Vous êtes sur la page 1sur 18

IDADE MÉDIA - FEUDALISMO

Profª Cristiana Gomiero
Idade Média
• 476 d. C até 1453 d.C, período de mais de
1000 anos;

• A religião católica era oficial desde o final do
império romano;

• A crise do império romano influenciou a
formação do sistema feudal.

Idade Média
Fatores:

• Queda de arrecadação de tributos.

• Escassez de mão de obra em virtude da libertação dos
escravos.

• Processo de ruralização e descentralização administrativa.

• Grande desenvolvimento da Igreja Católica Apostólica
Romana, havendo uma maior soberania da Igreja sobre o
Imperador Romano.

Idade Média
Contrato Feudos:
• Concessão de terras;

• Defesa da posse;

• Pequenos produtores trabalhavam no domínio de grandes terras;

• Isolamento em castelo fortificado;

• Os plebeus cultivavam as terras;

• Os escravos foram aproveitados como colonos;

• A descentralização política era eminente;

• Feudos eram transmitidos por sucessão.

Idade Média
Funções dos Sr. Feudais:

• Proteção dos camponeses;

• Detentor das terras, do poder militar, político e judiciário.

• Administração política e econômica;

• Detinham imunidade fiscal.

• Os Sr. Feudais somente temiam a igreja católica em virtude do
medo da excomunhão e posteriormente a Santa Inquisição.

Idade Média
Função dos camponeses:

• Utilização das terras para agricultura.

• Em troca da segurança deveriam pagar altos
impostos, por intermédio da entrega de parte
de suas produções.


Direito feudal
Direito feudal:

• Costumeiro;

• Forma oral;

• Normas mudavam em cada feudo;

• Os julgamentos eram populares, aonde era
apresentado o veredito e a população acolhia ou não;


Direito feudal
• Havendo dúvida realizava-se o duelo;

• Os meios de provas eram sobrenaturais e
baseados nos podres divinos.

• Tributos: pela utilização da terra deveria ser
pago metade da produção ao Sr. Feudal ou
pagar em dinheiro.

Religião
Religião:
• Influência da religião em todas as áreas inclusive a jurídica;

• O medo foi o sentimento mais marcante dessa época –
Idade das trevas;

• Medo do inferno, da excomunhão;

• Medo da igreja em virtude da perseguição aos hereges,
judeus, bruxas e pecadores

• Santa Inquisição, métodos de tortura.

Universidades na Europa
Surgimento das Universidades na Europa:

• 1ª Universidade de Karueein no Marrocos fundada em 859 d.C, e ainda em
funcionamento;

• O ensino era atribuição da igreja

• Latim era a única língua utilizada (língua de Jesus);

• Somente poderiam ser lidos os livros autorizados pela Igreja

• O conhecimento científico e literário dessa época estavam centrados no
domínio da igreja;

• Buscava a harmonia da fé e da razão.

Universidades na Europa

• Curiosidade: Trote, era realizado como
medida profilática, aonde os cabelos eram
cortados e as roupas queimadas para evitar a
propagação de piolhos e outras doenças;

Direito Canônico
Direito Canônico:

• A igreja era a detentora do “saber inquestionável”, detentora da
palavra de Deus;

• A norma escrita era o direito canônico;

• Criação de normas de conduta para o clero e posteriomente norma
para toda a sociedade;

• A sociedade deveria ser organizada e fiel;

• O Direito Canônico era superior os Direito Feudal;

Direito Canônico
• As classes sociais eram:
I – clero e realeza;
II – senhores feudais e exercito;
III – o povo que trabalhava;

• Deus que escolhia a classe social de cada pessoa e essa
era intransferível, exceto o clero em virtude do
celibato;

• Em cada feudo havia um membro do Clero para
fiscalizar a atuação do Sr. Feudal.

Santa Inquisição
Santa Inquisição:

• 1231 foi aberto oficialmente o tribunal da Santa Inquisição;

• Finalidade: julgar os hereges, os não católicos, bruxas, judeus e
mulçumanos;

• Posteriormente ampliou sua competência para julgar todos os fatos;

• Processo inquisitorial;

• Inicio do processo pela delação que era incentivada pela Igreja;

• Quem delatasse ficava com parte do patrimônio do acusado e a outra
parte para a igreja;


Santa Inquisição
Procedimento:

• Delação;

• Oitiva do acusado para a comprovação da heresia;

• Não havendo a confissão, era preso e torturado para que confessasse;

• Havendo a confissão era determinada a pena de morte;

• Os nobres eram decapitados (sem sofrimento) os menos nobre eram
mortos de forma lenta e dolorosa para gera sofrimento;

• Meios de prova eram as ordálias.

Fim da idade média
Fim da idade média:

• O poder era concentrado na igreja;

• O clero era detentor do conhecimento divino e tudo podia;

• A revolta populacional ocorreu pela Peste Bubônica ou Peste Negra
(1347 a 1350);

• A peste matou certa de 75 milhões de europeus, é o mesmo que
morrer metade da população;

• Houve esvaziamento populacional;
Fim da idade média
• Desafio para Igreja: Porque Deus mandaria essa
peste? Porque o clero também morria? Porque as
pessoas honestas morriam? A reza não é
suficiente...

• A população começou a questionar o poder da
igreja sendo que essa não era capaz de solucionar
os problemas do mundo.

• Renascimento da Burguesia.



FIM