Vous êtes sur la page 1sur 27

MODELO DE AUTO-

AVALIAçãO DAS
BIBLIOTECAS
ESCOLARES
Goretti Delgado

 “A biblioteca constitui um instrumento essencial do


desenvolvimento do currículo escolar e as suas actividades
devem estar integradas nas restantes actividades da escola e
fazer parte do seu projecto educativo. Ela não deve ser vista
como um simples serviço de apoio à actividade lectiva ou um
espaço autónomo de aprendizagem e ocupação de tempos
livres”. (Veiga, 2001).

Goretti Delgado

 (…) um instrumento pedagógico e de melhoria contínua que


permita aos órgãos directivos e aos coordenadores avaliar o
trabalho da BE e o impacto desse trabalho no funcionamento
global da escola e nas aprendizagens dos alunos e identificar
as áreas d sucesso e aquelas que, por apresentarem
resultados menores, requerem maior investimento,
determinando, nalguns casos, uma reflexão as práticas.”
(Gabinete da RBE Modelo de Auto-Avaliação, 2008)

Goretti Delgado
 (…) a Auto-Avaliação, através da recolha de evidências,
ajudará cada BE a identificar o caminho que deve seguir com
vista à melhoria do seu desempenho. A Auto-avaliação,
deverá contribuir par a elaboração do novo plano de
desenvolvimento, ao possibilitar a identificação mais clara dos
pontos fracos e fortes, o que orientará o estabelecimento de
objectivos e prioridades, de acordo com uma perspectiva
realista face à BE e ao contexto em que se insere.” (Gabinete
da RBE Modelo de Auto-Avaliação, 2008)

Goretti Delgado
Modelo de Auto-
Avaliação
 Proposta da RBE que pretende:

 - Dotar as Bibliotecas de um
quadro de referência.

 - Prover um instrumento ao serviço


da melhoria contínua da qualidade.

Goretti Delgado
Estrutura do Modelo
 O Modelo de Auto-Avaliação proposto pela RBE
está organizado em 4 domínios que sintetizam a área de
acção da BE:

 A. Apoio ao Desenvolvimento Curricular


 A.1. Articulação curricular da BE com as estruturas
pedagógicas e os docentes
 A.2. Desenvolvimento da literacia da informação)

B. Leitura e Literacias

Goretti Delgado
 C. Projectos, Parcerias e Actividades Livres e de Abertura
à Comunidade
 C.1. Apoio a actividades livres, extracurriculares e de
enriquecimento curricular
 C.2. Projectos e Parcerias

D. Gestão da Biblioteca Escolar


 D.1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento.
Acesso e serviços prestados pela BE
 D.2. Condições humanas e materiais para a prestação
dos serviços
 D.3. Gestão da colecção

Goretti Delgado
 Cada domínio inclui:

 Indicadores que apontam as zonas nucleares de intervenção


em cada Domínio e permitem a aplicação de elementos de
medição;

 Factores críticos de sucesso, que operacionalizam o


indicador (exemplos de situações, ocorrências, acções);

 Recolha de evidências (exemplos de elementos, fontes e


instrumentos de recolha de dados);

Acções de melhoria, ou seja, sugestões de acções com vista


à melhoria.

Goretti Delgado
Este modelo apresenta 4 níveis de desempenho:

Excelente - A BE é bastante forte neste domínio. O trabalho

desenvolvido é de grande qualidade e com um impacto


bastante positivo.

 Bom - A BE desenvolve um trabalho de qualidade neste


domínio mas ainda é possível melhorar alguns aspectos.

 Satisfatório - A BE começou a desenvolver trabalho neste


domínio, sendo necessário melhorar o desempenho para
que o seu impacto seja mais efectivo.

 Fraco - A BE desenvolve pouco ou nenhum trabalho neste


domínio, o seu impacto é bastante reduzido, sendo
necessário intervir com urgência.

Goretti Delgado
Etapas do processo
 O processo desenvolve-se durante uma série de
etapas:

 - selecção do domínio a avaliar (avaliação de um


domínio por ano),

 - adequação do modelo à realidade da escola,


 - divulgação da aplicação do modelo à comunidade,


 - pela calendarização do processo (estabelecimento


de um cronograma),

Goretti Delgado
 - pela escolha da amostra,

 - pela definição dos instrumentos de recolha a


utilizar para cada indicador temático,

 - pela produção de instrumentos necessários


além dos fornecidos pelo Modelo,

 - pela recolha de evidências,


 - pela análise dos dados recolhidos,


Goretti Delgado


- pela determinação dos perfis de desempenho,

 - pela perspectivação de acções de melhoria,


 - pela elaboração do relatório de auto-avaliação,


 - pela análise do relatório em Conselho Pedagógico, pela


delineação de um plano de melhoria até à divulgação dos
resultados.

Goretti Delgado
Implementação do
 Implementar,
Modelo

- Aplicando questionários;
-
- Elaborando grelhas de observação;
-
- Estabelecendo critérios .

 Através da:

- Recolha de evidências
-
- Análise da informação recolhida
-
- Divulgação dos resultados da acção da BE
- Goretti Delgado
 Toda a comunidade escolar deve participar no processo:

 - Coordenador/ Professor Bibliotecário


 - Equipa,

 - professores,

 - alunos,

 - Encarregados de Educação,

 - Conselho Pedagógico

 - Direcção.

Goretti Delgado
Objectivos do Modelo
 - Contribuir para a afirmação e reconhecimento do
papel da BE.


 - Determinar o grau de consecução da missão e
objectivos da BE.


 - Aferir a qualidade e eficácia dos serviços e a
satisfação dos utilizadores.


 - Identificar pontos fortes e pontos fracos a
melhorar.


 - Ajustar continuamente as práticas com vista à
melhoria dos resultados.

 - Conhecer o desempenho para se poder perspectivar o


Goretti Delgado
Biblioteca Escolar
Objectivos
- Apoiar e promover os objectivos educativos definidos de acordo com
as finalidades e currículo da escola.
-
- Criar e manter nas crianças o hábito e o prazer da leitura, da
aprendizagem e da utilização das bibliotecas ao longo da vida.
-
- Proporcionar oportunidades de utilização e produção de informação
que possibilitem a aquisição de conhecimentos, a compreensão,
o desenvolvimento da imaginação e o lazer.
-
- Apoiar os alunos na aprendizagem e na prática de competências de
avaliação e utilização da informação, independentemente da
natureza e do suporte, tendo em conta as formas de
comunicação no seio da comunidade.
-

Goretti Delgado

 - Providenciar acesso aos recursos locais, regionais,

nacionais e globais e às oportunidades que


confrontem os alunos com ideias, experiências e
opiniões diversificadas.

 - Organizar actividades que favoreçam a consciência e a


sensibilização para as questões de ordem cultural e social.

 - Trabalhar com alunos, professores, órgãos de gestão e pais


de modo a cumprir a missão da escola.

 - Defender a ideia de que a liberdade intelectual e o acesso


 à informação são essenciais à construção de uma cidadania
efectiva e responsável e à participação na democracia.

Goretti Delgado
 - Promover a leitura, os recursos e serviços da
biblioteca escolar junto da comunidade escolar e fora
dela.

 - Apoiar e facilitar a utilização das instalações e


equipamento.

 - Promover a leitura em diferentes suportes.


 - Fomentar a criatividade e diferentes formas de


expressão.

 - Desenvolver nos alunos as competências


necessárias para a avaliação de variada informação
de que pode dispor, para melhor compreensão do
seu mundo.

 Goretti Delgado
 - Proporcionar actividades e informações sobre
actividades que se realizem nos espaços
escolares do Agrupamento.

 - Gerir, organizar e tratar os recursos de


informação e documentação.

 - Explorar esses recursos elaborando


documentação própria que vise facilitar a
utilização e abordagem dos mesmos.

 - Difundir e facilitar o acesso aos nossos


recursos e outros, como por exemplo, os
disponíveis na Biblioteca Municipal.

Goretti Delgado
 - Apoiar e facilitar o cumprimento dos
objectivos do Projecto Educativo e Curricular
do Agrupamento/Escola/Turma, apoiando a
sua operacionalização.

 - Promover a itinerância dos recursos


materiais da BECRE do Agrupamento entre
as várias BE.

Goretti Delgado
Definição de BE
 - Instrumento essencial ao
desenvolvimento dos currículos.

 -Espaço privilegiado de conhecimento e


aprendizagem.

 - Recurso fundamental para o


desenvolvimento das várias literacias.

 - Um importante contributo para o


sucesso educativo.


Goretti Delgado
Atribuições do PB
- Ser um bom comunicador efectivo no seio da
instituição;
-
- Ser proactivo;
-
- Saber exercer influência junto de professores e
do órgão directivo;
-
- Ser útil, relevante e considerado pelos outros
membros da comunidade educativa;
-
Goretti Delgado
- Ser observador e investigativo;
-
- Ser capaz de fazer análise global da situação;
-
- Saber estabelecer prioridades;
-
- Realizar uma abordagem construtiva aos
problemas e à realidade;
-
- Ser gestor e promotor de serviços e recursos
de aprendizagem no seio da escola;

Goretti Delgado
 - Ser tutor, professor e um avaliador de
recursos, com o objectivo de apoiar e
contribuir para as aprendizagens;

- Saber gerir e avaliar de acordo com a


missão e objectivos da escola;
-
- Saber trabalhar com Departamentos e
colegas.

Goretti Delgado
 “Está comprovado que quando os bibliotecários e os
professores trabalham em conjunto, os alunos
atingem níveis mais elevados de literacia, de
leitura, de aprendizagem, de resolução de
problemas e competências no domínio das
tecnologias de informação e comunicação.”
(IFLA/UNESCO, 1999).

Goretti Delgado
Expectativas do Modelo
 - produzir mudanças concretas na vida
quotidiana da BE.

 - contribuir para a elaboração de um novo


plano de desenvolvimento, perspectivando a
melhoria.

 - ser integrado nas práticas da BE de
forma sistemática.

 - melhorar o desempenho da BE.

Goretti Delgado
 - haver uma tomada de consciência da importância
da BE nos resultados da aprendizagem por parte
dos alunos e professores.

 - promover a cooperação entre os docentes e a BE.


 - haver um melhor conhecimento e


consequentemente uma maior rentabilização dos
recursos da BE por parte de todos.


 - reflexo, das acções de melhoria, nos resultados
escolares.

Goretti Delgado