Vous êtes sur la page 1sur 35

BASES

 São substâncias iônicas que apresentam


sabor adstringente, ou seja, que
“amarra a boca”(banana verde). Em sua
maioria, são corrosivas, conduzem bem
eletricidade em presença de água ou
quando líquidas (dissociação iônica) e,
mudam de cor em presença de
indicadores.
ÁCIDOS
 São substâncias moleculares; quando
colocados em água, são capazes de
gerar íons (ionização) e, dessa forma,
conduzir corrente elétrica. Têm sabor
azedo, são corrosivas em sua maioria
e em presença de indicadores, mudam
de cor.
Indicadores
São substâncias que, por suas
propriedades físico-químicas,
apresentam a capacidade de mudar de
cor na presença de uma substância com
caráter ácido ou básico, pois essas
substâncias têm comportamentos
químicos “opostos” uma à outra.
Indicadores
 Em laboratórios – indicadores artificiais
(fenolftaleína, azul de bromotimol,
alaranjado de metila etc.), porém, alguns
são encontrados na natureza, como o
tornassol (líquens), repolho roxo, pétalas
de flores, chá-mate, amoras, etc.
Indicadores
 Podemos também verificar o pH de diversas substâncias,
ou seja, a verificação é mais precisa do quanto é ácida ou
básica determinada substância.
 pH: é a abreviação para POTENCIAL DE HIDROGÊNIO. É
o grau de acidez ou basicidade (alcalinidade) de uma
substância e é medido em uma escala de 0 (muito ácido) a
14 (muito básico).
TORNASSOL FENOLFTALEÍNA AZUL ALARANJADO
DE DE METILA
BROMOTIMOL

ÁCIDO ROSA INCOLOR AMARELO VERMELHO

BASE AZUL VERMELHO AZUL AMARELO


ESCALA DE pH
BASES
De acordo com Arrhenius, base ou hidróxido é
toda substância que, dissolvida em água,
dissocia-se fornecendo como ânion
exclusivamente OH- (hidroxila ou oxidrila).
São compostos iônicos formados por metal
ligado à hidroxila (exceto a base de amônia),
têm altos PF e PE e são sólidas à Tamb .
BASES - exceção
 Substância: O Hidróxido de Amônio (NH4OH) é
uma substância obtida a partir da reação entre
amônia anidra (NH3) e água, sob pressão e
temperatura controladas.
 Nome químico ou nome genérico: Possui
denominação química de Hidróxido de Amônio, e
genérico de Amoníaco.
 Reação: NH3 + H2O  <NH4OH>
BASES-classificação
 Quanto ao Número de Hidroxilas

- Monobases: NaOH; NH4OH

- Dibases: Ca(OH)2; Mg(OH)2

- Tribases: Al(OH)3; Fe(OH)3

- Tetrabases: Pb(OH)4; Sn(OH)4


BASES-classificação
Quanto ao Grau de Dissociação Iônica
- Fortes: Os hidróxidos de metais alcalinos
(1A) e metais alcalinos terrosos (2A).
- Fracas: Nesse grupo incluem-se o
hidróxido de amônio (NH4OH) e as demais
bases.
BASES-classificação
Quanto à Solubilidade em Água
- Totalmente solúveis: os hidróxidos dos
metais alcalinos e o hidróxido de amônio
(NH4OH).
- Parcialmente solúveis: hidróxidos dos
metais alcalino-terrosos.
- Insolúveis: todos os demais hidróxidos.
BASES-exemplos
Monobase
KOH Forte
Solúvel

Tribase
Al(OH)3 Fraca
Insolúvel
BASES-nomenclatura usual
 Se o METAL possuir NOx fixo:
Hidróxido de _________________
Nome do Elemento
 Se o METAL possuir NOx variável:

Hidróxido _____________ +OSO ou ICO


Nome do Elemento
OSO – menor NOx
ICO – maior NOx
BASES-nomenclatura oficial
 Se o METAL possuir NOx fixo:
Hidróxido de _________________
Nome do Elemento
 Se o METAL possuir NOx variável:
Hidróxido de ____________ + NOx em romano
Nome do Elemento
BASES-exemplos

 NaOH – hidróxido de sódio

 Fe(OH)2 – hidróxido ferroso ou hidróxido


de ferro II
BASES IMPORTANTES:
1) NaOH – Hidróxido de sódio (Soda caústica)
 É um sólido branco floculado muito solúvel em
água além de extremamente caústico.

 É usado na desidratação de gorduras, no


branqueamento de fibras (celulose) e na
fabricação de sabões e detergentes e como
desentupidor de ralos e esgotos.
BASES IMPORTANTES:
2) Ca(OH)2 – Hidróxido de cálcio (cal apagada,
hidratada ou extinta)
 É uma suspensão aquosa de aparência leitosa,

obtida a partir do CaO (cal virgem).

 É usada em construções, na neutralização de


solos ácidos e na fabricação de doces.

CaO + H2O → Ca(OH)2


BASES IMPORTANTES:
3) Mg(OH)2 – Hidróxido de magnésio (Leite de
magnésia)
 É uma suspensão leitosa, obtida a partir do MgO.

 É usada como antiácido estomacal e também como


laxante.

Mg(OH)2 + 2HCl → MgCl2 + 2H2O


BASES IMPORTANTES:
4) Al(OH)3 – Hidróxido de alumínio
 É uma suspensão gelatinosa que pode adsorver

moléculas orgânicas que por ventura estejam em


solução aquosa (no tratamento da água).

 É usada como antiácido estomacal, para


tingimentos e na preparação de lacas (resina ou
verniz) para pintura artística.
ÁCIDOS – tipos

Os ácidos podem ser divididos em dois


grupos: os que não contêm oxigênio (não-
oxigenados – hidrácidos) e os que contêm
oxigênio (oxigenados – oxiácidos).
ÁCIDOS – tipos
 Hidrácidos – são gasosos nas condições
ambientes quando na forma de hidretos
e, são produzidos em presença de água.
Ex: HF, HCl, HI, H2S, etc.
Sua nomenclatura é simples, veja:
ácido +nome do elemento+ÍDRICO
 Exemplo:
HBr – ácido bromídrico
ÁCIDOS – tipos
 Oxiácidos – são obtidos através da reação de
um óxido ácido (anidrido) com água. Possuem
átomos de hidrogênio ligados aos átomos de
oxigênio; estes hidrogênios são os chamados
hidrogênios ionizáveis.
 Veja:
SO3 + H2O  H2SO4
H2SO4(aq)  2H+ + SO42-
ÁCIDOS – classificação
 Os ácidos recebem uma classificação de acordo com o nº de
hidrogênios ionizáveis.
ionizáveis Veja:
 Monoácido ou monoprótico: 1 hidrogênio ionizável – HCl; HNO3
 Diácido ou diprótico: 2 hidrogênios ionizáveis – H2S; H2SO4
 Triácido ou triprótico: 3 hidrogênios ionizáveis – H3PO4
 Tetrácido ou tetraprótico: 4 hidrogênios ionizáveis – H4P2O7
ÁCIDOS – classificação
 A molécula de um ácido pode apresentar
dois ou mais elementos.
elementos Assim, temos:
 Ácido Binário:
Binário contém somente dois
elementos químicos; HF
 Ácido Ternário:
Ternário contém três elementos
químicos; HCN
ÁCIDOS - classificação
 Força - Capacidade de um ácido em se ionizar.
∝ = nº de moléculas ionizadas
nº de moléculas dissolvidas
 Ácidos Fracos: grau de ionização inferior

a 5%
 Ácidos Moderados: 5%≤ ∝ ≤ 50%


Ácidos Fortes: grau de ionização >50%
ÁCIDOS - classificação
 A força dos hidrácidos pode ser determinada
pela diferença entre o número de
eletronegatividade entre o hidrogênio e o
ânion do ácido; quanto maior o raio do ânion,
menor a sua eletronegatividade, portanto, mais
fácil será a ionização do ácido.
Exemplo: HI é mais forte que HCl.
HCl
ÁCIDOS - classificação
 A força dos oxiácidos pode ser
determinada pela diferença entre o número
de átomos de oxigênio e o número de
átomos de hidrogênio ionizáveis.
x = n° O - n° H+
 Se x = 3 ou 2 – forte
 Se x = 1 – moderado ou semiforte
 Se x = 0 - fraco
ÁCIDOS - classificação
 Volatilidade - Capacidade de um ácido passar
do estado líquido para o estado de vapor.
 Analisando as temperaturas de ebulição,
podemos classificá-los em:
 Ácidos Fixos:
Fixos apresentam elevada TE (H2SO4;
H3PO4 ...)

 Ácidos Voláteis:
Voláteis apresentam baixa TE
(demais)
Exemplo:
 HBrO4 – x = 4 – 1 = 3 (forte)
Exceções:
H2CO3 – ácido instável, portanto, fraco.
H3CCOOH – ácido fraco, pois possui apenas 1H+.
H3PO3 – ácido moderado, pois possui apenas
2H+.
H3PO2 – ácido moderado, pois possui apenas 1H+.
Ácidos - nomenclatura
 Existem três maneiras de dar nome aos
ácidos:
1) Através do nome do anidrido que o
formou;
2) Através do NOx do elemento central;
3) Através do ácido-padrão de cada
elemento.
Ácidos - nomenclatura
 Através do nome do anidrido que o
formou:
Cl2O3 + H2O  H2Cl2O4  2 HClO2
Anidrido Ácido Cloroso
Cloroso

SO3 + H2O  H2SO4


Anidrido Ácido Sulfúrico
Sulfúrico
Ácidos - nomenclatura
Através do NOx do elemento central:
HClO2  1.(+1) + 1.x + 2.(-2) = 0
+1 + x – 4 = 0
x = +3
(de acordo com a regra de nomenclatura dos anidridos,
temos: família 7A – Nox +3 – terminação OSO)
Logo: Ácido Cloroso
Ácidos - nomenclatura
 Através do ácido-padrão de cada elemento:
+7
Ácido Per.....ico
-H2SO4 +6,+5 Menos
Ácido .....ico
-HNO3 Ácido +4,+3,+2
.....oso
Oxigênios

-H3PO4 Ácido Hipo.....oso


+1
Ex: HClO4 – ác. Perclórico
-H2CO3
HClO3 – ác. Clórico
-H3BO3
HClO2 – ác. Cloroso
-HClO3 HClO - ác. Hipocloroso

Centres d'intérêt liés