHA POPULAR

99999

No dia 26 do mês de março de 2012, as 17:00 horas, os Vereadores reuniram-se

No dia 26 do mês de março de 2012, as 17:00 horas, os Vereadores reuniram-se na Câmara Municipal de Vista Gaúcha sob a Presidência do Vereador Luiz Mantelli Júnior, a fim de realizarem Sessão Ordinária. A Sessão contou com a presença dos Vereadores: Luíz Mantelli Junior, Luiz Carlos de Freitas, André Danette, Nilton Moraes, Ruth Genoveva Hilgert, Ivandro Pivatto, Delma M. Grolli, Gustavo A. da Fonseca e Valéria Gandini. Aberto os trabalhos o Presidente colocou em discussão e votação a Ata N° 007/2012, sendo a mesma aprovada por unanimidade. ORDEMDODIA PROJETOS DE LEIS APROVADOS:

Projeto de Lei N° 2024/2012. De 16 de Março 2012 que CARACTERIZA SITUAÇÃO DE EXCEPCIONALINTERESSE PÚBLICO E AUTORIZA O PODER EXECUTIVO MUNICIPAL A CONTRATAR, TEMPORARIAMENTE OPERADOR DEMÁQUINA RODOVIÁRIA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS, oqual foiAprovadoporUnanimidade. Projeto de Lei N° 2025/2012 – De 16 de Março 2012. QUE AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITOS ADICIONAL ESPECIAL NO ORÇAMENTO2012 EDÁ OUTRASPROVIDÊNCIAS, o qualfoiaprovadoporunanimidade. Projeto de Lei N° 2026/2012 – De 16 de Março 2012. QUE AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITOS ADICIONAL ESPECIAL NO ORÇAMENTO2011 EDÁ OUTRASPROVIDÊNCIAS, o qual foi aprovadopor sete a zero, tendo uma abstenção. Projeto de Lei N° 2027/2012 – De 16 de Março 2012 – QUE AUTORIZA A ABERTU- RA DE CRÉDITOS ADICIONAL ESPECIAL NOORÇAMENTO2011 E DÁ OUTRASPROVIDÊNCIAS, o qual foi aprovadoporunanimidade. PROJETOS QUE DERAM ENTRADA NA CÂMARAE FORAMBAIXADOS PARA AS RESPEC- TIVAS COMISSÕES:

Projeto de Lei N° 2028/2012 – De 20 de Março de 2012. QUE AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITO ADICIONAL ESPECIAL NO ORÇAMENTO 2012 E DÁ OUTRAS PROVI- DÊNCIAS, o qual ficou baixado para a Comissão de Finanças e Orçamentos. Projeto de Lei N° 2029/2012 – De 20 de Março de 2012 – QUE AUTORIZA A ABERTURA DE CRÉDITOADICIONAL ESPECIAÇ NOORÇAMENTO2012 E DÁ OUTRAS PROVI- DÊNCIAS, o qual ficou baixado para a Comissão de Finanças e Orçamentos. Projetode Lei N° 2030/2012 – De 20 de março de 2012. QUE AUTORIZA O PODER EXECUTIVO AABRIR CRÉDITO ADICIONAL ESPECIAL PARAPAGAMENTO DEDESPESAS COM A AMOTIZAÇÃOEENCARGOS DECORRENTESDOCONTRATODEDINANCIAMENTOCOMEMPRE- SA KUNZLER MÁQUINAS LDTNA AQUISIÇÃO DEROLOCOMPACTADOS, BEMCOMOACRES- CENTAR PROJETOE META À LDOPARA O EXERCÍCIO 2012 E PPA 2010/2013, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS, o qual ficou baixado para a Comissão de Finanças e Orçamentos. Editado pela Câmara de Veradores

APEDIDO

DIVULGAÇÃO HOMENAGEM Parabenizamos a colega Maria Ivone Gheller pela formatura no curso de Sociologia da
DIVULGAÇÃO
HOMENAGEM
Parabenizamos a colega Maria Ivone Gheller pela formatura no curso
de Sociologia da Unijuí.
Essa vitória é resultado da obstinação, da dedicação e estudos dequem
sonhoue acreditou na realização profissional.
Parabéns pelaformatura!- 31/03/2012
Homenagem dos colegas da CNEC.
pelaformatura!- 31/03/2012 Homenagem dos colegas da CNEC. TENENTEPORTELA AGRICULTURA Círculo de Máquinas auxilia na
pelaformatura!- 31/03/2012 Homenagem dos colegas da CNEC. TENENTEPORTELA AGRICULTURA Círculo de Máquinas auxilia na

TENENTEPORTELAAGRICULTURA

Círculo de Máquinas auxilia na produção do agricultor familiar

A Associação Círculo de Máqui- nas de Ajuda Mútua (Ac- mam), criada no município em

julho de 2011, trabalha com o objetivo de auxiliar agricultores familiares na produção de alimentos e na produção leiteira, como prioridade. Os serviços são prestados pelos agricultores proprietários de máquinas e equipamentos agrícolas que dispõem de tempo para realizar os trabalhos solicitados pelos vizinhos, sendo oacer- to realizado diretamente entre as par- tes interessadas. De acordo com os agric ultores, esta forma de trabalho agiliza o processo, não sendo necessá- rio se deslocar à cidade para solicitar o serviço, o que possibilita ao agricultor realizar suas atividades na época ade- quada e com menor custo.

A Acmam iniciou os trabalhos na segunda quinzena do mês de novem- bro de 2011, realizando serviços de preparo de área para pastagens, plan- tio de milho, produção de forrageiras e silagem, distribuição de fertilizantes e adubos orgânicos.

DIV ULGAÇÃO

de fertilizantes e adubos orgânicos. DIV ULGAÇÃO Número de prestadores de serviços equivale a 26 patrulhas

Número de prestadores de serviços equivale a 26 patrulhas agrícolas

De acordo com Nei Motta, presi- dente da associação, estão habilitados 26 prestadores de serviços para aten- der 150 associados, que realizaram na fase inicial 500 h de máquinas. “Os serviços tem custos subsidiados no va- lor da hora máquina em 12 litros de diesel, representando redução de cus- to de aproximadamente 37% para a família beneficiada, que tem o direito de até 10h de trabalho. O programa tem previsão de utilizar 18.000 mil li- tros de diesel, possibilitando a realiza- ção de 1.500 h de máquina. Até o mo- mento foi realizado 30% da meta pre-

vista”, conclui Motta. O subsídio provém do convênio existente com a Prefeitura Municipal, com recursos repassados via Secre- taria de Agricultura e Meio Ambiente. A associação realiza mensalmente a prestação de contas. “Considerando o número de pres- tadores de serviços, é o mesmo que 26 patrulhas agrícolas, o que repre- sentaria para o município um custo de aproximadamente 4 milhões. Com o Círculo de Máquinas, o custo para o município é de apenas 1% deste va- lor”, finaliza o presidente.

APEDIDO

Tenente Portela, 16 de março de 2012. Srª Presidente e demais Legisladores Inicialmenteos professores e funcionários das Escolas Públicas Estaduais de TenentePortela, vem agradecer aaprova- ção unânime damoção deapoio quanto à luta desta categoria pelo cumprimento da lei do piso nacional, manutenção do Plano deCarreira e aplicação dos 10% do PIB na Educação,manifestada na sessão do dia 12 de março de2012. Ao mesmo tempo, aproveitamos para dizer o quanto lamentamos e repudiamos as citações proferidas pelo vereador LauroAntônioBrum, emrelaçãoaos professores, minimizandoo valor, oesforço, acompetência, enfimaatuação dos profissionais da Educação,enfatizando Tenente Portela. Acreditamos queo fez, movido talvez por falta de conhecimento do que ocorre em nossas escolas, do esmero dos professores pelas conquistas e sucessosde seus alunos que, envolvidos em projetos diversos, são frequentemente premi- ados e reconhecidos em âmbito regional, estadual e até nacional. E de outros tantos, que já formados, atuam brilhantemen- teem nossa eem outras comunidades. É fato queo resultado é fruto de esforço pessoal, mas por detrás de cada exemplo está, além da família, o mérito do educador. É triste saber que tais conceitos, emitidos pelo citado legislador e veiculados na mídia, denigrem a imagem do professor quando deveríamos estar recebendo respaldo de nossos representantes legais para nossa luta. Esquece-se o vereador que, em todas as atividades, campanhas e eventos as escolas são envolvidas e através delas os objetivosalcançados? Por outro lado, pensamos que a “visão estreita” cabe àqueles que não conseguem fazer uma leitura do entorno, da realidade como um todo, inclusive analisando osprós econtras das novaspropostas. Se aEducação tem problemas, não são gerados pelos educadores, mas sim pela própria transformação das instituições sociais, começando pelafamiliar, bem como as ações distorcidas dos governosque se sucedem. Uma Educação de qualidade, com a valorização do professor, é o que queremos! E que todos os governos unam forças e concretizem açõespara que isto aconteça. E que a Educação em nosso paísnão seja priorizadasomente em épocaseleitorais. Nosso compromisso écom a Democracia, a Cidadania, o desenvolvimento da dimensão social,política, econômica, ecológica, histórica, éticae cultural. Para que isto aconteça, é necessário manter-se a dignidade do Professor, este ser que vem sendo aviltado por décadas, por governos insensíveis a esta causa nobreque é a Educação. Somos formadores de opinião, sim!E a nossa opinião é de que éjusto exigir sempre o queé de direito. Encerramosmais umavez agradecendo oempenho dos queacreditam na nossa causa e o espaço concedidoparaaqui nos expressarmos.

Professores Estaduais deTenente Portela

APEDIDO

EXTRATO EDITAL Nº 03 /2 0 1 2 P RO CESSO SELETIVO S IMP LIFICAD O N.º 0 3 /2 01 2

ALENCAR JULIO GROSS, Prefeito Municipal deMiraguaí,no uso das atribui- ções que lhe são confer idaspela legislação em vigor, torna público a aber tura do Processo Seletivo Simplificado para contratação temporáriadeum professor de Lín- gua Inglesa para trabalhar junto a Escola Municipal de Ensino Fundamental Lenira de Mour a Lutz, inscr ições dias 02, 03 e 04 de abr il de 2012, junto a Secretar ia Municipal deEducação e Cultura. O Editalcompleto encontra-seafixado no mural de publicações, no site da Prefeitura Municipal de Miraguaí, e no local das inscrições. Miraguaí, RS,26 de março de 2012. ALENCAR JULIO GROSS PREFEITO MUNICIPAL

APEDIDO Esta do do Rio Gra nde do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE REDENTORA RS PUBLICAÇÕES

APEDIDO

APEDIDO Esta do do Rio Gra nde do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE REDENTORA RS PUBLICAÇÕES LEGAIS

Esta do do Rio Gra nde do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE REDENTORA RS PUBLICAÇÕES LEGAIS – L. R .F O Prefeito Municipal deRedentora, através da Secretaria Municipal da Fazenda, torna público que seencontramafixados no QUADROMURALDEPUBLICAÇÕES OFICIAIS daPrefeitura, a contar do dia30 demarço de 2012, situado na RuaJaime Ferreirade Moura, 388, para conhecimento no horário de expediente, ou seja, turno da manhã das 08:00 ás 11:30 hor as e a tardedas 13:30 ás 17:00 Hs, de segunda às sextas-f eiras, e bem como disponibilizados no site www.cmvrredentora.com, oRELATÓRIO SIMPLIFICADO RESU- MIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA referente ao1° bimestre, que compreende os meses deJANEIRO/FEVEREIROde 2012. Ma rcos Cesar G ia comini – Prefeito Municipa l Fábio Silmar M ânica – Cont ador – CRC- RS 081616/O-6

2012. Ma rcos Cesar G ia comini – Prefeito Municipa l Fábio Silmar M ânica –

Geral

1111100000 FOLHA POPULAR

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

TRÊSPASSOSEDUCAÇÃO

Colégio Ipiranga recebe Programa de Saúde na Escola

N a segunda-feira, 26, os alu- nos do Colégio Ipiranga par- ticiparam de pa le stra sobr e

Bulling, promovida pelo Programa de Saúde na Escola que está sendo de- senvolvido para acompanhar crianças

e adolescentes. Desenvolvido pela enfermeira Andréia Viviane Oliveira, coordena- dora do grupo de Estratégia de Saúde da Família (ESF) Centro, o encontro trabalhou questões que acontecem com certa freqüência nas escolas, sugerindo assuntos importantes para cada faixa etária. Conforme Andréia, o Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, in- tencionais e repetidos, praticados por um ou vários indivíduos, causando dor

e angústia, sendo executados dentro de

DIVULGAÇÃO

dor e angústia, sendo executados dentro de DIVULGAÇÃO Alunos receberam instruções e orientações de situações

Alunos receberam instruções e orientações de situações que ocorrem em âmbito escolar

uma relação desigual de poder. De acordo com Sonia Maria Va- lente, diretora do colégio, na semana anterior já havia sido desenvolvido tra- balho com as crianças do turno da tar-

de, quando foram realizadas avalia-

ções da saúde bucal, medição, peso e acuidade visual. “No decorrer do ano outros a ssuntos impor tantes serã o abordados pelo Programa, como se- xualida de , saúde buca l, comporta- mento e higiene”, conclui a diretora.

VISTAGAÚCHAINDÚSTRIA/COMÉRCIO

Palestra motiva empresários locais

JALMIR STEFFENON

Palestra motiva empresários locais JALMIR STEFFENON Mais de30 empresários efuncionários prestigiaram o evento

Mais de30 empresários efuncionários prestigiaram o evento

A Secretaria Municipal da In-

dústria e Comércio promoveu na

t er ça-f ei ra, 2 0, em parceria com

a Associação Comercial e Indus-

trial (ACI), palestra sobre “Os se- gredos do atendimento ao cliente em um mercado cada vez mai s exigente” aos empresár ios do mu- nicípio. De senvolvido pe lo S erviç o de

Apoio às Mic ro e Pe quena s Em-

presas do Rio Grande do Sul (Se- brae-RS), o evento aconteceu na

casa da Ter ceir a Idade e foi mi- nistrado pela instrutora Ana Lú- cia Alme ida Vianna , da Ge rê nc ia Regional Noroeste de Ijuí. De acordo o secretár io de In- dústr ia e Comér cio Jalmir S te ff e- non, “o objetivo do encontro foi

aperfeiçoar e motivar os empre- sários e funcionários, com o in- tuito de qualific ar o a tendime nto ao cliente e possibilitar maio res rendimento s às empresas. O presidente da ACI, Alicson Brauks, disse que esta é um a for- ma de proporcionar ao comércio local ferramentas para conquistar o cliente e aumentar as vendas.

Vem ai!!! Jornada Mundial da Juventude Rio 2013 A juventude da paróquia Nossa Senhora Aparecida
Vem ai!!! Jornada Mundial
da Juventude Rio 2013
A juventude da paróquia Nossa Senhora Aparecida está motivada para participar da
Jornada Mundial da Juventude. Estamos no início da divulgação emais de 80 jovens estão
interessados em participar do processo de formação para ir ao Rio de Janeiro em 2013.
Temos um projeto de formação em andamento chamado: “Eai? Tchê! Qual é o
teu sonho? Ir para a Jornada Mundial da Juventude no Rio em 2013. O
projeto funciona através de encontros de formação e explicação do funcionamento da
Jornada. Nesta última sexta realizou-se um belo encontro com 60 jovens na cidade de
Vista Gaúcha. No olhar de cada jovem encontra-se umforte desejo de fazer um encontro
comCristo ecomo Papa Bento XVI.
Mas, eai? Tchê! O que é a Jornada Mundial da Juventude? As Jornadas Mundiais da
Juventude nasceram inspiração do Beato João Paulo II para a primavera de 1986, em
Roma. Visava “colocar Jesus Cristo no centro da fé e da vida de cada jovem”.
Mas a ideia de um grande encontro de jovens começou a ser cultivada alguns anos antes
As Jornadas Mundiais tornaram-se encontros expressivos da Juventude do mundo
inteiro que, reunindo-se em torno do papa, demonstram sua alegria de crer em Jesus
Cristo e de pertencerem à Igreja Católica. O objetivo primordial desses encontros tinha
sido alcançado, era real a possibilidade de “oferecer [aos jovens]
significativos momen-
tos de pausa na constante peregrinação da fé”.
Vejamos as lindas palavras do Papa João Paulo II: “Repito ante vós o que venho
dizendo desde o primeiro dia do meu pontificado: que vós sois a esperança do Papa, a
esperança da Igreja!” O mais importante é o sentido que as Jornadas Mundiais da
Juventude têm: mostrar que a Igreja acredita na
juventude e que a juventude é feliz por
ser Igreja!“Repito antevósoquevenhodizendo desdeo primeirodiadomeupontifica-
do: que vós sois a esperança do Papa, a esperança da Igreja!”
A Igreja acredita na “força do jovem que segue o caminho do Cristo Jesus”. Jovem
ficou interessado empreparar-se paraparticipar daJornada Mundial daJuventude no
Rio de Janeiro em 2013? Então, mande um e-mail para nós: rudineinegri@hotmail.com.
Aguardamosa suaresposta!!!
DIV ULGAÇÃO
Paróquia NossaSenhoraAparecida
Padre Rudinei Negri -Vigário paroquial- Tenente Portela/RS
E-MAIL / MSN: rudineinegri@hotmail.com
BLOG: http://pnsaparecidatp.blogspot.com/

APEDIDO

Homenagem ao “Grupo Escolar da Sede” A data de 14 de março é festiva para nós ex-alunas e professoras do Grupo Escolar da Sede, atualmente Escola Cleia Salete Dalberto, que com- pleta 70 anos de criação. Quantas saudades de nossa infância, quando o frenquentamos. Depois quando nele iniciamos a realização de nossa vocação de mestras e nele vivemos nossos 30 anos de magistério. Nossas professoras: MariaPanssolo, EmiliaPanossolo, Eci Marmanduca, Nadir Alegretti, Judite Coitinho, Divae outras. Lembramos os nossos colegas e alunos e pedimos a Deus que derrame suas bênçãos sobre todos os que passaram por esta Escola e estão espalha- dos peloBrasile pelo mundo, vivos e falecidos. Assinam:

- TherezinhaMarroniFurini

- Sueli Marroni Mueller

- Iracema Parzianello Tessari

-BelaBigueliniAndres -Clair Gheller

- TherezinhaMarroniFurini - Sueli Marroni Mueller - Iracema Parzianello Tessari -BelaBigueliniAndres -Clair Gheller

Tenente Portela - 24 a 31 de março de 2012

Geral

FOLHA POPULAR

1111111111

TENENTEPORTELAESPORTE

Final do 13º Campeonato Municipal de Futsal de Daltro Filho é disputado

Ac ontece hoje, 31, a par tir das

19h, a f inal do 13º Ca mpe onato de

Futsal de Daltro Filho, no Ginásio Mu- nicipal de Esportes do distrito.

A programação inicia com a dis-

puta pelo 3º lugar da categoria livre, entre Arte Visual/Auto Peças Gross e Moda Pé, seguida pela final da cate- goria veterana, que acontecerá entre Corsan e Bombas Yucumã/Pharma Vida/Brasil. As e quipes Rebola de Três Pas- sos e Industrial de Palmitinho disputa- rão o título pela categoria feminina, encerrando o certame com a grande final da categoria livre, entre Jaquetá de Derrubadas e Fabripal/Agroplanta de Tenente Portela.

A comissão organizadora e a ad- ministração municipal convidam a comunidade em geral para participar do evento que será marcado também

pela inauguração das arquibancadas, que já estão instaladas e prontas para receber o público que irá prestigiar a final do Campeonato. De ac ordo com o presidente da comissão organizadora, Valmir Pres- si, os veículos devem ser estaciona- dos no campo de futebol, cujo acesso se dá pela frente do ginásio. “Inte- grantes da comissão organizadora estarão orientando o acesso dos veí- culos ao local, que terá monitoramento

a cavalo e será gratuito”, salienta o presidente.

CLEBER TESCHE / ASCOM

gratuito”, salienta o presidente. CLEBER TESCHE / ASCOM O valor do ingresso será de R$ 3

O valor do ingresso será de R$ 3 para maiores de 11 anos. Crianças, imprensa, dirigentes, atletas e patrocinadores não pagam

TENENTEPORTELAADMINISTRAÇÃO

Portela é um dos 29 municípios que cumprem o piso do magistério

O municipio de Tenente Portela está

na lista das 29 cidades do Rio Grande do Sul que cumpriram em 2011 o piso nacio- nal dos professores, conforme matéria publicada na edição de 24 de março do Correio do Povo, que apontou o levanta- mentorealizado pela Confederação Naci- onal dos Municípios. Em 2011, enquanto o

piso do magistério para 40 horas determi- nado pelo governo federal era de R$

1.128,58, em Portela a remuneração para

o Nível Especial (de nível médio/magisté- rio) para cada 20 horas, era de R$ 593,50, chegando a R$ 1.187,00 para o professor

com 40 horas. No nível I (com curso supe-

rior de graduação) o valor pago em Porte-

la era de R$ 741,87 e Nível II (com pós-

graduação) era de R$ 771,55. Nenhum professor do ensino muni- cipal portelense ganhará menos de R$ 725,50, além das vantagens alteração de classe, triênios e nível. Para 2012, o prefeito ClairtonCarboni encaminhou projeto à Câmara Municipal de Vereadores que concede reajuste de 22,22%aos professores. Opagamentopre- visto é retroativo a 1º de janeiro, cumprin- doa lei federal do piso do magistério.

TENENTEPORTELAESPORTE

Inicia Campeonato Municipal de Futebol Sete portelense

CLEBER TESCHE / ASCOM

I niciou no sábado, 24, no Distrito de Br aço Forte, o Campeonato Municipal de Futebol Sete de Te-

nente Portela.

O pontapé inicial foi dado pelas

equipes da chave B, que abrira m o certame com a disputa entre Espor-

tivo e Associação Daltro Filho, onde

a Associação levou a melhor e ven-

ceu por 1 a 0. As equipes Ouro Ver-

de e Colorado ficaram com o se-

gundo jogo e terminaram a disputa em 4 a 1, para o Colorado.

O terceiro jogo ficou por conta

da Assoc iação Ibiapó, que ve nc eu

a equipe do Lazer por 2 a 0. No

quarto e último jogo disputado a equipe do Brasil levou a melhor, venceu o Flamengo por 3 a 1. No domingo, 25, f oi a vez das

venceu o Flamengo por 3 a 1. No domingo, 25, f oi a vez das Equipe

Equipe do Flamengo estreou com derrota e busca em casa os primeiros 3 pontos do certame

equipes da chave A esquentarem as chute ir as no cam po da Manchinha. A disputa iniciou com a vitória do Juventus sobre o Santos, 7 a 0,

seguida pelas equipes ABC e Afu- cotri, que ficar am com o segundo jogo. A pa rtida ter minou em 1 a 0 a favor do ABC. Lajeado Bonito e Br asil B pro- tagonizaram o jogo mais pontuado da rodada, encerrando o certame e m 4 a 5 a favor do Brasil B, e dei- xando o time da casa com a última disputa do dia, que terminou em 6 a 2 para a equipe do Bragantino. A segunda rodada acontece no domingo, dia 1º de abr il, no cam po do ABC e no Distr ito de São Pedro.

DIV ULGAÇÃO
DIV ULGAÇÃO

A segunda rodada da Chave A acontece no campo do ABC com os seguintes jogos:

Manchinha XLajeado Bonito SantosXAfucotri

JuventusXBragantino ABCXBrasil B Já a Chave B jogará no Distrito de São Pedro comasdisputas:

AssociaçãoIbiapóX Esportivo Lazer XBrasil AssociaçãoDaltro FilhoXOuroVerde FlamengoX Colorado

ESTADOASSISTÊNCIA

Governo do Estado lança plano para deficientes

SJDH repassará R$ 400 mil para seis entidades no EstadoO Governo do Estado la nça, ne sta se xta-f eira (30) , o plano R S Se m Limite, c om

ações de diversas áreas voltadas às

pessoas com deficiência. Durante o ato, às 16h, no Palácio Piratini, será formalizada também a adesão do Rio Grande do Sul ao “Viver Sem Limi- te”, a versão nacional do plano.

O RS Sem Limite foi elaborado

conjuntamente pelos órgãos integran- tes do Comitê Gestor de Políticas Pú- blicas para Pessoas com Deficiência, criado pelo governador Tarso Genro e coordenado pela Secretaria da Justiça

e dos Direitos Humanos (SJDH). Estão previstas, no plano, ações de saúde, trabalho e inclusão social, a ser em implementadas tr ansversal- mente por 11 secretarias de Estado. Além do lançamento do plano, a SJDH realizará o repasse formal de R$ 400 mil para seis entidades que atendem pessoa s com de ficiência, em Porto Alegre e no Interior.

Receberão os recursos a União Espírita Bageense Caminho da Luz, de Bagé; a Associação Pedritense do Deficiente Físico, de Dom Pedrito; a Casa do Excepcional Sa nta Rita de Cássia, de Porto Alegre; e as Associa-

ções de Pais e Amigos dos Excepcio- nais (Apaes) de Jaguarão, Santana do Livramento e São Leopoldo. “O RS Sem Limite é um esforço conjunto, de governo, no sentido de garantir os direitos das pe ssoas com deficiência, promovendo a acessibi- lidade e a dignidade desta parcela que representa 16% da população gaú- cha”, afirma o secretário da Justiça e dos Direitos Humanos, Fabiano Pe - reira, que formalizará o plano ao lado do governador em exercício, Beto Grill, e da ministra da Secretaria dos Dire itos Humanos da Pr esidência, Maria do Rosário.

em exercício, Beto Grill, e da ministra da Secretaria dos Dire itos Humanos da Pr esidência,
SÁBADO, 31/03 DOMINGO, 01/04   11ºC 14ºC 31ºC 30ºC 0 mm 0 mm   FASES

SÁBADO, 31/03

DOMINGO, 01/04

 
 
 

11ºC

14ºC

31ºC

30ºC

0 mm

0 mm

0 mm
 
FASES DA LUA - 21/04 06/04 - - 29/04 13/04 -
FASES DA LUA
- 21/04
06/04 -
- 29/04
13/04 -
  FASES DA LUA - 21/04 06/04 - - 29/04 13/04 - REGIÃO EDUCAÇÃO FOLHA POPULAR

REGIÃOEDUCAÇÃO

FOLHA POPULAR

REGIÃOCOOPERATIVISMO

ANO XII l N 0 569 l TENENTE PORTELA - 24 A 31 DE MARÇO DE 2012 l R$ 2,00

Cotrijuí realiza Assembleia Anual

A Cooperativa Agropecuária & Industrial (Cotrijuí) realizou na manhã de quarta-feira, 28, na

Associação dos Funcionários da Co- trijuí (Afucotri), Assembleia Anual para a apreciação, discussão e votação dos documentos relativos ao exercício en- cerrado em 31 de dezembro de 2011. Foram apresentados o relatório da diretoria, o balanço patrimonial, de- monstrativo de sobras e perdas, pare- ceres do Conselho Fiscal e dos audi- tores independentes, e demais docu- mentos, que foram ratificados e apro- vados pelos representantes eleitos e coordenadores das Comissões de Pro-

dução, em nome do quadro social.

Aconteceu também, a eleição do

novo Conselho Fiscal para o mandato

de março de 2012 até a Assembleia

Geral Ordinária de 2013, e a posse

DIV ULGAÇÃO

Assembleia Geral Ordinária de 2013, e a posse DIV ULGAÇÃO dos novos Coordenadores das Comis- sões

dos novos Coordenadores das Comis- sões Setoriais de Produção. De acordo com o vice-presidente Luiz Ottonelli, a Cotrijuí vem tendo a aprovação de especialistas do agrone- gócio pelas reformas instituídas nos últi-

mos anos, que focam a modernidade. Encerrando o evento, o presidente da cooperativa Carlos Poletto fez men- ção ao Ano Internacional das Coope- rativas, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Participaram da Assembleia diri- gentes e funcionários da Sicredi, Creh- nor e Ceriluz e representantes dos Sin- dicatos dos Trabalhadores Rurais e Sindicato Rural.

ConselhoFiscaleleito:

ConselheirosFiscaisEfetivos:CláudioJoséPaschoal,Jair FelixPozzatiRossato eLuizCarlosFava. Conselheiros Fiscais Suplentes: Gilmar Seibert, Marino Toso eRudi Glitz. Coordenadoresdas Comissões Setoriais de Produção instituídos:

Ijuí:

Comissão de Grãos – Cláudio Luis de Jesus; Comissão de Leite –João Commandeur; Comissão de Suínos – Lisandro de Conto. SantoAugusto:

Comissão de Grãos – Aquiles Tadielo Durlo; Comissão de Leite– Vitélio Schio; ComissãodeSuínos–Ilson Pauvels.

TenentePortela:

Comissão de Grãos – Solon Pereira; Comissão de Leite –Jonas Luiz Salla; Comissão de Suínos – Valmir Luis Peter. Jóia:

Comissão de Grãos – Rudimar Keller da Silva; Comissão de Leite - Jaime Andreatta; Comissão de Suínos –Rafael Fontana. CoronelBicaco:

Comissão de Grãos –Lourenço Gilberto Fava; Comissão de Leite– Rosane Primo Gaviraghi; Comissão de Suínos – Carlos Alberto Bariquello. Chiapetta:

ComissãodeGrãos–Enori JoséFritzen; ComissãodeLeite–Remi JoséFortuna; Comissão de Suínos –Orides Blanz. Ajuricaba:

Comissão de Grãos –Olívio Calgaro; Comissão de Leite –Milton JoséDallabrida; Comissão de Suínos - Valdomiro Antonio Pettenon. AugustoPestana:

ComissãodeGrãos–PércioHoerle; Comissão de Leite– Cesar Gattelli; Comissão de Suínos – Otílio Sulzbach. DomPedrito:

Comissão de Grãos – Moizés Aires Teixeira.

Unijuí promove ‘Dia do Intercâmbio’

A Unijuí começou o semestre leti- vo com novos projetos voltados à co- munidade acadêmica. Um deles é a internacionalização da Universidade, ofertando a alunos e professores pos- sibilidades de vivências no exterior. Dando sequência ao projeto, a Uni- versidade realizará na próxima sema- na o ‘Dia do Intercâmbio’. O objetivo do evento é apresentar as oportunidades de mobilidade acadêmi- ca para os estudantes Unijuí e despertar o interesse pelo intercâmbio acadêmi- co, aprendizagem de idioma estrangei- ro e teste de proficiência de línguas. O

evento é uma promoção do Escritório de Relações Internacionais da Unijuí, estrutura inaugurada neste semestre, para atender a comunidade acadêmi- ca interessada em intercâmbio. Com estrutura em Ijuí e extensão em Santa Rosa, oEscritóriobuscar facilitar ocon- tato entre os estudantes e as institui- ções responsáveis por intercâmbios, vi- agens internacionais e ensino de idio- mas no Brasil. Na segunda-feira, dia 02 de abril, o evento ocorre em Santa Rosa, no turno da noite. Na terça-feira, dia 03 de abril, em Ijuí, nos turnos da tarde e noite. O

‘Dia do Intercâmbio’ promoverá pales- tras, relatos de experiências e orienta- ções sobre intercâmbio. Escolas de idio-

mas de Santa Rosa e Ijuí e empresas de intercâmbio irãoexpor seus serviços nos eventos, como uma assessoria extra aos

acadêmicos da Unijuí. Mais informa- ções pelo fone 55 3332-0329 ou pelo e- mail baggiod@unijui.edu.br.

Campus Santa Rosa 19h30min – Abertura do Evento 19h35min –FaladoPró-ReitorPedroLuisBüttenbender 19h50min – Oportunidades de Intercâmbio - Daniel Baggio, Assessor do Escritório de Relações Internacionais da Unijuí 20h20min –Oportunidades de Intercâmbio para Alemanha – Prof.Dr. Leomar Tesche. 20h35min–Mochileiro Aprendiz Aventureiro –Advogado Vicente ZancanFrantz. 21h30min –Experiência de Intercâmbio na Espanha – Douto- randaCátiaFelden, UniversidadedeZaragoza/Espanha -Va- nessa Faoro, Estudante doMestrado em Modelagem Matemá- ticaerealizouo intercâmbio paraEspanha. 22h10min –PerguntaseEncerramentodoEvento.

Campus Ijuí 14h – Abertura do Evento 14h10min – Fala do Reitor 14h20min –OportunidadesdeIntercâmbio - UlrichDressel,Asses- sor do Escritório de Relações Internacionais da UNIJUÍ 14h40min –IntercâmbioparaPortugal.ProfessoraAngélicaCristia- ne Moreira do DCVida/Unijuí. 15h10min –ExperiênciasdeIntercâmbio(doisalunos UNIJUÍ). 16h30min – Encerramento do turno da tarde 19h30min –Abertura do Evento 19h40min – Oportunidades de Intercâmbio - Ulrich Dressel/Daniel Baggio, Assessor do Escritório de Relações Internacionais da UNIJUÍ 20h30min - Intercâmbio paraEspanha.Profa.Helena Callai/Unijuí. 21h – Experiência de Intercâmbio (dois alunos Unijuí). 22h – Perguntas e Encerramento do Evento.

Callai/Unijuí. 21h – Experiência de Intercâmbio (dois alunos Unijuí). 22h – Perguntas e Encerramento do Evento.