Vous êtes sur la page 1sur 45

1

OBJETIVOS

1. Relembrar aspectos conceituais sobre liderança


2. Provocar o crescimento e o aperfeiçoamento do
obreiro como líder
3. Trazer a motivação a liderança de célula
4. Fortalecer e oxigenar as células com novas
perspectivas de crescimento e multiplicação

2
REGRAS

1. Respeite os horários do break


2. Evite conversações
3. Mantenha-se concentrado
4. Evite interrupções ao treinadores
5. Deixe suas dúvidas para o final
6. Somente vá ao banheiro ou
beber água numa necessidade.
3
MOMENTO PARA
APRESENTAÇÕES

4
O que estas imagens
representam pra você?

5
Liderança é...

... ser diferente?


6
Liderança é...

... aparecer mais do


que os outros?
7
Liderança é...

... estar na frente dos outros?


8
Liderança é...

... fazer algo extraordinário?


9
Liderança é...

... mostrar ousadia?


10
Liderança é...

... estar na frente?


11
Liderança é...

... se arriscar?
12
Liderança é...

... enfrentar os grandes?


13
habilidade de
“Liderança é a
influenciar pessoas para
trabalharem entusiasticamente
visando atingir aos objetivos
identificados como sendo
para o bem comum.”
(James Hunter)

14
Liderança é...

Aquele que acha que está liderando e não tem


ninguém o seguindo, está apenas fazendo uma
caminhada. 15
Liderança é...

“Estar no poder é como


ser uma dama. Se você
tiver que lembrar as
pessoas que você é,
você não é”
(Margareth Tacher)

16
DINÂMICA

17
Liderança é...

“O líder cristão
define sua
liderança pelo
exemplo de
Cristo.”

18
Liderança Relacional
1. É permanecer em sintonia com Jesus

EU

Devemos desenvolver um relacionamento de permanecer


em Jesus (João 15) e ver nossa vida se misturar com a
19
vida de Jesus.
Liderança Relacional
2. É exercer autoridade e não poder

Poder – é a faculdade de forçar ou


coagir alguém a fazer sua vontade,
por causa de sua posição ou força,
mesmo que a pessoa preferisse não
o fazer. (James Hunter)
Autoridade – é a habilidade de levar
as pessoas a fazerem de boa
vontade o que você quer por causa
da sua influência pessoal.
(James Hunter)
20
Liderança Relacional
3. É mostrar um modelo a ser seguido
•A essência da liderança é caráter.
•A Regra de Ouro diz que devo me
comportar em relação aos meus
liderados exatamente como gostaria
de ser tratado.
•As pessoas aderem ao líder antes
de aderirem a uma declaração de
missão. Se elas aderirem ao líder,
elas irão aderir a qualquer
declaração de missão que o líder
tiver. 21
Liderança Relacional
4. É edificar pessoas e não usá-las

•É olhar para as pessoas como Deus


as vê, e não para suprir as
necessidades do líder.

•Estar perto de pessoas que pensam


diferente. “Se em uma reunião com
dez pessoas, os dez concordarem
com tudo, provavelmente nove são
desnecessários.”
22
Liderança Relacional
5. É serviço, sacrifício e amor
• O papel do líder é SERVIR.
•O líder identifica e satisfaz as
necessidades legítimas de seus
liderados e remove as barreiras
para que possam servir outros.
•O que é amor? Amor é o que se
faz. Nem sempre é possível
controlar o que se sente a respeito
de uma outra pessoa, mas pode-se
controlar como se comportar em
relação a ela. 23
Tipos de Liderança

24
25
Perigos Peculiares a Liderança Cristã
RIQUEZA PROCASTINAÇÃO

INDOLÊNCIA DESÂNIMO

PERIGOS
CIÚME ORGULHO

26
REBELIÃO SEXO OPOSTO
Compromissos do
Líder Cristão

27
28
Liderança na
visão de
Charles
Spurgeon
... 29
30
ATIVIDADE EM GRUPO
COMPARTILHANDO CONHECIMENTO

Em grupo, um representante irá explanar sobre


um dos conceitos de Charles Spurgeon sobre
liderança. O treinador irá sortear os conceitos e
repassar as equipes.

31
Desafios da Liderança
• A verdadeira liderança sempre exige um alto
preço do líder, e quanto mais eficaz a
liderança, maior será o preço a ser pago.
• Se você aceitou o desafio de ser um líder para
impactar a sua geração, deve se preparar para
aceitar e enfrentar o custo, que vem com a
responsabilidade da liderança

32
Desafios da Liderança
Os desafios que os verdadeiros líderes devem suportar
1. SACRIFÍCIO PESSOAL
Os verdadeiros líderes estão sempre dispostos a
dar a sua vida por objetivos que são maiores do
que seu próprio bem-estar.
Você jamais terá um grande trabalho na igreja, se
não estiver disposto a pagar o preço pela
conquista. “Quem acha a sua vida perdê-la-á:
quem, todavia, perde a vida por minha causa
achá-la-á” (Mt 10:39).
33
Desafios da Liderança
2. REJEIÇÃO
• Se você quiser aceitar o chamado para ser
líder, deve estar preparado para ser rejeitado e
incompreendido por alguns.
Ex: Jesus Cristo e o apóstolo Paulo.
• Rejeição nem sempre significa que você está
errado, mas indica sim, que você está
desafiando outros a mudar.
34
Desafios da Liderança
3. CRÍTICA
A crítica é o maior teste de maturidade de um
líder. Se você não estiver pronto e aberto para
receber a crítica, não estará pronto para ser
um líder.
Se você não quer ser criticado, então é melhor
não fazer nada.

35
Desafios da Liderança
4. SOLIDÃO
Os grandes líderes que têm mudado o mundo e
impactado sua geração, eram almas solitárias e
visionários.
Se você não está disposto a permanecer convicto
e solitário na sua visão, poucos estarão
inclinados a ficar com você.

36
Desafios da Liderança
5. PRESSÃO
O Senhor Jesus Cristo experimentou este preço no
jardim do Getsêmani, quando lutou com a
decisão que afetaria o futuro do mundo inteiro.
Qualquer líder deve estar preparado para
enfrentar as pressões da vida. E elas vêem de
todos os lados.

37
Desafios da Liderança
6. FADIGA
A liderança faz pesadas exigências ao líder. Não
há meio de se tornar um líder eficaz sem ser às
vezes afetado pelo estresse, e o cansaço físico
e mental.
Todo líder deve cuidar bem da saúde para
suportar as caras que exige uma liderança
eficaz.
38
A Ética na Liderança

39
Princípios da Ética na Liderança

1. Guardar confidências
2. Não usar o liderado para satisfazer os desejos
pessoais
3. Não esconder suas convicções cristãs
4. Cumprir com os compromissos e responsabilidades
5. Cuidar do “Marketing Pessoal”
6. Tornar-se um formador de comportamento coerente
com a prática e a Palavra de Deus
40
Atitudes antiéticas comuns que os
liderados criticam em seus líderes
o Ninguém gosta de ser repreendido na frente dos outros;
o Ninguém gosta de parcialidade;
o Ninguém gosta de levar a culpa pelos outros;
o Ninguém gosta de ser considerado descartável;
o Ninguém gosta de líder mal humorado e arrogante;
o Ninguém gosta de líder indeciso;
o Ninguém gosta que falem de si “pelas costas”;
o Ninguém gosta de receber ordens através dos outros;
o Ninguém gosta que duvidem a sua capacidade;
o Ninguém gosta de líder centralizador que não dá
oportunidades;
41
DRAMATIZAÇÕES

Ética na Tipos de
Liderança Liderança

Liderança Perigos da
Relacional Liderança
42
43
44
45