Vous êtes sur la page 1sur 16

. uma vez que o Cr(III) é insolúvel as membranas biológicas. A redução de Cr(VI) para Cr(III) diminui a toxidade deste metal no ambiente. utilizado em diversos processos industriais. Assim a redução microbiana do Cr(VI) é uma alternativa para reduzir os impactos ambientais causados por este metal.

4. (profundidade de 0 a 30cm). e 5 concentrações altas. 344 e 355mg L-1 Amostras 3.  . Amostras 1 e 2 concentração baixas. 466. 510 e 835mg L-1 Amostras de um grama de solo foram adicionados 200ml de caldo nutritivo com 500mg L-1 de k2Cr 2O7 e incubadas por 24h a 150rpm e 30 °C.   As amostras foram retiradas de 12 pontos.

(repetindo três vezes). Após esse período. Após os procedimentos acima foram retirados 100µL para o plaqueamento em ágar nutritivo contendo 500mg L-1 de Cr(VI). obtendo se colônias puras por isolamento. foram transferidos 200µL para outro elenmeyer com o mesmo meio e incubado nas mesmas condições.  .

Assim nas mesmas condições determinando (DO). As colônias puras foram colocadas em frascos de erlenmeyer contendo 30ml de caldo nutritivo com 250 e 500mg L-1 de Cr(VI) e incubadas por 24hs a 150rpm e 30°C. .3 em espectrofotômetro a 600nm. densidade óptica adicionando se sdifenilcarbazida). com uma absorbância de 0.

0) e temperatura entre (25°C a 40°C).0 a 10. estes foram crescido separadamente.  Para avaliar o efeito do pH e da temperatura na redução do cromo e caracterização da atividade ótima. com caldo nutritivo de 50mg L-1 de Cr(IV). . para cada isolado. O pH do meio foi ajustado entre (5.

pH 7) em 1mg L-1 de Cr(IV) e o íon a ser testado. Utilizou se reação de NADH(0. Cloreto de magnésio. com tampão fosfatado( 50mM.   Também foi utilizado Sulfato de cobre.2mM). Uma bactéria comprovadamente redutora de Cr(IV). . ES29. Neste teste. Cloreto de mercurio. os isolados foram comparados com Bacillus sp. Cloreto de manganês e sulfato de sódio.

Os 20 isolados foram crescidos em caldo LB com 250 mg L-1 de k2Cr 2O7. . Apenas 10% das bactérias são culturáveis.    De cinco amostras de solo foram isoladas 20 colônias de bactérias morfologicamente distintas. Foi obtido um número significativo de bactérias resistentes.

.

.

.

.

como doador de elétrons para a redução de Cr(VI) por todos os isolados. O NADH atua como doador de elétrons para atividade enzimática formando o intermediário Cr(V). .  Os isolados apresentam características diferentes quanto à redução de Cr(VI) na presença de íons. Foi verificada a dependência de NADH. que aceita mais dois elétrons de outras duas moléculas da mesma enzima para formar Cr(III).

.

Todos com capacidade de crescimento em concentração de 500 mg L-1 . os demais apresentam capacidade de redução de Cr(VI). Somente os isolados 6. 12 e 20 são resistentes à concentração de 750 mg L-1 de Cr(VI). as que apresentam maior capacidade de redução do Cr(VI) foram os isolados (06.12. Exceto os isolados 11 e 18.18 e 20).   Entre as 20 bactérias isoladas.11. .16.

0 a 9. Renata. Desta forma.0 e temperatura de 25°C a 35 °C. demonstrando capacidade de adaptação às variações ambientais. Jéter Ana Paula . visando à aplicação em processos de biorremediação.no caldo nutritivo com pH de 5. Rosivânia. esses organismos apresentam potencial para outros estudos.