Vous êtes sur la page 1sur 15

REALISMO/

N AT U R A L I S M O
1881/1893
REALISMO

• Descrição da Realidade Externa;


. A Realidade tal como é;
. Não a Injustiça e a Opressão;
. Revolução Industrial e Proletariado;
. Nascimento de Grandes Movimentos
Sociais e Políticos;
. Socialismo, Comunismo, Anarquismo e
Sindicalismo;
. Novos Campos do Conhecimento:
Sociologia e Psicologia;
. Positivismo e Exageros Cientificistas;
REALISMO EM
PORTUGAL
Foi um movimento artístico e
literário surgido nas últimas
décadas do século XIX na Europa,
mais especificamente na França,
em reação ao Romantismo.
REALISMO NO
BRASIL
• Publicação da obra Memórias
póstumas de Brás Cubas, de
Machado de Assis, é encarada
como referência inicial do
Realismo no Brasil.
Profa.Karla Faria

ROMANTISMO X REALISMO

ROMANTISMO REALISMO
Subjetivismo Objetivismo
Idealização Captação do real
Linguagem poético em estilo Linguagem direta
metafórico
Amor sublime e puro, anjo e Amor subjugado aos interesses
perfeição sociais
Casamento como felicidade Casamento como instituição falida
Herói íntegro, de caráter Herói problemático, cheio de
irrepreensível fraquezas
Personagens planas Personagens trabalhadas
psicologicamente
Culto do eu Universalismo
Passado Presente
AUTORES REALISTAS E
NATURALISTAS PORTUGUESES

Antero de Quental
Cesário Verde
1842-1891
1855-1886
EÇA DE QUEIRÓS
Três fases:

O Crime do
Padre Amaro
Ironia, critica da 2ª- Realista-Naturalista O Primo Basílio
sociedade;
Os Maias
Tom caricatural;
Ilustre casa de
Linguagem elegante.
Ramires

A cidade e as
Serras
AUTORES REALISTAS
BRASILEIROS
Machado de Assis (1839-1908)

Contos, crônicas e romances;


Temas universais;
Capítulos curtos;
Metalinguagem e interlocução;
Digressão;
Correção gramatical;
Humor sutil e ironia.

“...Marcela me amou durante quinze


meses e onze contos de réis; nada
menos.”
ROMANCE REALISTA

• Narrativa voltada para a análise psicológica


e crítica da sociedade a partir do
comportamento dos personagens.

• O romance realista é o retrato de uma


época.
ORIGENS DO
NATURALISMO

Características
Adoção de tese científica
(Determinismo e Evolucionismo);
Zoomorfismo;
Detalhismo;
Temas relacionados à sexualidade e à degradação
humana;
Camadas sociais menos favorecidas;
Exploração brutal do homem.
Autores naturalistas brasileiros

Aluísio de Azevedo Adolfo Caminha Inglês de Souza


(1857-1913) (1867-1897) (1853-1918)
• Aluísio Azevedo (1857-1913)

Introdutor do Naturalismo e do
romance de tese no Brasil

• Crua linguagem naturalista;

• Personagens movidas pelo instinto;

• Descrições detalhadas;

• Foco na coletividade marginalizada.


• Adolfo Caminha (1867-1897)

• A literatura com arma de denúncia social;


• Crítica feroz à sociedade de Fortaleza;
• Forte carga erótica;
• Homossexualismo;
• Incesto;
• Obsessões sexuais.

Obras
A normalista / Bom-Crioulo
• Inglês de Sousa (1853-1918)

A linguagem de Eça e a tese naturalista de Zola;

O poder de persuasão.

• Advogado;

• Jornalista;

• Político;

• Sócio fundador da ABL.

O missionário - o tema do celibato social


RESUMINDO
• Realismo: os escritores voltavam-se para a
observação do mundo objetivo. Procuravam fazer
arte com os problemas concretos de seu tempo, sem
preconceitos ou convenções. Focalizavam o
cotidiano.

• O adultério, o clero e a sociedade burguesa em crise


tornaram-se temas para as obras desse período.

• Naturalismo: radicalizou o Determinismo (o homem


como produto de leis físicas e sociais) do movimento
realista.