Vous êtes sur la page 1sur 23

Evolução Biológica

FUNDAMENTOS DE CITOLOGIA E GENÉTICA


2º SEMESTRE 2017
Recapitulando

A ideia central da evolução biológica é que toda a vida


na Terra compartilha um mesmo ancestral, assim
como você e seus primos compartilham a mesma avó.
Através do processo de descendência com modificação,
o ancestral comum da vida na Terra deu origem a
fantástica diversidade que vemos documentadas nos
registros fósseis e a nossa volta hoje. Evolução significa
que somos todos primos distantes: humanos e
carvalhos, beija-flores e baleias.
Recapitulando
Relações evolutivas
Mecanismos de evolução

 Descendência com
modificação;
 Mutação;
 Variação genética;
 Deriva genética;
 Variação, reprodução
diferencial e
hereditariedade
 Co-evolução.
Descendência com modificação

 Geração 1: 90% genes


para coloração verde;
10% genes para
coloração marrom;
 Algumas gerações
depois: 70% da
população é marrom
Mecanismos de mudança

Deriva Genética
Mutação

Migração Seleção Natural


Variação genética

 Mutações: são aleatórias, mas nem todas importam


para a evolução
 Fluxo gênico: é qualquer movimento de genes de
uma população para a outra.
 Sexo
Seleção Natural

• Variação nos
traços;
• Reprodução
diferenciada;
• Hereditariedade;
• Predomínio do
traço mais
vantajoso em
uma situação
específica.
Seleção Natural em ação

 Variação no bico de tentilhão após um período de seca


Seleção sexual

Seleção sexual age na


habilidade de um
organismo de obter ou
copular com um
parceiro.
Seleção sexual
Seleção Artificial

Fazendeiros e
agricultores
permitiram a
reprodução apenas
de plantas e animais
com características
desejáveis, causando
a evolução do estoque
da fazenda. Esse
processo é chamado
de seleção artificial
porque são as
pessoas (ao invés da
natureza) que
selecionam quais
organismos vão se
reproduzir.
Equívocos sobre a Evolução Natural

 A Evolução Natural não produz a perfeição;


 Seleção natural é o resultado simples da variação,
reprodução diferencial e hereditariedade – é
desatenta e mecânica. Não tem objetivos;
 Seleção natural não é progresso;
Co-Evolução

Quando duas espécies afetam a evolução umas das


outras reciprocamente:
 Predador/presa
 Parasita/hospedeiro
 Espécies mutualísticas
Microevolução

 Alterações na frequência gênica da população


Microevolução

Mecanismos:

Mutação
Deriva genética

Migração
Seleção Natural
Especiação

 A especiação é um evento de separação da linhagem


que produz duas ou mais espécies distintas.
Causas da Especiação

 Isolamento geográfico:
Causas da especiação

 Redução de fluxo gênico


Macroevolução

 a evolução acima do nível espécie


 Mecanismos:
Mudança de
Estase características
Macroevolução - Mecanismos

Especiação
Extinção