Vous êtes sur la page 1sur 9

Racismo, Discriminação,

Preconceito e Bullying

{
ONDE VOCÊ GUARDA O SEU

RACISMO ?
 O termo “racismo”, geralmente, expressa o
conjunto de teorias e crenças que pregam uma
hierarquia entre as raças, entre as etnias, ou
ainda uma atitude de hostilidade em relação a
determinadas categorias de pessoas. Pode ser
classificado como um fenômeno cultural,
praticamente inseparável da história humana.
Lei Caó 7.716 de 1989.

Racismo
 Pela lei, está sujeito a pena de 2 a 5 anos de prisão quem,
por discriminação de raça, cor ou religião, impedir
pessoas habilitadas de assumir cargos no serviço público
(Racismo Estrutural), ou se recusar a contratar
trabalhadores em empresas privadas. Além do crime de
racismo, também há a conduta chamada injúria racial
(artigo 140 código penal), que configura o ato de ofender a
honra de alguém valendo-se de elementos referentes à
raça, cor, etnia, religião ou origem. A injúria racial se
dirige contra uma pessoa especifica, enquanto o crime de
racismo é dirigido a uma coletividade.

Racismo
 A “discriminação”, por sua vez mais amplo,
expressa a quebra do princípio da igualdade,
como distinção, exclusão, restrição ou
preferência, motivado por raça, cor, sexo,
idade, trabalho, credo religioso ou convicções
políticas.

Discriminação
 Já o “preconceito” indica opinião ou
sentimento, favorável ou desfavorável,
concebido sem exame crítico, ou ainda atitude,
sentimento ou parecer insensato, assumido em
consequência da generalização apressada de
uma experiência pessoal ou imposta pelo meio,
conduzindo geralmente à intolerância.

Preconceito
 Bullying é utilizado para descrever atos
de violência física ou psicológica intencionais e
repetidos, praticados por um indivíduo ou
grupo de indivíduos, causando dor e angústia e
sendo executadas dentro de uma relação
desigual de poder.

Bullying
 Segundo a Lei nº 12.711/2012, alunos que
estudaram todo o ensino médio em escolas
públicas terão direito a ¼, ou seja 25% das
vagas em todas as universidades e institutos
federais. Metade delas será reservada para
estudantes com renda mensal familiar de até
um salário mínimo e meio. Critérios raciais
(índios, negros) também serão levados em
consideração.

Lei de Cotas
 Muitos dizem que as cotas sociais seriam
suficiente, no sentido em que o problema no
Brasil seja social e não racial. Negando assim
todo o processo de escravidão que os negros e
indígenas viveram em quase quatro séculos, e a
política de universalização do ensino público
só se deu a partir da década de 1960.

Desigualdade